80 anos de Alfredo Zitarrosa | Celso A. Uequed Pitol | Digestivo Cultural

busca | avançada
73958 visitas/dia
2,5 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Exposição do MAB FAAP conta com novas obras
>>> Projeto Camerata Filarmônica Brasileira apresenta concerto comemorativo no dia 15 de maio em Indaiat
>>> Ação Urgente Contra a Fome - SescSP
>>> 3ª Mostra de Teatro de Heliópolis recebe inscrições até 31 de maio
>>> Minute Media anuncia lançamento da plataforma The Players’ Tribune no Brasil
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
>>> Cem encontros ilustrados de Dirce Waltrick
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Acentuado
>>> Mãe, na luz dos olhos teus
>>> PoloAC retoma temporada de Os Doidivanas
>>> Em um tempo, sem tempo
>>> Eu, tu e eles
>>> Mãos que colhem
>>> Cia. ODU conclui apresentações de Geração#
>>> Geração#: reapresentação será neste sábado, 24
>>> Geração# terá estreia no feriado de 21 de abril
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Irredentismo
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> O assassinato de Herzog na arte
>>> Hitler, de Ian Kershaw, pela Companhia das Letras
>>> Livrarias em tempos modernos
>>> O que é a memética?
>>> O dinossauro de Augusto Monterroso
>>> Sobre o Jabá
>>> Você viveria sua vida de novo?
>>> Suicídio, parte 2
Mais Recentes
>>> Inner Work - A Chave do Reino Interior de Robert A. Johnson pela Mercuryo (1989)
>>> Clássicos do Mundo Corporativo de Max Gehringer pela Globo (2008)
>>> Manual do Empregador Doméstico Prático de Eliane Maria Silva De Macedo pela Saraiva (2000)
>>> Cliente Nunca Mais de Telma Teixeira de Oliveira Almeida pela Casa da Qualidade (1997)
>>> A arte de separar-se de Edoardo Giusti pela Nova Fronteira (1987)
>>> Contribuições a uma Teoria de Personalidade de S. Elyseu Jr. pela Alínea (1996)
>>> Feminilidade - Perdida e Reconquistada de Robert A. Johnson pela Mercuryo (1991)
>>> A Espiral em busca do infinito de Glória Kreinz e Crodowaldo Pavan pela Njr (2021)
>>> Anjos Cabalísticos de Monica Buonfiglio pela Própria (1993)
>>> Como a criança pensa de Ruth M. Beard pela Ibrasa (1976)
>>> A Força das Pirâmides de Max Toth e Greg Nielsen pela Record (1976)
>>> Deuses, Espaçonaves e Terra - Provas de Däniken de Erich Von Däniken pela Círculo do livro (1977)
>>> O Erotismo Fantasias e Realidades do Amor e da Sedução de Francesco Alberoni pela Circulo do livro (1992)
>>> Uma nova era para educação da humanidade de Nelson Ruas Santanna pela Caravela (1995)
>>> O Último Olimpiano - Volume 5. Série Percy Jackson e os Olimpianos EAN: 9788580575439 de Rick Riodan pela Intrinseca (2014)
>>> Documento de teresopolis de Vários Autores pela Cbcisc (1968)
>>> Lições de Ciência Política e Teoria do Estado de Espedito Pinheiro de Souza pela Mackenzie (2000)
>>> Bozza del testo della regola de Giuseppini del Murialdo pela Congregazione di san giuseppe (2005)
>>> A Batalha do Labirinto - Volume 4. Série Percy Jackson e os Olimpianos de Rick Riodan pela Intrinseca (2014)
>>> Nero de Alexandre Dumas pela Saraiva (1952)
>>> A Maldição do Titã - Volume 3. Série Percy Jackson e os Olimpianos de Rick Riodan pela Intrinseca (2014)
>>> O Mar de Monstros - Volume 2. Série Percy Jackson e os Olimpianos de Rick Riodan pela Intrinseca (2014)
>>> Viagens de Gulliver de Jonathan Swift e Cláudia Lopes pela Scipione (1970)
>>> Líderes e Lealdade - as Leis da Lealdade de Dag Heward-mills pela Central Gospel (2011)
>>> Revista Manchete , Nº 1 , 907 - Novembro de 1988 de Varios pela Bloch (1988)
COLUNAS

Terça-feira, 10/5/2016
80 anos de Alfredo Zitarrosa
Celso A. Uequed Pitol

+ de 3800 Acessos

Neste ano de 2016 - mais precisamente, no dia 16 de março - o cantor e compositor uruguaio Alfredo Zitarrosa completaria 80 anos.

Ao contrário do que acontece a muitos cantores, este montevideano criado nos pampas uruguaios descobriu-se músico um pouco tarde: sua estréia foi no Peru, em 1963, onde apresentou-se em um programa de televisão. Até então, Zitarrosa era radialista, escritor – ganhou um prêmio pelo livro “Explicaciones”, de 1959, que entretanto jamais foi publicado – e jornalista do mítico semanário uruguaio “Marcha”, um dos melhores jornais independentes deste continente. A apresentação, que só ocorreu por insistência de um amigo, foi um sucesso e deu início uma carreira cheia de êxitos, que nem exílio forçado pela ditadura uruguaia (à qual se opunha) e o banimento de suas músicas das rádios puderam impedir: canções como “Candombe del olvido“, “Guitarra negra” e “El violín de Becho” são conhecidas em toda a América e fazem parte de qualquer seleção do melhor cancioneiro latinoamericano do século passado. Em 1984, voltou ao seu país, e uma multidão lotou as ruas da rambla montevideana para recebê-lo. Cinco anos depois sofre um infarto, que o vitimará em poucas horas.

Um de seus amigos, o poeta Washington Benavides, definiu-o certa vez como “um homem renascentista, atento a tudo aquilo que pode mudar uma vida”. Uma mirada por sua obra dá mesmo essa impressão: ela compreende seus quarenta discos, gravados entre 1965 e 1988; seus ensaios filosóficos e artísticos, reunidos no volume “El ofício del cantor”; e seus contos, presentes em “Fábulas materialistas”. Foi publicada também uma seleção de suas reportagens e artigos em “Marcha”, onde podemos encontrar uma memorável entrevista com o escritor uruguaio Juan Carlos Onetti. Lá pelas tantas, o então jovem Zitarrosa pergunta ao autor de “O Poço”, não sem certa petulância, porque achava que era tão famoso. Ao que Onetti lhe respondeu:

“Porque la fama es puro cuento”.

O caso do próprio Zitarrosa viria a invalidar esta regra.

E, para citar outro que a invalida, deixamos aqui um candombe de Zitarrosa em homenagem a Garrincha, gravada em 1987:

https://www.youtube.com/watch?v=B48AruPfEtA

Lo lleva atado al pie, como una luna atada al flanco de un jinete,
lo juega sin saber que juega el sentimiento de una muchedumbre,
y le pega tan suave, tan corto, tan bello,
que el balón es palomo de comba en el vuelo,
y lo toca tan justo, tan leve, tan quedo,
que lo limpia de barro y lo cuelga del cielo,
¡y se estremece la gente, y lo ovaciona la gente!

Lo lleva unido al pie, como un equilibrista unido va a la muerte,
lo esconde –no se ve–, le infunde magia y vida y luego lo devuelve,
y se escapa, lo engaña, lo deja, lo quiere,
y el balón le persigue, le cela, le hiere,
y se juntan y danzan y grita la gente,
y se abrazan y ruedan por entre las redes,
¡y se estremece la gente, y lo ovaciona la gente!

¿Quién se llevó de pronto la multitud?
¿Quién le robó de pronto la juventud?
¿Quién le quitó de un golpe el hechizo mágico del balón?
¿Quién le enredó en la sombra la pierna, el flanco y el corazón?
¿Quién le llenó su copa en la soledad?
¿Quién lo empujó de golpe a la realidad?
¿Quién lo volvió al suburbio penoso y turbio de la niñez?
¿Quién le gritó en la cara: –Usted no es nada, ya no es usted?
Ya no es usted, señor, ya no es usted.*

El último balón lo para con el pecho y junto al pie lo duerme,
lo mira y sólo ve cenizas del amor que estremeció a la gente,
y lo pierde en la hierba, lo deja, lo olvida,
no lo quiere, le teme, no puede, no atina,
y se siente de nuevo enterrado en la vida,
y el balón se le escapa entre insultos y risas,
¡y se enfurece la gente, y le abuchea la gente!

¿Quién se llevó de pronto la multitud?
¿Quién le robó de pronto la juventud?
¿Quién le quitó de un golpe el hechizo mágico del balón?
¿Quién le enredó en la sombra la pierna, el flanco y el corazón?
¿Quién le llenó su copa en la soledad?
¿Quién lo empujó de golpe a la realidad?
¿Quién lo volvió al suburbio penoso y turbio de la niñez?
¿Quién le gritó en la cara: –Usted no es nada, ya no es usted?

Ya no es usted señor, ya no es usted…


Celso A. Uequed Pitol
Canoas, 10/5/2016


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Doutor Eugênio (1949-2020) de Julio Daio Borges
02. Da varanda, este mundo de Elisa Andrade Buzzo
03. Séries da Inglaterra; e que tal uma xícara de chá? de Renato Alessandro dos Santos
04. Virando as Latas: o atleta brasileiro e o esporte de Heloisa Pait
05. O cinema de fronteira de Theo Angelopoulos de Wellington Machado


Mais Celso A. Uequed Pitol
Mais Acessadas de Celso A. Uequed Pitol em 2016
01. 'As vantagens do pessimismo', de Roger Scruton - 12/4/2016
02. 80 anos de Alfredo Zitarrosa - 10/5/2016
03. Sarkozy e o privilégio de ser francês - 14/6/2016
04. 'A Imaginação Liberal', de Lionel Trilling - 8/3/2016
05. A coerência de Mauricio Macri - 12/1/2016


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




The (diblos) Notebook: a Novel
James Merrill
Dalkey
(1994)



Muito Além dos Índices. Crônicas, História e Entrelinhas da Infla
Salomão Quadros
Fgv
(2008)



Expedição: Em Busca dos Dinossauros: uma Viagem Em Busca do Passa
Denise Gonçalves (textos e Edição)
Supernova (sp)
(2003)



Estilhaços
Guido Fidelis
Rg
(2011)



Sic Est in Provérbio: Assim Diz o Provérbio
Carlos Bachinski
Juruá
(2006)



Obra Poética de Carlos Drummond de Andrade 3
Carlos Drummond de Andrade
José Olímpio
(1983)



Lacoustique Appliquée
Jean Jacques Matras
Presses Universitaires
(1969)



A Little Piece of Ground
Elizabeth Laird
Macmillan
(2003)



A Epopeia das Misericórdias
Niversindo Antonio Cherubin
São Camilo
(2014)



Censis 33º Rapporto Sulla Situazione Sociale del Paese
Fondazione Censis
Fondazione Censis (roma)
(1999)





busca | avançada
73958 visitas/dia
2,5 milhões/mês