Hora de parar... ou de voltar! | Adriano Maesano | Digestivo Cultural

busca | avançada
54424 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Nasi e Scandurra apresentam clássicos do IRA! no Sesc Santo André
>>> Douglas Germano apresenta 'Umas e Outras'
>>> Mostra de Cinemas Africanos acontece em São Paulo e Curitiba a partir de 6 julho
>>> Iecine abre inscrições para a Oficina de Crítica e Fruição Cinematográfica
>>> Orquestra Modesta retorna ao Sesc Santo Amaro com 'Canções Para Pequenos Ouvidos 2'
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
>>> A compra do Twitter por Elon Musk
>>> Epitáfio do que não partiu
Colunistas
Últimos Posts
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
Últimos Posts
>>> A lantejoula
>>> Armas da Primeira Guerra Mundial.
>>> Você está em um loop e não pode escapar
>>> O Apocalipse segundo Seu Tião
>>> A vida depende do ambiente, o ambiente depende de
>>> Para não dizer que eu não disse
>>> Espírito criança
>>> Poeta é aquele que cala
>>> A dor
>>> Parei de fumar
Blogueiros
Mais Recentes
>>> L’Empereur
>>> Longa vida à fotografia
>>> iPad pra todo mundo
>>> Minha pátria é a língua portuguesa
>>> Minha pátria é a língua portuguesa
>>> Wikipedia e a informação livre
>>> Público, massa e multidão
>>> Uma Receita de Bolo de Mel
>>> Os Clássicos e a Educação Sentimental
>>> O youtuber é um novo dândi?
Mais Recentes
>>> Onze - Confira !!! de Bernardo Carvalho pela Companhia das Letras (1995)
>>> Fundação - (imperdível, Confira!) de Isaac Asimov pela Aleph (2009)
>>> Oups- o Mensageiro do Planeta Coração (descriÇÃo Fiel!) de Kurt Hortenhuber pela V & R (2006)
>>> No Reino da Fala de Eleonora Motta Maia pela ática (1999)
>>> A Caverna de Cristal / 7ª Ed - Confira !!! de Mary Stewart pela Best Seller (1970)
>>> O Efeito Urano de Fernanda Young - 2001 pela Objetiva (2001)
>>> A Queda de Michael Connelly, Cassio Arantes pela Suma (2014)
>>> A Garota do Penhasco - Confira!! de Lucinda Riley, Henrique Amat Rego Monteiro pela Novo Conceito (2013)
>>> Como Te Leio? Como-te Livro? / Capa Dura - Confira !!! de Marcia Grossmann pela Cultura (2002)
>>> O Senhor do Mundo Seguido de os Violadores do Bloqueio de Julio Verne / Capa Dura pela Edico
>>> Anil S Ghost de Michael Ondaatje pela Bloomsbury (2000)
>>> Um Estudo Crítico da História II - Confira !!! de Helio Jaguaribe pela Paz e Terra (2001)
>>> The Euro and the Battle of Ideas / Capa Dura - Confira !!! de Markus K Brunnermeier pela Princeton University Press (2016)
>>> Confie Em Mim - Desenvolvendo um Estilo de Liderança Que os Outros de Wayne Hastings e Ran Potter pela Motivar (2005)
>>> Brasil: Passado e Presente - Estudo de Problemas Brasileiros Col. Kair de Osmar Salles de Figueiredo pela E. P. U (1979)
>>> Além da Globalização de Hazel Henderson pela Cultrix (2003)
>>> Maria Callas: a Mulher por Trás do Mito - Confira !!! de Arianna Stassinopoulos Huffinton pela Companhia das Letras (1996)
>>> Céu de um Verão Proibido - Confira !!! de João Pedro Roriz pela Besourobox (2014)
>>> A Ideia de uma Sociedade Cristã - Col. Abertura Cultural - Confira! de T. S. Eliot pela É Realizações (2016)
>>> A Dança dos Dragões - as Crônicas de Gelo e Fogo Livro Cinco de George R. R. Martin pela Leya
>>> Rumo à Consciência Cósmica de Huberto Rohden pela Alvorada
>>> Revista Jataí 1 de Desconhecido pela Faculdade Rudolf Steiner (2019)
>>> E o Príncipe Dançou... o Conto de Fadas, da Tradição Oral à Dança Cont de Katia Canton pela Ática (1994)
>>> Socorro! Meu Filho Come Mal - Confira! de Gabriela Kapim, Ana Abreu pela Leya Casa da Palavra (2014)
>>> Desafios do Envelhecimento: Vez, Sentido e Voz - Confira! de Vicente de Paula Faleiros, Altair M. Lahud Lourei pela Universa (2006)
COLUNAS

Quinta-feira, 18/10/2001
Hora de parar... ou de voltar!
Adriano Maesano

+ de 4300 Acessos
+ 2 Comentário(s)

Yara Mitsuishi

Michael Jordan confirmou seu retorno às quadras, jogando pela equipe do Washington Wizards, em que ele era sócio minoritário há mais de um ano.

Jordan abandonou as quadras em junho de 1998, e aos 38 anos e meio, tomou uma decisão muito arriscada, especialmente para um esportista que sempre representou o que há de melhor no mundo do esporte, obtendo sucesso e reconhecimento em qualquer parte do planeta. É um fenômeno esportivo, econômico e social. Movimenta, direta ou indiretamente, mais de US$10 bilhões por ano, sua fortuna pessoal é superior a US$500 milhões e seu salário na temporada 2001/2002 da NBA será de US$1 milhão (recebia mais de US$30 milhões anuais quando encerrou a carreira em 1998), que será doado integralmente para um fundo de ajuda às vítimas dos atentados terroristas sofridos pelos Estados Unidos no dia 11 de setembro de 2001.

Era o presidente dos Wizards, responsável pelas contratações de atletas, funcionários e comissão técnica. Um cargo de alta responsabilidade e envolvimento dentro do esporte, que pouquíssimos ex-atletas conseguem obter.

Mas a equipe venceu menos de 25% dos jogos na última temporada, com uma campanha vergonhosa, e Jordan teve vontade de voltar às quadras e ensinar pessoalmente seus atletas como se joga basquete. Contratou Doug Collins, seu 1o técnico no Chicago Bulls, treinou exaustivamente por mais de 6 meses, e esta semana confirmou seu retorno.

A pergunta que fica é a seguinte: - O que Jordan poderá fazer para melhorar sua imagem? Quais as vantagens existentes neste retorno? Mais dinheiro? Mais fama? Necessidade de estar sempre no estrelato?

Talvez Jordan seja o ser humano com maior espírito competitivo do mundo: aposta milhões de dólares em cassinos e partidas de golfe, dizem que já perdeu fortunas nos dois. Ele não estava suportando a vida de dirigente, de homem de negócios. Aos 38 anos, ainda poderá mostrar seu jogo, mas até quando? Mais um, dois, exagerando três anos. E então? Será que vai parar e tentar voltar novamente?

A aposentadoria no esporte é um momento muito delicado, Bjorn Borg parou com 26 anos. Era jovem, famoso, um dos homens mais ricos da Suécia. Voltou depois de mais de 5 anos, e foi um fracasso. A profissão de atleta não pode ser comparada com a maioria das profissões dos homens comuns: estão expostos ao desgaste físico e mental constantemente, sofrem assédio ininterrupto da mídia, dos fãs, das mulheres e da família. Viajam sem parar, treinam, competem, são operados e jogam com ossos e músculos parcialmente destruídos.

Não levam uma vida fácil. Mas quando parar? Aos 24 na natação, 30 no tênis, 35 no futebol, 40 no automobilismo? Existem tabus e idades-limite em todos os esportes. Mas estes parâmetros devem ser utilizados justamente como fator de comparação. O atleta profissional de nível excelente deve entender sua posição no cenário esportivo e social. Deve saber em que nível está, seja no seu time, Estado ou Nação. Deve avaliar seus principais desempenhos com aqueles que vem mostrando na atualidade. Saber quais são as conquistas realistas que ainda pode obter. Desta forma, poderá, friamente, analisar sua situação e decidir sobre a hora certa de parar...ou de voltar!

Boa sorte, Michael!


Adriano Maesano
São Paulo, 18/10/2001


Quem leu este, também leu esse(s):
01. 2021, o ano da inveja de Luís Fernando Amâncio
02. Crônica de Aniversário de Julio Daio Borges
03. A proposta libertária de Gian Danton
04. Para que serve a poesia? de Ana Elisa Ribeiro
05. Um socialista na Casa Branca? de Celso A. Uequed Pitol


Mais Adriano Maesano
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
23/10/2001
00h00min
Gostei Adriano! Parece que escrever bem e com clareza é uma característica de família. Parabéns!
[Leia outros Comentários de Roger]
24/10/2001
00h00min
Muito bom o texto do Adriano, a verdade eh que ninguem sabe quando parar. Se param no auge da fama alguns vao dizer que podia ter continuado, se param num momento fraco, pos auge, muitos dirao " Parou tarde demais". Talvez o momento certo de parar eh quando nao se tem mais o mesmo prazer do inicio, mas como eu disse "Ninguem sabe a hora certa de parar!".
[Leia outros Comentários de Sergio Mutcha Ashcar]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Ciência 100 Cientistas Que Mudaram o Mundo
Jon Balchin
Madras
(2013)



A politica científica e tecnológica
Eduardo Augusto Guimarães
Jorge Zahar
(1985)



País de nieve
Yasunari Kawabata
Booket
(2009)



Livro - Saindo das Sombras Entrando na Luz
Rick Medeiros
Madras
(2014)



Gestão de Tecnologias Emergentes
George S. Day, Paul J. H. Schoemaker
Bookman
(2003)



Alimentação Saudável
Programa Alimenta Bem
Compre Bem



Ilha Deserta Filmes
Publifolha
Folha
(2003)



Newspaper Chase Easystarts Active Reading
Escott
Pearson
(2007)



A Emergência da Teoria Sociológica - 1ª Edição - Coleção: Sociologia
Jonathan H. Turner & Leonard Beeghley & Charles H.
Vozes
(2016)



Elvis Presley - História, Discografia, Fotos e Documentos
Gillian G. Gaar & Rosemarie Ziegelmaier (Tradutor)
Publifolha
(2016)





busca | avançada
54424 visitas/dia
1,8 milhão/mês