Digestivo nº 405 | Julio Daio Borges | Digestivo Cultural

busca | avançada
42220 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
DIGESTIVOS

Sexta-feira, 6/3/2009
Digestivo nº 405
Julio Daio Borges

+ de 1800 Acessos




Imprensa >>> O fim (da era) dos jornais, por Paul Starr
Paul Starr escreveu, até agora, o melhor epitáfio para os velhos jornais, na New Republic. Talvez porque, de maneira inédita, ganhamos um ensaio de um veterano observador, que não foge aos fatos, que não nega a internet em toda a sua complexidade e que prevê um cenário sombrio "além do bem e do mal". Starr extrapola a extinção, em si, do antigo suporte que conhecíamos como "jornal" e procura entender o que isso significa para a nossa sociedade. O texto lamenta, por exemplo, que algumas cidades dos Estados Unidos corram, atualmente, o risco de perder seu último diário. E se algumas seções do vetusto embrulha-peixe já foram substituídas — até com vantagens — por veículos de nicho, na internet, Paul Starr não acredita que alguma organização, oriunda da WWW, vá assumir a cobertura política de outrora. Não com o mesmo "espírito cívico" — como se um repórter de política, ou de assuntos políticos, se sentisse um legítimo representante da sociedade, fiscalizando, cobrando (e até aperfeiçoando) governos, governantes e governados. Starr remete à invenção da TV a cabo e atribui-lhe a culpa pela programação de "entretenimento" que desviou a atenção das massas dos telejornais. Divorciados das hard news — por pura preguiça mental —, muitos cidadãos se alienariam politicamente, tornando-se lenientes para com a corrupção (este trecho nos soa familiar?). A escassez de cobertura política diária, combinada com uma audiência refratária à realidade em volta, resultaria num retrocesso em termos de civilização. O fim dos jornais, para Paul Starr, não seria um fato isolado, mas desencadearia o fim da era dos jornais... [5 Comentário(s)]
>>> Goodbye to the Age of Newspapers
 



Cinema >>> Na Natureza Selvagem, de Sean Penn
"A alegria de viver surge nos nossos encontros com novas experiências, e, portanto, não existe felicidade maior do que a de ter um horizonte em constante mutação, e, para cada dia, ter um novo e diferente sol". Assim falava Alexander Supertramp. Depois de se formar, Christopher McCandless resolveu mandar uma banana para seus pais "materialistas, manipuladores e dominadores", destruiu todos seus cartões de crédito, livrou-se de todos seus documentos e doou suas últimas economias para uma instituição de caridade, a fim de sair numa cruzada solitária pelos Estados Unidos da América, tendo, como objetivo final, viajar até o Alasca e vivenciar sua natureza selvagem em primeira mão. Até aí nenhuma novidade, em termos de ambição, não tivesse McCandless existido de fato — e realizado tal façanha, rompendo com a família por mais de dois anos, e morrendo, de inanição e fome (por descuido), no mesmo Alasca, sem nunca mais retornar. Foi no início dos anos 90. Jon Krakauer transformou em livro, em 1996, Sean Penn transformou em filme (roteirizando e dirigindo), no ano retrasado, e agora podemos assistir em DVD, com trilha premiada de Eddie Vedder e atuação "hipnótica" (segundo Roger Ebert) de Emile Hirsch — como "Alex Supertramp", codinome de Christopher McCandless, em sua jornada vertiginosa e fatal. Leitor de Tolstói, Thoreau e Jack London, "Surpertramp" deixaria, ainda, um diário, cartas e máximas quase filosóficas: "Tantas são as pessoas que vivem infelizes e que, contudo, não tomam a iniciativa de mudar sua própria vida — afinal, estão condicionadas a uma existência de 'segurança, conformismo e conservadorismo'; os quais, aparentemente, trazem paz de espírito — embora, na realidade, nada possa haver de mais danoso ao espírito humano do que um 'futuro seguro'". Paisagens deslumbrantes e personagens exóticos completam o quadro. A crítica foi praticamente unânime. Afinal de contas, não é todo dia que "o melhor ator de sua geração" realiza, na direção e no roteiro, um projeto tão pessoal. [7 Comentário(s)]
>>> Into the Wild
 



Literatura >>> O Outro, um conto de Jorge Luis Borges
"A cegueira gradual não é uma coisa trágica. É como um lento entardecer de verão", escreveu, ou ditou, Jorge Luis Borges, em um dos diálogos de "O Outro", conto dos anos 70, onde conversa com uma versão cinco décadas mais jovem de si próprio, como num sonho... A ideia — de dar conselhos a si mesmo —, se não era nova, foi copiada, indefinidamente, desde então. Com muita poesia, o velho Borges procurava metáforas que correspondessem a afinidades íntimas, "que a imaginação já aceitou"; enquanto isso, o jovem Borges era ardente, taxativo e, poeticamente, queria "inovar" — ainda que seus "hinos (ou ritmos) vermelhos" remetessem ao verso azul, de Rubén Darío, e à canção cinza, de Verlaine... "O poema ganha se imaginarmos que é a manifestação de um anseio, não a história de um fato", sugere o velho Borges, embora o jovem só quisesse saber de Os Demônios, de Dostoiévski ("o mestre russo [que] mais penetrou[...] nos labirintos da alma eslava")... Idealista, o jovem Borges prometia ser a voz dos que, justamente, "não tinham voz", mas o velho não lhe perdoaria o cacoete ideológico: "Sua massa de oprimidos e párias não passa de uma abstração. Só existem os indivíduos, se é que alguém existe". Rebelde contra os modernismos, era chegada a vez do velho se horrorizar com a contemporaneidade: "Não me surpreenderia se o ensino de latim fosse substituído pelo de guarani"... Perdidos num banco qualquer do tempo, depois de uma conversa (que não poderia ser um sonho), os dois se afastaram, assustados, e combinaram outra no dia seguinte, mas nunca mais voltariam a se encontrar... A história está em O Livro de Areia, relançado ultimamente, dentro da Biblioteca Borges. [2 Comentário(s)]
>>> O Livro de Areia
 

 
Julio Daio Borges
Editor

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




SOCIEDADE DOS PAIS MORTOS (LACRADO)
MATT HAIG
RECORD
(2011)
R$ 31,00



OS COMEDIANTES
GRAHAM GREENE
CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA
(1966)
R$ 10,00



PARA SEMPRE
KRICKITT CARPENTER; KIM CARPENTER
NOVO CONCEITO
(2012)
R$ 10,00



ANTES QUE VOCÊ PENSE OUTRA COISA
BRUCE I. DOYLE I I I
CULTRIX
(2013)
R$ 19,95



O RAMO DE PRATA - VOL. 2
ROSEMARY SUTCLIFF
GALERA RECORD
(2012)
R$ 30,00



QUESTÕES DE PORTUGUÊS COM PREFÁCIO DE RUI BARBOSA
ASSIS CINTRA RUI BARBOSAPREF
MELHORAMENTOS
R$ 19,84



DA COAÇÃO COMO DEFEITO DO JURÍDICO
OROSIMBO NONATO
ED. FORENSE
(1957)
R$ 55,00



EXAME DE ORDEM: DIREITO PROCESSUAL PENAL
NESTOR TÁVORA E VILMAR VELHO PACHECO FILHO
IESDE BRASIL (CURITIBA)
(2009)
R$ 25,28



CRÔNICAS DA INSÔNIA
KLAUS K.S.
SOUL
(2018)
R$ 29,90



A INVASÃO CULTURAL NORTE-AMERICANA (CULTURA)
JÚLIA FALIVENE ALVES
MODERNA
(1989)
R$ 12,00





busca | avançada
42220 visitas/dia
1,3 milhão/mês