Comentários do IP 200.171.248.6 | Digestivo Cultural

busca | avançada
49395 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Bossa Nova Mall homenageia músicos brasileiros com a programação especial Cantos e Encantos do Brasi
>>> SESC CARMO REALIZA CICLO DE OFICINAS VIRTUAIS SOBRE DIREITOS SOCIAIS E PRIMEIRA INFÂNCIA
>>> Tiras da Niara viram livro
>>> “Relatos da Era Digital”: novo álbum celebra a cultura sound system
>>> Abertas as Inscrições para a Oficina Conteúdo Audiovisual Infantil e Infantojuvenil
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Olavo de Carvalho (1947-2022)
>>> Maradona, a série
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
Colunistas
Últimos Posts
>>> O melhor da Deutsche Grammophon em 2021
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
Últimos Posts
>>> Brega Night Dance Club e o afrofuturismo amazônico
>>> Fazer o que?
>>> Olhar para longe
>>> Talvez assim
>>> Subversão da alma
>>> Bons e Maus
>>> Sempre há uma próxima vez
>>> Iguais sempre
>>> Entre outros
>>> Corpo e alma
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Suplemento Literário 50 anos
>>> Cegueira
>>> Blog da Petrobras como Napster
>>> Menos fé e mais razão
>>> Aluga-se um escritório
>>> Para gostar de ler
>>> A resistência é vermelha
>>> Wear Sunscreen
>>> Millôr no IMS Paulista
>>> Uma história da Chilli Beans
Mais Recentes
>>> Caminho Suave - Comunicação e Expressão - 4ª série de Branca Alves de Lima pela Caminho Suave (1990)
>>> São Paulo Visto de Cima de Cássio Vasconcelos pela World Publisher (2020)
>>> Rio Visto de Cima de Cássio Vasconcelos pela Estudio Logos (2020)
>>> Avaliações em educação: novas perspectivas de Albano Estrela e Antônio Nóvoa pela Porto (1993)
>>> Amazonas Pátria da Água de Thiago de Mello pela Boccato (2007)
>>> Retorno à Amazônia de Jean-Michel Cousteau pela Guascor
>>> Introdução ao Design Gráfico de Renata Krusser pela UnisulVirtual (2011)
>>> Todas as Copas de 1930 a 1998 de Vários autores pela Lance! (1999)
>>> Para Sempre: Amor e Tempo de Ana Maria Machado pela Record (2001)
>>> Casamento Blindado de Ranato & Cristiane Cardoso pela Thomas Nelson Brasil (2012)
>>> Análise das Demonstrações Financeiras de John N. Myer pela Atlas S.A (1972)
>>> Memórias das Trevas de João Carlos Teixeira Gomes pela Geração Editorial (2022)
>>> O Livro De São Cipriano: Tratado Completo Da Verdadeira Magia de Vários Autores pela Pallas (2013)
>>> Marketing de Guerra de Al Ries e Jack Trout pela Mcgrawhill (2009)
>>> Inocência de Visconde de Taunay pela Dcl (2013)
>>> Eles continuam entre nos de Zibia Gasparetto pela Vida E Consciencia (2008)
>>> Sara Says No! - Confira! de Norman Whitney pela Heinemann (1992)
>>> Comédia Em Pé - o Livro de Vários Autores pela Mirabolantre (2009)
>>> Miss Bronte de Juliet Gael pela Lafonte (2011)
>>> A dama da fé de Ester Bezerra pela Planeta Do Brasil (2016)
>>> O Poder da Esperança de Julián Melgosa pela Casa Publicadora Brasileira (2017)
>>> Reencarnação de Swami Tilak pela Feeu (1974)
>>> Andarilha de Núbia Feitosa pela Cbje (2011)
>>> Gestação: Tratamento Em Dose Única das Infecções Não Complicadas Das Vias Urinárias de Zambon Laboratórios Farmacêuticos S.A pela Zambon Laboratórios Farmacêuticos S.A (2022)
>>> Crimes Hediondos de Antonio Lopes Monteiro pela Saraiva (1997)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Segunda-feira, 13/9/2010
Comentários
200.171.248.6


Seria fabuloso o Vandré voltar
Seria fabuloso se ele voltasse, abrisse o peito, contasse sua jornada a nós, aos jovens, mas isto é uma fantasia. Algúem que há muito aprendeu a dizer não e ver a morte sem chorar, já era forte o bastante para, quando decepcionado com esta terra, construir a muralha que o separaria do escombro brasileiro pós-ditadura.

[Sobre "Geraldo Vandré, 70 anos"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
13/9/2010 às
13h40 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Preferi montar a minha editora
Discordo de você, em certas partes. Temas como sem-terras e trabalhadores do campo são interessantes, e acredito que, se o grande público conhecesse a sua narrativa, iria comprar e recomendar. No entanto, o que dita a regra de consumo é a grande mídia, então, se não virou minissérie, nem filme, e o autor não é celebridade ou esteve envolvido em nenhum escândalo, fica difícil o livro ganhar espaço de divulgação, não ganha nem vitrine na livraria que pegou o exemplar consignado. Outra forma de vender é se o mercado educativo adotar, porém, temos a barreira do catedrático se dispor em conhecer autores e obras novas, eles quase não têm tempo ou interesse, é mais fácil ater-se aos cânones. Eu preferi montar a minha editora, não sei como será ter que dividir a atenção entre escrever, produzir, vender e lançar, o tempo dirá!

[Sobre "Confissões de um escritor"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
13/9/2010 às
13h20 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Movimento literário constante
As imagens que marcaram: autor de quadrinhos tratado como popstar e milhares de pessoas consumindo literatura, concordo, são imagens de Bienal. Mas note, o nome já diz: Bienal, movimento a cada dois anos. A educação que transforma o bruto tem que ser diária, cotidiana. A Bienal, sem desmerecê-la, é elitizada, para poucos. Precisamos que saraus, feiras de livros, movimentos literários periféricos sejam incentivados, precisamos que a literatura não tenha apenas palco para estrelas, estas ficam longe da terra. Há que se trabalhar na comunidade em que se vive, juntando a família e amigos para ler uns aos outros, tal qual fazemos para jogos de futebol e último capítulo de novela. Isto, sim, seria impressionante. A Bienal é maravilhosa, mas também, com as verbas e incentivo que tem, não poderia ser diferente. É um evento livreiro que marca a vida, precisamos de movimento literário que componha a vida.

[Sobre "A Bienal do Livro ― diário de bordo"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
10/9/2010 às
11h48 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Não é tão simples assim
Caro Rafael, querer ser lido é inerente à maioria dos autores, mas atingir este objetivo não é "simples assim". Se você não é um autor conhecido, vai à Bienal para autografar e fica horas sem vender um único livro. Mesmo que você bata altos papos com leitores, troque ideias incríveis, somente um, outro ou mais provavelmente nenhum, comprará o seu livro. A não ser que, além de escritor, você seja bom vendedor. E note que, para chegar lá, no Anhembi, você teve que ter agenda livre, pagar combustível, estacionamento e, se passar o dia, terá que comer. Sem nenhum livro vendido, a verba terá de ter vindo de outra fonte de renda. Outro ponto: se você não está estabelecido por uma editora, não tem ponto de venda na Bienal, nas livrarias ou na Flip. Em Paraty, autores que vendiam seus livros na rua foram repreendidos por policiais. Esses são os fatos que não nos permitem sermos lidos.

[Sobre "Escrevemos para nós mesmos (?)"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
10/9/2010 às
11h08 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Só sei que nada sei
Para que o Cristianismo? Para que o homem exerça a humildade. Somos geniais, descobridores do universo e agora criamos a vida sintética, porém, por não sermos Deus, ou por não sermos verdadeiramente cristãos, como queiram, cada façanha nossa reverte-se em poder e arrogância. Quanto mais conhecimento, mais soberba... Que pequenez! Nós, os pensadores, deveríamos ser os primeiros a admitir que, para os mistérios do universo, para a existência ou não da alma, para a existência ou não de Deus, a resposta correta é: Só sei que nada sei.

[Sobre "Para que o Cristianismo?"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
7/6/2010 às
09h17 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Amar sempre vale a pena
Amar sempre vale a pena. Aliás, não só a pena, mas a caneta, o lápis, a tecla... O que mais traria tanto sentido a uma bela história, seja contatada ou vivida, do que o amor?

[Sobre "Dos amores possíveis"]

por Eliana de Freitas
http://www.elianadefreitas.recantodasletras.com.br
30/3/2010 às
08h52 200.171.248.6
(+) Eliana de Freitas no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Arquitetura e Engenharia Consultiva no Brasil uma História Em Projetos e Obras
Sindicato da Arquitetura e da Engenharia
Bb
(2013)



Ame e Dê Vexame
Roberto Freire
Guanabara
(1990)



Cuca Fundida
Woody Allen
L&PM
(2006)



Genoma Empresarial
Ernesto Haberkorn; Fernando Cicero
Gente
(2001)



Resgatem o Titanic!
Clive Cussler
Círculo do Livro



De Malas Prontas
Danuza Leão; Filipe Jardim
Companhia das Letras
(2009)



Ensaios
Michel de Montaigne
Abril Cultural
(1972)



Fisiologia da Nutrição - Vol. 2
Rebeca C. de Angelis
Edusp
(1979)



Pense Grande
Multiplic
Multiplic
(1989)



Branco Neve, Vermelho Rússia
Dorota Maslowska
Record
(2007)





busca | avançada
49395 visitas/dia
1,9 milhão/mês