Vocês, que não os verei mais | Elisa Andrade Buzzo | Digestivo Cultural

busca | avançada
29899 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Elian Woidello apresenta show Vinho barato e Cinema Noir no Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
>>> Show de lançamento do Selo Blaxtream reúne grandes nomes do jazz e da música instrumental em SP
>>> Autobiografia de George Sand ganha edição brasileira em volume único
>>> Indústria Frateschi passa a atuar também no varejo
>>> BH vai sediar o maior evento de Blogueiras do país em Julho.
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. 2. O Catolotolo
>>> A pós-modernidade de Michel Maffesoli
>>> Um parque de diversões na cabeça
>>> O que te move?
>>> O dia que nada prometia
>>> Super-heróis ou vilões?
>>> Seis meses em 1945
>>> Senhor Amadeu
>>> Correio
>>> A entranha aberta da literatura de Márcia Barbieri
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cornell e o Alice Mudgarden
>>> Leve um Livro e Sarau Leve
>>> Pulga na praça
>>> No Metrópolis, da TV Cultura
>>> Fórum de revisores de textos
>>> Temporada 3 Leve um Livro
>>> Suplemento Literário 50 anos
>>> Ajudando um amigo
>>> Ebook gratuito
>>> Poesia para jovens
Últimos Posts
>>> Espírito Santo
>>>
>>> Fuga em Si
>>> Frutos
>>> Traço
>>> Criaturas
>>> Homo ludens
>>> 9° Festival Internacional do Documentário Musical
>>> Flúmen do dia
>>> FHC embola o meio de campo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A morte do respeito
>>> Jotacê
>>> O blog do Fernando Meirelles
>>> Minhas hipóteses sobre a evolução humana
>>> Superficialidade e Reducionismo
>>> Livro eletrônico?
>>> Estupra mas não mata
>>> Nuvem Negra*
>>> Mapa da sala de aula
>>> A Epopeia de Gilgamesh, pela WMF Martins Fontes
Mais Recentes
>>> Depois da Morte
>>> Doze Reis e a Moça do Labirinto do Vento
>>> As Noites Difíceis
>>> Treinamento de Liderança Cristã
>>> Luxo
>>> Fome, Catástrofe Provocada pelo Homem? (Sociologia/Geografia Humana)
>>> Os Irmãos Karamázovi - Fiódor Dostoiévski (Literatura Russa)
>>> Ana Karênina - Leon Tolstói (Literatura Russa)
>>> Almas Mortas - Nicolai Gogol (Literatura Russa)
>>> Pais e Filhos - Ivan Turgueniev (Literatura Russa)
>>> Os Imortais da Literatura Universal (Biografias) Volume III
>>> Processamento de Dados
>>> Teilhard e a Vocação da Mulher
>>> Dom Quixote
>>> Falsa Identidade- A Conspiração para Reinventar Jesus
>>> Olha para Mim
>>> The Nature of Technology: What it is and how it evolves
>>> Digital Futures for Cultural and Media Studies
>>> Creative industries
>>> Everything is workable: A zen approach to conflict resolution
>>> i of the vortex: From Neurons to self
>>> Arquivos do mal-estar e da resistência
>>> Linked: A nova ciência dos networks
>>> O segundo mundo: Impérios e influência na nova ordem global
>>> O médico quântico: Orientações de um físico para a saúde e a cura
>>> Viver de música: Diálogo com artistas brasileiros
>>> Reagregando o social: Uma introdução à teoria do Ator-Rede
>>> I Ching: Uma nova interpretação para os tempos modernos
>>> O século da canção
>>> Em busca de uma psicologia do despertar: Budismo, Psicoterapia e o Caminho da Transformação Espiritual Individual
>>> A paixão de conhecer o mundo
>>> Normose: A patologia da normalidade
>>> As Herdeiras de Duna
>>> 50 Tons de Cinza
>>> Xógum - A Gloriosa Saga do Japão
>>> A Divina Comédia - 3 volumes
>>> Habeas Data
>>> O Homem que Sorria
>>> A Escolha da Dra. Cole - O Cotidiano de Uma Médica do Século XX
>>> Pesadelos e Paisagens Noturnas Volume II
>>> O Pacto
>>> Só por Hoje e Para Sempre. Diário do Recomeço
>>> Além do Bem e do Mal
>>> As Armas Ideológicas da Morte
>>> Face @ Face
>>> Marx - Vida e Obra
>>> Clarice na cabeceira / Contos
>>> O Desespero Humano
>>> Gramática Para o Hebraico. Uma Abordagem Pragmática
>>> Você sabe se desintoxicar?
COLUNAS

Quinta-feira, 2/2/2017
Vocês, que não os verei mais
Elisa Andrade Buzzo

+ de 1700 Acessos

Uma noite você se lembrará de uma sensação, de um fato, talvez até de uma pessoa a eles relacionada. E assim, num jorro veloz de pensamentos, irá demorar alguns segundos para reunir as pontas conhecidas do décor de uma história. O local exato dos acontecimentos não fará mais importância, apenas a sensação evocada pelas lembranças. E as paisagens exteriores, os cenários interiores, serão todos alçados gradativamente, como um livro que se abre subindo em maravilhosas dobraduras, como paredes cenográficas que teimam em se grudar com a realidade.

Você se recordará até mesmo da lembrança da recordação, sugestões insinuantes, souvernirs, reminiscências guardadas em alguma caixa de papelão decorada. Há postais coloridos, em seu verso algo com bonita e pensada caligrafia. São imagens de locais que você nunca imaginou estar, mas que um dia lá esteve, como se tivesse entrado numa foto antiga e feito parte dela, atuando perigosamente num mundo que não fora o seu. Isso porque você forçou a entrada em uma outra dimensão, tão diversa da sua realidade. E agora, nada mais justo do que ter sido expulso do paraíso, e tudo estar longe, muito longe, em dessincronia, quase sem nunca um dia haver acontecido, dentro de espaços tão obscuros; são caminhos da perda e de infortúnio do despertencimento.

Nesses lugares perdidos há peixe, mãos e carpete quentes, prédios baixos avarandados em avenidas calmas, retilíneas, com fileiras de plátanos de caule descascado e folhas de tom esmaecido e formas recortadas. Ao longe, quem sabe onde a Terra se delimita de outros espaços, uma cadeia montanhosa se ergue com seus picos nevados. Esse ambiente antigo, refinado, só poderia estar no passado, mas ainda hoje você sabe que ele é como essa imagem esmorecida, um inverno amarronzado, galerias muito antigas com perfumes e objetos sempre num descompasso temporal com o primeiro mundo, lojas com roupas antiquadas expostas e abertas como se fantasmas a vestissem, nas vitrines de iluminação amarelecida.

E, com o susto, mas com a devida calma das almas pelo tempo serenadas, entorna para dentro toda aquela água negra e estrondosa, que deve ser represada, para então acordar sabendo que algo é iminente, prosseguindo na construção de outros embaraços. Tudo isso talvez porque hoje te chamaram por sua bebida no Starbucks, com um nome que na verdade não é o seu, mas de outro, dessa recordação macabra que me estende os dedos com um veneno.


Elisa Andrade Buzzo
São Paulo, 2/2/2017


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Longa vida à fotografia de Fabio Gomes
02. O Natal de Charles Dickens de Celso A. Uequed Pitol
03. Na hora do batismo de Marta Barcellos
04. Livrarias de Ricardo de Mattos
05. Ler para ficar acordado de Cassionei Niches Petry


Mais Elisa Andrade Buzzo
Mais Acessadas de Elisa Andrade Buzzo em 2017
01. Vocês, que não os verei mais - 2/2/2017
02. Essas moças de mil bocas - 9/3/2017
03. Minha finada TV analógica - 6/4/2017
04. Correio - 11/5/2017
05. Dilapidare - 27/4/2017


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




RIO ENQUADRADO
LEONARDO FINOTTI
BRASILEIRA
(2016)
R$ 25,00



EUGENE O`NEILL - TEATRO ESCOGIDO (EM ESPANHOL) TEATRO AMERICANO
EUGENE O`NEILL
AGUILLAR
(1965)
R$ 25,00



A DINÂMICA DO INCONSCIENTE - A NATUREZA DA PSIQUE
C. G. JUNG
VOZES
(2011)
R$ 79,50



APOSTILA TRT - 7ª RF - TÉCNICO JUDICIÁRIO (VÁRIAS DISCIPLINAS)
AUGUSTO SÁ E WALBER SIQUEIRA E OUTROS
DIM EDIÇÕES TÉCNICAS
(2009)
R$ 35,10



O TERCEIRO ÊXODO
WILLAIM MARRION BRANHAM
A VOZ DE DEUS
(1963)
R$ 9,80



SÃO JORGE DOS ILHÉUS
JORGE AMADO
MARTINS
(1968)
R$ 9,90



BUDISMO TIBETANO
B ALAN WALLACE
VOZES
(2016)
R$ 38,00



PINÓQUIO
CARLO COLLODI
L&PM
(2008)
R$ 10,00



MORRENDO DE VERGONHA
BARBARA G.MARKWAY; CHERYL N. CARMIN; C.ALEC POLLAR- TERESA FLYINN
SUMMUS
(1999)
R$ 19,90



A CONSTRUÇÃO SOCIAL DA REALIDADE
PETER BERGER, THOMAS LUCKMANN
VOZES
(1978)
R$ 47,60
+ frete grátis





busca | avançada
29899 visitas/dia
1,1 milhão/mês