Crédito pro Guimarães Rosa | Fina Endor

busca | avançada
84642 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Rosas Periféricas apresenta Labirinto Selvático e Ladeira das Crianças em novembro
>>> SESI-SP apresenta Filó Machado 60 Anos de Música em teatros de São Paulo e Piracicaba
>>> Clube do Conto outubro - Sesc Carmo - literatura infantojuvenil
>>> Projeto seleciona as melhores imagens de natureza produzida por fotógrafos de Norte a Sul do país
>>> Infantil com a Companhia de Danças de Diadema tem sessão presencial em Ilhabela e Caraguatatuba
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
Últimos Posts
>>> Mundo Brasil
>>> Anônimos
>>> Eu tu eles
>>> Brasileira muda paisagens de Veneza com exposição
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Primeiro Jogo
>>> O armário que me pariu
>>> Mini entrevista: Jo e Tuco
>>> Inveja do Porta dos Fundos
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> Entredentes, peça de Gerald Thomas
>>> Entrevista com Marici Salomão
>>> Três Homens Baixos
>>> Caso Richthofen: uma história de amor
>>> Caso Richthofen: uma história de amor
Mais Recentes
>>> Chacras na Umbanda: Da Manifestação Mediúnica aos Orixás de Raphael PH. Alves pela Madras (2021)
>>> Antes Que Você Morra: Revelações Sobre o Caminho Sufi de Osho pela Madras (2021)
>>> Medicina Alternativa de A a Z de Carlos Nascimento Spethmann pela Natureza (2004)
>>> Frida Trótski: A história de uma paixão secreta de Gérard de Cortanze pela Planeta (2018)
>>> Os Pensadores: Comte / Durkheim de Auguste Comte , Émile Durkheim pela Abril Cultural (1973)
>>> Hobbes (Os Pensadores #15) Leviatã -ou- Matéria, forma e poder de um estado eclesiástico e civil de Thomas Hobbes pela Abril Cultural (1983)
>>> Homens-Caranguejo de Sérgio Carvalho pela Local Foto (2013)
>>> Freud de Anne Simon, Corinne Maier pela ‎ Quadrinhos na Cia (2012)
>>> As Meninas de Lygia Fagundes Telles pela Companhia das Letras (2009)
>>> Desenho de Aldemir Martins de Rubens Matuck; Oscar D Ambrosio pela Liz (2011)
>>> Viva el pueblo! de Germán Sánchez Espeso pela Novela Cátedra (1982)
>>> Cinquenta Tons de Cinza de E.L. James pela Intrínseca (2014)
>>> Os Santos Que Abalaram o Mundo de René Fülöp-Miller pela José Olynpio (1998)
>>> Memórias de um Sargento de Milícias de Manuel Antônio de Almeida pela Sol90 (2004)
>>> Métodos em pesquisa social de William Josiah Goode... pela Companhia Ed. Nacional (1977)
>>> A Nicarágua sandinista de Marisa Marega pela Brasiliense (1982)
>>> O 8º Hábito: da eficácia à grandeza de Stephen R. Covey pela Elsevier (2005)
>>> Indicadores de Sustentabilidade: Uma Análise Comparativa de Hans Michael Van Bellen pela FGV (2014)
>>> Língua de Sinais Brasileira: Estudos linguísticos de Ronice Müller de Quadros & Lodenir Becker Karnopp pela Artmed (2004)
>>> Alice no País das Maravilhas de Sakura Kinoshita pela New Pop (2010)
>>> Biohazard: Marhawa Derise - Resident Evil Vol. 01 de Naoki Serizawa pela Panini Comics (2012)
>>> Fairy Tail vol. 01 de Hiro Mashima pela Jbc (2010)
>>> O Futuro Chegou: modelos de vida para uma sociedade desorientada de Domenico de Masi pela Casa da Palavra (2014)
>>> Kundu de Morris West pela Rio Gráfica (1986)
>>> Monster Hunter Orage Nº 2 de Hiro Mashima pela Jbc (2021)
COMENTÁRIOS

Terça-feira, 9/7/2002
Comentários
Leitores


Crédito pro Guimarães Rosa
Olá Isabel, O verbo 'perspicar' foi uma alusão ao Guimarães Rosa que, no seu genial Tutaméia, escreve: "Perspica-nos a inércia que soneja em cada canto do espírito, e que se refestela com os bons hábitos estadados. (...) Assenta-nos bem à modéstia achar que o novo não valerá o velho; ajusta-se à melhor prudência relegar o progresso no passado." Homo Ludens, sim, sim, é uma discussão antiga e cara aos filhos de maio de 68. Infelizmente, não estou com muito tempo pra entrar neste assunto; mas é interessante. Quanto ao lugar-comum, desculpe-me não ter alcançado toda a originalidade que seu fino-trato exige. Se puder, mande-me o que você escreveu de original sobre a copa.

[Sobre "Ludopédio em Pindorama"]

por Fina Endor
9/7/2002 às
14h40 200.191.176.219
(+) Fina Endor no Digestivo...
 
Criatividade lingüística
Olá de novo, Fina. Bem, "ser marginal" é um rótulo tão confortável quanto autolisonjeiro. Ele permite que você, de seu posto de observação fantasticamente superior, lance o mesmo olhar de desprezo a "débeis mentais" e "pseudo-intelectuais" -coisa que, por si só, já a qualifica como integrante do segundo grupo (além da criatividade lingüística expressa na invenção do verbo "perspicar", que não consta de nenhum dicionário de língua portuguesa. Esse tipo de discurso gongórico, desnecessariamente rebuscado, é um dos traços distintivos dos pseudo-intelectuais). Soa simpático acreditar-se um gênio incompreendido: essa é uma das muitas modalidades do auto-engano. Advirto, porém, que você talvez não seja tão mal compreendida por aqueles que a lêem. O que acho do seu texto, com toda a sinceridade, é que, embora ele toque em pontos importantes, não se descola dos surradíssimos lugares-comuns da esquerda sobre a "alienação" futebolística. O futebol e as reações que ele suscita são coisa bem mais interessante e complexa. Sugiro aos leitores que procurem por uma coluna escrita por Hélio Schwartsman, no final de junho, no site da Folha Online. Sem deixar de lado o aspecto "alienante" do futebol, ele lembra o historiador holandês Huizinga e seu conceito de "homo ludens" -isto é, o jogo como idéia central da civilização. Na minha opinião, é uma abordagem mais rica e multifacetada do que a repetição de clichês (por mais verdade que haja neles) sobre futebol e miséria. Abraços da Isabel.

[Sobre "Ludopédio em Pindorama"]

por Isabel
9/7/2002 às
12h57 200.221.28.204
(+) Isabel no Digestivo...
 
Quo vadis?
Concordo com o Toni, os donos de jornal não mandam mais nada. A barreira petista a que me referi está extamente nesses "escalões jornalísticos estrategicamente bem situados". Não comecei meu comentário com uma das belas frases do Aporelli à toa. Poucos da geração atual sabem que o Aparício Torelli, Barão de Itararé (a Batalha que não houve), comunista gaúcho, preso e torturado pela ditadura getulista várias vezes, pode ser visto como um protótipo de jornalista perseguido, em nosso País. Perseguido mas incansável. Ao ter seu espaço negado no jornal "A Manhã", servil à ditadura, fundou "A Manha" (assim mesmo, sem til, genial não?). Várias frases famosas são de sua autoria sem que as pessoas saibam, como aquela: pobre quando come galinha um dos dois está doente (na época galinha era caríssima, vejam só!). Como não sou comunista, antes pelo contrário me oponho a estes regimes opressivos admirados pelo Lula e petistas, sinto-me à vontade para citá-lo e ouso cogitar o que teria acontecido com o Aporelli se o Prestes tivesse tomado o poder. Possivelmente mais prisão e tortura. Para onde vamos?

[Sobre "Digestivo nº 88"]

por Heitor De Paola
9/7/2002 às
12h52 200.255.208.106
(+) Heitor De Paola no Digestivo...
 
Seguidores ou "heterônimos"?
É muito bom que a Mônica Waldvogel tenha se manifestado (de modo, aliás, claro e elegante). Mas convém fazer alguns reparos. Não acho que as opiniões do Eduardo cheguem a constituir uma "seita" para que ele tenha "seguidores". Eu, por exemplo, concordo com muito do que ele disse, mas discordo de alguns pontos. Minhas reações deveram-se à absoluta grosseria e à falta de argumentos da maioria das pessoas que defenderam o programa (com a exceção, muitíssimo bem-vinda, do José Maria). Penso que a Mônica deveria prestar atenção não só ao caráter "implacável" das críticas, mas à pobreza intelectual de algumas das pessoas que elogiam seu programa. Quanto à moça Daniela Brusco, é realmente impressionante o que a falta de senso de realidade pode fazer com algumas pessoas. No mesmo texto em que chama o colunista de "mal-educado", qualifica suas opiniões como "ridículas" e "grosseiras", sua mente como "doente" e sugere sua expulsão do Digestivo. Além disso, insiste na história das "múltiplas personalidades". Mocinha, eu já disse isso num e-mail a você, mas repito: NÃO SOU o Eduardo. É muito difícil que isso entre na sua cabeça? Quer marcar um encontro comigo para comprovar? Abraços da Isabel.

[Sobre "Com a calcinha aparecendo"]

por Isabel
9/7/2002 às
12h35 200.221.28.204
(+) Isabel no Digestivo...
 
Estamos falando de paranóia...
Martim, concordo de certa forma com voc6e: que você falou apenas verdades, creio ser de comum acordo; porém você fez toda uma crítica a um excelente texto baseada apenas em três palavras -"idade das trevas" - quando o foco do texto é totalmente outro. E, se o que o autor falou é de certa forma "sendo comum", por outro lado ele apresentou muito bem seu ponto de vista, indo muito além de conversas de bar - que, aliás, mais comumente derivam para mulher, religião e futebol. Precisamos de mais pessoas que ajudem a criar o "senso comum", que falta ainda a boa parcela da sociedade.

[Sobre "A Soma de Todos os Medos"]

por Alexandre Lobão
9/7/2002 às
10h12 200.197.165.9
(+) Alexandre Lobão no Digestivo...
 
Parabéns
Caro Eduardo, Fico aqui imaginando como vc tem a percepção rápida e exata daquilo tudo que eu gostaria de dizer aos torcedores brasileiros. Continue assim!!! Arq. Anilson Gomes De Salvador

[Sobre "Reminiscências de um campeão"]

por Anilson
8/7/2002 às
21h24 200.254.245.1
(+) Anilson no Digestivo...
 
Quo vadis Domini?
O assunto levantado por Julio D. Borges é mesmo instigante (to say the least). Claro que o que está em jogo aqui afeta diretamente a questão da liberdade e o comentário do Heitor De Paula, nesse sentido, me pareceu dos mais pertinentes. Não é necessário se ter muita familiaridade com os petistas para se saber que na visão de mundo desse pessoal o regime cubano é um exemplo a ser seguido. E, sintomaticamente, a internet por lá é descaradamente sabotada pelos barbudos anciões de Havana. Da mesma forma, na China continental, os ventos internáuticos causam o maior desconforto aos ditadores de Pequim. Voltando ao nosso Brasil, não creio que a internet chegue a incomodar os donos de jornais (porque a verdade é que os donos de jornais não mandam mais em seus jornais!!!). Mas incomoda, e muitíssimo, a escalões jornalísticos estrategicamente bem situados. Sem a internet, a "festa" dessa gente seria completa. Aporelli, Heitor, está na ordem do dia...

[Sobre "Digestivo nº 88"]

por Toni
8/7/2002 às
20h46 200.165.226.148
(+) Toni no Digestivo...
 
A arte da crítica
Vale a pena ler este artigo (além de outros no mesmo site) para pelo menos se obter uma versão alternativa à de que existiria uma "barreira petista" contra a liberdade de informação. E alguma informação a mais do que simplesmente apresentar o jornalista Barrionuevo como um solitário e abnegado defensor da liberdade de informação.

[Sobre "Digestivo nº 88"]

por Helion
8/7/2002 às
18h41 200.154.217.49
(+) Helion no Digestivo...
 
A arte da crítica
Como dizia Aporelli, "há algo no ar, além dos aviões de carreira". Neste assunto de jornalismo internáutico há outros interesses que não apenas os dono de jornais tradicionais mas também uma barreira petista que vem estabelecendo uma verdadeira censura nos jornais comuns. Censura que impede, por exemplo, que no Rio se tome conhecimento das perseguições a jornalistas que o Governo Olívio Dutra vem promovendo no Rio Grande do Sul, como o caso com o Barrionuevo. O jornalismo internáutico é muito mais difícil de censurar, mas que tentam, tentam. A PROCERGS, provedora do Governo do RS, tirou do ar a coluna do Diego Casagrande (www.diegocasagrande.com.br) com a mais estapafúrdia das desculpas. Uma tal Comissão Internacional de Ética Literária na Internet (alguém conhece isso?) tenta forçar o site PoliticaRS (www.politicars.com.br) a "despublicar" um artigo da joranalista Mila Kette sobre o escritor Francisco Simões. É, a Internet, tal como os elefantes, incomoda muita gente!

[Sobre "Digestivo nº 88"]

por Heitor De Paola
8/7/2002 às
18h27 200.255.208.123
(+) Heitor De Paola no Digestivo...
 
Em favor do que
Ronaldo, com sua licença, ponho em dúvida essas estatísticas quanto ao número de ONGs e de meninos de rua, já que jamais as encontrei devidamente fundamentadas. De qualquer maneira, as ONGs também representam empreendimentos intelectuais, mesmo que você discorde delas. E poucos empreendimentos intelectuais são tão apoiados e financiados hoje em dia quanto aqueles que defendem a retirada do Estado de seus deveres sociais. A minoria que os apoia certamente não deve se incluir entre as “sem defesa” a que você se refere. Se eu adotasse um conceito de "bantustão" tão abrangente quanto o do Felix Meier, certamente classificaria assim o grupo dos anti-estatistas. Uma minoria defendidíssima./// Quanto ao outro assunto, novamente peço licença para deixar de comentar a relação entre cultura e religiões, tema complexo e que eu, homem sem religião, não me sinto preparado para abordar, embora respeite o sentimento religioso. Por isso mesmo, não vou discuti-lo./// Dizer que o artigo “não é panfletário mas talvez tenha a tônica dos panfletos” me parece pouco claro. Mas acho que talvez não valha a pena continuar tal debate, uma vez que não parece haver interesse do próprio autor em fazê-lo. Continuo achando que a sua “tônica”, como você diz, retira em muito a possibilidade de eu discuti-lo racionalmente./// Quanto à bibliografia sugerida, agradeço as sugestões. Já conheço um desses autores, sobre o qual tenho opinião formada. Quanto ao outro, procurarei lê-lo. Um abraço.

[Sobre "Bantustões brasileiros"]

por Helion
8/7/2002 às
18h35 200.154.217.49
(+) Helion no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Caminhando Contra o Vento
Roberto Rodrigues
Do Autor
(2011)



Memorial de Maria Moura
Rachel de Queiroz
Sciciliano
(1992)



A Crise dos 29 Como Ultrapassar a Barreira dos 30 Classe e Elegância
Julie Tilsner
M Books
(2008)



Cães de Guerra
Frederick Forsyth
Record
(1974)



A grande Batalha
Pietro Ubaldi
Fundápu
(1984)



Almanaque Disney Nº288
Walt Disney
Abril
(1995)



Bom Dia!
Max Lucano
Mc
(2013)



O condenado
Gabriel Lacerda
Lacerda Ed.
(1998)



Tim
Coollen Mccullough
Círculo do Livro
(1974)



A Ciência do Yoga
J.K.Taimni
Teosófica
(2006)





busca | avançada
84642 visitas/dia
1,8 milhão/mês