Cena 13, Externa, Dia | Juliano Maesano | Digestivo Cultural

busca | avançada
42810 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 23/8/2001
Cena 13, Externa, Dia
Juliano Maesano

+ de 3000 Acessos

Me pedem para escrever um pouco mais sobre filmes e cinema. A maioria dos leitores e amigos querem saber um pouco mais sobre o lado técnico ou os bastidores... esse tipo de coisa. Tenho muito material técnico, um grande arquivo de fichários, livros, formulários, guias e muitas outras "tralhas" que fazem parte do mundo da produção de Cinema, TV e Vídeo; mas resumir tudo aqui em uma coluna não é fácil. O complicado é achar a maneira de explicar, um modo que faça a técnica parecer interessante.

Assim como fiz com minha primeira coluna, que falava sobre Produção, tentarei abordar aqui assuntos que fazem parte do dia-a-dia de muitos profissionais, e quem sabe contar um ou outro segredo que aprendi com os melhores?

Scheduling

Bom, esse termo aí em cima significa algo como "Cronograma", "Planejamento de Produção" ou "Como Marcar os Dias Para a Filmagem". Esse último eu inventei agora....

Para fazer a "organização" das suas cenas, você vai precisar estar com o roteiro pronto e ter uma idéia final de suas locações e estúdio, de preferência. Aí você passa toda essa informação para o seu Primeiro Assistente de Direção e ele deverá fazer esse serviço tão importante. No roteiro ele verá as cenas e suas separações, como número da cena, externa ou interna e dia ou noite.

O Primeiro Assistente colhe essas informações e agora vai ser o cara que vai planejar quais cenas serão filmadas em quais dias. Parece fácil, não? Não. Para fazer isso perfeitamente ele precisa de experiência, conhecimento, acesso à informação e, sempre, um pouquinho de sorte. Quais são as "regras" para o cronograma? Existem muitas... e muitos profissionais que não concordam com todas. Vou destacar as que eu considero mais importantes, e vocês podem me dizer o que acham, tá bom?

Perceba que algumas das regras podem ser incoerentes umas com as outras, mas não fique assustado; esse é o mundo do cinema e não da matemática.

1) Procure sempre filmar o roteiro na mesma ordem em que a história corre

Já de cara você vai ver que essa regra sempre é quebrada, mas mesmo assim ela é muito importante. Ela quer dizer que você deve "tentar" filmar no curso normal da história: começo, meio e fim, com todas as cenas numa ordem que seria "real" ou "normal". Seguindo a regra, você filmaria o cara dirigindo, parando o carro, abrindo a porta, entrando no prédio e chamando o elevador.

(O mais comum é filmar tudo fora de ordem, tipo: filmam o cara chamando o elevador logo cedo pois lá fora tá chovendo. Parou a chuva, filma logo o cara entrando no prédio. Agora dirigindo ou saindo do carro. Cadê o carro? Ih, não deu pra hoje, o produtor só descolou o carro pra daqui duas semanas, aquele carro bem antigo, duro de achar.)

Isso tudo pois os acontecimentos no seu filme, sendo feitos em ordem, fornecem aos atores uma maior idéia sobre as emoções dos personagens, pois as coisas estão acontecendo em "tempo real".

Agora convenhamos, ninguém segue essa regra. Mas não porque não gostam dela, e sim pois quase todas as situações são desfavoráveis. Seja por um ator que está ocupado, uma locação que não está disponível ou um cenário que não está pronto, você sempre vai ter que mudar toda a ordem das coisas. Mas lembre-se: tente manter a ordem em todas as instâncias: seja a ordem do filme todo, de uma sequência ou de uma cena. Filme em ordem, sempre que puder.

2) Procure sempre agendar as filmagens externas primeiro

Essa regra também é a mais usada. Marque as cenas ao ar livre no começo do filme, pois em caso de mau tempo você irá para um "plano B", o chamado cover set ou "set de cobertura", ou seja, caso chova no dia em que ia fazer a cena no parque, você já havia preparado o estúdio para fazer outra cena, e assim não perder aquele dia. Se você deixar as externas para o fim das filmagens, não tem o que fazer e vai perder o dia, arcando com custos altíssimos de pessoal e equipamentos.

3) Junte as cenas que usam o mesmo equipamento e/ou atores

Bom, essa regra normalmente quebra todas as outras. Vou explicar: se no seu filme você contratou o John Travolta, você vai querer que ele faça todas suas cenas em menos tempo possível. Você prefere pagar transporte, hospedagem e mais o cachê dele (e de todos os assistentes que vêm com ele) por 2 semanas ou apenas por 3 dias? Para fazer com que ele fique pouco, você vai juntar três dias e fazer todas as cenas com ele, os atores que atuam em cena com ele, os equipamentos necessários para essas cenas e tudo o mais, sem se preocupar com cronologia do roteiro, tomada externa ou interna e o resto (mas sempre leve as primeiras regras em conta, faça primeiro as cenas externas do Travolta para garantir. Em caso de mau tempo, corra com o galã para o estúdio e economize uma grana).

Deu pra entender essa regra? O mesmo vale para equipamentos: junte as cenas em dias seguidos, nas quais você usará aquela super câmera especial estilo Matrix, pois você não vai querer pagar uma semana de câmera e usá-la só na segunda e depois na sexta feira, deixando a terça, a quarta e a quinta como dias parados para esse equipamento e desperdiçando dinheiro.

Notem que tudo entra nessas equações: o cachê do ator, o tempo que certo ator terá para você (ele pode estar em muitos outros projetos e só aceitar caso você filme em dias que ele estipulará), a velocidade de sua equipe, o bom humor de São Pedro, os horários de vôos comerciais, sua verba, etc...

Você vai notar que essas regras já são o bastante. Tenho muitas mais que uso e muitas que não uso, mas aí só revelarei à pessoa mais indicada. Não irei jogar esse conhecimento por aí, não é? O importante é ter a noção do funcionamento da coisa.

Uns últimos fatores importantes são: você tem que saber quão grande é uma cena, pois uma cena pode durar três dias de filmagem sendo bem comprida e outra pode ser curta e ser feita em 4 horas. Existem maneiras de medir cenas pelo roteiro.

Você também tem que estar pronto para mudar parte ou todo seu cronograma a cada dia de filmagem. As coisas vão sendo feitas, os imprevistos vão surgindo, os atores ficam doentes e você vai ter que alterar muita coisa do seu plano inicial. O cronograma de um filme deve sempre estar à mão do responsável por ele, para mudanças e consultas. Muitas vezes o diretor, um técnico ou produtor irá querer saber algo sobre o dia seguinte ou uma semana a frente. Você abrirá seu cronograma e explicará as razões escolhidas.

Para tudo isso, usa-se uma "pasta" chamada de strip board. É uma pasta ou quadro dobrável onde você coloca tirinhas representando as cenas. As tirinhas são facilmente removíveis e você as troca de lugar conforme o cronograma muda. Você compra a pasta e várias tirinhas em branco (ou as imprime em programas especializados de computador). Preencha as tirinhas com informações que usará para chegar às decisões de cronograma, como: interna ou externa, dia ou noite, atores que estão na cena, efeitos especiais ou não, carros ou não, objetos na cena, observações especiais, etc...

Com isso, tudo será mais fácil pois, por exemplo, cada ator tem seu número no seu cronograma. John Travolta é o ator 14. Veja todas tirinhas que têm o 14 e junte-as todas. Assim terá as cenas de Travolta, os atores que devem estar com ele, os carros e os equipamentos especiais, tudo facilmente observado e fácil de resolver. Se algo acontecer, tire a tirinha e coloque outra ali, mudando as cenas de datas..... na foto dessa página, você pode ver meu cronograma com Jack Waterhouse, meu Primeiro Assistente no filme "The Best Man in Grass Creek". As tirinhas americanas já são vendidas em certas cores, assim você sabe que amarela é externa/dia, verde é interna/dia, branca é externa/noite e azul é interna/noite. As pretas dividem os dias e as laranjas eram observações.


Juliano Maesano
São Paulo, 23/8/2001


Mais Juliano Maesano
Mais Acessadas de Juliano Maesano em 2001
01. Anos Incríveis - 21/6/2001
02. Filmes de Natal - 13/12/2001
03. Harry, Rony e Hermione - 22/11/2001
04. O Papel do Produtor - 5/2/2001
05. Paraguai - 10/5/2001


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




CONVITE DE CASAMENTO - SABRINA 1221
ANNETTE BROADRICK
HARLEQUIN BOOKS
(2002)
R$ 6,90



O DIÁRIO DE UM MAÇOM
PAULO VALZACCH
UNIVERSO DOS LIVROS
(2008)
R$ 15,00



LIDERANDO E INTERAGINDO COM TODOS
JORGE FONTES
PARMA
(2007)
R$ 7,00



50 DIRETRIZES (E 186 METAS) PARA O 50º ANIVERSÁRIO DE OSASCO 2012
PREFEITURA DE OSASCO (SEGUNDA EDIÇÃO)
PREFEITURA OSASCO
(2010)
R$ 18,28



NOVOS TITÃS 35
VARIOS AUTORES
DC - PANINI COMICS
(2013)
R$ 20,00



COMO SER LEGAL
NICK HORNBY
ROCCO
(2002)
R$ 5,50



SINPSES JURÍDICAS VOL. 12 - PROCESSO DE EXECUÇÃO E CAUTELAR
MARCUS VINICIUS RIOS GONÇALVES
SARAIVA
(2009)
R$ 15,17



ISLAMISMO E HUMANISMO LATINO: DESAFIOS E DIÁLOGOS
ARNO DAL RI JR E ARI PEDRO ORO (ORGS)
VOZES
(2004)
R$ 32,28



O PARAÍSO VIA EMBRATEL
LUIZ AUGUSTO MILANESI
PAZ E TERRA
(1978)
R$ 20,00



MANUAL DO SELECIONADOR DE PESSOAL
J. H. BUENO
LTR
(1995)
R$ 10,00





busca | avançada
42810 visitas/dia
1,2 milhão/mês