Preparar Para o Impacto | Marilia Mota Silva | Digestivo Cultural

busca | avançada
89721 visitas/dia
2,7 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Castelo realiza piqueniques com contemplação do pôr do sol ao ar livre
>>> A bailarina Ana Paula Oliveira dança com pássaro em videoinstalação de Eder Santos
>>> Festival junino online celebra 143 da cidade de Joanópolis
>>> Nova Exposição no Sesc Santos tem abertura online nessa quinta, 17/06
>>> Arte dentro de casa: museus e eventos culturais com exposições virtuais
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Ao pai do meu amigo
>>> Paulo Mendes da Rocha (1929-2021)
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
>>> Fernando Cirne sobre o e-commerce no pós-pandemia
>>> André Barcinski por Gastão Moreira
>>> Massari no Music Thunder Vision
>>> 1984 por Fabio Massari
>>> André Jakurski sobre o pós-pandemia
>>> Carteiros do Condado
>>> Max, Iggor e Gastão
Últimos Posts
>>> Virtual: Conselheiro do Sertão estreia quinta, 24
>>> A lei natural da vida
>>> Sem voz, sem vez
>>> Entre viver e morrer
>>> Desnudo
>>> Perfume
>>> Maio Cultural recebe “Uma História para Elise”
>>> Ninguém merece estar num Grupo de WhatsApp
>>> Izilda e Zoroastro enfrentam o postinho de saúde
>>> Acentuado
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Escafandro e a Borboleta, com Mathieu Amalric
>>> A literatura contra o sistema
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Uma vida para James Joyce
>>> As Classes e as Redes Sociais
>>> Crônica de um jantar em São Paulo
>>> Defesa eloqüente do Twitter
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Margarita Paksa: Percepção e Política
>>> A primeira ofensa recebida sobre algo que escrevi
Mais Recentes
>>> Comunicação Tecnoestética Nas Mídias Audiovisuais de Denise Azevedo Duarte Guimarães pela Sulina (2007)
>>> A Filha mais Velha - Uma Imagem de Família de Selma Carvalho Souza pela Catavento (2005)
>>> Livro da Sorte e do Destino de J. Della Monica pela Madras (2000)
>>> Vencedor de Varios Autores pela New Live
>>> O Livro do Bem de F. Ramon pela Espaço e Tempo (1994)
>>> Pequeno Livro da Sorte de Heloisa Galves pela AlemdaLenda (2016)
>>> Ânimo de Lourival Lopes pela Otimismo (2007)
>>> Minuto Mediúnico de Vitor Ronaldo Costa pela Seda
>>> Memorização - Aumente em até 10 vezes a Capacidade da Memorização de Varios Autores pela Sintec
>>> Sexo e Felicidade de L. Silveira pela Saúde Brasil (1992)
>>> O Evangelho Segundo o Espiritismo de Allan Kardec pela Feesp (1991)
>>> Reiki, Guia de Referência Livro 3 de 3 de Joel Cardoso pela Escala (2000)
>>> Uma Viagem Entre o Céu e o Inferno de Luiz H. Leite Lopes - Maria Ziravello pela Planeta (2007)
>>> O Testamento de São João de J.J. Benítez pela Mercuryo (2006)
>>> Série Terapia - Edição Especial de Tom Mcgrath pela Planeta (1997)
>>> Nosso Lar de Francisco Cândido Xavier pela Feb (1944)
>>> Metafísica 4 em 1 de Conny Mendez pela Lusoimpress (2008)
>>> Uma Voz na Escuridão de Sandra Brown pela Rocco (2006)
>>> Vegetais A Natureza em Nossa Vida de Gonçalves Ribeiro e Outros pela Sugestões Literárias (1976)
>>> Reiki, Guia de Referência Livro 2 de 3 de Joel Cardoso pela Escala (2000)
>>> Iniciação Junto ao Nilo de Mona Rolfe pela Pensamento (1999)
>>> Como Montar e Administrar Bares e Restaurantes de Percival Maricato pela Senac São Paulo (2001)
>>> O Livro dos Médiuns de Allan Kardec pela Feesp (1992)
>>> Sonhando - Santos Dumont de Sylvia Orthof pela Salamandra (1997)
>>> A Lista de Bergoglio de Nello Scavo pela Paulinas (2013)
COLUNAS

Quarta-feira, 16/11/2016
Preparar Para o Impacto
Marilia Mota Silva

+ de 3000 Acessos

"Pienso que el electorado norteamericano eligió ayer al más ignorante, inculto y mentiroso de los candidatos presidenciales de los últimos tiempos. No ha existido en la arena política de los Estados Unidos un aspirante a la Casa Blanca tan impulsivo, temperamental, racista, xenófobo, misógino y capaz de utilizar el poder político para hacer daño." Oscar Arias (Ex Presidente de Costa Rica)



Agora sabemos: apesar das caras e bocas, da vulgaridade, dos insultos gratuitos, o homem estava jogando para vencer.

Assim que foi confirmado como presidente-eleito dos Estados Unidos, sua equipe de transição informou que tinha uma série de documentos pronta para sua assinatura no primeiro dia de trabalho. Todos no sentido de anular medidas da administração anterior.

Passado o primeiro choque, os analistas de todo o mundo se debruçaram sobre o assunto e concluiram: com Trump no poder, o futuro é imprevisível.

Para falar só de um ponto: Que consequências virão dessa aliança Russia & Estados Unidos? Se os Estados Unidos saírem da OTAN, seus antigos aliados ficarão à mercê das ambições imperiais de Putin, que não esconde sua intenção de expandir suas fronteiras aos limites da ex-União Soviética. Ninguém ousa explorar esse cenário. Imagino como se sentem os países do leste europeu que ainda lutam para sair da pobreza e do atraso depois de sessenta anos sob a dominação russa. E os países árabes.

É bom lembrar, no entanto, que um Presidente não governa sozinho. Seu poder é limitado pelo Congresso. Trump terá a maioria nas duas casas, e na Suprema Corte, mas nem sempre os deputados e senadores votam com o partido. Clinton viveu essa situação, tendo a maioria. Obama, sem ter, foi quase paralisado por uma oposição implacável. Além disso, como se tem repetido ultimamente "treino é treino, jogo é jogo". Depois da primeira conversa com Obama, Trump já admite manter alguns pontos do Obamare, Programa de Saúde, que tinha prometido desfazer completamente.

Mas o medo predomina. Já se vê um nível de polarização e divisão entre as pessoas, que nunca houve antes, dizia Bill Maher ontem, no seu programa de tevê.

Populismo e polarizacão. Incitação ao ódio, ao ressentimento. Parece que a humanidade precisa dar vazão aos seus instintos mais destrutivos, de tempos em tempos. Se olharmos o passado, veremos que há poucos intervalos de paz entre fases de desvario. Um bom exemplo e símbolo é o Muro de Berlim - derrubado há menos de trinta anos - também num dia 9 de novembro, coincidência sombria - agora Trump promete construir outro.

Michael Moore, creio que o único jornalista americano que previu que Trump venceria, disse que um dos motivos dessa vitória foi o sexismo. Que o homem branco, supremacista, não poderia admitir uma mulher no comando depois de oito anos de Obama.

Pode ser que isso tenha contribuido (embora me pareça que uma candidata com menos problemas poderia ter vencido). Nesse caso, aqui também a história se repete. Os homens afro-americanos conquistaram o direito de votar em 1870. As mulheres de qualquer raça só cinquenta anos mais tarde, em 1920, e depois de muita luta. Sexismo aqui será maior que o racismo? Sexismo inclusive das próprias mulheres, é bom lembrar.

Se não é possível prever o futuro, já se percebem mudanças no comportamento das pessoas, nesses primeiros dias depois da eleição:

- Há protestos por todo o país. Não tumultos, badernas. Mas protestos de qualquer forma.

Há uma atmosfera de tensão nas ruas. Fui ao supermercado agora há pouco: a moça do caixa usava o véu de muçulmana. Era visível seu nervosismo. Só relaxou um pouco quando viu que não havia hostilidade em mim.

Outro sinal significativo da mudança de valores que essa eleição representa: nos Estados Unidos, o presidente eleito, antes de tomar posse, transfere a gerência de seus negócios e propriedades para terceiros não ligados à família, através do Blind Trust. Reagan, os Bush, Clinton, todos fizeram isso. Por uma questão de ética: para evitar contaminação entre o público e o privado.

Trump, dois dias depois de eleito, transferiu seus negócios para seus filhos. Para agravar o problema, esses filhos fizeram parte de sua equipe de transição.

Assim, quando um deles estiver negociando em qualquer lugar no mundo - as Organizações Trump tem negócios em países como Rússia, Emirados Árabes, India, Ucrania e Arabia Saudita - os envolvidos vão saber que do outro lado, na verdade, está o Presidente dos Estados Unidos. .

O advogado de Trump, questionado sobre isso, disse que estava tudo bem:

Ele não está mais interessado na companhia. Ele está interessado em consertar a América!
Sério?

Não é a primeira vez que Trump mistura público e privado. Em Setembro ele pagou $8.2 milhões do dinheiro de campanha a sua própria companhia, pelo aluguel de carros e de escritórios na Trump Tower.

Para os que acreditam que salvaguardas éticas são necessárias no serviço público, os próximos anos prometem ser um desafio.

Nos demais aspectos, considerando os assessores que ele começa a escolher, o horizonte se anuncia ainda mais opressivo.


Marilia Mota Silva
Washington, 16/11/2016


Quem leu este, também leu esse(s):
01. A menos-valia na poesia de André Luiz Pinto de Jardel Dias Cavalcanti
02. A fotografia é um produto ou um serviço? de Fabio Gomes
03. A futebolização da política de Luís Fernando Amâncio
04. Você sabe quem escreveu seu show preferido? de Fabio Gomes
05. A coisa tá preta de Cassionei Niches Petry


Mais Marilia Mota Silva
Mais Acessadas de Marilia Mota Silva em 2016
01. Nós o Povo - 6/4/2016
02. Eleições nos Estados Unidos - 10/8/2016
03. Ah!... A Neve - 9/3/2016
04. Preparar Para o Impacto - 16/11/2016
05. E Foram Felizes Para Sempre - 3/2/2016


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Poesia Gonçalves Crespo
Rolando Morel Pinto
Agir
(1967)



Encontre Deus na Cabana
Randal D. Rauser
Planeta do Brasil
(2009)



Animated Pictures: An Exposition of the Historical Development Of
Charles Francis 1869-1934 Jenkins
Wentworth Press
(1970)



Histoires de Lecture - Lire En Fête: 13-14-15102000
Collectif, Lorenzo Mattoti (illustrador
Cercle DÉtudes
(2000)



Direito Penal - 9ª Edição
Zélio Maia da Rocha e Hugo Leonardo de Sousa
Vestcon
(2000)



Oscar Remembered
Maxim Mazumdar (fala Sobre Oscar Wilde)
Personal Library (toronto)
(1977)



Máfia: Anatomia del Imperio del Crimen (dossiê)
La Aventura de La História, Nº 209 de 2016
Unidad Editorial Slu
(2016)



A Geração da Terra: Contos Israelenses
Rifka Berezin Org
Summus
(1983)



La Vengeance Dephraïm
George Jonas
Robert Laffont (paris)
(1984)



Nina Conta Seus Causos
João Milton Ananias
Letras do Pensamento
(2014)





busca | avançada
89721 visitas/dia
2,7 milhões/mês