Um DJ no mundo comunista | Celso A. Uequed Pitol | Digestivo Cultural

busca | avançada
89721 visitas/dia
2,7 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Castelo realiza piqueniques com contemplação do pôr do sol ao ar livre
>>> A bailarina Ana Paula Oliveira dança com pássaro em videoinstalação de Eder Santos
>>> Festival junino online celebra 143 da cidade de Joanópolis
>>> Nova Exposição no Sesc Santos tem abertura online nessa quinta, 17/06
>>> Arte dentro de casa: museus e eventos culturais com exposições virtuais
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Ao pai do meu amigo
>>> Paulo Mendes da Rocha (1929-2021)
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
>>> Fernando Cirne sobre o e-commerce no pós-pandemia
>>> André Barcinski por Gastão Moreira
>>> Massari no Music Thunder Vision
>>> 1984 por Fabio Massari
>>> André Jakurski sobre o pós-pandemia
>>> Carteiros do Condado
>>> Max, Iggor e Gastão
Últimos Posts
>>> Virtual: Conselheiro do Sertão estreia quinta, 24
>>> A lei natural da vida
>>> Sem voz, sem vez
>>> Entre viver e morrer
>>> Desnudo
>>> Perfume
>>> Maio Cultural recebe “Uma História para Elise”
>>> Ninguém merece estar num Grupo de WhatsApp
>>> Izilda e Zoroastro enfrentam o postinho de saúde
>>> Acentuado
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Escafandro e a Borboleta, com Mathieu Amalric
>>> A literatura contra o sistema
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Uma vida para James Joyce
>>> As Classes e as Redes Sociais
>>> Crônica de um jantar em São Paulo
>>> Defesa eloqüente do Twitter
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Margarita Paksa: Percepção e Política
>>> A primeira ofensa recebida sobre algo que escrevi
Mais Recentes
>>> Comunicação Tecnoestética Nas Mídias Audiovisuais de Denise Azevedo Duarte Guimarães pela Sulina (2007)
>>> A Filha mais Velha - Uma Imagem de Família de Selma Carvalho Souza pela Catavento (2005)
>>> Livro da Sorte e do Destino de J. Della Monica pela Madras (2000)
>>> Vencedor de Varios Autores pela New Live
>>> O Livro do Bem de F. Ramon pela Espaço e Tempo (1994)
>>> Pequeno Livro da Sorte de Heloisa Galves pela AlemdaLenda (2016)
>>> Ânimo de Lourival Lopes pela Otimismo (2007)
>>> Minuto Mediúnico de Vitor Ronaldo Costa pela Seda
>>> Memorização - Aumente em até 10 vezes a Capacidade da Memorização de Varios Autores pela Sintec
>>> Sexo e Felicidade de L. Silveira pela Saúde Brasil (1992)
>>> O Evangelho Segundo o Espiritismo de Allan Kardec pela Feesp (1991)
>>> Reiki, Guia de Referência Livro 3 de 3 de Joel Cardoso pela Escala (2000)
>>> Uma Viagem Entre o Céu e o Inferno de Luiz H. Leite Lopes - Maria Ziravello pela Planeta (2007)
>>> O Testamento de São João de J.J. Benítez pela Mercuryo (2006)
>>> Série Terapia - Edição Especial de Tom Mcgrath pela Planeta (1997)
>>> Nosso Lar de Francisco Cândido Xavier pela Feb (1944)
>>> Metafísica 4 em 1 de Conny Mendez pela Lusoimpress (2008)
>>> Uma Voz na Escuridão de Sandra Brown pela Rocco (2006)
>>> Vegetais A Natureza em Nossa Vida de Gonçalves Ribeiro e Outros pela Sugestões Literárias (1976)
>>> Reiki, Guia de Referência Livro 2 de 3 de Joel Cardoso pela Escala (2000)
>>> Iniciação Junto ao Nilo de Mona Rolfe pela Pensamento (1999)
>>> Como Montar e Administrar Bares e Restaurantes de Percival Maricato pela Senac São Paulo (2001)
>>> O Livro dos Médiuns de Allan Kardec pela Feesp (1992)
>>> Sonhando - Santos Dumont de Sylvia Orthof pela Salamandra (1997)
>>> A Lista de Bergoglio de Nello Scavo pela Paulinas (2013)
COLUNAS

Terça-feira, 9/6/2015
Um DJ no mundo comunista
Celso A. Uequed Pitol

+ de 2500 Acessos

Estamos acostumados a imaginar a vida dos jovens dos países do antigo Bloco Comunista como cinzentas, frias, desprovidas de toda e qualquer diversão, e ainda menos de diversões "ocidentais" como o rock'n roll.

Por isso, a muitos causará surpresa descobrir, por exemplo, que na duríssima Alemanha Oriental, a DDR (acrônimo para Deutsche Demokratische Republik, República Democrática Alemã) de Erich Hoenecker, da Stasi (polícia secreta do regime), do marxismo-leninismo ortodoxíssimo e dos Ladas circulando pelas ruas de Berlim Oriental, havia um cenário rock não só pujante como dotado de características distintivas do lado Ocidental.

Chamado, à sintética maneira alemã, de "Ostrock" - literalmente, "rock oriental", ou "rock do Leste" -, trazia letras mais sutis, meditativas, "filosóficas" do que as congêneres ocidentais. Uma das razões para isso era a necessidade de driblar a censura: a fim de terem seu material liberado, os compositores do lado oriental que quisessem criticar o governo ou os costumes - tópicos básicos do rock'n roll desde sempre - precisavam caprichar nas mensagens veladas, que censores, em todos os países, de todas as ideologias, em geral não compreendem.

Além disso, o rock da DDR apresentava estruturas musicais mais "sérias" e "conservadoras", o que era, segundo alguns estudiosos do fenômeno, fruto dos investimentos em educação musical clássica das escolas públicas do país. Em todo o mundo socialista, o pop "decadente" ocidental era malvisto pelas autoridades, mas a tradição musical clássica, não. Era entendida como legado humanístico a ser preservado, junto com toda a literatura e a arte até fins do século XIX e começo do XX -isto é, até a chegada dos "decadentismo" modernista, identificado com o acirramento das contradições do capitalismo. Na antiga DDR, como em todos os países comunistas da época, escutava-se muito Mozart, muito Bach e muito Beethoven e lia-se muito Walter Scott, muito Tolstói, muito Thomas Mann (e não Joyce, Virginia Woolf ou Kafka). Tudo isto influenciou de maneira decisiva na formação do rock da região.

Mas as rádios da DDR - como a mítica DT64, responsável pela divulgação das principais bandas de Ostrock da época - , não eram feitas apenas da sua música nacional: o rock e o pop do Ocidente também figuravam nas programações Em alguns casos, eram apresentados ao público com anuência estatal; em outros, sem ela. E o mesmo pode ser dito das rádios tchecas, russas, ucranianas, polonesas e de todos os demais países do Leste.

Podemos ter uma ideia do que tocava por lá a partir desta entrevista com Vladimír Zahradníček, ex-DJ de uma rádio da República Tcheca. Descobrimos, por exemplo, que o ultra-americano Bob Dylan era bem visto pelos membros do partido por suas canções anti-imperialistas, e que o pop "inofensivo" do Ocidente era tolerado. Já os Beatles e os Rolling Stones, pouco simpáticos a qualquer tipo de autoridade, não eram bem vistos. Era preciso, nestes casos, contar com o descuido (e a ignorância) dos censores.

Quando perguntado sobre o que seria uma típica programação de rock daquela época ele deu uma resposta bastante interessante, e que revela bem como funcionava a mentalidade dos censores oficiais:

Karel Gott - Lady Karneval

Bob Dylan -
I want you

Helena Vondráčková -
A ty se ptás co já, a cover of ABBA's "The Winner Takes It All"

Boney M -
Rasputin

Puhdys -
Lebenszeit, or "Lifetime"

Modern Talking -
Cheri Cheri Lady

Elán -
Tanečnice z Lúčnice, or "Dancer from Lúčnice"

Alla Pugacheva - Million Roses



Celso A. Uequed Pitol
Canoas, 9/6/2015


Mais Celso A. Uequed Pitol
Mais Acessadas de Celso A. Uequed Pitol em 2015
01. Um estranho chamado Joe Strummer - 8/9/2015
02. Caminhos para a esquerda - 3/2/2015
03. Canadá, de Richard Ford - 17/11/2015
04. O testemunho de Bernanos - 4/8/2015
05. Um DJ no mundo comunista - 9/6/2015


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A Condição Feminina nos Países do Mercosul
Delaine M Costa e Maria da Graça Neves (org)
Ibam
(2002)



A Ponte para o Passado
Ivan Jaf
Atual
(1993)



A Concise History of English Painting
William Gaunt
Thames and Hudson
(1978)



Receitas de Qualidade! Cozinha de Microondas
Vários
Edelbra
(1996)



Dois Caminhos da Revolução Africana
Moacir Werneck de Castro
Inst Bras Estudos Afroasiatico
(1962)



Brasil 1900 - 1910 Volume 1
Plínio Doyle (apresentação)
Bn (rj)
(1980)



Latinoamérica y Otros Ensayos - 2ª Edicion
Miguel Angel Asturias
Guadiana
(1970)



Occhi Di Cane Azzurro
Gabriel García Márquez
Newton Compton
(1978)



Direito Internacional Tributário Brasileiro
Paulo Borba Casella
Ltr
(1995)



Vade Mecum Oab 2017 - Legislação Selecionada para Oab e Concursos
Darlan Barroso
Rt
(2017)





busca | avançada
89721 visitas/dia
2,7 milhões/mês