Educação de Verdade | Daniel Bushatsky | Digestivo Cultural

busca | avançada
74137 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Segunda-feira, 13/12/2010
Educação de Verdade
Daniel Bushatsky

+ de 2900 Acessos

A revista Veja publicou, na edição do último 10 de novembro, reportagem com o sugestivo título "Só falta pensar no ensino", na qual notícia que existem no Congresso Nacional 76 projetos de lei para incluir novas matérias no já inflado currículo escolar.

Dentre as brilhantes ideias estão ensinar Esperanto, língua criada no século XIX com a pretensão de ser universal, e aulas sobre o Código Nacional de Trânsito desde o maternal. Fantástico, não?

Porém, as matérias que mais chamam a atenção são "Cooperativismo" (preparar o aluno para constituir novas cooperativas em sua região), "Cultura de Paz" (construir uma genuína cultura de aceitação da diversidade) e "Leitura e Educação para a Mídia" (desenvolver o senso crítico dos alunos em relação à mídia). Isto porque são matérias que deveriam ser ensinadas através de um projeto pedagógico sério e eficiente, a qualquer tempo, não necessitando de projeto legislativo específico para isto, muito menos que ocupassem o valioso espaço na grade curricular.

Ou seja, não é necessário "perder" tempo criando matérias que são inerentes ao processo de ensino e de desenvolvimento do conhecimento.

O professor Gabriel Chalita ensina que o aluno deve desenvolver três habilidades na escola: cognitiva, social e emocional (ver, ao fim da coluna, nota 1).

Assim, óbvio que não é necessário que o aluno frequente aulas sobre cooperativismo, e sim que aprenda a comunicar-se bem (habilidade social) e entenda as vantagens e desvantagens do cooperativismo (habilidade cognitiva), se quiser e sentir necessidade em eventual aula optativa.

Aliás, órgãos ligados ao governo ensinam sobre cooperativismo e outras formas de associação de forma mais eficiente e barata, visando o real interesse do aluno-empreendedor.

Mas não é só. Os projetos (e a matéria da revista) demonstram que nossos representantes não estão pensando realmente no ensino, mas sim em interesses pessoais, sem levarem em conta a real necessidade ou profundidade do programa. O aluno precisa aprender a realizar uma leitura crítica da realidade. Isto é o essencial e não se ensina em um semestre. Ensina-se durante toda a vida, mas deve-se começar na escola e, quiçá, em casa.

A filósofa Hannah Arendt, em seu livro A condição humana, prega a reflexão sobre "o que estamos fazendo?". É isto que o aluno deve tentar compreender e ser ensinado. Como? Por exemplo, tentando compreender seus sentimentos com uma análise crítica, que passaria por reconhecer sua vontade, entender seu pensamento e julgá-lo. Os três estágios acima são retirados de outro livro da filósofa: The life of the mind.

Passando por esses três estágios, aí, sim, deve-se tomar uma ação.

Infelizmente, ensinar a chegar a um julgamento e tomar uma ação não é garantia de se criar um cidadão ideal ― se é que isto existe ―, mas é um caminho.

Aristóteles dizia que havia três tipos de vida: (i) carnal (pior tipo), onde o sujeito só pensava em futilidades; (ii) política, onde o sujeito pensava em todos; e (iii) contemplativa (melhor tipo), onde o sujeito era desapegado às coisas e pessoas (ver nota 2) . Para criar pessoas que se encaixem nos modelos (ii) e (iii) seria necessário moldar seu estado moral.

Novamente para Aristóteles, em seu livro Ética à Nicômaco, os estados morais que devem ser evitados são: "o vício, o desregramento (intemperança) e a bestialidade. As disposições opostas no que tange a dois desses três estados são evidentes: a uma delas chamamos de virtude, à outra de autocontrole (temperança). Como oposto da bestialidade será mais adequado empregar a expressão virtude sobre-humana, ou virtude numa escala heróica ou divina".

Não querendo criar deuses, é de bom tom focar na virtude e no autocontrole. Acredito que ensinando os estágios de Hannah Arendt não seria impossível termos cidadãos melhores, que consigam lutar pela "Cultura de Paz", tenham uma visão crítica da mídia e, por que não, não saiam espancando homossexuais em plena Avenida Paulista.

Certamente, para os atuais mestres desenvolverem as três fases acima, exigir-se-ia um currículo menos extenso em matérias, no mínimo inúteis, e maior reciprocidade e comprometimento entre mestres e alunos.

Neste último ponto, concordo com o professor Gabriel Chalita quando ele diz que sem habilidade emocional não só não será possível alcançar habilidade cognitiva e social, como também que é com ela que se conquista a autonomia e a felicidade (ver nota 3).

Ora, é por meio de equilíbrio emocional, conquistado através da atenção e do crescimento conjunto de aluno e mestre ou mestre e aluno, que se alcança um aluno consciente e questionador e, portanto, pronto para enfrentar o mundo como ele é: desafiador!

Está na hora da ação: vamos lutar por uma educação de verdade!

Notas do Autor

(1) Para Gabriel Chalita: a) habilidade cognitiva: "é a habilidade de absorver o conhecimento e de trabalhá-lo de forma eficiente e significativa"; b) habilidade social: "é a preparação para a convivência em uma sociedade plural. A preparação para o trabalho em grupo, em equipe, cuja aprendizagem dever ser significativa"; e c) habilidade emocional é: "o grande pilar da educação é a habilidade emocional. Não é possível desenvolver a habilidade cognitiva e a social sem que a emoção seja trabalhada. Trabalhar emoção requer paciência (...) A emoção trabalha com a libertação da pessoa humana. A emoção é a busca do foco interior e exterior, de uma relação do ser humano com ele mesmo e com o outro, o que dá trabalho, demanda tempo e esforço, mas que significa o passaporte para a conquista da autonomia e da felicidade". (fonte: Educação: a solução está no afeto, Editora Gente, 2001).

(2) Para Tomás de Aquino o sujeito desapegado de coisas materiais iria para o céu; já o apegado, para o inferno.

(3) Jean-Claude Rousseau, filósofo do período Romântico, acreditava que a felicidade era por comparação. Aqui estamos defendendo a ideia de felicidade emocional, conquistado sem comparações, mas sim por entendimento das questões internas e saboreando os prazeres da vida, sem comparações.


Daniel Bushatsky
São Paulo, 13/12/2010


Quem leu este, também leu esse(s):
01. De como tipificar os sonhos de Ana Elisa Ribeiro


Mais Daniel Bushatsky
Mais Acessadas de Daniel Bushatsky em 2010
01. Big Brother da Palmada - 9/8/2010
02. Simplicidade ou você quer dormir brigado? - 31/5/2010
03. A interpretação dos chatos - 1/3/2010
04. Simplesmente tive sorte - 8/2/2010
05. Agonia - 18/10/2010


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




MANUAL DE LA INMUNIZACIÓN HUMANA
HELI SALGADO VÉLEZ (CAPA DURA)
MÉDICA COLOMBIANA; BIOTOSCANA
(2001)
R$ 58,82



VIVENDO MELHOR ATRAVES DA NUMEROLOGIA GUIA PRATICO
APARECIDA LIBERATO
NOVA CULTURAL
R$ 10,00



AS PUPILAS DO SENHOR REITOR
JÚLIO DINIZ
EDIOURO
(1997)
R$ 5,00



TIRA MANCHAS
NENZINHA MACHADO SALLES
BEST BOLSO
R$ 13,10



STYLE ON A BUDGET
VARIOS AUTORES
BETTER HOMES AND GARDENS
(2002)
R$ 28,00



THEATER IN A CROWDED FIRE – RITUAL AND SPIRITUALITY AT BURNING MAN (INCLUINDO DVD)
LEE GILMORE
UNIVERSITY OF CALIFORNIA PRESS
(2010)
R$ 230,00
+ frete grátis



COMO NOSSA IGREJA LÊ A BIBLIA
VÁRIOS AUTORES
ED. PAULINAS
(1995)
R$ 5,00



BRASIL TERRA VERDEAL!
MARTINS FONTES
N/D
R$ 30,00



O GRANDE MENTECAPTO
FERNANDO SABINO
RECORD
(1979)
R$ 25,00



A ESSENCIA DA INTUIÇÃO
NAO TEM
MARTIN CLARET
(2005)
R$ 6,90





busca | avançada
74137 visitas/dia
1,8 milhão/mês