O armário que me pariu | Lisandro Gaertner | Digestivo Cultural

busca | avançada
31129 visitas/dia
955 mil/mês
Mais Recentes
>>> Ovos e Coelhos de Chocolate de Todos os Tipos e Origens: Dicas do Pátio Higienópolis para a Páscoa
>>> João Dória doa Salário Para A Casa Hope, amanhã, terça-feira.
>>> Programa esportivo No Mundo da Bola estreia nova edição às segundas na TV Brasil
>>> Stacey Marie Brow é a nova aposta da The Gift Box Editora
>>> Coletivo Desvelo apresenta "Bando!" no Centro Cultural Casarão da Vila Guilherme
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Era uma casa nada engraçada
>>> K 466
>>> 2 leituras despretensiosas de 2 livros possíveis
>>> Minimundos, exposição de Ronald Polito
>>> Famílias terríveis - um texto talvez indigesto
>>> O Carnaval que passava embaixo da minha janela
>>> A menos-valia na poesia de André Luiz Pinto
>>> Lançamentos de literatura fantástica (1)
>>> Cidadão Samba: Sílvio Pereira da Silva
>>> No palco da vida, o feitiço do escritor
Colunistas
Últimos Posts
>>> Weezer & Tears for Fears
>>> Gryphus Editora
>>> Por que ler poesia?
>>> O Livro e o Mercado Editorial
>>> Mon coeur s'ouvre à ta voix
>>> Palestra e lançamento em BH
>>> Eleições 2018 - Afif na JP
>>> Lançamentos em BH
>>> Lançamento paulistano do Álbum
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 2
Últimos Posts
>>> Nem só de ilusão vive o Cinema
>>> As Expectativas de um Recrutador e um Desempregado
>>> A Independência Angolana além de Pepetela
>>> Porque dizer adeus?
>>> Direções da véspera IV
>>> Direções da véspera IV
>>> A pílula da felicidade
>>> Dispendioso
>>> O mês do Cinemão
>>> O NAVEGANTE DO TEMPO
Blogueiros
Mais Recentes
>>> estar onde eu não estou
>>> Churrascaria Ponteio Grill, 30 anos
>>> Metade da laranja ou tampa da panela?
>>> Encontro com Kurt Cobain
>>> Lula Já É Um Coitado
>>> Literatura pop: um gênero que não existe
>>> A primeira hq de aventura
>>> Professoras, maçãs e outras tentações
>>> Sionismo e resistência palestina
>>> Recordações da casa dos mortos
Mais Recentes
>>> Livro didático teoria e questões do ENEM de Varios autores pela Pearson (2017)
>>> Complicações da Pancreatite Aguda de Cunha, José Eduardo Monteiro da ; Machado, Marcel Cerqueira Cesar pela Federação Brasileira de Gastroenterologia (2011)
>>> Harrison Manual de Medicina de Fauci, Anthony S./ Braunwald, Eugene/ Kasper, Dennis L./ Hauser, Stephen L./ Longo, Dan L./ Jameson pela Artmed (2011)
>>> Medicamentos Biológicos na Prática Médica de Organização: AMB / Interfarma pela Interfarma (2013)
>>> Manual de Gastroenterologia: para Clínicos e Residentes de Docentes e Residentes da Disciplina de Gastroenterologia da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo - EPM/Unifesp. pela Atheneu (2018)
>>> O Físico de Noah Gordon pela Rocco (1998)
>>> Anjos Rebeldes de Libba Bray pela Rocco (2010)
>>> A Mulher do Apocalipse de Felipe Rinaldo Queiroz de Aquino pela Loyola (1995)
>>> A cura interior de Pe. Haroldo J. Rahm pela Paulinas (1987)
>>> Nós pregamos Cristo crucificado de Raniero Cantalamessa pela Loyola (1996)
>>> Português 9 - Araribá Plus de Vários autores pela Moderna (2014)
>>> Ciências 9 - Araribá Plus de Maíra Rosa Carnevalle pela Moderna (2014)
>>> Geografia 9 - Araribá Plus de Cesar Brumini Dellore pela Moderna (2014)
>>> História 9 de Maria Raquel Apolinário pela Moderna (2014)
>>> Maçonaria e Espiritismo - Encontro e Desencontros - as Relações de Allan Kardec e Léon Denis com a Maçonaria de Armand Lefraise, Eduardo Monteiro Carvalho pela Madras (2007)
>>> Léon Denis e a Maçonaria de Eduardo Carvalho Monteiro pela Madras (2003)
>>> Aspectos jurídicos da internet de Gustavo Testa Corrêa pela Saraiva (2007)
>>> Direito Registral Imobiliário de Venício Salles pela Saraiva (2007)
>>> Direito Processual Civil 1. Teoria geral do processo e processo de conhecimento de Erich Bernat Castilhos pela Saraiva (2007)
>>> Direito Civil. Parte geral, obrigações e contratos de Mário Alberto Konrad & Sandra Ligian Nerling Konrad pela Saraiva (2007)
>>> Direito Administrativo de Miguel Horvath Júnior & Miriam Vasconcelos Fiaux Horvath pela Saraiva (2007)
>>> Direito Constitucional de Christiane Vieira Nogueira pela Saraiva (2007)
>>> Espanhol Essencial 4 de Daiene P. S. de Melo pela Santillana (2013)
>>> Direito do Consumidor de Belinda Pereira da Cunha pela Saraiva (2007)
>>> História do Direito de José Fábio Rodrigues Maciel & Renan Aguiar pela Saraiva (2007)
>>> Students for Peace - 4 de Eduardo Amos pela Moderna (2015)
>>> A nova etapa da reforma do Código de Processo Civil volume 3 de Cássio Scarpinella Bueno pela Saraiva (2007)
>>> Inglês - Projeto Radix - 7 de Elizabeth e Maria Lúcia pela Scipione (2013)
>>> Inglês - Projeto Radix - 6 de Elizabeth e Maria Lúcia pela Scipione (2013)
>>> Revista Samuel - Dossiê Pornô sem Tabu - Nº 6 de Vários Autores pela Alameda Casa (2012)
>>> Revista Roadie Crew Nº 146 - Motörhead - Lemmymania de Rodie Crew Editora pela Roadie Crew (2011)
>>> Brasil: Anos 60 - o Cotidiano da História - 8ª Ed. de José Geraldo Couto pela Ática (1995)
>>> Sexo e Reprodução - de Olho na Ciência de Fernando Gewandsznajder pela Ática (1996)
>>> Bíblia Sagrada - Nova Tradução na Linguagem de Hoje de Vários Autores pela Sociedade Bíblica do Brasil (2002)
>>> Horizonte Perdido - 4ª Ed. de James Hilton pela Círculo do Livro (1975)
>>> Meditação Shinsokan é Maravilhosa - 1ª Ed. de Seicho Taniguchi pela Seicho-no-ie (1992)
>>> Case Comigo de John Updike pela Record
>>> Caminho da Paz pela Fé - a Fé na Atualidade - 1ª Ed. de Masanobu Taniguchi pela Seicho-no-ie (2004)
>>> Antologia Novos Poetas - Prêmio Wellington Brandão de Poesia - 1996 de Vários Autores pela Offset São Paulo (1996)
>>> Dicionario Pratico de Biografias - 3 Volumes de Fernando Pires pela Amazonas (1978)
>>> Pelas Portas do Coração - 8ª Ed. de Zíbia Gasparetto / Lucius pela Vida e Consciência
>>> Gravando Vozes do Além - Com Cd - 1ª Ed. de Sonia Rinaldi pela Imag&ação Oficina de Ideias (2005)
>>> O Destino de Lorde Artur Savile - 2ª Ed. de Oscar Wilde / Wilson Garcia (trad e Interp.) pela Eme (1994)
>>> S. O. S. Família - 7ª Ed. de Divaldo P. Franco / Joanna de ângelis / Outros pela Alvorada (1997)
>>> Filho Adotivo - 10ª Edição de Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho / Antônio Carlos pela Petit (1996)
>>> Consciência - 2ª Ed. de Irene Pacheco Machado / Luiz Sérgio pela Da Autora (1989)
>>> Guia Orientativo ao Expositor Espírita - 1ª Ed. de Carlos Eduardo da Silva (área Federativa) pela Feesp (1997)
>>> Quando o Amor Fala Mais Alto de Amilcar del Chiaro Filho pela C. E. Bezerra de Menezes (1993)
>>> Momentos de Decisão - 1ª Ed. de Divaldo P. Franco / Espirito Marco Prisco pela Alvorada (1977)
>>> Assim Vencerás de Francisco Cândido Xavier / Emmanuel pela Ideal (1982)
COLUNAS >>> Especial Origens

Terça-feira, 28/1/2014
O armário que me pariu
Lisandro Gaertner

+ de 3000 Acessos

Natália e Alfredo caminhavam pelo pólo moveleiro da cidade, em busca de móveis para o quarto do bebê que chegaria em breve, quando, pela terceira ou quarta vez, Alfredo se tremeu todo. Natália parou, largou a mão do marido, apoiou as mãos nos quadris, empurrando a barriga da gravidez pra frente, e lhe mandou aquele olhar que ele já conhecia bem.

- O que foi Nat? - ele tentou disfarçar.

- O que foi pergunto eu, Alfredo. Que tremeliques são esses? Tá doente?

- Não, é que.

- É que. o quê?

- Pô, fico com a maior vergonha de falar disso, mas acho que ainda não me recuperei do trauma que tive com um armário de laca.

- Armário de laca?

- É. De laca. Toda vez que vejo um, especialmente um daqueles bem branquinhos, tipo aquele alí, ó, me dá um troço- completou se tremendo todo.

- Que negócio esquisito. Que trauma é esse?

- Se lembra que eu te contei que meus pais brigavam muito quando eu era pequeno. Antes da separação, quero dizer.

- Sei.

- Bom, tem um momento crítico dessa história que envolveu um armário de laca. Já te contei? Não? Foi brabo. E o pior é que depois nunca mais consegui olhar para um deles e ficar tranquilo.

- Como foi isso?

- Lá em casa tinha um desses armários- pausou e deu uma pequena tremida lembrando da situação.- Era um daqueles armários de botar pratos. Sabe? Daqueles que ficam na sala.

- Uma cristaleira.

- É, isso aí. Daí que o armário tava bem velho. As portas não fechavam direito, as placas brancas tavam caindo e até um dos pés tava quebrado. Meus pais naquela época já brigavam por qualquer motivo. O armário todo estropiado no meio da sala se tornou mais um pretexto. Lembro que eles passaram a noite toda, do jantar até irem dormir, discutindo sobre o tal armário.

- O que tinha pra discutir? O armário tava quebrado. Era só trocar.

- Pois, é. Mas um dizia que tinha que consertar. O outro dizia que tinha que jogar fora. Cada uma dessas opiniões estava cheia de segundos, terceiros, milésimos sentidos. "Ah, você quer jogar tudo fora. Pra você nada tem conserto". "E você que fica investindo no que não tem jeito. Tem que mudar mesmo. Jogar fora. Tá cega?". E assim por diante. A briga tava tão quente que eles nem lembraram que eu estava alí no meio e foram dormir me deixando sozinho na sala. Aí fiquei só eu e o tal armário. Não sei o que me deu na hora, mas eu não conseguia sair dalí.

- Como assim? Você ficou alí parado?

- É. Parecia que se eu salvasse aquele armário, eu salvaria o casamento dos meus pais. Fiquei parado, torcendo pra ele não quebrar, mas sem saber o que fazer. Tudo o que eu podia fazer era esperar que tudo voltasse ao normal. Que o armário se salvasse, que meus pais parassem de brigar.

- Ai, que barra!

- Pois, é. Aí eu fui lá, sentei na mesa de jantar e passei a noite toda acordado vigiando o armário.

- A noite toda?

- Quase, né? Eu era pequeno. Acabei dormindo.

- Ai, que triste.

- Calma que piora.

- Piora?

- Ô! Como eu disse, dormi com a cabeça apoiada na mesa de jantar. Acordei com o maior torcicolo e quando fui ver como estava o armário, ele tinha sumido.

- Sumido?

- Sumido.

- E o que seus pais disseram?

- Nada.

- Nada?

- Pois é. Tava aquele buraco no meio da sala. Aquela falta aparente e eles tomando café como se nada tivesse acontecido. Eles deram algum jeito no armário antes que eu acordasse e não falaram nada. Eu, traumatizado, nem me liguei de perguntar.

- Que chato.

- Pois, é.

- E aí, então, eles se separaram?

- Não. demorou mais uns anos.

-Ah, fala sério! Então esse lance do "trauma" é um tanto de frescura da sua parte, né?

- Pô, deixa de ser insensível, mulher. Aquele foi o último momento em que achei que podia salvar a minha família. Impedir que meus pais se separassem. E eu falhei. Até hoje isso me incomoda.

- E, por isso.

- E por isso eu não me dou bem com armários de laca.

Natália olhou para Alfredo com um meio sorriso.

- O que foi, Nat?

Natália o agarrou pela mão e começou a puxá-lo em direção a uma das lojas de móveis. Justamente aquela onde havia uma cristaleira de laca bem na frente.

- Pára, Nat- Alfredo tremia.- Respeita o meu trauma!

- Respeito nada. Trauma é pra gente confrontar.

- Acho que não vou conseguir- ele seguia tremendo sendo puxado pela mulher.- Pára, amor, pelo amor de Deus!

Natália não se abalou e continuou resoluta. Alfredo, agora, totalmente entregue, passava entre os outros pedestres de olhos fechados sendo puxado por Natália gravidíssima. Os tremores aumentaram e ele começou também a ficar enjoado. O mal estar crescia a cada passo até que ele se sentiu parar.

- Taí. Armário, esse é o Alfredo. Alfredo esse é o armário. - Natália os apresentou.

Alfredo abriu lentamente um olho, depois o outro e lá estava ele em todo seu esplendor: o armário de laca. Ele respirou fundo e não soube o que fazer. Não tremia mais. Não tinha vontade de sair correndo. Estava simplesmente calmo. O armário que tanto o atemorizava parecia, alí, parado na sua frente, apenas o que ele realmente era: um armário.

Natália se aproximou do armário e começou a abrir uma de suas portas.

- Vem, - ela convidou Alfredo - toca nele.

Alfredo lenta e receosamente começou a aproximar a mão do armário. A estranha calma que tinha tomado conta dele deu sinais de fraquejar, mas ele persistiu. Encostou primeiro um dedo e sentiu a superfície fria da laca. Depois, mais confiante, colocou a mão aberta sobre o material.

Natália começou a abrir e fechar a porta do armário como se fosse uma boca e, dublando-o, disse com voz de personagem de desenho animado:

- Desculpe, Alfredo, a culpa da separação dos seus pais não foi minha. Nem sua. Você me perdoa?

*****

Alfredo não ficou chateado com a brincadeira de Natália. Muito pelo contrário. Ele riu da palhaçada dela e, depois de comprarem os móveis, curtiram bastante o dia. Quando foi dormir, ele pegou no sono rápido como há muito tempo não fazia.

Natália, por outro lado, não teve a mesma sorte. Depois de fritar um pouco na cama ela acabou dormindo, mas seu sonho foi terrível.

Ela estava na sala de casa e ouvia no corredor o som de algo se arrastando e riscando o chão. O som crescia e quando parecia vir de frente da porta de casa, ela ouviu 3 batidas. Não eram batida normais. Era como se algo fosse atirado em direção à porta. No sonho, ela se levantou e abriu a porta. Na sua frente uma enorme cristaleira branca de laca bloqueava a sua passagem. As portas da cristaleira abriam sozinhas e delas saía um som que lembrava uma voz de mulher:

- Oi, Natália, o Alfredinho tá aí?

Natália acordou gritando. Alfredo se levantou num pulo aturdido:

- Tudo bem, amor? Tá sentindo alguma coisa?

- Não, não, tranquilo. Acho que tive um pesadelo.

- Com o quê?

- Não lembro mas acho que tinha alguma coisa a ver com a sua mãe.

Nota do Editor:
Texto gentilmente cedido pelo autor. Originalmente publicado no blog de Lisandro Gaertner.


Lisandro Gaertner
Canoas, 28/1/2014


Quem leu este, também leu esse(s):
01. A imaginação do escritor de Renato Alessandro dos Santos
02. Preparar Para o Impacto de Marilia Mota Silva
03. A noite em que Usain Bolt ignorou nosso Vinicius de Elisa Andrade Buzzo
04. Humor x Desamparo de Carla Ceres
05. O corpo em que nasci, de Guadalupe Nettel de Ricardo de Mattos


Mais Lisandro Gaertner
Mais Acessadas de Lisandro Gaertner
01. E Viva a Abolição – a peça - 1/6/2006
02. Cuidado: Texto de Humor - 28/7/2006
03. A História das Notas de Rodapé - 3/1/2002
04. Orkut: fim de caso - 10/2/2006
05. Blogueiros vs. Jornalistas? ROTFLOL (-:> - 23/4/2008


Mais Especial Origens
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




DIGA NÃO À VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES ...
MARIA CONCEIÇÃO O. COSTA (COORD.)
DO AUTOR
(2012)
R$ 10,00



A MUSICA DO SILENCIO
PATRICK ROTHFUSS; VERA RIBEIRO
ARQUEIRO
(2014)
R$ 10,00



FELICIDADE CRÔNICA 14 ED. (6161)
MARTHA MEDEIROS
L&PM
(2016)
R$ 14,00



DIMENSÕES DA CRIATIVIDADE (1831)
MARGARET A. BODEN (ORG.)
ARTMED
(1999)
R$ 32,00



QUEM MATAR NA HORA DA CRISE?
LOPES, ARTUR
EDITORA ÉVORA
(2011)
R$ 74,90



O DESAFIO DA GUERRA: DOIS SÉCULOS DE GUERRA (1740 - 1974)
GASTON BOUTHOUL E RENÉ CARRÉRE
BIBLIEX
(1979)
R$ 25,00



CURAI ENFERMOS E EXPULSAI DEMÔNIOS
T. L. OSBORN
R. R. SOARES
(1980)
R$ 54,00



LEUCEMIA
LUANA LENZI, FERNANDA S. TONIN UND GLEDSON PICHARSKI
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 167,00



BOAS LEMBRANÇAS PARA RECORDAR
GINA ZANINI
INVERSO
(2018)
R$ 40,00



O CÉU É UM ESPELHO LÁ LONGE - COLEÇÃO ERA OUTRA VEZ
GUILHERME CUNHA PINTO
ATUAL
(1988)
R$ 14,50





busca | avançada
31129 visitas/dia
955 mil/mês