1963, a série que não terminou | Rafael Lima

busca | avançada
29939 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Nubank na Hotmart
>>> O recente choque do petróleo
>>> Armínio comenta Paulo Guedes
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
>>> Livro Alma Brasileira
>>> Steve Jobs em 1997
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Até você se recompor
>>> Lobão e Olavo de Carvalho
>>> Sabemos pensar o diferente?
>>> Crítica à arte contemporânea
>>> A literatura feminina de Adélia Prado
>>> Jorge Caldeira no Supertônica
>>> A insustentável leveza da poesia de Sérgio Alcides
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Millôr e eu
>>> As armas e os barões
Mais Recentes
>>> Aí vem o sonhador de Ronald S. Wallace pela Vida (2014)
>>> Cantando ao Senhor de D. Martyn lloyd- Jones pela Pes (2013)
>>> A vida crucificada de A.w. tozer pela Vida (2013)
>>> Relógio de Pandora de John J. Nance pela Record
>>> A Vinha do Desejo de Sylvio Back pela Geração Editorial (1993)
>>> Mana Silvéria de Canto e Melo pela Civilização Brasileira (1961)
>>> O Ladrão de Palavras de Marco Túlio Costa pela Record (1983)
>>> Belle Époque de Max Gallo pela Globo/ RJ. (1989)
>>> Sonetos (livro de Bolso) de Antero de Quental pela Edições Cultura/ SP.
>>> O Imprecador de René-Victor Pilhes pela Círculo do Livro
>>> Escola de Mulheres (Capa dura) de Molière (Tradução): Millôr Fernandes pela Circulo do Livro (1990)
>>> Vida Incondicional de Deepak Chopra pela Best Seller (1991)
>>> Poesias Escolhidas de Sá de Miranda pela Itatiaia (1960)
>>> Prosas Históricas de Gomes Eanes De Zurara pela Itatiaia (1960)
>>> Historiadores Quinhentistas de Rodrigues Lapa (Seleção pela Itatiais (1960)
>>> Os Oceanos de Vênus de Isaac Asimov pela Hemus (1980)
>>> O Vigilante de Isaac Asimov pela Hemus (1976)
>>> Today and Tomorrow And... de Isaac Asimov pela Doubleday & Company (1973)
>>> Como Fazer Televisão de William Bluem pela Letras e Artes (1965)
>>> Clipper Em Rede - 5. 01 de Gorki da Costa Oliveira pela Érica (1999)
>>> Para Gostar de Ler - Volume 7 - Crônicas de Carlos Eduardo Novaes e outros pela Ática (1994)
>>> londres - American Express de Michael jackson pela Globo (1992)
>>> Programando em Turbo Pascal 5.5 inclui apêndice da versão 6.0 de Jeremy G. Soybel pela Makron Books (1992)
>>> Lisa- Biblioteca do Ensino Médio -vol. 7 - Ciências - Minerais e sua pesquisa de Aurélio Bolsanelo pela Livros Irradiantes (1973)
>>> Ciências - Corpo Humano de Francisco Andreolli pela Do Brasil (1988)
>>> standard postage stamp catalogue de Sem autor pela Scott (1976)
>>> standard postage stamp catalogue de Sem autor pela Scott (1977)
>>> standard postage stamp catalogue de Sem autor pela Scott (1977)
>>> A World on Film de Stanley Kauffmann pela Harper & Row (1966)
>>> American Wilderness de Charles Jones pela Goushã (1973)
>>> Brazil on the Move de John dos Passos pela Company (1963)
>>> A Idade Verdadeira ( Sinta-se mais Jovem cada dia) de Michael R. Roizen M.D. pela Campus (2007)
>>> The Experience of America de Louis Decimus Rubin pela Macmillan Company (1969)
>>> Regions of the United States de H. Roy Merrens pela Nally & Company (1969)
>>> The Making of Jazz de James Lincoln Collier pela Company (1978)
>>> The Borzoi College Reader de Charles Muscatine pela Alfred. A. Knopf
>>> Architecture in a Revolutionary Era de Julian Eugene Kulski pela Auropa (1971)
>>> Asatru - Os Deuses do Tempo de Bruder pela Do autor (2018)
>>> Talento para ser Feliz de Leila Navarro pela Thomas Nelson Brasil (2009)
>>> Trappers of the West de Fred Reinfeld pela Crowell Company (1957)
>>> Familiar Animals of America de Will Barker pela Alastair (1956)
>>> Asatru - Os Deuses do Tempo de Bruder pela Do autor (2018)
>>> O Outro Lado do Céu de Arthur C. Clarke pela Nova Fronteira (1984)
>>> international human rights litigation in U. S. courts de Beth stephens pela Martiuns (2008)
>>> the round dance book de Lloyd shaw pela Caxton printers (1949)
>>> Fonte de Fogo de Anne Fraisse pela Maud (1998)
>>> The Story of Baseball de John Durant pela Hastings House (1947)
>>> Dicionário de Clínica Médica - 4 volumes de Humberto de Oliveira Garboggini pela Formar
>>> Modern artists na art de robert L. Hebert pela A spectrum book (1964)
>>> A Treasury of American Folklore de Benjamin Albert Botkin pela Crown (1947)
COMENTÁRIOS

Sexta-feira, 5/4/2002
Comentários
Leitores


1963, a série que não terminou
Alexandre, "1963" mistura cultura pop, Guerra Fria e gíria beatnik com resultado de primeira, pena que termina com um gancho para uma edição especial que nunca foi feita. Pode ficar tranquilo porque estou longe do moinho em Cumberland... estou mais para um praia deserta na Indonésia.

[Sobre "O Canto de cisne dos Super Heróis"]

por Rafael Lima
5/4/2002 às
08h23 200.179.78.2
(+) Rafael Lima no Digestivo...
 
Alan Moore e Recruta Zero
Já li, Rafael. Como também li o seu texto sobre o Recruta Zero (50 anos de Preguiça e Insubmissão). Quem estiver lendo isto, faça um favor a si mesmo e dê uma passadinha nesses dois textos do Rafael. Depois pode checar o link da King Features Syndicate: http://www.kingfeatures.com/features/comics/bbailey/about.htm . Mas, faça o que fizer, não leia Lukács. Nem Adorno. Nem Lacan. Não entre para o Lado Chato da Força. Porque a Chatice causa o Medo. O Medo causa o Ódio. O Ódio causa a Dor. A Dor...

[Sobre "O Exército de Pedro"]

por Alexandre
5/4/2002 às
04h02 200.207.125.254
(+) Alexandre no Digestivo...
 
Caros V.,R.,D. e S.
Caros Valentim, Ricardo, Daisy, e Sérgio- vocês são muito gentis. Obrigado. Concordo com o Valentim a respeito de Ingrid Bergman- mas ela lá no céu deve ter entendido o que eu quis dizer. Caso não tenha, peço que a filha me procure para que eu explique. Sobre a novela da qual o Ricardo fala- eu não conhecia. Não tenho a menor lembrança. Parece impossível...Daisy, essas leis, infelizmente, já existem, só que ninguém tinha percebido. Não é vero? Sérgio: é um prazer discordar com você. No bom sentido. Mais uma vez, obrigado.

[Sobre "Furo! Furo! Furo!"]

por Alexandre
5/4/2002 às
02h05 200.205.157.155
(+) Alexandre no Digestivo...
 
Seis Distrações, Agora a Sério
Grande Alexandre, já sou leitor assíduo do sítio Digestivo Cultural, sendo discordante de algumas das suas opiniões, mas observo suas qualidades como Colunista. Suas distrações, previsões, furos ... enriquecem o mais que digestivo espaço cultural

[Sobre "Furo! Furo! Furo!"]

por Sérgio Tadeu
4/4/2002 às
17h36 200.244.157.30
(+) Sérgio Tadeu no Digestivo...
 
As Leis não mais Secretas
De secreto não tem mais nada. Mas são muito divertidas. Se ainda não são leis, merecem um aval de medida provisória, que já vem com pose de lei e muito mais...

[Sobre "Furo! Furo! Furo!"]

por Daisy de Barros
4/4/2002 às
15h47 200.207.161.251
(+) Daisy de Barros no Digestivo...
 
Flutuando rumo ao espírito
Admiráveis leitores! Caro Vinicius, muito obrigado por seus comentários. É preciso mergulhar nas sensações, absorvê-las. E o mais importante - penso eu - é tirar resultado delas. Transformá-las em conhecimento, pois o que se vê hoje é um império das sensações vazias. Desde as Bienais até o cinema de Godard, não há reflexão. Apenas sons, imagens e gritos. Caro Thadeu, a idéia de bildung muito me incitou a buscar novos fundamentos teóricos! Será impressão minha, ou tem tudo a ver com a concepção platônica de educação como cultivo do bem na alma? Uma busca sobretudo individual, que pode ser apenas estimulada pelo educador, não mediante a simples sugestão de conteúdos (ou incitação à revolta crítica), mas através do desenvolvimento de uma relação aluno/ professor em que este se torna o guia daquele, e capaz de incitá-lo ao cultivo dos valores espirituais mais elevados. A coisa vai longe, mesmo porque espiritualidade hoje adquiriu uma conotação totalmente diferente daquela que tinha na Alemanha do idealismo ou na Grécia de Platão. A simples enunciação do termo já faz o sujeito pensar em esoterismo de lojinha ou religião de beatas. Ai ai...

[Sobre "Passado e Liberdade"]

por Evandro Ferreira
4/4/2002 às
15h27 200.167.234.58
(+) Evandro Ferreira no Digestivo...
 
Hollywoodianos: boicote!
Há ainda quem seja platéia deste tipo de filme , mas o cinema hollywoodiano sofre boicote da crítica. Este grupo fechado com mínimo de tempo para analisar obras despreza cultura inútil. Facilmente notável em Onze homens e um segredo.

[Sobre "Digestivo nº 76"]

por Leandro
4/4/2002 às
15h33 200.184.109.17
(+) Leandro no Digestivo...
 
Da poética do auto-cultivo
Gostei muito de seu texto, Evandro. Os dois primeiros paragrafos conduziram-me às paisagens de Gabriel Garcia Marques de uma maneira tal que pude sentir (essa é exatamente a palavra) a textura do sem-fim que o autor, com rara habilidade, trazduz em palavras. Seu texto apresenta, de maneira muito feliz, a complicada arte de estabelecer metáforas. Não é possível olhar para sua idéia de "mergulho revitalizador" com indiferença, afinal, fazer uso de uma introdução de tamanho bom gosto para servir de exata antípoda à mortificante opção hodierna de auto boicote não é para qualquer um. Seu pendor filosófico clássico é bom, embora sugeriria fortemente o diagnóstico de Max Weber da modernidade, onde o indivíduo livre e com capacidade de opção opta por uma jaula de ferro, e as conseqüências para este indivíduo aproximam-no da banalização da vida. Talvez essa situação, conceituada por Georg Simmel como "tragédia" - isto é, quando o indivíduo é o autor da própria desgraça - ganhe contornos analíticos mais adequados e menos generalizantes se confrontada com a idéia de Bildung. Autores separados por vales quase abissais como são Humboldt, Hegel, Gadamer, Kant, Troeltsch e Habermas concordam que Bildung seja a marca da formação do homem alemão por excelência. Weber também, muito embora conceba e defenda a todo custo que Bildung é uma característica estrita e exclusivamente individual, conduzindo a uma idéia mesmo de auto-cultivo. Talvez fosse interessante contrapor as idéias comunitaristas de Bildung com sua concepção individualista se se quisesse ponderar acerca de alternativas para a retirada da humanidade da sua atual roupagem da cultura-contra-si. De todo modo, as duas concepções são teoricamente muito poderosas para pensar, inclusive, se o nó górdio da "falta de sentido que o homem contemporâneo sofre em sua vida" é mesmo a incapacidade de encarar seu passado ou se está localizado em outro ponto. Muito sucesso nas suas investigações sobre o homem.

[Sobre "Passado e Liberdade"]

por Thadeu Silva Filho
4/4/2002 às
14h01 128.148.199.37
(+) Thadeu Silva Filho no Digestivo...
 
Flutuar em vez de rastejar.
Muito conflitante seu artigo ,mas tenho que concordar que o que foi exposto é de se refletir, pois tenho absorvido textos, debates etc... da esquerda e da direita, ambos tem discursos que vão do inferno ao céu, e muitas verdades são ditas pela ótica de pessoas diferentes. O mundo é triste e alegre o que se procura e flutuar nesse espaço ilimitado de sensações que absorvemos durante nossa existência. O que muitas vezes não sabemos é aproveitá-las.

[Sobre "Passado e Liberdade"]

por Vinicius Brown
4/4/2002 às
10h51 200.19.104.154
(+) Vinicius Brown no Digestivo...
 
takk
Alexandre, o segredo é... segredo... hehe. Kika, meu "rebanho" estaria terrivelmente incompleto sem você... :) Falando sério, obrigado pelos comentários e elogios. Escreva sempre que quiser e puder.

[Sobre "mariana ximenes nua!"]

por Fabio Danesi Rossi
4/4/2002 às
10h52 200.183.94.214
(+) Fabio Danesi Rossi no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




SOBRE A GÊNESE E O CAOS: ATENTADO AOS EUA EM 11. 09. 01
JOÃO SOARES NETO
CÓDICE (BRASÍLIA)
(2002)
R$ 22,00



VIDA: A CIÊNCIA DA BIOLOGIA: VOLUME 3: PLANTAS E ANIMAIS
SADAVA,‎HELLER,ORIANS,‎ PURVES, HILLIS
ARTMED
(2015)
R$ 109,98
+ frete grátis



11 PRACTICE TESTS FOR THE SAT & PSAT, 2011 EDITION
PRINCETON REVIEW
PRINCETON REVIEW
(2010)
R$ 25,00



QUEM TEM MEDO DE MORRER DO CORAÇÃO
LUIZ LODO
LACERDA
(2000)
R$ 4,00



ENTIDADES SINDICAIS: LEGISLAÇÃO JURISPRUDÊNCIA PRÁTICA
ADRIANO CAMPANHOLE E OUTROS (4ª EDIÇÃO)
ATLAS (SP)
(1984)
R$ 26,28



VERITAS - LEITURAS DA ÉTICA
RICARDO TIMM DE SOUZA (ORG)
PUCRS
(2007)
R$ 10,00



ECOLOGIA - 11ª EDIÇÃO
SÉRGIO LINHARES E FERNANDO GEWANDSZNAJDER
ÁTICA
(1993)
R$ 25,00



LUZ QUE CONSOLA OS AFLITOS
SANDRA CARNEIRO
VIVALUZ
(2008)
R$ 9,20



DICIONÁRIO ESCOLAR: FRANCÊS-PORTUGUÊS/PORTUGUÊS-FRANCÊS
ROBERTO ALVIM CORRÊA/SARY HAUSER SATEINBERG
FENAME/MEC
(1980)
R$ 15,00



AS ILHAS MORTAIS
JOSÉ FRÈCHES
OBJETIVA
(2004)
R$ 14,74





busca | avançada
29939 visitas/dia
1,1 milhão/mês