dá uma preguiça de soletrar... | Irene Fagundes Silva

busca | avançada
49127 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Projeto que une cultura e conscientização ambiental traz teatro gratuito a Minas Gerais
>>> Show da Percha com Circo do Asfalto
>>> Evento Super Hacka Kids reúne filmes, games, jogos de mesa e muita diversão para a família
>>> SESC BELENZINHO RECEBE RÁDIO DIÁSPORA
>>> Música de Feitiçaria
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Jô Soares (1938-2022)
>>> Casos de vestidos
>>> Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
Colunistas
Últimos Posts
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
Últimos Posts
>>> Direitos e Deveres, a torto e a direita
>>> Os chinelos do Dr. Basílio
>>> Ecléticos e eficazes
>>> Sarapatel de Coruja
>>> Descartável
>>> Sorria
>>> O amor, sempre amor
>>> The Boys: entre o kitsch, a violência e o sexo
>>> Dura lex, só Gumex
>>> Ponto de fuga
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Aina: dos álbuns conceituais até a ópera-rock
>>> Aina: dos álbuns conceituais até a ópera-rock
>>> Web-based Finance Application
>>> Entrevista com Milton Hatoum
>>> Prenda-me se for capaz
>>> Entrevista com o tradutor Oleg Andréev Almeida
>>> O nome da morte
>>> 21º de Mozart: Pollini e Muti
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Jornalismo: as aulas de Joel Silveira
Mais Recentes
>>> Dibujar Es Facil 1 de Jose Llobera pela Afha
>>> Dibujar Es Facil 3 de Jose Llobera pela Afha
>>> Estudos de Redação de Douglas Tufano pela Moderna (1982)
>>> Guia da Saúde Familiar - Pressão Arterial de Albert Einstein pela Bradesco
>>> Uma Verdade Inconveniente de Albert Gore pela Manole (2006)
>>> Memórias e Patrimônios Históricos de Guarulhos de Gabriel Alves Pires pela Scortecci (2016)
>>> Real Mother, The de Judith Michael pela Avon Books (2005)
>>> Se Houver Amanha / Nada Dura para Sempre de Sidney Sheldon pela Best Bolso (2010)
>>> As Areias do Tempo / Juízo Final de Sidney Sheldon pela Best Bolso (2012)
>>> Rumo ao Farol de Virginia Woolf pela Folha (2003)
>>> Os Doze Cantos do Brasil de Johan Dalgas Frisch pela Dalgas (2002)
>>> The Girl Who Kicked the Hornets Nest Vintage Crime/black Lizard de Stieg Larsson pela Vintage (2010)
>>> Os Pensadores: Russell de Bertrand Russell pela Abril (1978)
>>> Vets Might Fly de James Herriot pela Pan
>>> Guia Sesc Brasil 2004 de Diversos pela Diversos (2004)
>>> Ler é Aprender 9 - Amor de Perdição de Camilo Castelo Branco pela Estadão
>>> O Primo Basílio - Ler é Aprender de Eça de Queirós pela Klick (1997)
>>> Os Pensadores: Descartes de René Descartes pela Victor Civita (1979)
>>> Pediatria Em Consultório de Ana Maria Bara Bresolin e Outros. pela Sarvier (1985)
>>> Os Pensadores Vi- Confissões de Magistro de Santo Agostinho pela Victor Civita (1973)
>>> The Lord God Made Them All de James Herriot pela Pan
>>> Alices Adventures in Wonderland and Through the L de Lewis Carroll; John Tenniel pela Penguin Usa (1963)
>>> Crown Jewel de Fern Michaels pela Pooket Books Romance
>>> Novo Código de Transito Brasileiro de Não Consta pela Seasul
>>> Dois Amigos e um Chato de Stanislaw Ponte Preta pela Moderna (2014)
COMENTÁRIOS

Quinta-feira, 31/3/2005
Comentários
Leitores


dá uma preguiça de soletrar...
Julio, legal a breve história do teu nome. O meu, gaúcha com mãe filha de barão alemão com índia guarani (só no Brasil, mesmo) e pai bem brasileiro, era muito mais complicado. Irene von Groskopft Schlottfeldt Fagundes. Estes dois "t" eram um beta, som de dois esses em alemão, só para complicar. Eu mesmo tinha que soletrar lentamente a cada assinatura. Imagina em ficha de cadastro, portarias, chamadas, etc. Aí casei com um Silva (um atrativo a mais do meu marido) e, imediatamente, tirei os alemães. Agora, depois da morte da minha mãe e convivendo com as reclamações dos filhos, até me arrependo um pouquinho. Tenho um filho guitarrista que adotou o nome artístico de Lucas Schlotts e a minha filha recebe muita gozação por ser loira de olhos azuis e Silva. Agora que o Código Civil mudou, brinco que vou pedir o divórcio e casar de novo - com o mesmo Silva, só para recuperar o meu nome e mudar o dele. Mas dá uma preguiça de soletrar ... Abraços.

[Sobre "É Julio mesmo, sem acento"]

por Irene Fagundes Silva
31/3/2005 às
16h54 200.252.116.2
(+) Irene Fagundes Silva no Digestivo...
 
A Revolução dos Silvas?
Olá, Sr. Revollo! Bom, como o Marcelo Miranda, eu também sou um Silva. Creio que todos os Silvas de muitos sobrenomes deveriam se unir contra a discriminação, mas não falo muito disso, porque eu mesmo seria um alvo. Eu escolhi abolir o pobre Silva em quase todas as ocasiões por achar "Alessandro de Paula" mais sonoro do que "Alessandro de Paula e Silva". E esta é a história do meu nome... eh eh eh!!! Um abraço, Sr. Borges!

[Sobre "É Julio mesmo, sem acento"]

por Alessandro de Paula
31/3/2005 às
12h42 200.204.153.101
(+) Alessandro de Paula no Digestivo...
 
Pergunta
Como o chipanzé vive?

[Sobre "O chimpanzé, esse nosso irmão"]

por Luís Felipe Viégas
31/3/2005 às
11h33 200.249.166.133
(+) Luís Felipe Viégas no Digestivo...
 
chico é chico, o resto...
oi julio, já que li o texto sobre o chico, vou comentar. achei meio reducionista sua abordagem, preocupando-se com a imagem que a mídia faz desses artistas e não com o conteúdo do que eles têm feito. essas fofocas não invalidam o trabalho deles, nem o livro do chico, por mais mirabolante que seja. e também voce não vai querer que eles vivam como viviam nos anos 60. seria mesmice. o "pouco" trabalho destes artistas, se colocados na geleia-geral que virou nossa cultura, com certeza tem mais valor do que essa paranóica da quantidade em detrimento da qualidade. não concorda? só isso, abraço, jardel

[Sobre "Digestivo nº 220"]

por jardel
31/3/2005 às
10h16 200.218.227.54
(+) jardel no Digestivo...
 
nome de guerra
Tendo lido seu artigo, vou encurtar meu nome de guerra para "Pait." Só Pait. Para evitar uma improvável mas não impossível confusão, escrevo o nome "F Pait" como acima, mas a partir de agora, em cartas e email, assino simplesmente, yours truly, Pait

[Sobre "É Julio mesmo, sem acento"]

por F Pait
31/3/2005 às
09h30 143.107.162.36
(+) F Pait no Digestivo...
 
merenda não!
Bela crônica, Julio, mais uma vez. Meu nome também já foi motivo de chacota, por conta do Miranda - quantos engraçadinhos já ficaram me zombando e chamando de Marcelo MERENDA. "Tem merenda hoje? Vc é merenda de quem?". Grrrr... Mas engraçado é minha mãe contando que não gosta do meu nome completo. Sou Marcelo Miranda da Silva (sim, igual ao presidente e tantos milhões de anônimos), mas limei o "Silva" do trabalho e da vida - exceto em documentos. A mãe fala que ODEIA não o Silva, mas a preposição "da". Ela diz que não entende por que raios foi colocar "Da Silva", como se eu fosse propriedade de algum Silva perdido por aí. Apenas respondo: "Mãe, se vc não entende porque me deu esse nome, não sou eu que vou entender". Coisas da vida. Abraço!

[Sobre "É Julio mesmo, sem acento"]

por Marcelo Miranda
31/3/2005 à
01h20 192.168.133.52
(+) Marcelo Miranda no Digestivo...
 
Nomes...
Julio, na identidade sou "Emilio de Moura". Ninguém nunca pronunciou nem escreveu o "de". Cansei de explicar e abreviei meu já curto nome para "Emilio Moura". Sem acento. Homônimo de poeta famoso. Estou feliz. Até a numerologia me confortou pela falta do "de". Abraço dos Ara-chás. P.S. Li hoje o nome da Ministra do Meio Ambiente: Maria Osmarina Marina da Silva Vaz de Lima, ou, Marina Silva.

[Sobre "É Julio mesmo, sem acento"]

por Emilio (de) Moura
30/3/2005 às
22h55 201.19.138.39
(+) Emilio (de) Moura no Digestivo...
 
Afasta de mim esse cálice
Vou destilar o meu veneno! Eu aumento, mas não invento! Me-ni-no, você não sabe o que eu vi na Ilha de Caras! Será que o Jean ganha o BBB5? Aquele Louro José é mesmo engraçado, não? Vamos rir! Pára, pára, depois dos intervalos comerciais, a namorada que ligou para a produção vai pegar o namorado com outra, que na verdade é uma atriz contratada para seduzi-lo! Aqui tem café no bule! Separa essas duas que estão se engalfinhando ao vivo por causa do resultado do DNA! Direto da Casa de Custódia os presos rebelados agitam lençóis e Simony, ao vivo, gesticula para nosso helicóptero! Julio, sou seu fã, mas afasta de mim esse cálice.

[Sobre "Digestivo nº 220"]

por Marcelo Zanzotti
30/3/2005 às
11h18 200.206.72.162
(+) Marcelo Zanzotti no Digestivo...
 
Formacao ou Informacao?
A saturacao que voce descreveu, pessoas saturadas de informacao sem consistencia e afligidas por falta de inspiracao, e' bem parecido com os problemas que se enfrentam nas areas de pesquisa de engenharia, onde qualquer ideiazinha ja deu origem a 100 publicacoes... Ate' hoje nao sabem como combater isso. Eu tambem acho que talvez o que falte no Brasil e' um espectro de escritores. Pessoas que nao escrevam ja' para serem "o proximo Drummond", "filho de Chaucer" ou coisas assim. As grandes obras nem sempre se basearam na criacao de um estilo ou escola. Talvez, quando publicarmos bons livros de entretenimento, com os Grishams e Cooks nacionais, aparecam tambem os grandes escritores... E ah, um fator que voce nao tocou, mas que me afetou muito quando estava na escola, foi a falta de uma boa biblioteca. E olha que eu era membro de tres (incluindo a da escola). Bibliotecas agradaveis e bem estocadas sao o melhor convite para descobrir novos autores e livros, e se educar.

[Sobre "Autores novos"]

por Ram
30/3/2005 à
00h50 67.161.2.145
(+) Ram no Digestivo...
 
Onde vai a Gisele Bündchen
Texto otimo! Quanto 'a sua pergunta se a criatividade e' inesgotavel, e o que acontecera quando esgotar, a resposta se encontra no que as casas de moda em Nova Iorque andam fazendo: trazendo de volta a moda retro... Ou seja, daqui a um tempo, talvez a moda va' ser corpetes apertados, anaguas, etc, etc. Mas certas coisas da moda, como os lindos desfiles de biquini com a Gisele continuam valendo a pena.

[Sobre "Moda e modismos prêt-à-porter"]

por Ram
30/3/2005 à
00h24 67.161.2.145
(+) Ram no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O Poder Infinito da Oração - Descoberta da força capaz de produzir milagre
Lauro Tevisan
Mente



Zélia, uma paixão
Fernando Sabino
Record
(2001)



O Que é a Filosofia do Direito? - Confira !!!
Alaôr Caffé Alves e Outros
Manole
(2004)



Meditação Em Ação para Crianças
Susan Kaiser Greenland
Lúcida Letra
(2016)



Curso de história do Brasil
Heródoto Barbeiro
Harbra
(1984)



Drop Dead
Aluísio Cervelle Santos
São Paulo
(2016)



A Cidade Antiga
Fustel de Coulanges
Ediouro



Adoniran Dá Licença de Contar
Ayrton Mugnaini
34
(2013)



Anatomia Funcional do Olho e Seus Anexos
Adalmir Morterá Dantas
Colina
(1983)



Inibições Processuais
Wendel de Brito Lemos Teixeira
Del Rey
(2011)





busca | avançada
49127 visitas/dia
2,0 milhão/mês