Oxigênio | Guga Schultze

busca | avançada
65688 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Digestivo Cultural
O que é?
Quem faz?

Audiência e Anúncios
Quem acessa?
Como anunciar?

Colaboração e Divulgação
Como publicar?
Como divulgar?

Newsletter | Disparo
* Histórico & Feeds
TT, FB e Instagram
Últimas Notas
>>> Paco de Lucía (1947-2014)
>>> A Eclosão do Twitter, de Nick Bilton
>>> Em Busca da Terra do Nunca... e Johnny Depp
>>> A aquisição do Whatsapp, pelo Facebook, por 19 bilhões de dólares
>>> Django Unchained, de Quentin Tarantino
>>> O assassinato e outras histórias, de Anton Tchekhov
>>> The Zen of Bennett, com Tony Bennett
>>> Philip Seymour Hoffman (1967-2014)
Temas
Mais Recentes
>>> A nova classe média
>>> Os 60
>>> O Mito da Eleição
>>> Como sobreviver ao Divórcio de Ricardo Lísias
>>> Era uma vez
>>> Política e Cidadania no Sertão do Brasil (parte 2)
>>> Histórias de superação que não fazem sucesso
>>> Proust, rugas e colesterol
>>> Kurt Cobain; ou: I Miss the Comfort in Being Sad
>>> Eu podia estar matando, podia estar roubando
Colunistas
Mais Recentes
>>> Idade
>>> Origens
>>> Protestos
>>> Millôr Fernandes
>>> Daniel Piza (1970-2011)
>>> Steve Jobs (1955-2011)
Últimos Posts
>>> García Márquez 1982
>>> Gabo: Discurso do Nobel
>>> García Márquez, o filme (1999)
>>> García Márquez na CNN
>>> García Márquez no Digestivo
>>> Someday My Prince Will Come
>>> Redigir com Ana Elisa Ribeiro
>>> Erudito nas igrejas de SP
>>> As Quatro Estações 2003
>>> Filosofia e Jornalismo
Mais Recentes
>>> Harold Ramis (1944-2014)
>>> Sergio Britto & eu
>>> Para o Daniel Piza. De uma leitora
>>> Joey e Johnny Ramone
>>> A Cultura do Consenso
>>> De Kooning em retrospectiva
>>> Delírios da baixa gastronomia
>>> Jane Fonda em biografia definitiva
Mais Recentes
>>> Jaime Pinsky
>>> Luis Salvatore
>>> Catarse
>>> Chico Pinheiro
>>> Sheila Leirner
>>> Guilherme Fiuza
Mais Recentes
>>> Caixa Postal
>>> Nova Seção Livros
>>> Digestivo no Instagram
>>> 2 Milhões de Pageviews
>>> 40 mil seguidores no Twitter
>>> Comentários via Facebook
Mais Recentes
>>> Pastelão
>>> Frida Kahlo e Diego Rivera nas telas
>>> Aos aspirantes a escritor
>>> Diário de um Banana 7 - Segurando Vela
>>> Cotas e ação afirmativa
>>> Sobre as ilusões perdidas
>>> Jornais: conteúdo pago?
>>> Se eu fosse você 2
>>> Lembranças de adolescente: crescendo na internet
>>> Dicionário de Ciências Humanas, de Jean-François Dortier
LIVROS
Mais Recentes
>>> Viver Para Contar
>>> Crônica de Uma Morte Anunciada
>>> Álbum da Copa do Mundo 2014 - Fifa World Cup Brasil - Capa Dura
>>> Gossip Girl - Me Dê Uma Chance
>>> A Filha da Tsarina
>>> O Evangelho Segundo Judas
>>> O Dominador
>>> Corvo Negro
>>> Almanaque 1964
>>> As Sombras de Longbourn
>>> O Silêncio do Algoz
>>> Poesia e Polícia
>>> A paixao medida
>>> Um Outro Amor
>>> Nova Gramática Finlandesa
>>> O Mesmo Mar
>>> Eu Sou Proibida
>>> Dias Perfeitos
>>> Romance com pessoas
>>> Quarenta dias
>>> Cavaleiros
>>> Casa de Segredos
>>> Cartografia da Justiça no Brasil
>>> Homens Difíceis
>>> A Capitoa
>>> Caninos Em Família
>>> O Caminho de Ida
>>> No Caminho da Vitória
>>> O Caminho da Paz
>>> A Guerra que Matou Aquiles
>>> Um Bom Rapaz
>>> O Bispo
>>> Biomecânica Básica do Sistema Musculoesquelético
>>> Biologia Vegetal
>>> Biologia Molecular Básica
>>> Biologia celular e molecular
>>> Bilhões e lágrimas
>>> O Bicho Alfabeto
>>> Belleville
>>> Beco dos Mortos
>>> Bazinga!
>>> As Aventuras de Pedro Coelho
>>> Lira Grega - Antologia de Poesia Arcaica
>>> A Filosofia como Crítica da Cultura
>>> Humor é Coisa Séria
>>> Pensar o Contemporâneo
>>> Arquitetura Grega e Romana
>>> As Neurociências - Questões Filosóficas
>>> Aventuras de Alice no País das Maravilhas
>>> Autodesk Revit Architecture 2014
COMENTÁRIOS

Sexta-feira, 9/3/2007
Comentários
Leitores


Oxigênio
Beleza de texto, Julio. Vale mais essa forma de perceber o Francis que mil análises mais formais sobre ele. E o Francis dava mesmo um gás nos seus leitores, promovia uma oxigenação geral. Seu texto é tocante. Valeu!

[Sobre "Uma década no rastro de Paulo Francis"]

por Guga Schultze
9/3/2007 às
17h40 201.80.148.31
(+) Guga Schultze no Digestivo...
 
críticas de não-críticos
Eu me esbaldo lendo as críticas de cinema de não-críticos; me divirto imensamente lendo as impressões que um livro causa nos não-literatos; e o mesmo com a política, com a música. E opinião é algo bonito. O cinema não é produzido para cineastas, tampouco a literatura para literatos; de modo que ler num blogue as reverberações do autor sobre Shopenhauer é uma chance única de acesso a um tipo de opinião crua, sem gatekeepers editoriais. A crítica sem critério é valiosíssima. É como uma pesquisa de opinião voluntária. Acho que as pessoas devem além de ler, escrever mais. Eu mesmo, aqui, acostumado a postar nada mais que opinião, já fui muitas vezes mal compreendido por leitores que ainda enxergam tudo com um olhar meio ditador; e não as culpo, é herança cultural esse negócio de que opinar é perigoso.(trecho de um post meu, que não coube todo aqui. Você tem toda razão. Depois do medo de opinar, vem o medo de pensar, e aí não tem mais volta. Abraço.)

[Sobre "Honestidade"]

por Ed
http://www.eddcaulfield.wordpress.com
9/3/2007 às
10h59 201.30.142.5
(+) Ed no Digestivo...
 
vale a pena beijar!
Realmente o título "O homem que não gostava de beijo" fica na nossa mente, pertubando e se perguntando, porque que um cara não vai gostar de beijo? O texto está bem escrito e vale a pena beijar!!!

[Sobre "O homem que não gostava de beijos"]

por Clovis Ribeiro
http://www.clubedoscompositores.com.br
9/3/2007 às
10h41 201.92.190.108
(+) Clovis Ribeiro no Digestivo...
 
Paulo Francis é um imortal
A sua marca no jornalismo é vista de forma copiosa por vários dos seus discípulos. Paulo foi uma comediante antes de ser um crítico. Suas apimentadas reportagens sempre conduziam a opiniões contrárias dos seus adversários. Merece o lugar em que está.

[Sobre "Paulo Francis não morreu"]

por Clovis Ribeiro
http://www.clubedoscompositores.com.br
9/3/2007 às
10h39 201.92.190.108
(+) Clovis Ribeiro no Digestivo...
 
comentário sobre Gerald Thomas
Você me convenceu. Realmente deu vontade de ler esse livro. Vou procurá-lo em alguma livraria. Quem sabe o encontre. Abraço. Adriana (PS: Adorei o seu comentário sobre Gerald Thomas, muito pertinente.)

[Sobre "O homem que não gostava de beijos"]

por adriana
9/3/2007 à
01h06 201.58.152.200
(+) adriana no Digestivo...
 
PF no DC
Só agora li o seu texto sobre Paulo Francis. E me encantei de verdade. Parece aquele vinho bom que a gente vai tomando devagar, degustando gostosamente e com medo de que acabe. Li todos os artigos sobre PF no DC. Todos me acrescentaram alguma coisa, mesmo que já soubesse outras tantas. Mas é assim mesmo, uma personalidade como a dele tem que ser de alguma forma reverenciada. Embora politicamente tenha "mudado de lado", nunca perdeu a majestade. Quando vejo Manhattan Connection, ainda penso que ele esteja lá. Contudo, ao ver a cara absolutamente mascarada e inexpressiva de Diogo Mainard, querendo ser polêmico, dizendo que não gosta de música, com um ataque insano ao Lula e uma defesa imoral de Bush, aí vejo que não tem mais jeito. Certamente, se PF estivessse vivo, o Diogo Mainard não conseguiria abrir a boca. Um abraço, Adriana

[Sobre "Uma década no rastro de Paulo Francis"]

por adriana
9/3/2007 à
00h58 201.58.152.200
(+) adriana no Digestivo...
 
homens como Paulo Francis
Se conseguiremos, não sei. Mas se ficarmos presos a teorias e posturas pseudo-direitistas ou pseudo-esquerdistas acho que não. A energia está no mundo, no planeta, nas pessoas. E para movimentá-la temos que ter homens como Paulo Francis, com o seu vigor, com a sua inteligência, veracidade/voracidade. Era autêntico. E isso é que falta no meio jornalístico/cultural. Não compactuava com muitas de suas idéias, mas o admirava pelo que era, pelo que escrevia e dizia. Então, sempre vale a pena escrever sobre uns caras como ele. Nunca é demais! Abraço. Adriana

[Sobre "Mais um texto sobre Francis"]

por Adriana
8/3/2007 às
21h27 201.58.152.200
(+) Adriana no Digestivo...
 
Sinto saudade do velho Lula
Paulo, acho que vc teve bom senso em seu comentário. Chávez e seu aspecto narcisista são evidentes, mas devemos considerar outros. Por exemplo, o fato de ele "enfrentar" o Tio Sam e seus aliados. O que querem? Petróleo. E a Venezuela tem. Penso que se todos os líderes da AL agissem com uma postura similar alguma coisa começaria a mudar na América do Sul. Sinto saudade de quando Lula tinha garra e podia combater, contestar, sem estar acorrentado a tantas alianças. Tenho saudade de quando realmente acreditava que o Brasil poderia mudar de fato. Mas alguém tem que se mexer na AL e Chávez está fazendo isso. Seja por narcisismo ou por um pseudo-socialismo. Quem sabe alguma coisa mude... já ouviu falar na teoria do caos? No efeito borboleta? Pois é. Um abraço. Adriana

[Sobre "Nem capitalismo, nem socialismo, nem morte"]

por adriana
8/3/2007 às
21h17 201.58.152.200
(+) adriana no Digestivo...
 
clube dos amantes do azeite
parece que estamos falando a mesma lingua. ontem, dia 07.03, fui ate' uma loja especializada aqui na minha cidade e comprei 18 vidros de azeite, todos eles de marca e origem diferentes. talvez seja a hora de se criar o clube dos amantes do azeite, se é que ja nao existe. que tal?

[Sobre "Pizzaria São Paulo"]

por carlos hernandes
8/3/2007 às
14h19 201.43.11.159
(+) carlos hernandes no Digestivo...
 
Hugo Chávez não é socialista
Hugo Chávez tem apenas as idéias socialistas para justificar ações que parecem, mas não o são. Talvez o presidente venezuelano seja movido por um sentimento nobre, motivado pela revoltante exploração e degradação humana imposta pelo sistema capitalista. É justo que as vozes ecoem e provoquem reflexões profundas sobre o nefasto processo de globalização econômica que agrava a miséria de populações indefesas, dado o alto grau de dominação dos países ricos. Bush é "hobbeano", revive o estado de natureza onde o que vale é a lei do mais forte. O que revela a mediocridade de um governo arrogante e desumano. Porém, o eixo pelo qual Chavez parece conduzir suas políticas não são confluentes com os ideais socialistas... O nosso espalhafatoso líder sulamericano deseja uma revolução pessoal, que o coloque em alguma página de livro historiográfico. Por que não socializar por exemplo o poder, inaugurando um modelo de democracia plena? Queremos um novo modelo cultural, mas não podemos nos deixar iludir.

[Sobre "Nem capitalismo, nem socialismo, nem morte"]

por Paulo dos Santos
8/3/2007 às
14h10 201.47.156.36
(+) Paulo dos Santos no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

>>> Oh os belos dias em cartaz no Sesc Santana
>>> Por acaso, navalha estreia em São Paulo
>>> Shakespeare à brasileira
>>> FLAUTISTAS DA PRO ARTE 25 ANOS | Abertura da temporada 2014
>>> Fundação Ema Klabin apresenta universo feminino com show de Fogueira das Rosas
>>> Caranguejo do Saara
* clique para encaminhar

Editora Contexto
Editora Perspectiva
Cortez Editora
Hedra
Arquipélago Editorial
WMF Martins Fontes
Civilização Brasileira
Intrínseca
José Olympio
Nova Fronteira
Bertrand Brasil
Madras Editora
Companhia das Letras
Editora Conteúdo
Globo Livros
Editora Record
Best Seller
LIVROS


ALMANAQUE 1964
Por R$ 53,95
+ frete grátis



O GENIAL MUNDO DE MATEMÁTICA
Por R$ 34,95
+ frete grátis



CAVALEIROS
Por R$ 32,95
+ frete grátis



O RITUAL DOS CHRYSÂNTEMOS
Por R$ 34,95
+ frete grátis



AMAR UM POUCO, MUITO... LOUCAMENTE
Por R$ 24,95
+ frete grátis



FISIOTERAPIA ANIMAL - AVALIAÇÃO, TRATAMENTO E REABILITAÇÃO ANIMAL
Por R$ 128,95
+ frete grátis



METALLICA
De R$ 87,37
Por R$ 63,95
Economize R$ 23,42



HERNÁN CORTEZ - CIVILIZADOR OU GENOCIDA?
De R$ 37,00
Por R$ 33,95
Economize R$ 3,05



PULL
Por R$ 72,95
+ frete grátis



O LIVRO DAS DESCOBERTAS - ANIMAIS DA FAZENDA
Por R$ 21,95
+ frete grátis



busca | avançada
65688 visitas/dia
2,2 milhões/mês