Publique eletronicamente ou pereça: Ken Auletta na New Yorker | Digestivo Cultural

busca | avançada
33925 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Namíbia, Não! curtíssima temporada no Sesc Bom Retiro
>>> Ceumar no Sesc Bom Retiro
>>> Mestrinho no Sesc Bom Retiro
>>> Edições Sesc promove bate-papo com Willi Bolle sobre o livro Boca do Amazonas no Sesc Pinheiros
>>> SÁBADO É DIA DE AULÃO GRATUITO DE GINÁSTICA DA SMART FIT NO GRAND PLAZA
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Modernismo e além
>>> Pelé (1940-2022)
>>> Obra traz autores do século XIX como personagens
>>> As turbulentas memórias de Mark Lanegan
>>> Gatos mudos, dorminhocos ou bisbilhoteiros
>>> Guignard, retratos de Elias Layon
>>> Entre Dois Silêncios, de Adolfo Montejo Navas
>>> Home sweet... O retorno, de Dulce Maria Cardoso
>>> Menos que um, novo romance de Patrícia Melo
>>> Gal Costa (1945-2022)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lula de óculos ou Lula sem óculos?
>>> Uma história do Elo7
>>> Um convite a Xavier Zubiri
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
Últimos Posts
>>> A moça do cachorro da casa ao lado
>>> A relação entre Barbie e Stanley Kubrick
>>> Um canhão? Ou é meu coração? Casablanca 80 anos
>>> Saudades, lembranças
>>> Promessa da terra
>>> Atos não necessários
>>> Alma nordestina, admirável gênio
>>> Estrada do tempo
>>> A culpa é dele
>>> Nosotros
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Informação, Redes Sociais e a Revolução
>>> Raul Gil e sua usina de cantores
>>> Os Rolling Stones deveriam ser tombados
>>> Manual prático do ódio
>>> Por que Faraco é a favor da mudança ortográfica
>>> Modernismo e Modernidade
>>> A favor do voto obrigatório
>>> O último estudante-soldado na rota Lisboa-Cabul
>>> Sobre o Ronaldo gordo
>>> A nova escola
Mais Recentes
>>> Oposição Complementar - Opposition Complementaire de Vários Autores pela Os Museus (1996)
>>> Austria In Colour de Kurt Peter Karfeld pela Osterreichische Staatsdruckerei, vienna (1957)
>>> Azincourt de Bernard Cornwell pela Record (2009)
>>> Internet Art - Digital Culture de Ricardo Barreto & Paula Perissinoto pela Imprensa Oficial (2002)
>>> Tempo de Gangorra de Saïd Farhat pela Tag (2023)
>>> Guerra dos Tronos: as Cronicas de Gelo e Fogo - Livro 1 de George R. R. Martin pela Leya (2010)
>>> Inteligência Artificial de Kai-fu Lee pela Globo (2019)
>>> Budismo: Psicologia do Autoconhecimento de Dr. Georges da Silva & Rita Homenko pela Pensamento (1999)
>>> Aços e Ferros Fundidos 6ª Ed de Vicente Chiaverini pela Associação Brasileira de Metal (1990)
>>> Historias Disparatadas de Vic Parker pela Silver Dolphim (2021)
>>> O Monge e o Filosofo: o Budismo Hoje de Jean-françois Revel e Matthieu Ricard pela Mandarim (1998)
>>> Kaplan GMAT 800, 2005-2006 de Vários Autores pela Kaplan Publishing (2005)
>>> Crónica de la Colonia Galesa de la Patagonia de Abraham Matthews pela El Regional (1975)
>>> Le New York de Paul Auster de Gérard de Cortanze , James Rudnick pela Du Chêne (1993)
>>> Effective horsemanship de Noel Jackson pela Arco Publishing (1967)
>>> Livro - Guias de campo- O ceu de Guias de campo pela Escala educacional
>>> Eclipse de Stephenie Meyer pela Intrinseca (2008)
>>> Famílias Terrivelmente Felizes de Marçal Aquino pela Cosac Naify (2003)
>>> Crepusculo de Stephenie Meyer pela Intrinseca (2008)
>>> O Olho Mais Azul de Toni Morrison pela Companhia das Letras (2019)
>>> The White Face de Carl Ruthven Offord pela Robert M. McBride Company (2023)
>>> Belas Maldições de Neil Gaiman Terry Pratchett pela Bertrand do Brasil (2017)
>>> Um dia minha alma se abriu por inteiro de Iyanla Vazant pela Sextante (2000)
>>> Marley e eu de John Grogan pela Prestigio (2006)
>>> Na Companhia de Soldados - o Dia-a-dia da Guerra do Iraque de Rick Atkinson pela Bertrand Brasil
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Internet

Terça-feira, 11/5/2010
Publique eletronicamente ou pereça: Ken Auletta na New Yorker
Julio Daio Borges
+ de 5700 Acessos
+ 2 Comentário(s)




Digestivo nº 462 >>> Para variar, a discussão sobre o impacto do livro eletrônico — via Kindle, via iPadainda mal começou no Brasil, embora, nos Estados Unidos, já esteja pegando fogo. Ken Aulettaque dedicou um volume inteiro ao Google — resolveu se debruçar sobre o impacto do iPad, no universo do livro eletrônico, e escreveu a melhor reportagem sobre o assunto, na New Yorker. Auletta foge do óbvio e nisso está seu mérito. São, atualmente, duas visões de mundo, sobre o futuro do livro, que se chocam no palco dos novos leitores eletrônicos. De um lado, a Amazon, a maior livraria do planeta. Jeff Bezos, seu fundador, já declarou, por exemplo, que o livro físico está condenado, e, dentro da sua empresa, acredita-se que conseguir vender um e-book por US$ 9,99 — em plena era dos downloads — é um grande feito. (E é mesmo.) No outro corner, estão os publishers, as grandes editoras de livros de papel dos EUA, que consideram impossível sobreviver com edições eletrônicas a menos de dez dólares. Então surge Steve Jobs... — o mago do iPod, do iPhone... e do iPad! Jobs, que já viu a cara da morte duas vezes, estaria pensando, agora, em seu legado, conta a reportagem. E nada mais heróico, neste momento, do que salvar o velho mainstream editorial... Na queda-de-braço para tornar o negócio viável, as editoras queriam vender os e-books a dezessete dólares (16,99) e a Apple a quinze. Quem assistiu à demonstração da loja iBooks em janeiro, deve ter notado que o preço dos lançamentos estava em US$ 14,99. Um blogueiro mais atento, depois que todo mundo babava em cima do iPad, resolveu confrontar Jobs em plena descida do palco: "Por que você acha que alguém vai pagar esse preço quando pode comprar o mesmo livro na Kindle Store [que funciona no iPad] a US$ 9,99?". "Porque o preço não vai ser US$ 9,99", rebateu Jobs. E a Macmillan provou seu ponto, quando ameaçou sair da Amazon em fevereiro, caso não pudesse vender seus e-books acima de US$ 9,99. (Jobs ficou orgulhoso do feito.) Auletta sugere que esse maniqueísmo, contudo, é apenas uma parte da história. No meio do ano, o Google promete entrar na briga, com a sua "Google Editions", e 12 milhões de títulos eletrônicos — para serem vendidos em toda e qualquer plataforma. Auletta ainda deixa sugerido que o mercado editorial vai ter de diminuir os longos almoços durante a semana e tentar se entender com os "engenheiros" que criaram (e hoje dominam) a internet. Para encerrar a matéria, sugestivamente (como sempre), com a parábola de um agente literário não identificado: "Você pode até criar asas e tentar desafiar a lei da gravidade mas vai acabar caindo no chão da realidade".
>>> The iPad, the Kindle, and the future of books
 
Julio Daio Borges
Editor
Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Partimpim 2, de Adriana Calcanhotto (Música)
02. O novo show do U2 transmitido pelo YouTube (Televisão)
03. Outsiders, de Howard S. Becker (Além do Mais)
04. Trio 202 ao Vivo: New York + São Paulo (Música)
05. As Cem Melhores Crônicas Brasileiras (Literatura)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
14/5/2010
14h31min
Eu quero que essas explodam. Há mais de 4 anos que produzo os meus próprios e-books. Quando há necessidade, mando encadernar, em qualquer copiadora, a quantidade que me interessar e a um preço bem mais baixo que R$ 19,99 (para mais de 100 páginas ainda fica mais barato cada cópia). Agora já encontramos empresas pequenas que produzem livros equivalentes a grandes empresas e podemos encomendar a quantia desejada (30, 40, 50 ou 100 exemplares) sem nenhuma complicação. O registro na BN (Biblioteca Nacional) também ficou bem mais fácil, é só entrar no seu site e baixar os impressos. Pra quê canseira? Laguem este pessoal prá lá. Faça você mesmo o seu livro! Abraços. Manoel.
[Leia outros Comentários de Manoel Amaral]
19/5/2010
11h54min
Fazer o próprio livro é fácil. O difícil é distribuí-lo. Se é pra não ter leitores, melhor ficar só com um blogue mesmo.
[Leia outros Comentários de Amâncio Siqueira]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O Pássaro Que Não Queria Voar
Cláudia Felício
Cetip
(2010)



50 Anos Depois
Vários
Mndh
(2001)



A Espada e a Balança
Jason Tércio
Jorge Zahar
(2002)



Brás, Bexiga e Barra Funda: Notícias Paulistas
Antonio de Alcantara Machado
Nova Alexandria
(1995)



Nossa Senhora do Pilar um Culto Emboaba: Nova História de Minas Gerais
José Efigênio Pinto Coelho
Ufop
(1991)



Literatura Comentada: José Louzeiro
José Louzeiro
Abril
(1982)



Miroca e Suas Botinas
Juciara Rodrigues
Formato
(2010)



Dez Motivos para Amar os Livros / 5ª Ed - Confira !!!
Jonas Ribeiro; Lucia; Tati Toledo
Elementar
(2018)



Winnie At the Seaside -
Valerie Thomas and Korky
Oxford University Press
(2005)



Cartas de Lejos
V. I. Lenin
Anteo
(1957)





busca | avançada
33925 visitas/dia
1,4 milhão/mês