Populares e eruditos | João Marcos Coelho

busca | avançada
32715 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
ENSAIOS

Segunda-feira, 2/5/2011
Populares e eruditos
João Marcos Coelho

+ de 6600 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Ciscar em terreiros alheios é empreitada perigosa. Em geral, os resultados não costumam ser animadores. Foi com esse argumento que Nadia Boulanger, a mestra francesa de dez entre dez compositores por mais de 50 anos em sua famosa escola particular parisiense, conseguiu convencer dois nomes estreladíssimos da música do século XX a desistirem de aventuras "eruditas". O norte-americano George Gershwin e o argentino Astor Piazzolla, ambos talentosíssimos na prática da música popular refinada, ouviram dela que é melhor ser um Gershwin ou um Piazzolla de primeira do que um compositor erudito de quinta classe.

Em todo caso, ambos são casos emblemáticos dessa mistura que quase sempre desanda. Gershwin, obcecado em fazer a "grande música", recorreu ao orquestrador Ferde Grofé para "compor" suas obras "eruditas": a Rhapsody in Blue e o Concerto em fá, entre outras. A primeira, sobretudo, é popularíssima, mas os especialistas eruditos torcem o nariz para composições que são frouxas mesmo do ponto de vista formal. Já Piazzolla foi mais inteligente: fez incursões de fôlego curto no mundo erudito. Os movimentos de suas "Cuatro estaciones porteñas" não ultrapassam a minutagem de encorpados temas populares. O suficiente para impactar, mas não se enrolar prolongando desnecessariamente a obra só para que ela tenha a aparência de "grande música". Confira a inteligência de Piazzolla no CD Fronteiras do Duo Graffiti (selo Clássicos).

Essa inteligência Francis Hime e Tom Jobim — desculpem-me seus fãs — não tiveram. Primeiro Tom: dono de um songbook que se ombreia com Cole Porter e George Gershwin, ele se meteu a compor sinfonias que soam fracas. O CD Jobim Sinfônico é prova provada dessas deficiências estruturais. Tom nasceu para encapsular obras-primas em poucos minutos — seu gênio é comparável ao de um Schubert ou Schumann no domínio do Lied. O mesmo acontece comFrancis Hime e seu Concerto para violão lançado pela Biscoito Fino (com Fábio Zanon e Osesp). Hime é quase tão bom quanto Tom na criação de belas canções. Tanto que a mezzo soprano Measha Brueggergosman, em seu CD Nights and Dreams (selo Deutsche Grammophon, importado, 2010), incluiu sua canção "Anoitecer" ao lado de Lieder e melodias de Richard Strauss e Henri Duparc. Já o seu Concerto para violão é dificílimo para o solista, mas pouco consistente na escrita sinfônica. A fraqueza, como em Jobim, localiza-se na ausência de um desenvolvimento temático consistente. Episódios empilham-se ao acaso. A mesma impressão fica com a outra obra do CD, o Concertino para percussão e orquestra, de Nelson Ayres.

Mas, então, é impossível fazer boa música sinfônica se você é um compositor popular? Não, claro que não. Basta entender as especificidades de cada domínio. Mais do que isso: transpor esses limites deve constituir uma evolução imperativa de um itinerário criativo.

Dois exemplos. O pianista de jazz Keith Jarrett foi o primeiro, nos anos 1970, a enfrentar um recital de música improvisada sem nenhum tema conhecido. Improvisou por uma hora (confira no célebre CD The Köln Concert, ECM, 1975). Trinta anos depois, Jarrett gravou música dita erudita (concertos de Mozart, a obra de Bach para teclado, os Prelúdios opus 87 de Shostakovich) e conquistou um nível altíssimo de execução nos recitais improvisados (veja o álbum triplo Paris/London: Testament, ECM, 2009).

Brad Mehldau, aos 40 anos, tem atrás de si a dupla formação clássica e jazzística. Fez a série de CDs intitulados The Art of the Trio, com contrabaixo e bateria, entre 1995 e 2001. De lá para cá, tem explorado o recital-solo e permanece com o trio. Entre suas parceiras "eruditas" estão as cantoras Renée Fleming (Nonesuch, 2006) e Anne Sofie Von Otter (álbum duplo Naïve, 2010). Em ambos, suas canções soam como Lieder para o século XXI. E no recital solo recente na Sala São Paulo, improvisou de modo erudito: isolava pequenas células motívicas (rítmicas, harmônicas ou melódicas), explorava-as, retornava ao tema e apanhava uma nova célula para mais uma viagem improvisatória.

Tudo isso quer dizer o seguinte: apesar de o crossover estar na moda, de se dizer que os muros dividindo popular e erudito caíram por terra, os músicos só deveriam ciscar em terreiro alheio se esse gesto significar mesmo, do ponto de vista criativo, uma evolução lógica e necessária de seu desenvolvimento. Ou seja, pulem os muros, mas só por necessidade interior genuína. Aí terá valido a pena ― como comprovam Piazzolla, Jarrett e Mehldau. Caso contrário, são meras operações caça-níqueis.

Nota do Editor
Texto gentilmente cedido pelo autor. Originalmente publicado na revista Concerto nº 168, em dezembro de 2010.


João Marcos Coelho
São Paulo, 2/5/2011

Quem leu este, também leu esse(s):
01. Para onde estão me levando? de Ronaldo Correia de Brito
02. Diálogo com pastinha de hadoque de Sérgio Rodrigues
03. Traço superior do acontecimento de Daniel Piza
04. Existe público, sim de Daniel Piza
05. O futuro do jornalismo de Marcelo Träsel


Mais João Marcos Coelho
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
10/6/2011
23h56min
Parabéns pela matéria. Este digestivo surpreende a cada edição.
[Leia outros Comentários de Cesar Augusto Vitell]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




REIKI ESSENCIAL
DIANE STEIN
PENSAMENTO
(2005)
R$ 50,00



ESTATÍSTICA BÁSICA PARA PLANIFICAÇÃO
ARTURO NUNES DEL PRADO
FORUM
(1973)
R$ 5,90



APRENDA A FALAR INGLÊS EM APENAS 90 DIAS" - SPEAK ENGLISH START LEARN!
FABIO KATAOKA(EDITOR)
ESCALA
R$ 14,00



A PAIXAO MEDIDA
CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE
JOSÉ OLYMPIO
(1981)
R$ 8,91



SCHEINIA - A HISTÓRIA DE SONIA
SONIA SWIRSKI
IMAGO
(2009)
R$ 26,82



MENSAGENS DE PAZ
MALAQUIAS AGUIAR DUMONT
CUATIARA
(1989)
R$ 10,00



ESTRADAS DA ITALIA
VÁRIOS AUTORES
PUBLIFOLHA
(2011)
R$ 55,00



O FATOR HUMANO
GRAHAM GREENE
RECORD
(1978)
R$ 6,00



ENSAIOS DE SEMIÓTICA 6 CADERNO DE LINGUÍSTICA E TEORIA DA LITERATURA
MARIA HELENA RABELO CAMPOS E NANCY MARIA MENDES
FACULDADE DE LETRAS UFMG
R$ 16,00



OS FUNDAMENTOS SOCIAIS DA CIÊNCIA
IRINEU RIBEIRO DOS SANTOS
POLIS
(1979)
R$ 7,90





busca | avançada
32715 visitas/dia
1,4 milhão/mês