Comentários do IP 200.207.125.11 | Digestivo Cultural

busca | avançada
32696 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Companheiro dileto
>>> O Vendedor de Passados
>>> Eugène Delacroix, um quadro uma revolução
>>> Meus Livros
>>> Quem é (e o que faz) Julio Daio Borges
>>> Plágio
>>> O filho eterno e seus prêmios literários
>>> Entrevista com Antonio Henrique Amaral
>>> Entrevista com Antonio Henrique Amaral
>>> Entrevista com Antonio Henrique Amaral
Mais Recentes
>>> Gestão de pessoas de Idalberto Chiavenato pela Campus (1999)
>>> Administração de Marketing de Philip Kotler pela Atlas (1998)
>>> Cinquenta Tons de Liberdade de James,E. L. pela Intrínseca (2012)
>>> Cinquenta Tons Mais Escuros de James,E. L. pela Intrínseca (2012)
>>> Mecânica vetorial para engenheiros Estática (vol. I) de ferdinand P. Beer e E. Russell Johnston, Jr. pela McGraw-Hill (1980)
>>> Cinquenta Tons de Cinza de James,E. L. pela Intrínseca (2012)
>>> A quinta disciplina de Peter M. Senge pela Best Seller
>>> Marketing Internacional de Edmir Kuazaqui pela Makron Books (1999)
>>> A cozinha das crianças (espertas) de Hervé This pela Degustar (2006)
>>> O Sagrado Selvagem de Roger Bastide pela Companhia das Letras (2006)
>>> Alternativas à Crise de José Oscar Beozzo (Org.) pela Cortez (2009)
>>> Dentro da Noite Veloz (1a Edição) de Ferreira Gullar pela Civilização Brasileira (1975)
>>> Poesia Comprometida com a Minha e a tua Vida de Thiago de Mello pela Civilização Brasileira (1980)
>>> Que País É Este? e Outros Poemas de Affonso Romano de Sant'Anna pela Civilização Brasileira (1980)
>>> Uma Razão para Respirar de Rebecca Donovan pela Pandorga (2014)
>>> Par Delà le Bien et le Mal de Frédéric Nietzsche pela Mercure de France (1907)
>>> Poesia de Alphonsus de Guimaraes pela Agir (1976)
>>> Princesa à Espera / Princesa Apaixonada de Meg Cabot pela Saraiva (2010)
>>> Portugal e seus Sabores de Angélica Santa Cruz (Org.) pela Abril (2017)
>>> La Volonté de Puissance Tome I de Frédéric Nietzsche pela Mercure de France (1909)
>>> Viagem ao Centro do Computador de Edith Modesto pela Ática (2000)
>>> A Rosa de Sarajevo de Margaret Mazzantini pela Companhia das Letras (2011)
>>> Um Pedaço de TI de Patricia Bittencourt pela Ledriprint (2017)
>>> Bala XXI - Casos, Crônicas, Piadas e Contos de Augusto José Vieira Neto pela Mandamentos (2000)
>>> Filhos Especiais Para Pessoas Especiais - O Milagre do Dia-a-dia de Neusa Maria pela Paulinas (2010)
>>> Pensées Étranglées de E. M. Cioran pela Gallimard (2014)
>>> Le Voyageur et son Ombre de F. NNietzsche pela Denoel (1979)
>>> Colder than Ice de David Patneaude pela Albert Whitman & Company (2003)
>>> Misericordiae Vultus / O Rosto da Misericórdia de Papa Francisco pela Paulinas (2015)
>>> Manual do Agricultor Brasileiro de Carlos Augusto Taunay pela Companhia das Letras (2001)
>>> O Ingenuo de Voltaire pela Dcl (2013)
>>> O Evangelho Segundo O Espiritismo de Allan Kardec pela Feb (1999)
>>> A Princesa de Babilonia de Voltaire pela Dcl (2013)
>>> A Campanha Abolicionista de Jose do Patrocinio pela Dcl (2013)
>>> Zollinger - Atlas de Cirurgia de E. Christopher Ellison, Robert M. Zollinger pela Guanabara Koogan; (2017)
>>> O Hobbit: A batalha dos cinco exercítos : guia ilustrado de Jude Fisher pela WMF Martins Fontes (2014)
>>> Radiografia da Alma de Pe. Hewaldo Trevisan pela Planeta (2010)
>>> Convênios e outros instrumentos de "Administração Consensual"na Gestão Pública do século XXI - Restrições em Ano Eleitoral de Jessé Torres Pereira Junior e Marinês Restelatto Dotti pela Fórum (2010)
>>> Estalos e Rabiscos - Mãos à Obra Literária de Walter Galvani pela Novaprova (2011)
>>> Distrito Federal Paisagem, População e Poder de Marília Peluso e Washington Candido pela Harbra (2006)
>>> Parto de Mim de Vera Pinheiro pela Pallotti (2005)
>>> Deuses americanos de Neil Gaiman pela Intrínseca (2016)
>>> A Ilha dos Prazeres de André Rangel Rios pela Uapê (1996)
>>> A pequena pianista de Jane Hawking pela Única (2017)
>>> Tradição e Novidade na Ciência da Linguagem de Eugenio Coseriu pela Presença- Usp (1980)
>>> Jovens Sem-Terra - Identidade em movimento de Maria Teresa Castelo Branco pela Ufpr (2003)
>>> Os Segredos das Mulheres Inteligentes de Julia Sokol e Steven Carter pela Sextante (2010)
>>> Lettres et Maximes de Épicure pela Librio (2015)
>>> Um Mundo a Construir de Marta Harnecker pela Expressão Popular (2018)
>>> Da RegenciaÀ Queda de Rozas (Rosas)/ Encadernado de Pandiá Calógeras pela Cia. Ed. Nacional (1940)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Segunda-feira, 18/11/2002
Comentários
200.207.125.11


Torso de Apolo
(continuação)...o que me chamou a atenção, mesmo, é a afirmação do Marcelo de que, aos “10 e poucos anos, estava participando ativamente da redemocratização deste país, quando tinha 20 e poucos anos construía em bairros e comunidades o Partido dos Trabalhadores, além de ajudar na retomada de sindicatos dos pelegos impostos pela ditadura. Mais no fim dos meus 20 e poucos anos, estava construindo um dos principais partidos de extrema-esquerda do mundo, o PSTU”...Que vida horrível! Que juventude desgraçada! Marcelo, ainda há tempo! Ainda há tempo! Alugue “Ninotchka”!

Confesso que não entendi sua repetida acusação de que eu sou um dândi. Essa calúnia de que me visto muito bem é uma lamentável queda de nível da sua parte. Preferia quando você estava justificando os crimes da esquerda. E também não entendi muito bem sua referência ao pai de Nabokov - a menos que você esteja insinuando veladamente que eu o matei. Marcelo, Marcelo, se esse for o caso, eu pagarei na mesma moeda e o acusarei veladamente de ter matado Maiakóvski. E, por favor, não peça desculpas por ser chato. Never apologize! Never explain! Abraços, Alexandre. (esperem, continua)

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Alexandre Soares
18/11/2002 às
17h29 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
A Arte de Fazer Inimigos
Ah, a gentil Arte de Fazer Inimigos! Gente, gente! Viajei e, na volta, percebo com desgosto que a minha simples mensagem de amor e humildade foi tão mal-compreendida. Como sofre quem só quer trazer ao mundo a paz e a tolerância! Não posso responder mensagem por mensagem, mas me deixem fazer uns comentários, uns comentários só...Me deixem dizer que minha reação foi parecida com a do Rafael. Ao descer o texto e ver o nome "Irã Dudeque" subindo tela acima, tive a mesma reação de incredulidade e horror que Macbeth deve ter sentido ao ver a floresta de Dunsinane se aproximando. Meu Deus, meu Deus, é típico da malevolência da esquerda procurar alguém com esse nome, só porque tem esse nome, e mandá-lo chamar os outros de invertidos. O que anda acontecendo com os nomes das pessoas de esquerda? Mas o que me chama mesmo a atenção...(continua)

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Alexandre Soares
18/11/2002 às
16h31 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Quase, quase
Ah, mas se você me tira o direito de generalizar descabidamente, metade da graça de escrever vai embora, Júlio! Está certo, os nomes que você citou - são o oposto de burros. E deve haver outros, que eu nem conheço. Ça va sans dire. Mas resta a pergunta: por quê tantos colunistas "de direita"? Como eu disse, me lembro bem que você nunca me perguntou de que lado eu era, quando me convidou para entrar - eu podia ser um trotskista picareta, da corrente Frieda Kahlo ainda por cima, for all you knew. Duvido que tenha perguntado aos outros colunistas. E no entanto a proporção de colunistas de esquerda foi sempre pequena. Qual o motivo? As pessoas de esquerda dirão que é porque há poucas pessoas de esquerda, e ponto. Isso me parece absurdo. Mas a eles parece absurdo dizer que "quase não há pessoas de esquerda que escrevam bem". No entanto, sustento o "quase"...Um abraço - Alexandre.

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Alexandre Soares
14/11/2002 às
13h12 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Sim, sim!
Daniel, concordo completamente. E as pessoas que viram sem dar seta? As que não respondem a um bom-dia? Que entram num restaurante gritando ao celular? Que falam palavrão perto da sua mãe? Enfim - e as pessoas da espécie Homo Eurico Midandensis? Também meus antepassados gritam para mim que o duelo é uma coisa boa e devia voltar.../ E Carlos: muitíssimo obrigado. A julgar pelo número de acessos que vieram para cá via o hsjnoticias, você tem bem mais leitores do que simplesmente quatro. Parabéns pelo blog, e me avise o que aconteceu com o padre comunista...Um abraço - Alexandre.

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Alexandre
12/11/2002 às
17h34 200.207.125.11
(+) Alexandre no Digestivo...
 
Aspas? Aspas?
É a primeira vez que se referem ao meu charme com aspas, Claudio. Fiquei chateado, fui me ver no espelho. Não ligo muito se me chamam de pseudo-intelectual, intelectualzinho, frívolo, fútil, reacionário, arm twister, burguês, cosmopolita, alma vazia, ou o que seja. Mas colocar aspas no meu charme é um pouco demais...Quanto aos textos "não levarem a nada" - bom, mas eu me diverti escrevendo, e algumas poucas pessoas se divertiram lendo. É mais do que o Celso Furtado conseguiu em toda a sua obra...Ah, "Hp": ouvi seu grito angustiado vindo aí da roça, mas não posso viajar pelo Brasil todo, como você sugere - se ainda não tenho dinheiro nem pra lentes de contato! E Carmen: nem é preciso dizer, volte sempre. Abraços - Alexandre Soares.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Alexandre Soares
12/11/2002 às
17h08 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Na contramão
Isabel, Félix, Heitor - obrigado, obrigado. A Vanessa já se foi, meu ego inflado a assustou; mas tive o prazer de ver vocês três me defendendo. Agora, Carmen: acredite, eu realmente tento estar na contramão da história. Não me importaria se esse fosse o título da minha biografia: "Alexandre Soares Silva - Na Contramão da História"...O que há de tão nobre assim em simplesmente ir no fluxo?

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Alexandre Soares
8/11/2002 às
02h50 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Deu pra perceber, né?
Um pouquinho, um pouquinho, Denise.

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Alexandre
7/11/2002 às
19h34 200.207.125.11
(+) Alexandre no Digestivo...
 
Mais uma
Ah! Sim! Embora eu não seja culpado de gostar de nenhum filme de Sylvester Stallone, gosto de vários de Bruce Willis. Satisfeito? Satisfeito em ver um grande homem humilhado? Oh, céus!

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Alexandre Soares
6/11/2002 às
13h01 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Confissão pública vergonhosa
Dieter, Dieter. Você acha mesmo que "eu posso, e você não"? Estava brincando. Podemos ambos, é claro. Pode qualquer um, com certo jeitinho. Com certo charme, digamos - charme desculpa tudo. Acho engraçado quando as pessoas pensam (não você, Dieter) que fiz uma lista da qual sou completamente livre, ou da qual me acho completamente livre. A lista de vulgaridades da qual eu mesmo sou culpado talvez seja pequena, mas existe. Vejamos (estou quebrando a cabeça para me lembrar de algo): há um vídeo de Mariah Carey, e outro de Britney Spears, que nunca perco. Já gritei com um caminhoneiro na rua, que é a coisa mais vulgar que poderia ter feito. Que mais? Há momentos em que eu gosto de Charles Aznavour (Santos Deuses!), e outros em que eu canto "Cucurucucu Paloma", para a exasperação do meu irmão. Pronto! Disse! Satisfeito? Volte sempre, Dieter.

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Alexandre Soares
6/11/2002 às
12h42 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Lista de Nabokov
Viram? Não é divertido? Essa lista nunca acaba - e concordo com a maior parte dos horríveis exemplos listados por vocês. Aos curiosos, eis uma lista feita por Vladimir Nabokov numa entrevista para a Vogue: "...nightclubs, iates, circos, shows pornográficos, os olhos cheios de sentimento de homens nus com montes de pêlos de Chê Guevara em vários lugares...". Obrigado a todos pelos elogios, pelo aumento da lista, ou pela simples leitura e presença. Quanto à sugestão do Haroldo, ele tem provavelmente razão, mas me deu preguiça. Muito ocupado lendo o volume dois do "Mar de Histórias", da Nova Fronteira. Quanto ao Dieter - a única resposta é "eu posso, você não". Quanto ao José Maria, 1)"neoliberal" é uma palavra vulgar - basta dizer "liberal". 2)Releia o que escrevi sobre Elis Regina. A pressuposição de que é obrigatório gostar dela é que é vulgar - não ela (se bem que cada vez que a escuto cantar sobre a volta do irmão do Henfil, sinto um arrepio que não é bem de prazer estético).3)"Minha mulher" é a única forma aceitável. Quem diz "minha esposa" diz "toalete" no lugar de "banheiro". Abraços...Ah, a pergunta do Sidney: é por essas e outras que sou a favor de educar os filhos em casa - e só em casa. Agora sim, abraços - Alexandre Soares.

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Alexandre Soares
6/11/2002 à
01h26 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Tem muita razão
Não te culpo. Aliás também vou parar de ler este site até que parem de publicar meus textos. Meu reacionarismo é monstruoso! Revoltante! Revoltante! Na próxima coluna eu até defendo a volta da escravidão! Isso é coisa com que se brinque, meu Deus, meu Deus?

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Alexandre Soares
4/11/2002 às
18h58 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Este texto foi aprovado...
Ah, Marcos - só agora descobri, lendo o comentário de um leitor perspicaz no blog do Félix, que a sua mensagem número 13 foi na verdade uma espécie de ISO-9000 da Comunidade Gay, um selo de aprovação - algo do tipo "A comunidade gay aprova, este texto é coisa de viado". Confesso que havia interpretado mal. Bom, respeito a sua comunidade, e agradeço a gentileza. Voltem sempre...Quanto a ser parente do Lula - sim, viemos os dois juntos para São Paulo, eu no pau-de-arara lendo "Ariel", de Silvia Plath, em voz alta para ele. Lembro que ele ficou muito emocionado com o poema sobre o dedão cortado: "My thumb instead of an onion/ The top quite gone...". Sim, "Ariel" foi um dos marcos na vida de Lula...Ao chegarmos em São Paulo, seu coração estava tomado pelo ódio a Ted Hughes. Brigamos, porque gosto muito de "Lupercal", e nunca mais nos falamos. Um abraço, Alexandre Soares.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Alexandre Soares
1/11/2002 às
23h57 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Ah, sim
Só mais uma coisa: Félix, no meio dos comentários acabei me distraindo e não vi o seu comentário. Meu livro "A Coisa Não-Deus" pode ser encontrado nas livrarias maiorzinhas, esmagado nas estantes pelo último livro daquele Jô que também é Soares. Ou aqui, na Saraiva. Um abraço, do seu leitor e (sim) "apple polisher"- Alexandre Soares.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Alexandre Soares
1/11/2002 às
22h57 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
De esquerda, e civilizado?
Cláudio, fico feliz em ignorar o horroroso, intolerável insulto de "uspiano" e apertar a sua mão. Não entendo bem como alguém pode gostar de Ninotchka e ainda assim levar distribuição de renda a sério e votar no Lula - lembra daquela cena em que Melvyn Douglas pergunta ao mordomo se ele quer dividir tudo o que eles têm? Lembra da resposta do mordomo? O que Melvyn Douglas acharia de Lula? Ah, Cláudio, Cláudio, você parece tão decente, tão civilizado - como pode ser de esquerda? E, pior ainda - prosecco? Prosecco? Um abraço - Alexandre Soares

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Alexandre Soares
1/11/2002 às
22h23 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Ora vamos, ânimo...
Carina está tristonha, Lavros deprimido, Antonio ressentido. Parece até que não ganharam...Ânimo, ânimo! Chegaram ao poder e ainda se sentem oprimidos. E o que os oprime? Minha arrogância! Minha mesquinha educação superior! Minha ortografia perfeita! Minha leitura constante e opressiva dos clássicos! Ah, fico feliz - é mais divertido oprimir do que ser oprimido. Como bem sabe quem já viu "Ninotchka". Mas eis aqui um divisor ideológico ainda maior, e mais importante, do que direita/esquerda: gente tão séria e tristonha obviamente nunca viu "Ninotchka"...Lavros, Lavros, deixe de ver "O Encouraçado Potemkim" um pouco e veja "Ninotchka"...Cheer up, buddy boy. Como é triste a esquerda! Santos Deuses!

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Alexandre Soares
30/10/2002 às
02h06 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




HISTÓRIA DO BRASIL - NOVA CONSCIÊNCIA 5ª SÉRIE
CILBERTO COTRIM
SARAIVA
(2001)
R$ 15,00



OS MORTOS PERMANECEM JOVENS
ANNA SEGHERS
VITORIA
(1956)
R$ 19,90



AS EMPRESAS E DUA ADMINISTRAÇÃO
BERTRAM M. GROSS
URGS
(1979)
R$ 8,00



ROBERTO MAGALHÃES - DESENHOS
ROBERTO MAGALHÃES
INSTITUTO MOREIRA SALLES
(2001)
R$ 10,00



CÁLCULO VOLUME 1
GEORGE B. THOMAS; MAURICE D., JOEL HASS
PEARSON
(2012)
R$ 108,00



UM CONTO DO DESTINO
MARK HELPRIN
NOVO CONCEITO
(2014)
R$ 8,64



MY LIFE AS A MAN
PHILIP ROTH
VINTAGE
(1993)
R$ 29,00



O ELOGIO DA PEDAGOGIA
LUIZ GONZAGA TEIXEIRA
LOYOLA
(2001)
R$ 21,00



O QUE É CANOAGEM, REMO E ESQUI AQUÁTICO
SILVIA VIEIRA
CASA DA PALAVRA
(2007)
R$ 22,00



MANUAL PARA PLANEJAMENTO DE EMBALAGENS
MINIST. IND. E COMÉRCIO
ATELIER ARTE EDIÇÕES MG
(1976)
R$ 40,00





busca | avançada
32696 visitas/dia
1,3 milhão/mês