Wikipedia e a informação livre | Gian Danton | Digestivo Cultural

busca | avançada
29126 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> SESC BELENZINHO RECEBE SHOW DE ZÉ GUILHERME QUE LANÇA QUARTO DISCO E COMEMORA 20 ANOS DE CARREIRA
>>> MOSTRA CENA SUL, DO SESC BELENZINHO, TRAZ ESPETÁCULO DO COLETIVO ERRÁTICA (RS)
>>> SESC BELENZINHO RECEBE MARIÂNGELA ZAN E JULIANA ANDRADE NO PROJETO MÚSICA DE RAIZ
>>> WANDER WILDNER FAZ SHOW DE SEU MAIS RECENTE ÁLBUM NO SESC BELENZINHO
>>> CCBB reabre teatro com espetáculo 'Vigiar e Punir'
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> K 466
>>> 2 leituras despretensiosas de 2 livros possíveis
>>> Minimundos, exposição de Ronald Polito
>>> Famílias terríveis - um texto talvez indigesto
>>> O Carnaval que passava embaixo da minha janela
>>> A menos-valia na poesia de André Luiz Pinto
>>> Lançamentos de literatura fantástica (1)
>>> Cidadão Samba: Sílvio Pereira da Silva
>>> No palco da vida, o feitiço do escritor
>>> Um olhar sobre Múcio Teixeira
Colunistas
Últimos Posts
>>> Por que ler poesia?
>>> O Livro e o Mercado Editorial
>>> Mon coeur s'ouvre à ta voix
>>> Palestra e lançamento em BH
>>> Eleições 2018 - Afif na JP
>>> Lançamentos em BH
>>> Lançamento paulistano do Álbum
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 2
>>> Ana Elisa Ribeiro lança Álbum
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
Últimos Posts
>>> Melodia
>>> Osmose Vital
>>> Dégradé
>>> Na rama
>>> Domingos de Oliveira (1936-2019)
>>> Latitudes & Longitudes
>>> Renovação
>>> Prefácio
>>> Descendências
>>> Nem mais nem menos
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Como eu escrevo
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
>>> A profecia de Os Demônios
>>> Fotógrafa da Amazônia é destaque na Europa
>>> Sim, é possível ser feliz sozinho
>>> Eu sei o que é melhor pra você
>>> O fim da revista Bravo!, na editora Abril
>>> Generaciones de blogueros
>>> Os ombros suportam o mundo
>>> Lançamentos de literatura fantástica (1)
Mais Recentes
>>> No vai e vem da vida de Pedro Santiago/Dizzi Akibah pela Eme (2017)
>>> Brasil-Menino de Fátima Miguez pela DCL Difusão Cultural do Livro (2006)
>>> Sete Histórias de Pescaria do Seu Vivinho - Cordel em Quadrinhos de Fábio Sombra & João Marcos pela Abacatte (2011)
>>> Marilu de Eva Furnari pela Moderna (2012)
>>> Coligações e disputas eleitorais na Nova República de Silvana Krause, Carlos Machado, Luis Felipe Miguel orgs. pela Konrad Adenauer Stiftung (2017)
>>> Peças e engrenagens dos jogos políticos no Brasil de Adnré Marenco dos Santos, Igor Gastal Grill, Ernesto Seidl, Carlos Souza orgs. pela Oikos (2012)
>>> Mitos Gregos de Eric A. Kimmel pela WMF Martins Fontes (2017)
>>> Stay There - You Move - Completo de Vários Autores pela Klinos (2011)
>>> Fundaciones en el tiempo de Elsa Elida von Fehleisen pela Amalevi (1995)
>>> Em nome do amor de Lourdes Marconato/Maria Cecilia pela Correio Fraterno (2016)
>>> A Origem das Espécies de Charles Darwin pela Hemus (1994)
>>> O Noviço de Martins Pena pela Klick (1997)
>>> Poemas - Antologia comentada de Fernando Pessoa pela Leitura XXI (2015)
>>> As loucuras do rei de Jean Plaidy pela Record (1994)
>>> Anna de Assis: História de um Trágico Amor de Judith Ribeiro de Assis e Jefferson de Andrade pela Codecri (1987)
>>> A Muralha da China de Franz Kafka pela Clube do Livro (1968)
>>> A Princesa Leal de Philippa Gregory pela Record (2007)
>>> Teatro, Mujer y Latinoamérica de Maria Julieta Ambrosoni pela Editorial Tablado UberoAmericano (2000)
>>> Se Me Deixam Falar de Moema Viezzer pela Freitas Bastos (1981)
>>> Literatura Infantil: Estudos de Bárbara Vasconcelos de Carvalho pela Lotus
>>> A Vida de Disraeli de André Maurois pela Nacional (1957)
>>> Histoires dàmour de l´histoire de france de Guy breton pela Noir et blanc (1957)
>>> Pérola ao Sol: Apontamentos pra uma História de Guarujá - Dedicatória da Autora de Monica de Barros Damasceno e Paulo Mota pela P.m.g - D.e.c
>>> El agua en la industria textil de Juan b puig pela Jose monteso (1948)
>>> Fronteira Brasil/Venezuela encontros e desencontros de Aimbere freitas ms pela Corprint (1998)
>>> Dios nunca parpadea de Regina brett pela Planeta
>>> A Irmã de Ana Bolena de Philippa Gregory pela Record (2010)
>>> Memórias de um doente dos nervos de Daniel paul schereber pela Paz e terra (1995)
>>> Uma farmácia para a alma de Osho pela Sextante (2006)
>>> Xadrez sem mestre para principiantes de J carvalho pela O livreiro
>>> A Herança de Ana Bolena de Philippa Gregory pela Record (2010)
>>> Concepto rosacruz del cosmos la fraternidad rosacruz de Max heindel pela Kier (1987)
>>> O clube dos anjos - Gula de Luis Fernando Veríssimo pela Objetiva (1998)
>>> Cristo em cadeias comunistas de Richard wurmbrand pela Cpad (1980)
>>> O jogo do bicho como jogar e ganhar de Gehisa saldanha pela Ediouro (1986)
>>> O Bobo da Rainha de Philippa Gregory pela Record (2010)
>>> Vinho sem segredos de Patricia tapia pela Planeta (2004)
>>> Justificação estética do cinema de Gonçalves Lavrador pela Colecção movimento (1974)
>>> A velhinha de Taubaté de Luis Fernando Veríssimo pela L&PM (1983)
>>> Adelia bastos krefta de Minha alma gemea pela Santa monica (1999)
>>> Sinfonia da alma de Ana cristina vargas pela Vida e consciencia (2014)
>>> O Amante da Virgem de Philippa Gregory pela Record (2007)
>>> Reencarnação e imortalidade de Alexandra david-neel pela Ibrasa (1989)
>>> Introdução ao tarot e cabala de Samael aun weor pela Aef (2015)
>>> A morte é uma farsa por jose antonio de Ana cristina vargas pela Vida e consciencia (2011)
>>> Kit Atelier do Chocolate - Série Especial de Trish Deseine pela CookLovers (2019)
>>> Uma flor do nosso jardim pelo espirito nina arueira de Alceu costa filho pela Petit (2005)
>>> Celebrando com uma Princesa Judia de Georgie Tarn /Tracey Fine pela Senac (2012)
>>> The Fragility of Goodness: Luck and Ethics in Greek Tragedy and Philosophy de Martha C. Nussbaum pela Cambridge UP (2001)
>>> O diário de sofia pelo espirito nina arueira de Alceu costa filho pela Petit (2002)
COLUNAS >>> Especial Wikipedia

Quarta-feira, 2/5/2007
Wikipedia e a informação livre
Gian Danton

+ de 5900 Acessos

No livro Cibernética e sociedade, Norbert Wiener, reclamava contra a transformação da informação em uma mercadoria: "A informação deve poder circular. A sociedade da informação só pode existir sob a condição de troca sem barreiras. Ela é, por definição, incompatível com o embargo e a prática do segredo, com as desigualdades de acesso à informação e sua transformação em mercadoria. O avanço da entropia, representado pela não informação, é diretamente proporcional ao recuo do progresso".

Para seu desgosto, o modelo que acabou se impondo foi mesmo o de informação como mercadoria, uma mercadoria cara, que torna algumas pessoas ricas e relega milhões à exclusão. Mesmo a criação a Internet, em boa parte, segue essa lógica. Vejam o caso do UOL, cuja maior parte do conteúdo é de acesso livre apenas para assinantes.

As enciclopédias surgiram com proposta semelhante à da cibernética: democratizar a informação. Os filósofos iluministas acreditavam que o acesso ao conhecimento facilitaria à sociedade divorciar-se das trevas da Idade Média. A irracionalidade e a superstição sucumbiriam diante das luzes enciclopédicas.

Ocorre que a enciclopédia foi transformada em mercadoria e, se por um lado, sua existência iluminou as classes abastadas, por outro lado, deixou nas trevas toda uma camada de excluídos.

Além disso, a cristalização do conhecimento parecia não ser um grande problema na época do iluminismo, mas logo se revelou fatal. "A idéia de que a informação possa ser armazenada, num mundo em constante mudança, sem com isso sofrer enorme depreciação, é uma idéia falsa", afirmava Wiener.

Algumas enciclopédias tentaram solucionar o problema enviando aos seus assinantes, todos os anos, um livro de atualização, uma solução canhestra, pois não eliminava as informações defasadas existentes em outros livros. Como exemplo, uma enciclopédia lançada pouco antes da queda do muro de Berlin viu-se com dezenas, talvez centenas de verbetes desatualizados com a desestruturação do bloco socialista. Com a popularização dos computadores, as enciclopédias tentaram desesperadamente resolver a situação emitindo, de tempos em tempos, CD-ROM com atualizações, o que, de qualquer forma não eliminava o problema de que boa parte das informações constantes nos livros estavam desatualizadas.

Outra dificuldade das enciclopédias convencionais é que elas lidavam apenas com aquilo que os cibernéticos chamam de informação classificadora. Nesse contexto, as informações são classificadas em categorias mutuamente excludentes. Uma baleia é, ou um peixe, ou um mamífero. Não se pode incluir uma coisa em duas categorias. A informação relevante e a relacional eram totalmente ignoradas.

A informação relevante trata daquilo que é relevante para cada pessoa. Se quero aprender a engraxar sapatos, o melhor tipo de graxa é uma informação relevante para mim. Se meu vizinho quer saber como se alimenta um passarinho, essa é a informação relevante para ele.

Nas enciclopédias, só era considerada relevante a informação oficial. Você poderia encontrar facilmente a relação dos presidentes brasileiros, mas provavelmente não acharia o nome do ator que interpretou um símio no primeiro filme do Planeta dos macacos.

No universo relacional, as informações têm relevância pela sua relação com outras informações. Usando essa lógica, eu posso começar pesquisando sobre Jorge Luis Borges, encontrar informações de que o autor era fascinado por tigres e ir pesquisar tigres. Ao acessar essa informação, posso descobrir que os tigres vivem em sua maioria na Ásia, em países como a Índia. Assim, uma pesquisa que começou com Borges pode terminar com religiões indianas. Na enciclopédia convencional, fazer esse tipo de link exigiria a abertura desordenada de vários volumes e um trabalho colossal.

O surgimento da Wikipedia mudou tudo. Pela primeira vez havia surgido uma enciclopédia a que se pode ter acesso universal, na qual a informação é totalmente livre. Uma enciclopédia na qual o universo relacional é predominante. Na Wikipedia podemos viajar entre os links relacionando informações com o simples clicar de um mouse.

A Wikipedia também rompeu com a forma vertical com que se fazia enciclopédias, permitindo a emergência da informação relevante. Como o leitor pode ser também autor, ele introduz informações que são relevantes para ele, rompendo com o discurso oficial e, ao mesmo tempo, mantendo a enciclopédia atualizada quase que diariamente.

Um exemplo interessante ocorreu com o movimento "Xô Sarney". Esse movimento começou no Amapá como reação contra a campanha de censura que o senador tem imposto ao estado. Os órgãos de imprensa são quase todos aliados do senador e os que o criticam são silenciados pela justiça.

A campanha começou quando o político processou duas blogueiras, uma por ter publicado uma caricatura sua e outra por conta de um comentário de um leitor. Como resultado, a blogosfera se solidarizou e, no auge, a campanha chegou a constar em milhares de blogs do mundo todo. A grande imprensa silenciou totalmente sobre o caso e as enciclopédias convencionais registraram apenas a reeleição do senador pelo Amapá.

Na Wikipedia, no entanto, a campanha já aparecia como verbete antes mesmo da eleição e no verbete sobre Sarney foi colocado um link para o "Xô Sarney". Quem pesquisar sobre o senador em uma enciclopédia convencional terá acesso apenas às informações oficiais sobre o mesmo, mas quem consultar a Wikipedia poderá ter acesso ao outro lado da história, à face pouco conhecida do ex-presidente.

A Wikipedia tornou as outras enciclopédias dinossauros de informação. Por mais que as enciclopédias convencionais criem versões on-line com atualização constante, elas, ainda assim, estarão transmitindo apenas informações oficiais, cuja relevância é afeita apenas a um pequeno grupo de decisores oficiais.


Gian Danton
Macapá, 2/5/2007


Quem leu este, também leu esse(s):
01. As palmeiras da Politécnica de Elisa Andrade Buzzo
02. Goeldi, o Brasil sombrio de Jardel Dias Cavalcanti
03. Uma Receita de Bolo de Mel de Heloisa Pait
04. O papel aceita tudo de Jardel Dias Cavalcanti
05. Alice in Chains, Rainier Fog (2018) de Luís Fernando Amâncio


Mais Gian Danton
Mais Acessadas de Gian Danton em 2007
01. Os meninos da rua Paulo - 13/8/2007
02. Orwell na pior em Paris e Londres - 8/3/2007
03. Wikipedia e a informação livre - 2/5/2007
04. Logan's run - 21/5/2007
05. Lugar Nenhum - 31/12/2007


Mais Especial Wikipedia
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




GUIA- EUROPE - LONELY PLANET (500)
SARAH JOHNSTONE E OUTROS
LONELY PLANET
(2007)
R$ 40,00



PAISAGENS DE SONHO E VERDADE
VALÉRIA SALGUEIRO
FRAIHA (RJ)
(1998)
R$ 20,82



O TOBOGÃ DE ARCO ÍRIS
ISABEL MACIEL
JOTANESI
(1989)
R$ 21,82



ATRIBUTOS DO SOLO E COMPOSIÇÃO BROMATOLÓGICA DE ESPÉCIES DA CAATINGA
JUSSARA TELMA DOS SANTOS, ALBERÍCIO P. DE ANDRADE UND IVANDRO DE F.DA SILVA
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 454,00



SKANK AO VIVO OURO PRETO
SKANK
DVD VIDEO
R$ 20,00



O MAIS ESTRANHO DOS PAÍSES
PAULO MENDES CAMPOS
COMPANHIA DAS LETRAS
(2013)
R$ 30,00



AVALIAÇÃO ECONÔMICA DE PROJETOS AMBIENTAIS
ANA MILENA PLATA FAJARDO UND MÔNICA JOELMA ANATER
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 251,00



MARTÍRIOS NA CADEIA SÃO JOSÉ
MAYARA ROBERTA SILVA ARAUJO
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 349,00



THATS ALL ABOUT FAME - BOOK 02
SÉRGIO BARRETO
WISE UP
(2006)
R$ 17,28



O QUE A VIDA ME ENSINOU
WASHINGTON OLIVETTO
SARAIVA
(2011)
R$ 8,00





busca | avançada
29126 visitas/dia
1,1 milhão/mês