Kasparov | Roberto Valderramos

busca | avançada
59473 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Feriado, dia 20 :: Toni Garrido e Evandro Mesquita fazem show de graça na Laura Alvim em Ipanema
>>> Cadê a Criança que tava aqui? reestreia dia 5 de fevereiro no Alfa
>>> ENDURO A PÉ - CIRCUITO DE LAZER NO CENTRO
>>> Show 'Ana Cañas Canta Belchior' chega ao Teatro Bradesco em São Paulo
>>> SESI apresenta Filó Machado 60 Anos de Música no aniversário de São Paulo
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> O melhor da Deutsche Grammophon em 2021
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
Últimos Posts
>>> Brega Night Dance Club e o afrofuturismo amazônico
>>> Fazer o que?
>>> Olhar para longe
>>> Talvez assim
>>> Subversão da alma
>>> Bons e Maus
>>> Sempre há uma próxima vez
>>> Iguais sempre
>>> Entre outros
>>> Corpo e alma
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Um monstro que ri
>>> Um monstro que ri
>>> Felicidade: reflexões de Eduardo Giannetti
>>> Alguns momentos com Daniel Piza
>>> Edward Snowden: a privacidade na era cibernética
>>> A Nouvelle Vague e Godard
>>> Livros que aproximam
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Brasil em Cannes
>>> The ultimate cure for startup
Mais Recentes
>>> The Hugo Winners de Isaac Asimov pela Penguin Books (1964)
>>> Força É a Nova Beleza de Kate T. Parker pela Rosa dos Tempos (2018)
>>> Turma da Mônica Jovem Vol. 09: o Sumiço do Cebola de Mauricio de Sousa pela Panini Comics (2009)
>>> Turma da Monica Jovem Monstros do Id Parte 1 Vol 15 de Mauricio de Sousa pela Panini Comics (2009)
>>> A Grande Mentira de Nicholas Searle pela Record (2019)
>>> Animal Dreams de Barbara Kingsolver pela Harper Perennial (1990)
>>> Turma da Monica Jovem Vol. 11 - Ser Ou Não Ser? de Mauricio de Sousa pela Panini Comics (2009)
>>> Turma da Mônica Jovem - 12 Ser Ou Não Ser ? Parte Final de Mauricio de Sousa pela Panini Comics (2009)
>>> Turma da Mônica Jovem - 12 Ser Ou Não Ser ? Parte Final de Mauricio de Sousa pela Panini Comics (2009)
>>> Turma da Mônica Jovem - 12 Ser Ou Não Ser ? Parte Final de Mauricio de Sousa pela Panini Comics (2009)
>>> Criando Meninos de Steve Biddulph pela Fundamento (2004)
>>> Galileu e os Negadores da Ciência de Mario Livio pela Record (2021)
>>> Aloha-ha-ha! de Barbara Park pela Random House (2006)
>>> Signum: Estudo da Linguagem de Universidade Estadual de LondrinaUel pela Uel (1998)
>>> Harlequin Romance - No Need to Say Goodbye de Betty Neels pela Harlequin Books (1990)
>>> Tex Coleção Nº 54 de Bonelli pela Globo (1991)
>>> New Moon - Edição de Bolso de Stephenie Meyer pela Little Brown and Company - Us (2006)
>>> Twilight - Edição de Bolso de Stephenie Meyer pela Mt Books (2005)
>>> Tex Nº 139 de Bonelli pela Globo (1987)
>>> Food Wars 10 de Yuto Tsukuda pela Planeta Manga (2020)
>>> S - O Navio de Teseu de J. J. Abrams e Doug Dorst pela Intrínseca (2015)
>>> Tex Nº 316 de Bonelli pela Globo (1996)
>>> Star Wars Episode I - a Ameaça Fantasma 2 de Kia Asamiya pela Jbc (2002)
>>> O Livro dos Manuais de Paulo Coelho pela Do autor (2008)
>>> Curso de Inglês # Number One - Inglês Completo de Sérgio Barreto pela Skopos (2017)
COMENTÁRIOS

Quinta-feira, 22/7/2004
Comentários
Leitores


Kasparov
Além dos prodígios Paul Morphy, Raúl Capablanca e Bobby Fischer, outro ídolo que cultuei foi Alexandre Alekhine. Alekhine foi uma máquina de precisão. Depois da derrota para o Deep Blue, a aura de Kasparov exauriu-se. Mas a verdade é que ele foi um dos grandes, um dos maiores. Quando era ainda um Grande Mestre molecão com cara de mau, fazia os seus experientes adversários perderem os olhares no vazio insondável das 64 casas, queimando os neurônios desesperadamente para encontrar alguma jogada salvadora. Kasparov parecia invencível.

[Sobre "Quando éramos reis, bispos, cavalos..."]

por Roberto Valderramos
22/7/2004 às
16h48 200.184.161.120
(+) Roberto Valderramos no Digestivo...
 
Sobre Brasília
Legal seu texto, deve ter ajudado a furar a bolha de egocentrismo do paulistano médio. Nada de mais falar da capital federal. Todo mundo fala. Mesmo quem não conhece. E só de passagem, como você. As cidades satélites são desorganizadas, como a maioria do resto país. Crescem desordenadamente e nos fazem lembrar da triste realidade. Agora sobre Brasília (entenda-se Plano Piloto) ser mal planejada, não posso concordar. Tudo aqui funciona e nada deixa a desejar em relação à cultura e à pujança dos grandes centros. "Desenhada para empacar no tempo". No mínimo porque é patrimônio tombado, reconhecido como obra de um povo bravo que ousou erguer no vasto cerrado a sua capital e exprimir com orgulho sua própria capacidade inventiva. Não posso concordar que seja fruto de modismo, como você diz ser. Afinal, há muito tempo fala-se mal de Brasília. Ninguém deseja acompanhar moda nenhuma, de lugar algum. Temos a nossa, autêntica, do cerrado, com identidade e sotaque do planalto ainda a ser moldado, com contribuições dos cariocas, dos nordestinos, dos goianos, dos mineiros, de brasileiros e até de estrangeiros. Quanto a estar "perdida geograficamente", não consegui aceitar. O centro do país, onde coisas relevantes acontecem, e onde muito de sua vida se decide, é aqui. Da próxima vez que vir, que não seja de passagem. Fique e evite equívocos. Conheça a alma da jovem cidade que encanta e seduz cada vez mais o povo de seu Brasil.

[Sobre "De uma volta ao Brasil"]

por Eliardo Magalhães
22/7/2004 às
16h41 200.193.235.151
(+) Eliardo Magalhães no Digestivo...
 
Parabens, tá animal
Fala garoto, faz um puta tempo mas tua memória está boa, hein? Parabens pelo texto, trouxe boas lembranças sem contar as risadas... Obs.: só uma coisa, eu não vi coisa nenhuma (sabe do que estou falando)... E não está comprido, sou a prova de que está faltando muita coisa aí (algumas ainda bem)...

[Sobre "De uma volta ao Brasil"]

por Luís Alves de Lima
22/7/2004 às
14h42 200.150.247.30
(+) Luís Alves de Lima no Digestivo...
 
Brasil-sil-sil
Luis, gostei muito do artigo... realmente esse complexo de inferioridade do brasileiro existe. So discordo quando vc fala do frio como caracteristica civilizadora. Não acho que seja esta a questão. Não acho nada civilizado ter que retirar montanhas de neve da porta para poder sair de casa. Como sabes, sou um dos fervorosos admiradores de temperaturas mais amenas aqui no Rio de Janeiro, por simplesmente achar ser mais agradável. Como não vivo na praia, ao contrário do que parece acontecer com todos os demais cariocas, prefiro um clima em que possa usar algo além do que chinelo, short e camiseta de leiteiro (como diz minha mãe). Fico satisfeito quando faz uns 18 C :)

[Sobre "Deitado eternamente em divã esplêndido – Parte 1"]

por Luis Arthur F. Pinto
22/7/2004 às
11h24 200.160.175.241
(+) Luis Arthur F. Pinto no Digestivo...
 
gente jovem na Flip
Daio, você conseguiu dar uma visão geral da FLIP. Também estive lá, assisti à maioria das mesas e acho que a festa foi extremamente positiva. Claro que alguns autores foram maravilhosos e outros, como você sitou, ninguém sabe porque estavam lá. Mas o que realmente me impressionou foi a quantidade de gente jovem nas palestras (sem falar na do Chico ou do Caetano). Isso é um ótimo sinal! Espero que a FLIP continue, pois mesmo com erros e acertos, me parece uma iniciativa muito corajosa em relação à literatura. Nos dias em que a Flip aconteceu, a cidade de Paraty estava num clima de palavras efervescentes!

[Sobre "Parati, Flip: escritores, leitores –e contradições"]

por Vera Carvalho
22/7/2004 às
09h23 201.0.82.186
(+) Vera Carvalho no Digestivo...
 
Chavão
Fico a me indagar se a necessidade de responder às expectativas do receptor termina por minar também a nossa própria criatividade... Por que sem ela, nos transformamos na figuração de ecos sem fim que ora se intercalam, ora se remodelam... O difícil está em saber ruminar o pensamento e digerí-lo de forma não cusar uma indigestão a nós mesmos...

[Sobre "Chavão"]

por Flávia Pedrosa
21/7/2004 às
20h30 201.12.0.2
(+) Flávia Pedrosa no Digestivo...
 
Brazil ou Brasil?
Um. O R.R. Soares é realmente um grande orador e possue magnetismo impressionante. Já me peguei parado em frente à TV, totalmente amortecido pela sua elequência. A cena aproximou-se de um filme de ficção científica - uma TV ligada em um programa ruim, mas o indivíduo sem forças para mudar de canal, totalmente entregue ao locutor. Um bom candidato à qualquer cargo público deveria contratá-lo para seu palanque. Dois. Se estrangeiro gostasse mesmo do Brasil, passaria a escrever Brasil com "ésse" (linguodental fricativa surda, segundo o Aurélio) e não com "z". Não estão nem aí para a língua portuguesa. Aliás devem desconhecer o português do Brazil. Sugiro uma campanha pelas bandas do Canadá para a inclusão de Lei que determine a escrita de Brazil com s em respeito ao povo brazileiro. Criar lei para estas impropriedades culturais é conozco. Vamos à luta!

[Sobre "Ele é o Rei"]

por Pedro Washington
21/7/2004 às
10h43 200.250.215.16
(+) Pedro Washington no Digestivo...
 
vivo um amor virtual
Achei muito interessante, pois vivo um amor virtual há 4 anos só se vendo por fotos, webcam e falando ao telefone. Sou casada, negra. E o rapaz... branco, portugues e separado. Navegando pela internet, achei esse site e vi através desse texto que realmente existem muitos casos assim. Um abraço.

[Sobre "A internet e o amor virtual"]

por Denise
20/7/2004 às
16h38 200.196.119.3
(+) Denise no Digestivo...
 
Viva Glauber!
Maravilhoso! Glauber precisa renascer definitivamente na cabeça de quem se diz intelectual ou mesmo artista nesse país colonizado. O nosso Godard precisa aparecer mais aos novos pensadores e fazedores de cultura. Viva Glauber! Um homem que pensa e não tem medo (da chuva nem de nada).

[Sobre "Quem tem medo de Glauber Rocha?"]

por Eduardo Silva
20/7/2004 às
09h59 200.216.152.32
(+) Eduardo Silva no Digestivo...
 
apaixonados por arte do Brasil
Recebi o link para visitar este texto de um amigo em Portugal. Sou músico, compositor, e estive em Berlim em 97, no Berliner Ensamble, o teatro de Bertold Brecht, para intercambio cultural. Foi um prazer ler o seu texto, inspirador, e nosso grupo de discussão na internet, o Cantos do Brasil, inteiramente dedicado à difusão da música brasileira no exterior. Por um lado, muitos são os apaixonados pela arte brasileira, e como vc escreveu, muitos mais são os que não vêem o Brasil além de seus estereótipos. Estamos tentando fazer a nossa parte. Um abraço, muito sucesso, Felipe Radicetti

[Sobre "Brasil em alemão"]

por Felipe Radicetti
19/7/2004 às
21h36 200.220.16.133
(+) Felipe Radicetti no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Revisão do Cristianismo Série Pensamento da era Cósmica Vol 1
J. Herculano Pires
Paidéia
(1977)



O Primo Basílio
Eça de Queirós
Klick



A história da princesa isabel
Regina Echeverria
Versal
(2014)



A Leitura Em Questão
Jean Foucambert
Artes Medicas



Mysteries of the World
Herbert Genzmer
Parragon
(2010)



Dormir Bem Com Plantas Medicinais
Jaap Huibers
Hemus
(1983)



Curso de Direito Penal - Parte Especial Volume II
Rogerio Greco
Impetus
(2015)



Aluísio Azevedo Literatura Comentada
Antonio Dimas
Abril
(1980)



Formação Econômica do Brasil
Celso Furtado
Companhia Nacional
(1974)



Depois do Funeral
Agatha Christie
Círculo do Livro





busca | avançada
59473 visitas/dia
1,9 milhão/mês