Como Francis só Francis mesmo | Andrea Augusto

busca | avançada
64869 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Conto HAYEK, de Maurício Limeira, é selecionado em coletânea da Editora Persona
>>> Os Três Mosqueteiros - Um por Todos e Todos por Um
>>> Sesc 24 de Maio recebe o projeto Parlavratório - Conversas sobre escrita na arte
>>> Cia Caravana Tapioca faz 10 anos e comemora com programação gratuita
>>> Eugênio Lima dirige Cia O GRITO em novas intervenções urbanas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
>>> A história de Chieko Aoki
>>> Uma história do Fogo de Chão
>>> BDRs, um guia
>>> Iggor Cavalera por André Barcinski
>>> Dave Brubeck Quartet 1964
Últimos Posts
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
>>> Indistinto
>>> Mais fácil? Talvez
>>> Riacho da cacimba
>>> Mimético
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Uma vida bem sucedida?
>>> A morte da Capricho
>>> Quem é (e o que faz) Julio Daio Borges
>>> Bienal do Livro Bahia
>>> A primeira hq de aventura
>>> Como Passar Um Ano Sem Facebook
>>> Mulheres de cérebro leve
>>> O curioso caso de Alberto Mussa
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> Digestivo Cultural: 10 anos de autenticidade
Mais Recentes
>>> Dicionário espanhol + Bônus: vocabulário prático de viagem de Melhoramentos pela Melbooks (2007)
>>> Memorias De Um Sargento De Milicias de Manuel Antônio de Almeida pela Ática (2010)
>>> Turma da Mônica Jovem: Escolha Profissional de Maurício de souza pela Melhoramentos (2012)
>>> Xógum Volume 1 e 2 de James Clavell pela Círculo do Livro
>>> Viva à Sua Própria Maneira de Osho pela Academia
>>> Virtudes - Excelência Em Qualidade na Vida de Paulo Gilberto P. Costa pela Aliança
>>> Violetas na Janela de Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho pela Petit
>>> Vida sem Meu Filho Querido de Vitor Henrique pela Vitor Henrique
>>> Vida Nossa Vida de Francisco Cândido Xavier pela Geem
>>> Vida Depois da Vida de Dr. Raymond e Moody Jr pela Circulo do Livro
>>> Vícios do Produto e do Serviço por Qualidade, Quantidade e Insegurança de Paulo Jorge Scartezzini Guimarães pela Revista dos Tribunais
>>> Viagem na Irrealidade Cotidiana de Umberto Eco pela Nova Fronteira
>>> Uma Só Vez na Vida de Danielle Steel pela Record (1982)
>>> Uma Família Feliz de Durval Ciamponi pela Feesp
>>> Um Roqueiro no Além de Nelson Moraes pela Speedart
>>> Um Relato para a História - Brasil: Nunca Mais de Prefácio de D. Paulo Evaristo pela Vozes
>>> Um Longo Amor de Pearl S Buck pela Circulo do Livro
>>> Um Estranho no Espelho de Sidney Sheldon pela Circulo do Livro
>>> Tudo Tem um Porquê de Marcelo Cezar pela Vida e Consciência
>>> Tragédias 1 de Shakespeare pela Abril Cultural (1981)
>>> Tragédia Em Três Atos de Agatha Christie pela Nova Fronteira
>>> Themen Aktuell 1 de Maria Helena Voorsluys Battaglia pela E. P. U./ Hueber
>>> Testemunha da Acusação de Agatha Christie pela Record
>>> Terra Nua de Morris West pela Círculo do Livro
>>> Terceiro Milênio - Decida-se ! de Valéria Cazeloto pela Valéria Cazeloto
COMENTÁRIOS

Quinta-feira, 8/3/2007
Comentários
Leitores


Como Francis só Francis mesmo
Excelente, Julio! Você conseguiu sair da mesmice do que se escrever sobre o Francis. Eu confesso que tinha um caso de amor e ódio com ele. Adorava qdo ele era irreverente, qdo falava de artes em geral sempre com um encantamento de menino e o odiava qdo se mostrava preconceituoso entre outras coisas. Contudo, o amor foi mais forte, sabe? Até porque para falar as coisas que ele falava era preciso coragem e coragem é uma qualidade admirável. Depois dele, mais ninguém. O Diogo, coitado, até tenta mas erra feio na mão, não tem espontaneidade, nada. Se parasse de tentar ser polêmico se utilizando de frases de efeito que causa mais pena do que polêmica, seria um jornalista mediano. Quer saber? Como Francis só Francis mesmo. abrs

[Sobre "Uma década no rastro de Paulo Francis"]

por Andrea Augusto
http://www.literatus.blogspot.com
8/3/2007 às
13h38 200.162.224.141
(+) Andrea Augusto no Digestivo...
 
você tem mais livros do que eu
Eliane, nem sei por onde começar. Mas... você tem mais livros do que eu. Gostou? E começou muito bem, porque começou por um grande (é pouco) escritor, que é o nosso Érico Veríssimo. Eu comecei por Machado de Assis, e estou contentíssimo por isso. E, igualmente a você, venho também de uma família sem nenhuma tradição nesse campo da leitura - e da escritura. Mas nós vencemos. Que bom, porque, hoje, sou um leitor contumaz. E, também igual a você, adoro comprar livro nos sebos, muito mais do que nas livrarias, porque, neles, tenho a sensação da descoberta, do tesouro. Outro dia, encontrei um livro de Carlos Fuentes - "A Morte de Artemio Cruz", e quase desmaio. Arrebatei-o mais do que depressa, com medo de que alguém pudesse alcançá-lo. É, os livros exercem esse poder sobre nós, daí a importância deles para as nossas vidas. Fico muito feliz em compartilhar com você esse momento. Parabéns.

[Sobre "Conquistando um novo mundo"]

por Américo Leal Viana
8/3/2007 às
11h54 200.213.108.130
(+) Américo Leal Viana no Digestivo...
 
maniqueismo que tanto critica
Viva a complexidade da sociedade brasileira, resultante da falência dos modelos pseudo-filosóficos como aqueles apresentados por Baudrillard. Se há algo que ele apresenta em toda sua obra é o maniqueismo que tanto critica.

[Sobre "Jean Baudrillard"]

por Ram
8/3/2007 às
08h36 200.179.247.219
(+) Ram no Digestivo...
 
as pequenas coisas da vida
Pois é, é impressionante o poder de saber dar valor às pequenas coisas da vida. No final da história, o que levamos de melhor da vida, são exatamente aqueles simples momentos como um sorriso lindo ou um verdadeiro "bom dia". É mais fácil viver quando estamos predispostos inclusive a tolerar algumas figurinhas pouco humoradas... Quando nos propomos a observar o mundo sobre a ótica da simplicidade descobrimos que a vida realmente é melhor assim. Dani, lindo texto...

[Sobre "Duas desculpas e uma meditação"]

por Calíntia Argenta
8/3/2007 à
00h43 200.203.3.239
(+) Calíntia Argenta no Digestivo...
 
coisas comezinhas
O texto me fez pensar que muitos que se interessam pelo jornalismo de Francis talvez o façam não tanto pelo que o jornalismo possibilita – mas sim pelo prazer de ir além, de exercitar o sadismo e o masoquismo, flertar com o poder, desfrutar da cultura, enfim, coisas comezinhas das quais muitos profissionais não desfrutam.

[Sobre "Francis e o jornalismo"]

por Lúcio Jr
7/3/2007 às
20h07 201.59.6.186
(+) Lúcio Jr no Digestivo...
 
contradição sem desculpa
é, meu caro Lucio, assim era o Francis - a inteligência abusada e contraditória sem pedir desculpas. obrigado pela leitura.

[Sobre "O espectro de Paulo Francis"]

por jardel
7/3/2007 às
19h55 201.68.65.73
(+) jardel no Digestivo...
 
crítico o ponto de vista
achei muito interessante e bastante critico o ponto de vista do Michel: para mim, é isto mesmo que ele esta falando

[Sobre "Dogville e a poesia"]

por flavia lins
7/3/2007 às
19h08 201.17.129.95
(+) flavia lins no Digestivo...
 
Cadê a conta, Emílio?
Faltou o Emílio me passar a conta do Instituto Liberal, para que lá possa retirar o dinheiro. Dou 50% para o Ê Milho, se me fizer esse favor...

[Sobre "Nem capitalismo, nem socialismo, nem morte"]

por Félix Maier
7/3/2007 às
16h40 201.34.233.201
(+) Félix Maier no Digestivo...
 
anticomunistas naftalina
O colega aí, Felix, provavelmente é pago por algum Instituto Liberal para semear essas mensagens anticomunistas naftalina pela Internet, só pode!

[Sobre "Nem capitalismo, nem socialismo, nem morte"]

por Lúcio Emílio
7/3/2007 às
16h15 201.59.6.186
(+) Lúcio Emílio no Digestivo...
 
Harendt e Heidegger: terrível
Jardel: achei divertido o texto, mas essa frase cafajeste para definir o romance (com evidentes afinidades espirituais) de Harendt e Heidegger foi terrível!

[Sobre "O espectro de Paulo Francis"]

por Lúcio Emílio
7/3/2007 às
16h10 201.59.6.186
(+) Lúcio Emílio no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Homens Que Mudaram a História Charles Chaplin
Ct Editora
Ct
(1990)



Serviço Social e Filosofia: das Orígens a Araxá
Antonio Geraldo de Aguiar
Cortez
(1985)



Cbn Mundo Corporativo
Heródoto Barbeiro
Futura
(2006)



A Mãe Que Desistiu do Céu
Mario B. Tamassia
Ide
(1996)



Tempos Ferteis
Beatriz Moreira Lima
7 Letras
(2008)



O Desenvolvimento da Cultura Norte-americana
Stanley Coben
Anima
(1985)



Humanidade, Fracasso da Natureza?
Cyro de Moraes Campos
Ibrex
(1978)



Fidelidade
Javier Abad Gómez
Quadrante
(1989)



Empresários do Futuro
Antoninho Marmo Trevisan
Infinito
(2000)



Bom Dia para os Defuntos
Manuel Scorza
Circulo do Livro
(1976)





busca | avançada
64869 visitas/dia
2,2 milhões/mês