De esquerda, e civilizado? | Alexandre Soares

busca | avançada
50504 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Atom Pink Floyd faz show dia 1º e público usa óculos 3D no Teatro Alfa
>>> Musical Guerra de Papel reestreia dia 9 no Complexo Funarte
>>> Daniela Galanti autografa livro em São Paulo
>>> Death Note - O Musical reestreia no Teatro Miguel Falabella
>>> De Kombi na Praça - Pateo do Collegio
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Jô Soares (1938-2022)
>>> Casos de vestidos
>>> Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
Colunistas
Últimos Posts
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
Últimos Posts
>>> Toilet Paper, Papel Sanitário
>>> Direitos e Deveres, a torto e a direita
>>> Os chinelos do Dr. Basílio
>>> Ecléticos e eficazes
>>> Sarapatel de Coruja
>>> Descartável
>>> Sorria
>>> O amor, sempre amor
>>> The Boys: entre o kitsch, a violência e o sexo
>>> Dura lex, só Gumex
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Eis a questão
>>> Private Equity e coronavírus
>>> The Smiths em 1983
>>> Liam
>>> Caro Francis, documentário de Nelson Hoineff
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Quando a incapacidade é valorizada
>>> Do amanhecer ao adormecer: leitura, ato de amor
>>> Entrevista com Franklin Costa
>>> Curriculum vitae
Mais Recentes
>>> Não Posso Me Apaixonar de Bella Andre pela Novo Conceito (2013)
>>> As Meninas de Lygia Fagundes Telles pela Nova Fronteira (1985)
>>> O Jogo de Brad Meltzer pela Record (2005)
>>> O Filho do Brasil de Denise Paraná pela Xamã (1996)
>>> Nona de Erika Mattos da Veiga pela 7 Letras (2010)
>>> A Mulher V Moderna, à Moda Antiga de Cristiane Cardoso pela Unipro (2011)
>>> As Poderosas Rainhas de Amy Dickinson pela Ediouro (2009)
>>> Ecologia e socialismo de Michael Lowy pela Cortez (2005)
>>> Filosofia Política e Liberdade de Roland Corbisier pela Paz e Terra (1975)
>>> Nietzsche para estressados de Allan Percy pela Sextante (2011)
>>> La Visita de L a Anciana Dama de Friedrich Durrenmatt pela Gompania General Fabril (1960)
>>> A ideologia do trabalho de Paulo Sérgio do Carmo pela Moderna
>>> A invisível máquina do mundo de Marianne Wiggins pela Ediouro (2005)
>>> Chinese Medicinal Herbs of Hong Kong Vol. 2 Chinese / English de Vários pela Desconhecida (1984)
>>> The Prostate Cancer Protection Plan de Dr. Bob Arnot pela Little, Brown and Company (2000)
>>> Nueva Guia Completa del Museo del Prado de Antonio J. Onieva pela Mayfe (1980)
>>> Prestes Heroi e Caudilho de Valter Pedrosa pela Roteiro Editorial (1987)
>>> Memoria de mis putas tristes de Gabriel García Márquez pela Debolsillo (2008)
>>> Bandeira de bolso - Uma antologia poética de Manuel Bandeira pela L&PM (2010)
>>> A lacuna de Barbara Kingsolver pela Verus (2011)
>>> A Cabana de William P. Young pela Sextante (2008)
>>> Amityville de Jay Anson pela Darkside (2016)
>>> Eu fico Loko 2 de Christian Figueiredo de Caldas pela Novas páginas (2015)
>>> A queda As memórias de um pai em 424 passos de Diogo Mainardi pela Record (2012)
>>> O Diário de Anne Frank de Anne Frank pela Record (2016)
COMENTÁRIOS

Sexta-feira, 1/11/2002
Comentários
Leitores


De esquerda, e civilizado?
Cláudio, fico feliz em ignorar o horroroso, intolerável insulto de "uspiano" e apertar a sua mão. Não entendo bem como alguém pode gostar de Ninotchka e ainda assim levar distribuição de renda a sério e votar no Lula - lembra daquela cena em que Melvyn Douglas pergunta ao mordomo se ele quer dividir tudo o que eles têm? Lembra da resposta do mordomo? O que Melvyn Douglas acharia de Lula? Ah, Cláudio, Cláudio, você parece tão decente, tão civilizado - como pode ser de esquerda? E, pior ainda - prosecco? Prosecco? Um abraço - Alexandre Soares

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Alexandre Soares
1/11/2002 às
22h23 200.207.125.11
(+) Alexandre Soares no Digestivo...
 
duas categorias
Alexandre, acho que seria ótimo dividir os casos em duas categorias: (1) situações, como, por exemplo, filmes em que atores mirins... (2) expressões utilizadas, seja em textos, seja no linguajar do dia a dia. Digo isso porque penso que para os casos de situações o máximo que se pode fazer é não nos permitirmos estar em qualquer delas, e para os casos de expressões, seria possível a você, além de citá-las, sugerir alternativas razoáveis. Penso até que, assim, seria possível você retomar todo o assunto e reapresentá-lo de forma mais apetitosa ainda. E sei que poucos poderiam fazer isso tão bem quanto você. Então, fica aqui a minha sugestão. Um grande abraço. Haroldo Amaral

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Haroldo Amaral
1/11/2002 às
22h18 200.191.105.77
(+) Haroldo Amaral no Digestivo...
 
correr atrás do prejuízo
Não sei qual sua opinião sobre a a expressão "correr atrás do prejuízo". Dizem que não é correto"correr atrás de um prejuízo" mas, se for para ele nao aumentar qual o problema? Outra coisa, que se não for vulgar é en tediante ouvir, na televisão, o repórter ou apresentador de telejornal dizer: O presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva. Votei no Lula. Só acho que não precisa dizer esse vocativo longo várias vezes. Além do que,ainda temos um presidente eleito governando.Bom...

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Carmen Gomes Simioni
1/11/2002 às
21h22 200.151.85.70
(+) Carmen Gomes Simioni no Digestivo...
 
Forte Sensação
Eu acrescentaria, caro colunista, a sensação que tive, na noite do dia 27 p.p.: "O apocalipse deve estar muito próximo, pois eu vi o Messias, pessoalmente, na Avenida Paulista. As pessoas choravam e esticavam os braços, tentando tocá-Lo". Maldito o povo, que depende de um herói para mover-se. Deus nos salve!

[Sobre "Revolução e Niilismo"]

por JOSÉ PEREIRA
1/11/2002 às
20h06 200.161.190.206
(+) JOSÉ PEREIRA no Digestivo...
 
a cara do Brasil
A expressão-Tem a cara do Brasil ou é a cara do Brasil.

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Daniel
1/11/2002 às
20h09 200.158.7.196
(+) Daniel no Digestivo...
 
incontinência tucana
Como dizia o velho Ulysses Guimarães, tucano,o pássaro, sofre de incontinência intestinal. Se vivo fosse talvez mudaria para diarréia cerebral,no caso aí analisando o tucano humano mesmo...

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por marcos
1/11/2002 às
18h24 200.231.164.123
(+) marcos no Digestivo...
 
Doctor Evil
Caro Doutor Flávio, Li o seu debate com a colunista deste site, Adriana Baggio, e não pude me conter. O relato da Adriana mostra exatamente o que acontece aqui em João Pessoa: O desespero pela manutenção das cabeças em seus devidos lugares, fazendo com que todos, de repente, fiquem íntimos dos candidatos. Tudo pela manutenção dos empregos arrumados, das mutretas. É uma situação já antiga, passada de geração para geração, uma política parasítica de beijação de mãos de coronéis já ensebadas de tantas salivas desesperadas. Quanto ao preconceito com os paraibanos, o senhor realmente se equivocou em dizer que é um povo hospitaleiro. O fato é que eles são hospitaleiros dependendo do jogo de interesse: O que se ganha nisso? Caso contrário você é descartado e talvez até hostilizado. O paraibano comum é muito hipócrita, mas é claro que alguns se salvam, e eu tenho a felicidade de conhecer alguns. Mas o senhor se perdeu na crítica a Adriana Baggio só porque ela veio de outra região (e pelo visto não é São Paulo), o senhor já fez o seu filme, imaginando ela em uma mercedes (quem tem mercedes não vem nela pelas estradas esburacadas que temos, vem de avião de linha ou de jato particular). Quando o senhor fala da inocência dos Paraibanos, alí já está o seu preconceito embutido (e olha que o senhor sabe do preconceito dos Pernambucanos com os Paraibanos!) Quanto a cachaça, ela é uma bebida como outra qualquer, que pode ser consumida de várias formas (batidas, caipirinhas, etc). E pelo que eu li, não foi passada quantidade consumida, o que mostra novamente o seu delírio. O que lhe incomoda realmente, Doutor Flávio, é ver uma mulher inteligente, que escreve uma ótima coluna e tem a siceridade e liberdade de expressar seus pensamentos.

[Sobre "Reflexões na fila"]

por Otacílio Vaz
1/11/2002 às
16h56 200.179.144.25
(+) Otacílio Vaz no Digestivo...
 
Pois é...
Lula é cantado em prosa e verso como o "primeiro presidente do povo" de toda a nossa história. Será mesmo verdade?

Que se diga que Lula é o primeiro líder sindical a chegar ao poder. Isso é verdade. [...] Que se diga, também, que Lula é o primeiro presidente a não ter curso superior. Isso [...] também é verdade.

Lula teve uma infância pobre, sem dúvida. Mas outros tantos também tiveram. Nenhum presidente chegou ao poder totalmente pobre, é verdade. Mas Lula também não. Ao menos para os padrões brasileiros. Ele tem carro próprio, casa própria e uma renda mensal [...] que seguramente o qualifica como pertencente à classe média. [...] Que, nestes momentos de bajulação desenfreada, se tenha uma real perspectiva histórica do que significa a vitória do presidente Lula. Um feito [...] de forma alguma inédito.

Alguns haverão de alegar que Lula é o primeiro presidente que chega ao poder sem compactuar com as elites. Infelizmente, também não é verdade. [...] Um número sem conta de grandes empresários passou a adulá-lo quando ele se agigantou nas pesquisas. E não consta que em algum momento ele tenha rejeitado tais apoios. Dinheiro para a campanha também não faltou. [...] A campanha do PT custou quase o dobro da de José Serra. E todo esse dinheiro - não sejamos ingênuos - não foi amealhado com a venda de estrelinhas e camisetas do partido.

Louve-se a sua persistência e tenacidade, é valido. Mas que não se dê a tal festa dimensões históricas que ela de fato não tem.

João Mellão, hoje, em "Devagar com o andor"

[Sobre "Lula: sem condições nenhuma*"]

por Julio
1/11/2002 às
15h57 200.183.97.226
(+) Julio no Digestivo...
 
O PIOR
Aquela quadrilha que estupra e mata a música - qualquer música: Família Lima.

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Ricardo
1/11/2002 às
15h23 200.191.121.144
(+) Ricardo no Digestivo...
 
cirurgia plástica
Mais de três e menos de duas cores no passeio completo; chinelo de dedo; mulher discutindo desempenho sexual em mesa de bar; mulher arrotando; palavrões em geral, salvo quando dirigidos ao computador; qualquer adesivo em vidro de carro; qualquer desivo na lataria do carro; cirurgia plástica (se a pessoa faz para melhorar a aparência, por que não melhora?); mastigar com a boca aberta; beber fazendo barulho; contar o que foi fazer no banheiro; falar o preço do que tem.

[Sobre "Sinais de Vulgaridade - Parte II"]

por Ricardo de Mattos
1/11/2002 às
14h56 200.227.233.85
(+) Ricardo de Mattos no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Viaje a La Alcarria: Con los Versos de Su Cancionero Cada Uno En Lugar
Camilo José Cela
Destino
(1996)



Os Três Mosqueteiros
Laiz B. de Carvalho
Folha de S. Paulo
(2016)



Os Três Monges - Romance espirita
Luiz Carlos Carneiro
Lake
(1997)



Der Marchenkonig
Felix (Autor), Theo (Autor)
Langenscheidt
(2003)



A mocinha do mercado central
Stella Maris Rezende
Globo Livros
(2011)



Invisível
David Levithan; Cremer Andrea
Galera Record
(2014)



Sem Perdão
Frederick Forsyth
Record
(1982)



Foras da Lei Barulhentos
Vários Autores
Cosac & Naify
(2012)



O Melodrama - Debates Teatro
Jean-marie Thomasseau
Perspectiva
(2005)



O triângulo das bermudas
Charles Berlitz
Nova Fronteira
(1974)





busca | avançada
50504 visitas/dia
2,0 milhão/mês