Ah!... A Neve | Marilia Mota Silva | Digestivo Cultural

busca | avançada
21498 visitas/dia
708 mil/mês
Mais Recentes
>>> Mulheres detêm o poder do mundo em eletrizante romance de Naomi Alderman
>>> Comédia Homens no Divã faz curta temporada no Teatro Municipal Paulo Eiró
>>> Ballet Acadêmico da Bahia apresenta STAR DANCE no TCA, dia 07/06 às 20h
>>> Zé Eduardo faz apresentação no Teatro da Rotina, dia 30.05
>>> Revista busca artigos inspirados no trabalho de professores
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A Fera na Selva, filme de Paulo Betti
>>> Raio-X do imperialismo
>>> Cães, a fúria da pintura de Egas Francisco
>>> O Vendedor de Passados
>>> A confissão de Lúcio: as noites cariocas de Rangel
>>> Primavera para iniciantes
>>> Nobel, novo romance de Jacques Fux
>>> De Middangeard à Terra Média
>>> Dos sentidos secretos de cada coisa
>>> O pai da menina morta, romance de Tiago Ferro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lançamentos em BH
>>> Lançamento paulistano do Álbum
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 2
>>> Ana Elisa Ribeiro lança Álbum
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
>>> Conceição Evaristo em BH
>>> Regina Dalcastagné em BH
>>> Leitores e cibercultura
>>> Sarau Libertário em BH
>>> Psiu Poético em BH esta semana
Últimos Posts
>>> Lars Von Trier não foi feito para Cannes
>>> O brasileiro e a controvérsia
>>> Greve de caminhoneiros e estupidez econômica
>>> Publicando no Observatório de Alberto Dines
>>> Entre a esperança e a fé
>>> Tom Wolfe
>>> Terra e sonhos
>>> Que comece o espetáculo!
>>> A alforja de minha mãe
>>> Filosofia no colégio
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ao vivo do Roda Viva, pelo Twitter
>>> Os Eleitos, de Tom Wolfe
>>> O Bigode
>>> A dor do inexplicável
>>> Caiu na rede, virou social
>>> Davi, de Michelangelo: o corpo como Ideia
>>> Mas afinal, o que é podcasting?
>>> Contra um Mundo Melhor, de Luiz Felipe Pondé
>>> Nhô Guimarães
>>> Destaques da Mostra Internacional de Cinema
Mais Recentes
>>> Manual de direito penal brasileiro
>>> História das Literaturas- Teatro Vivo
>>> História das Literaturas-Noções ds Literaturas Volume 2
>>> Filoctetes
>>> Enquanto a noite não chega
>>> Contabilidade de custos facil
>>> Sociologia aplicada a administração
>>> História das Literaturas-Clareza e Mistério da Crítica
>>> O Negrinho do Pastoreio - Conto popular
>>> Machado de Assis- histórias mal contadas e outros assuntos
>>> Afrânio Coutinho - Romances Completos
>>> Novas Prioridades Para o Currículo
>>> Revista Brasileira de História Nº 48 - Produção e Divulgação
>>> Educação - Modernização ou Dependência?
>>> Vida e Educação
>>> Hard Times
>>> Aspectos da Formação Brasileira
>>> Ensino, Sua Técnica - Sua Arte - 3ª Edição
>>> Cotidiano e Diferentes Saberes
>>> Educação Para Uma Vida Criativa - 2ª Edição
>>> Oxigênio
>>> Bombardeiros da 2ª Guerra Volume 1
>>> A Guerra do Fim do Mundo - 2ª Edição
>>> No Wonder They Call Him The Savior
>>> Ophélia Speaks
>>> Gaudí
>>> Foto-Grafismo
>>> Arte Moderna no Salão Nacional 1940-1982
>>> The Assassin - The Explosive Badge of Honor Novel
>>> The Wonderful Wizard Of Oz - Penguin Popular Classics
>>> Tempo de Médico
>>> Um Guia Para os Remédios Florais do Dr. Bach
>>> The Rainmaker
>>> The Trailsman - Montana Fire Smoke Nº 130
>>> The Final Diagnosis
>>> A Queda da França Volume 3 - O Colapso da Terceira República
>>> A Queda da França Volume 2 - O Colapso da Terceira República
>>> A Queda da França Volume 1 - O Colapso da Terceira República
>>> O Romano
>>> Parati Entre Dois Pólos
>>> Cem Dias Entre Céu E Mar
>>> Parati Entre Dois Pólos
>>> Viagens internacionais - O Nomadismo da Conscienciologia
>>> Vagamundo
>>> Os Lusíadas
>>> História de Mayta
>>> Erros Médicos
>>> Aspectos do Antigo Egito
>>> Saúde Natural Para Mulheres Gravidas
>>> Um Liberal da República - Volume 1
COLUNAS

Quarta-feira, 9/3/2016
Ah!... A Neve
Marilia Mota Silva

+ de 2000 Acessos

Tão linda! Floquinhos brancos, mais leves que confete, caem do céu gentilmente, e tudo aos poucos se aquieta. Cores e ruidos, folhas secas em alegres revoadas, ruas e telhados, nada resiste à invasão sutil e persistente. Sinfonia em Branco. Silenciosa. Até latão de lixo ganha um ar compenetrado e nobre sob o manto macio e reluzente.

E como fica bem nas fotos! Nos cartões de natal, nos calendários da nossa infância! As casinhas de madeira em encostas brancas, cortininhas de renda, lareira acesa... nada mais romântico.



E quando a neve pára de cair, e o dia acorda azul, todos saem de casa, ansiosos por ar livre, cansados do recolhimento. É como um feriado inesperado, as escolas fecham, só funcionam os serviços indispensáveis. Os parques, as ruas onde rarissimos carros se arriscam, se enchem de risos, gorros, casacos coloridos, bonecos, anjos de neve.

Só um trabalho não pode ser adiado: é preciso tirar a neve dos degraus da escada, do caminho e da calçada em frente a sua casa. A neve pisada vira gelo e os escorregões se multiplicam, às vezes com consequências dolorosas.

Além disso, você pode ser multado se não limpar a calçada e processado se alguém se machucar na área que você deveria ter limpado.

É preciso desencavar o carro também. É trabalho pesado que dificilmente se faz em uma só jornada. Mesmo com os carros desencavados, todos adiam ao máximo o momento de sair de casa. Por bons motivos:

Primeiro: porque é perigoso.Os carros atolam na neve ou deslizam incontrolavelmente, causando acidentes. Os caminhões da prefeitura equipados para tirar a neve das ruas dão prioridade às rodovias. Depois limpam as artérias principais da cidade. As ruas transversais esperam dias, dependendo da fintensidade da nevasca.

Segundo: porque você trabalhou horas para remover a neve que bloqueava seu carro. Quando sair, outro motorista vai ocupar esse precioso espaço. Essa escassez de estacionamento quando neva muito é um problema sério.

Claro, quem pegou sua vaga está no seu direito. A rua é pública e o estacionamento também. Mas para quem suou a camisa, removendo uns duzentos quilos de neve, esse direito é moralmente discutível.

Assim, por esses dias, é comum se ver cadeiras, carrinho de bebê, isopor, na rua, mostrando que a vaga ali tem dono.

Um motorista escreveu e plastificou um texto longo, explicando que tinha gasto horas limpando sua vaga; que reconhecia o direito legal de outro motorista estacionar ali, mas apelava para seu melhor sentimento (better nature) para que não fizessem isso. Mas se fizessem, ele prometia jogar a neve toda de volta, bloqueando o veículo. Era um músico e tinha mesmo que ir ao estúdio. Quase foi linchado nas redes sociais.

Um outro foi mais sucinto e, talvez, mais eficaz. Pregou o aviso na árvore em frente a sua vaga: Se você estacionar na minha vaga, quebro suas "fuck" (expletivo versátil!) janelas. Tenha um bom dia!

Basta uma nevasca mais forte e nossa casquinha civilizada se esfacela.

Nós brasileiros somos fascinados com neve. É porque temos pouca experiência com a dita, no dia-a-dia. Mesmo quem viaja com frequência dificilmente viaja no inverno, já que é impossível caminhar pelas ruas, apreciando com vagar as cenas da cidade, com temperaturas sub-zero.

Mas, talvez porque eu esteja com o braço na tipóia depois de um tombo no gelo, quero dizer que essa é uma das "maravilhas" estrangeiras que não nos faz falta nenhuma. Temos sorte de não ter.

É linda, sim. Cria paisagens de sonho e induz ao recolhimento, à introspecção. Mas também é um transtorno. Melhor vê-la de longe: em filmes e fotografias.


Marilia Mota Silva
Washington, 9/3/2016


Mais Marilia Mota Silva
Mais Acessadas de Marilia Mota Silva em 2016
01. Nós o Povo - 6/4/2016
02. Eleições nos Estados Unidos - 10/8/2016
03. Preparar Para o Impacto - 16/11/2016
04. E Foram Felizes Para Sempre - 3/2/2016
05. Ah!... A Neve - 9/3/2016


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




TODO RISCO, O OFÍCIO DA PAIXÃO
DAMÁRIO DACRUZ
LIVRO COM
(2012)
R$ 25,00



DIÁRIO DE UM ZUMBI DO MINECRAFT 3 - FÉRIAS DO TERROR
HOROBRINE BOOKS
SEXTANTE
(2015)
R$ 28,00
+ frete grátis



MODERNAS TÉCNICAS EMPRESARIAIS VOL. 6 TÉCNICAS DE LIDERANÇA
OSWALDO DORIA
GRAFIPAR
(1970)
R$ 8,26



O RABI DE BACHERACH
HEINRICH HEINE
HUCITEC
(1992)
R$ 10,00



MEGUILAT ESTER
BEGUM SCHMUL OSHER
LUBAVITCH
(2010)
R$ 25,00



CARTA VIVA SEM LENHA O FOGO SE APAGARÁ Nº 62
R. R. SOARES
IGREJA INTERNACIONAL DA GRAÇA DE DEUS
(2001)
R$ 3,00



COLEÇÃO OS PENSADORES: NIETZSCHE
NIETZSCHE
ABRIL CULTURAL
(1983)
R$ 20,00



TIEMPO CON SHAKESPEARE - MARIO RODRÍGUEZ ALEMÁN (EM ESPANHOL)
MARIO RODRÍGUEZ ALEMÁN
EDITORIAL LETRAS CUBANAS - CUBA
(1982)
R$ 25,00



MOISÉS
IVAN FRANKÓ
CIA BRASILEIRA ARTES GRAFICAS
(1981)
R$ 8,99



OS ENIGMAS DA SOBREVIVÊNCIA
JACQUES ALEXANDER
EDIÇÕES 70
(1977)
R$ 26,00





busca | avançada
21498 visitas/dia
708 mil/mês