Eleições 2014: intrigas, infâmias, alucinações | Jardel Dias Cavalcanti | Digestivo Cultural

busca | avançada
35116 visitas/dia
922 mil/mês
Mais Recentes
>>> Vila 567 promove Quintaneja para comemorar feriado prolongado
>>> Musical gratuito "Brincando com a Broadway" chega ao Teatro UMC
>>> Cantor israelense Rami Kleinstein se apresenta em São Paulo
>>> EM AÇÃO INÉDITA, BLACK FRIDAY SAI DA INTERNET E DOMINA AS RUAS DE SÃO PAULO
>>> Filmaê - 1º Festival de Cinema Móvel de Brasília estreia no Espaço Cultural Renato Russo
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Do canto ao silêncio das sereias
>>> Vespeiro silencioso:
>>> A barata na cozinha
>>> Uma Receita de Bolo de Mel
>>> O Voto de Meu Pai
>>> Inferno em digestão
>>> Hilda Hilst delirante, de Ana Lucia Vasconcelos
>>> As pedras de Estevão Azevedo
>>> O artífice do sertão
>>> De volta à antiga roda rosa
Colunistas
Últimos Posts
>>> Eleições 2018 - Afif na JP
>>> Lançamentos em BH
>>> Lançamento paulistano do Álbum
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 2
>>> Ana Elisa Ribeiro lança Álbum
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
>>> Conceição Evaristo em BH
>>> Regina Dalcastagné em BH
>>> Leitores e cibercultura
>>> Sarau Libertário em BH
Últimos Posts
>>> No tinir dos metais
>>> De(correntes)
>>> Prata matutina
>>> Brazil - An Existing Alien Country on Planet Earth
>>> Casa de couro IV
>>> 232 Celcius, ou Fahrenheit 451
>>> Mãe
>>> Auto contraste
>>> Os intelectuais e a gastronomia
>>> Cabeças Cortadas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A universalidade de Anish Kapoor
>>> A internet não é isso tudo
>>> Tom Zé por Giron
>>> A boa literatura brasileira
>>> As pedras de Estevão Azevedo
>>> O país dos imbecis
>>> Um Jogador
>>> Literatura em 2000-2009
>>> Entre o copo, a vitrola, a fumaça e o boicote
>>> As Cem Melhores Crônicas Brasileiras
Mais Recentes
>>> A Doutrina Secreta - Volume 3 - Antropogênese de H.P. Blavatsky pela Pensamento (2017)
>>> Liderança Executiva - Uma Proposta Racional de Dr. Albert Ellis pela Record (1972)
>>> Destruiaçao e equilibrio de Sergio de almeida rodrigues pela Atual
>>> Os livros da fuvest--2 de Objetivo pela Objetivo
>>> Teste 4 de Camila pela Camila (2018)
>>> A Odisseia (Em Forma de Narrativa) de Homero pela Ediouro (1991)
>>> Wuthering heights de Emily bronte pela Penguin books
>>> Anave de noe de Trigueirinho pela Pensamento
>>> Cozinha Maravilhosa de Ofélia - Bifes e Acompanhamentos de Ofélia Ramos Anunciato pela Melhoramentos (2006)
>>> Tortas Salgadas de Vários pela Melhoramentos (2007)
>>> Docinhos para festas de Vários pela Melhoramentos (2012)
>>> Teste2 de Camila Pontes pela Teste (2018)
>>> Astrologia,sexo e amor. de Sydney omarr pela Market books
>>> Sucos e Vitaminas de Caroline Bergerot pela Cultrix (2003)
>>> Bandeirantes e Pioneiros de Vianna Moog pela Civilização Brasileira (1964)
>>> Carne de Vários pela Impala (2012)
>>> Doces de Vários pela Impala (2012)
>>> A arte da cura espiritual de Keith sherwood pela Siciliano
>>> Saladas de Vários pela Impala (2012)
>>> Petiscos - 14 receitas de Vários pela Impala (2009)
>>> O homem e seus poderes de Eunilto carvalho souza pela Petit
>>> Pizzas - 14 receitas de Vários pela Impala (2009)
>>> Sandes - 14 receitas de Vários pela Impala (2009)
>>> Simplesmente Divina de Wendy Holden pela Best Seller (2000)
>>> O evangelho segundo o espiritismo de Allan kardec pela Lake
>>> Saladas - 14 receitas de Vários pela Impala (2009)
>>> Sobremesas - 14 receitas de Vários pela Impala (2009)
>>> Em busca de outros mundos de Ronaldo rogerio de freitas mourao pela Circulo do lvro
>>> Fenomenos ocultos de Zsolt aradi pela Ibrasa
>>> Homeostase no homem de Stanley mikal pela Edart
>>> O principe de Machiavelli pela Ediouro
>>> Direito e processo do trabalho - Teoria e Prática - 1ª e 2ª fase de Rafael Tonassi Souto, Aryanna Linhares e Renato Saraiva pela Juspodivm (2018)
>>> Guia pratico do zodiaco chines de Melanie claire pela Pensamento
>>> Magias para ganhar dinheiro de Novo mundo pela Novo mundo
>>> Codigos-4 em 1-clt-cpc-legislaçao previdenciaria-constituiçao federal. de Saraiva pela Saraiva
>>> Um guia competo--astrologia de Eclipse pela Eclipse
>>> Now that youre back de A. l. kennefy pela Vintage
>>> Minidicionario de Ruth rocha pela Scipione
>>> Dona flor e seus dois maridos de Jorge amado pela Martins
>>> Astrobiologia de Flavio pereira pela Traço
>>> Palavra possuída de Fleury, Beth pela Orobó Edições (2005)
>>> O segredo de uma família feliz de Associação Torre de Vigia de Biblias e Tratados pela Fy-t (2006)
>>> O Reino Das Vozes Que Não Se Calam de Carolina Munhóz & Sophia Abrahão pela Fantástica Rocco (2014)
>>> O príncipe: a natureza do poder e as formas de conservá-lo. Texto integral de Maquiavel pela Gb (2008)
>>> Extratos do coração de Finamora, José Florêncio pela Ophicina de Arte & Prosa (2013)
>>> O livro neurótico de receitas de Carvalho, Ana Cecília pela Ophicina de Arte & Prosa (2012)
>>> O homem que calculava de Tahan, Malba pela Record (1994)
>>> O zapear a informação em bibliotecas e na Internet de Blattmann, Ursula (Org.); Fragoso, Graça Maria pela Autêntica (2003)
>>> Hegel de Benoit Timmermans pela Estação Liberdade (2005)
>>> Flávio Josefo de Denis Lamour pela Estação Liberdade (2006)
COLUNAS

Terça-feira, 21/10/2014
Eleições 2014: intrigas, infâmias, alucinações
Jardel Dias Cavalcanti

+ de 1800 Acessos

Dilma com certeza vencerá as eleições. Infelizmente o PSDB escolheu um candidato fraco. Não faz mal para os rumos da democracia a renovação dos quadros do poder. No entanto, o que se apresenta como oposição é a velha guarda de uma estrutura de poder que resiste à democratização, à criação de projetos sociais emergenciais.

O debate entre os candidatos nos assusta. Não há projeto coerente e sério sendo discutido, pautado na realidade, para que o eleitor não seja enganado por falsas promessas de um paraíso vindouro inventado em nome da campanha eleitoral deste ou aquele candidato.

Como um ataca de cá, o outro acaba tendo de atacar de lá. O círculo dos ataques começa onde? Não dá para saber. Estamos dentro de um quadro surreal, onde duas bestas feras se atracam sem dó nem piedade num verdadeiro circo de horrores? Deveríamos estas discutindo um projeto de país, com vistas para no mínimo uns 50 anos de futuro, como tem sido o caso dos governos europeus e dos EUA. Dentro de uma crise internacional, os candidatos deveriam estar mostrando ao eleitorado suas propostas para que o Brasil não seja a próxima cabeça a rolar. No entanto, a acusação de um para o outro é a mola mestra do debate, causando nojo em quem tem pretensão de eleger seu candidato favorito.

Da privataria tucana ao mensalão do PSDB e do PT todo mundo sabe que a corrupção corre solta. De um lado e de outro nunca se roubou tanto dinheiro público, nunca se beneficiou tanto os setores privados com o dinheiro que vem do bolso do contribuinte. Não sejamos ingênuos. Entrou na política, nadou-se em dinheiro, roubou-se, manipulou-se, comprou-se consciências.

Um país com gente bem informada sobre o que se anda fazendo com nosso dinheiro já teria cortado a cabeça desses políticos em plena praça pública, para que sirvam de exemplo. Roubou dinheiro do povo, enriqueceu-se de forma ilícita através de traquinagens maquiavélicas usando dinheiro do contribuinte? Degola-se! Não, não teremos, no entanto, nossa Revolução Francesa.

As notícias sobre o mando e desmando com a coisa púbica são aterradoras. E, no entanto, ninguém se move, ninguém se organiza para se contrapor aos abusos. A culpa poderia, dessa forma, ser atribuída ao povo que parece anestesiado diante de tanta falcatrua política? Seria fácil condenar o povo. O que se passa não é para amadores. As circunstâncias em que a produção de informação existe é caso de polícia. Veja-se o caso da revista Veja. Veja-se o caso da Rede Globo, etc, etc. E o caso em que políticos são os donos das rádios, revistas e canais de TV? A mais barata forma de acesso à informação no Brasil é a TV. Nem professores, que deveriam também formar cidadãos críticos, politizados, têm dinheiro para comprar jornais. Estão mais perdidos que cego em tiroteio. Imagina o que uma TV faz na cabeça do cidadão brasileiro, com suas novelas ralas, com seus programas imbecilizadores nos fins de semana, com seus telejornais comprados pelo poder do capital.

Os candidatos nadam como peixes livres num oceano de gente mal formada para as questões da política. Política no sentido grego do termo, de agentes da cidade, responsáveis pelo próprio mundo que criam, pelos ideais democráticos que deveriam sustentar. Se fosse o contrário, os candidatos seriam rejeitados imediatamente por seus programinhas infantis de governo, suas rixas pessoais, sua irresponsabilidade com a coisa pública, seu histórico lamentável.

O Brasil mudou. Esperava-se mais com as propostas do governo do PT. Uma melhora radical na saúde, na educação, nas condições alimentares e de salário. No entanto, a situação econômica da classe pobre e média está bem mais interessante do que nos governos anteriores, de Sarney a FHC. Setores antes esquecidos da política agora ganham espaço: a questão dos negros no Brasil, a questão homossexual. Dos direitos individuais aos direitos sociais, estamos caminhando sem parar. Lenta caminhada, mas notável durante o governo do PT. Mas, como disse acima, é pouco para quem sonhava uma pequena revolução para este país. Mas no reino da política uma coisa é a fantasia, outra a realidade.

O candidato do PSDB aliou-se a pessoas que não são gratas para a atual luta política por direitos sociais - pastores reacionários e políticos com ficha para lá de suja. Aécio poderia ter se tornado um grande político brasileiro. Transitou nas esferas do poder desde jovem, com seu avô - do centro - Tancredo Neves. Perdeu a chance, não se intelectualizou, não se modernizou, representando o que há de pior na tradicional política de Minas Gerais, não escondendo seu machismo e grosseria no trato humano. No período da Ditadura Militar, não foi oposição ao poder dos generais. Ao contrário, surfou nas suas águas sujas com tranquilidade. Festeiro, dirigiu bêbado, bateu em namorada, construiu aeroporto para sua fazenda, foi caso de polícia a aparição de um helicóptero com 450 quilos de cocaína em sua propriedade. Tudo em sua vida é muito mal esclarecido para o eleitorado. José Serra se daria melhor como oposição à Dilma.

Dilma tem governado o Brasil de forma razoável, construindo uma social-democracia de inclusão. Os projetos do PT, embora lentos diante das demandas sociais mais imediatas como hospitais e escolas de qualidade, tem sido recebidos mundialmente como avanços democráticos para a sociedade brasileira, exemplo de intervenção saudável do Estado nos setores mais críticos da sociedade. Muito há que se colocar em pauta: aborto, salários dignos para médicos e professores da rede pública, taxação das imensas riquezas que poderiam viabilizar projetos sociais para áreas pobres do país.

Se a famosa frase que diz que temos que escolher "dos males o menor" for aplicada à atual circunstância eleitoral, não há dúvida que Dilma representa o menor mal. Retroceder à política dos donos do poder (quem detém o capital), com suas políticas antipopulares, seria retornar, usando uma metáfora, ao tempo da chibata, traduzida aqui em fome, desemprego, negação de direitos trabalhistas, concentração de renda na mão de uma minoria, mistura de valores religiosos com questões de Estado, manutenção do povo na ignorância negando-lhe educação de qualidade e acesso amplo à mesma, ausência de projeto cultural.

Trocar o poder é bom, mas trocá-lo por quem nunca se importou com o poder que emana do povo, seria o abismo.


Jardel Dias Cavalcanti
Londrina, 21/10/2014


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Abdominal terceirizado - a fronteira de Marta Barcellos
02. 'As vantagens do pessimismo', de Roger Scruton de Celso A. Uequed Pitol
03. E não sobrou nenhum (o caso dos dez negrinhos) de Gian Danton
04. A escrita boxeur de Marcelo Mirisola de Jardel Dias Cavalcanti
05. O pior cego de Luís Fernando Amâncio


Mais Jardel Dias Cavalcanti
Mais Acessadas de Jardel Dias Cavalcanti em 2014
01. Simone de Beauvoir: da velhice e da morte - 29/7/2014
02. O assassinato de Herzog na arte - 30/9/2014
03. As deliciosas mulheres de Gustave Courbet - 3/6/2014
04. A Puta, um romance bom prá cacete - 2/12/2014
05. Narciso revisitado na obra de Fabricius Nery - 11/3/2014


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




OS 100 SEGREDOS DAS PESSOAS DE SUCESSO
DAVID NIVEN
SEXTANTE
(2002)
R$ 15,21



SEMENTE DE PROSPERIDADE - COLEÇÃO CATEQUESE
ANTONINHO TATTO (CORRDENADOR)
O RECADO
(1996)
R$ 7,00



A JOGADORA DE GO
SHAN SA
ROCCO
(2004)
R$ 15,00



CONTROLE REMOTO
RAFAEL CARDOSO
RECORD
(2002)
R$ 23,00



OS GRANDES INICIADOS
EDOUARD SCHURE
MADRAS
(2011)
R$ 20,00



O IMPÉRIO DO SOL
J.G. BALLARD
RECORD
(2007)
R$ 10,00



O CONTEXTO SOCIAL DA ARTE
JEAN CREEDY (ORG.)
JORGE ZAHAR
(1975)
R$ 11,90



COMO FAZER QUASE TUDO COM SEU COMPUTADOR
READERS DIGEST
READERS DIGEST
R$ 18,00



O ITINERÁRIO DA FÉ PASCAL 4ª EDIÇÃO
ÁLVARO BARREIRO SJ
LOYOLA
(2005)
R$ 4,00



A VIZINHA ANTIPÁTICA QUE SABIA MATEMÁTICA
ELIANA MARTINS
MELHORAMENTOS
(2015)
R$ 34,90





busca | avançada
35116 visitas/dia
922 mil/mês