até que enfim! | Rafael Azevedo

busca | avançada
74501 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> SESC 24 DE MAIO RECEBE EVENTO DE LANÇAMENTO DA COLEÇÃO ARQUITETOS DA CIDADE
>>> Encomenda De Livro On-Line É Disparo Para Novo Espetáculo Do Grupo Pano
>>> Senac São Paulo abre as portas para atividades voltadas ao protagonismo juvenil
>>> Ribeirão Preto recebe o Teatro Portátil no Dia das Crianças
>>> SHOPPING GRANJA VIANNA INCENTIVA A ARTE NA REGIÃO COM O GRANJA CULTURAL
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
>>> Jô Soares (1938-2022)
>>> Casos de vestidos
>>> Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
Colunistas
Últimos Posts
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
Últimos Posts
>>> Universos paralelos
>>> Deseduquei
>>> Cuidado com a mentira!
>>> E agora? Vai ter pesquisa novamente?
>>> Cabelos brancos
>>> Liberdade
>>> Idênticos
>>> Bizarro ou sem noção
>>> Sete Belo
>>> Baby, a chuva deve cair. Blade Runner, 40 anos
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Sabemos pensar o diferente?
>>> A fragilidade dos laços humanos
>>> Anomailas, por Gauguin
>>> Felicidade
>>> Ano novo, vida nova.
>>> 31 de Maio #digestivo10anos
>>> Parangolé: anti-obra de Hélio Oiticica
>>> Como ler mais livros
>>> Apoio: Digestivo Cultural
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
Mais Recentes
>>> Histórias de tia Nastácia de Monteiro Lobato pela Globinho (2017)
>>> Drogas Hegemonia Do Cinismo de Sergio Dario Sibel ; Maurides De Melo Ribeiro pela Memorial (1997)
>>> Família de Alta Performance: Conceitos Contemporâneos na Educaçã de Içami Tiba pela Integrare (2009)
>>> Verdade tropical de Caetano Veloso pela Companhia das Letras (1997)
>>> Licoes De Private Equity Que Qualquer Empresa Pode Implementar de Hugh Macarthur Orit Gadiesh pela Elsevier (2009)
>>> Dalai Lama. Sobre O Budismo E A Paz De Espirito de Dalai Lama pela Record (2002)
>>> Voar de João Penteado pela Senac São Paulo (2013)
>>> Memórias De Ramses O Grande de Claire Lalouette pela Ediouro (1999)
>>> Ano da Avaliação Psicologia - Textos geradores - Brasília de Conselho Federal de Psicologia. pela Conselhos Regionais de Psicologia (2011)
>>> MICHAELIS: dicionário escolar espanhol. de Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil. pela Melhoramentos (2008)
>>> O Caminho do Samurai de Inazo Nitobe pela Pé da Letra (2019)
>>> Laroiê Exu Veludo de Ademir Barbosa Júnior pela Anubis Editores (2014)
>>> Laroiê Exu Tiriri de Ademir Barbosa Júnior pela Anubis Editores (2014)
>>> A Missão de Allan Kardec de Carlos Imbassahy pela Feb (1988)
>>> Death Note - Black Edition 2 de Tsugumi Ohba & Takeshi Obata pela Jbc (2022)
>>> Death Note - Black Edition I de Tsugumi Ohba & Takeshi Obata pela Jbc (2022)
>>> Batman - A Slight Case of Poison Ivy! de Doug Moench / outros pela Dc Comics (1983)
>>> Compêndio de O Capital de Carlo Cafiero pela Prime (2014)
>>> Mundo Invernal de Chuck Dixon - Jorge Zaffino pela Mythos (2017)
>>> Ela & o Monstro de Mary Shelley & Frankenstein pela Darkside (2020)
>>> Contos de Terror, de Mistério e de Morte de Edgar Allan Poe pela Nova Fronteira (2017)
>>> Bruxa Natural: Guia Completo de Arin Murphy - Hiscock pela Darkside (2021)
>>> Noticias do Planeta Azul de Celso Martins pela Associação Francisco Cândido Xavier (2011)
>>> Naturalmente Bruxa: Desperte a magia que existe em você! de Gabi Violeta pela Planeta (2019)
>>> Bruxas, Bruxos: e o feitiços mais cruéis que se podem imaginar de Joseph Jacobs pela Martin Claret (2011)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 17/4/2002
Comentários
Leitores


até que enfim!
Eduardo, agradeço sua mensagem e fico muito feliz em finalmente perceber uma postura civilizada de um de meus antagonistas. É curioso perceber que subitamente sou tomado como um radical mais ferrenho que o mais direitista dos integrantes do Likud, apenas porque resolvi mostrar algumas verdades escamoteadas pela mídia "pró-palestina". Quanto ao comentário sobre a leitura na infância, asseguro-lhe que não foi uma tentativa de ofender, mas antes uma constatação de algo que há muito reparo - a maioria das pessoas não lê com a atenção devida em nosso país. A prova disso são os Wers e Boaventuras da vida... peço desculpas se não me fiz entender. Saudações, Rafael.

[Sobre "O injustificável"]

por Rafael Azevedo
17/4/2002 às
09h00 200.162.216.233
(+) Rafael Azevedo no Digestivo...
 
Quem é responsavel?
Eu não moro no Brasil há vários anos. No entanto, sendo tricolor doente, leio O Globo diariamente. Há dois dias encontrei um artigo http://oglobo.globo.com/rio/18543192.htm descrevendo a quantidade de mortes violentas no estado do Rio no mês de Março 2002. 831. Talvez alguém saiba qual é a população do estado do Rio, ara que possamos comparar a "paz" brasileira com a guerra em Israel. Aliás, no mês de março, o mais sangrento do conflito, morreram algo como 300, 350 pessoas entre árabes e judeus. A população total entre o Jordão e o Mediterrâneo é mais ou menos 10 milhões. Eu prefiro a guerra daqui do que a paz daí. Uma perrguntinha: será que os judeus são culpados das 831 mortes violentas do mês de março no estado do Rio também?

[Sobre "O injustificável"]

por Daniel Feldman
17/4/2002 às
05h33 212.143.225.70
(+) Daniel Feldman no Digestivo...
 
Ingenuidade
Eduardo: talvez pra voce eu não tenha que dizer o que aconteceu na Alemanha nazista, mas acho pra alguns dos leitores, sim. Creio que todos receberam 2 mails (particulares) de um excremento humano que se alcunha "rAphael", nos quais este verme, de modo covarde e subhumano propaga o seu vomito. Este é o resultado de seculos de propaganda baixa, que foi feita pelo mundo, e que hoje esta ganhando força no mundo muçulmano, e em especial nos paises arabes da região, e explicitamente, desde que Arafat voltou pra cá, nas escolas Palestinas. Não seja(m) ingenuo(s). Parei. Eliahu

[Sobre "O injustificável"]

por Eliahu Feldman
17/4/2002 às
02h55 212.179.219.11
(+) Eliahu Feldman no Digestivo...
 
Obrigado, Sérgio
Obrigado, Sérgio. Mesmo quando discordou comigo, o que já aconteceu em outros textos, você foi sempre gentil. Minha varanda é sua varanda. Um abraço- Alexandre.

[Sobre "Na varanda"]

por Alexandre
17/4/2002 às
02h29 200.205.157.155
(+) Alexandre no Digestivo...
 
Belmonte!
Fabio, você está falando do Belmonte chargista? Tenho um livro de charges dele sensacional! Não é possível que haja dois Belmonstes geniais na mesma década, mas não sabia que escrevia também. Beijo da Sue

[Sobre "uma homenagem aos 447 anos de piratininga"]

por Assunção Medeiros
17/4/2002 à
01h15 200.184.36.30
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
Apaga!
Querido Fábio, você já parou para pensar no outro lado da questão? Como se não bastasse a tarefa ingrata de salgar porcos, a pobre coitada ainda tinha de aturar um maluco correndo atrás dela e atrapalhando seu serviço? Não é mole (como você disse "não é bolinho" - uma graça!) enfrentar a realidade com alguém do nosso lado que não apenas não a enxerga como nos quer tirar dela... Melhor, muito melhor pedir ao Altíssimo que passe uma borracha e comece tudo de novo. Um mundo onde existe o Amor Romântico, o Rubinho Barrichelo e o ornitorrinco não pode mesmo sobreviver!

[Sobre "dulcíssima dulcinéia"]

por Assunção Medeiros
17/4/2002 à
00h53 200.184.36.30
(+) Assunção Medeiros no Digestivo...
 
ateu
Eu sempre achei que você fosse ateu.

[Sobre "dulcíssima dulcinéia"]

por Marina
16/4/2002 às
22h57 200.158.213.43
(+) Marina no Digestivo...
 
o estado palestino
Eliahu, Jamais disse isto, "os fins justificam os meios", ao me referir aos homens-bomba. O que quis dizer é que me parece ser este o único recurso daqueles indíduos à violência do estado de Israel. E não precisa me falar sobre o que aconteceu com os judeus na Alemanha nazista, Ô Eliahu! Mas continuo achando que vocês atribuem a Arafat um poder que ele efetivamente não tem. Pô, o cara é considerado moderado pelos radicais palestinos! E eu também creio na tese de que ele não tem mais como controlar nada. A Palestina não existe como estado, não há exército, não há instituições, não há nada o que controlar! Os homens-bomba continuarão a existir com ou sem Arafat. Não acho que ele tenha o poder de disuadir a população--o que é uma pena. Não aprovo a violência, mas procuro me pôr no lugar de quem vive naquela situação de violência e entendo perfeitamente a revolta. Se queremos paz social, teremos que promover a igualdade de condições e não me parece que é isto o que está acontecendo entre judeus e palestinos. E vocês ficaram me devendo essa: por que a violência recrudesceu a níveis inimagináveis desde que Sharon assumiu o poder e iniciou as suas medidas radicais? De todo modo, agradeço a atenção dispensada às minhas colocações. Como disse antes, estou aprendendo muito aqui. Um abraço, Eduardo

[Sobre "O injustificável"]

por Eduardo Luedy
16/4/2002 às
19h30 200.128.62.143
(+) Eduardo Luedy no Digestivo...
 
ironia
Rafael, Concordo com uma coisa: a gente não está mais debatendo. O que fazemos aqui é reiterar nossos pontos de vista. Ninguém abre mao deles e ninguém, ao que me parece até o momento, com a exceção do Eliahu, tem se disposto a travar um verdadeiro debate. Não concordo com o ponto de vista de vocês (vc e Heitor, bem entendido) e estabeleci minha discordância em tom de veemência porque tudo o que estava lendo soava a mim revoltantemente tendencioso. Somado ao fato de que você é articulista de uma revista eletrônica que, pela qualidade em geral dos textos apresentados, poderia muito bem contribuir para legitimar e reificar tais posturas. Apelei para a ironia, nem tanto porque me faltassem argumentos, mas porque não via mais saída para o estabelecimento de um debate verdadeiro entre a gente. No entanto, apesar de tudo, valeu. Vou rever certos posicionamentos meus, vou checar certas coisas afirmadas aqui (pelo Eliahu, pelo Daniel e porque não?, por vc e pelo Heitor). Queria só corrigir uma coisa, ou ao menos tornar mais clara uma coisa que disse e que acho que está sendo tomada de maneira equivocada. Não defendo a violência. Considero-me mesmo pacifista. O que eu quis dizer era que compreendia a ação dos homens-bomba por considerá-la certamente como a única alternativa de reação à violência do estado de Israel. Quanto ao comentário relativo a minha falta de leitura na infância... estou tão triste com isso, vc nem imagina. Eduardo

[Sobre "O injustificável"]

por Eduardo Luedy
16/4/2002 às
19h26 200.128.62.143
(+) Eduardo Luedy no Digestivo...
 
O nazismo se faz presente
Bem-aventurado, será que pode falar de preconceito alguém que já se provou assumidamente anti-semita e declarou publicamente acreditar que o Holocausto foi uma farsa?

[Sobre "O injustificável"]

por Rafael Azevedo
16/4/2002 às
13h45 200.152.84.25
(+) Rafael Azevedo no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Evolução em Cadeia
Cláudio Costa
iipc
(1998)



O Despertar
Mabel Collins
pensamento



Rei Édipo
Sófocles
peixoto neto
(2004)



A Era do Acesso
Jeremy Rifkin
makron books
(2001)



Livro - Empresas Feitas para Servir
Dan J. Sanders
Sextante
(2011)



As Lágrimas de Alá - Confira !!!
Patrice de Méritens
Globo
(2008)



Como as Crianças pensam e aprendem
David Wood
Martins Fontes
(1996)



Os Dez Experimentos Mais Belos da Ciência
George Johnson
Lafonte
(2008)



A Vida Pede Passagem
Gerson Simões Monteiro
novo ser
(2012)



As Aranhas na Arca de Noe
Matuszak Sheldon
Vida de Criança
(2004)





busca | avançada
74501 visitas/dia
2,0 milhão/mês