Segundo, o primeiro de Maria Rita | Rafael Fernandes | Digestivo Cultural

busca | avançada
26396 visitas/dia
708 mil/mês
Mais Recentes
>>> Zé Eduardo faz apresentação no Teatro da Rotina, dia 30.05
>>> Revista busca artigos inspirados no trabalho de professores
>>> Cabelo faz finissage no BNDES Rio
>>> Palombar realiza temporada gratuita em Cidade Tiradentes durante o mês de Junho.
>>> VIVA NANÁ! homenageia o saudoso percussionista pernambucano Naná Vasconcelos no Sesc 24 de Maio
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A Fera na Selva, filme de Paulo Betti
>>> Raio-X do imperialismo
>>> Cães, a fúria da pintura de Egas Francisco
>>> O Vendedor de Passados
>>> A confissão de Lúcio: as noites cariocas de Rangel
>>> Primavera para iniciantes
>>> Nobel, novo romance de Jacques Fux
>>> De Middangeard à Terra Média
>>> Dos sentidos secretos de cada coisa
>>> O pai da menina morta, romance de Tiago Ferro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lançamentos em BH
>>> Lançamento paulistano do Álbum
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 2
>>> Ana Elisa Ribeiro lança Álbum
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
>>> Conceição Evaristo em BH
>>> Regina Dalcastagné em BH
>>> Leitores e cibercultura
>>> Sarau Libertário em BH
>>> Psiu Poético em BH esta semana
Últimos Posts
>>> Publicando no Observatório de Alberto Dines
>>> Entre a esperança e a fé
>>> Tom Wolfe
>>> Terra e sonhos
>>> Que comece o espetáculo!
>>> A alforja de minha mãe
>>> Filosofia no colégio
>>> ZERO ABSOLUTO
>>> Go é um jogo mais simples do que imaginávamos
>>> Wild Wild Country
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Entrevista da Camille Paglia
>>> Primavera para iniciantes
>>> Batchan, elas são lindas...
>>> Batchan, elas são lindas...
>>> Meu cinema em 2010 ― 2/2
>>> Doente de tanto saber
>>> O último Shakespeare
>>> De Middangeard à Terra Média
>>> Figuras de linguagem e a escrita criativa
>>> Meu Tom Jobim
Mais Recentes
>>> A Literatura no Brasil
>>> A Revolução das Moedas Digitais- Bitcoins e Altcoins
>>> O Menino de Capivari - Volumes I, II e III
>>> Por uma Geografia Nova
>>> Oriundi - os Italianos em Capivari
>>> Filosofia da Realidade e da Projeção
>>> Astrojildo Pereira - in Memoriam
>>> J. Prata - Belas Páginas
>>> Vida, Paixão e Poesia de Rodrigues de Abreu
>>> Vida, Paixão e Poesia de Rodrigues de Abreu
>>> Salomé e Outros Versos
>>> Salomé e Outros Versos
>>> Ensinar a Pensar -Teoria e Aplicação
>>> Na Escola que Fazemos - Uma reflexão interdisciplinar em edução popula
>>> Educação e Mudança
>>> Acompanhantes Terapêuticos e Pacientes Psicóticos
>>> A Beleza da Arte
>>> A Ronda das Ruas
>>> O Combate a Corrupçao Nas Prefeituras do Brasil
>>> Ciencias e Tecnologias Col. Pesquisas e Praticas Em Educacao
>>> Prática Pedagógica Competente: Ampliando os Saberes do Professor
>>> Os Segredos do Gerente 8020
>>> Excelência no Secretariado: A Importância da Profissão nos...
>>> Segurança E Medicina Do Trabalho
>>> Gestão de Investimentos - Pocket
>>> Plano de Negócios
>>> Marinheiros e professores: crônicas simples ade, construtivismo
>>> Jogo de Areia
>>> Pare de Dar Murro em Ponta de Faca
>>> Administração de Vendas
>>> A Grande História da Evolução. Na Trilha dos Nossos Ancestrais
>>> Terapia Intravenosa e Infusoes
>>> Terapia Intravenosa e Infusoes
>>> Terapia Intravenosa e Infusoes
>>> Os Verdadeiros Líderes da Mudança
>>> 50 Técnicas Essenciais Da Administração
>>> A Arte de Vender Idéias
>>> Geração de Valor 2
>>> Team & Leader Coaching
>>> Tudo é óbvio, Desde Que Você Saiba A Resposta
>>> Twitter Influenciando Pessoas E Consquistando Mercado
>>> A Aprendiz
>>> Que Crise é Esta?
>>> A era da Competência
>>> Gerenciamento da Tecnologia
>>> Gestão de Carreiras e Competências Empresariais
>>> Somos Todos Extraordinarios
>>> Guia Politicamente Incorreto Da Historia Do Brasil
>>> Estudos de Complexidade - Volume 2 - Livro
>>> Organizacoes Em Aprendizagem C Olecao Debates Em A - Livro
COLUNAS

Terça-feira, 1/11/2005
Segundo, o primeiro de Maria Rita
Rafael Fernandes

+ de 5400 Acessos
+ 2 Comentário(s)

Sim, vou falar do segundo disco da "ultracomentada" Maria Rita. Não, o título não é uma provocação gratuita típica de críticos engraçadinhos dos grandes jornais, que estão sempre prontos para achincalhar novos lançamentos - principalmente de MPB (hum, que sigla confusa), já que são obrigados a escrever sobre tais discos e interromper a audição daquela "super cool banda" de indie rock que faz uma música regurgitada dos anos 80, com eco dos 70.

Mas, sem gracejos, voltemos à Rita. "Segundo, o primeiro da Maria Rita" não por ser Maria Rita, de 2003, um disco dispensável, ou ruim. Pelo contrário, é um bom disco, como o segundo. Mas sua trajetória de cantora foi muito rápida: fez uma temporada de shows com Chico Pinheiro - gravou 3 músicas no disco dele Meia Noite, Meio Dia - depois, fez mais uma breve temporada solo e já entrou em estúdio. Apenas dois anos de estrada, muito pouco. Sim, ela já estava pronta e não há uma regra que diga que uma cantora tenha que fazer dois ou dez anos de shows underground para gravar um disco. Mas experiência faz diferença. Em seu primeiro, Maria Rita parecia um pouco insegura, presa, tanto no canto como no repertório - não sabia se gravava os novos autores ou os antigos, se ficava com standarts ou novidades. No segundo, está muito mais solta, brincando mais com a voz, se impondo. Também optou por gravar 11 músicas de compositores não "consagrados" - nesse caso, apenas "Sobre Todas as Coisas", de Edu e Chico.

Segundo opta por um formato ainda mais enxuto que o primeiro: se antes ainda havia o apoio de percussão ou eventualmente um violão e um metal, neste o formato é de trio de jazz, com os competentíssimos Tiago Costa (piano e fender Rhodes), Sylvinho Mazzuca (baixo acústico) e Cuca Teixeira (bateria); novamente as gravações foram feitas ao vivo, sem overdubs ou consertos. Assim, os arranjos permitem que Maria Rita se mostre uma cantora que se basta, ou seja, não precisa de qualquer truque de gravação para brilhar. Ela está lá, encarando o ouvinte de frente, mostrando que ela é, sim, uma grande cantora, mesmo tendo muito que aprender e evoluir.

Por outro lado, esse formato se mostra cansativo principalmente em relação à concepção dos arranjos, que repetem um mesmo formato, em que as músicas começam de forma suave e vão crescendo até alcançar um "êxtase" - o que nem sempre ocorre. Também pelo formato, as músicas acabam ficando com a mesma cara, o que é desagradável para algumas delas. "Ciranda do Mundo", de Eduardo Krieger - já gravada por Pedro Luís e a Parede no disco Zona e Progresso de 2001 - é muito boa, mas a versão de Maria Rita peca por essa abordagem em trio; a música quase clama por um arranjo mais encorpado e ousado. Algo parecido ocorre em "Muito Pouco", de Moska, muito boa canção, aparece como um dos destaques do disco, mas que também soa como se algo faltasse.

No quesito "canções singelas" - que se não primam por complexidade harmônica e melódica ou não apresentam grandes inovações, tem a proposta de mostrar a beleza no simples - destacam-se "Casa Pré Fabricada", de Marcelo Camelo, numa versão muito bonita, que evidencia sua bela melodia e até mesmo "Caminho das Águas", de Rodrigo Maranhão - apesar desta não estar à altura daquela. Já as músicas mais pop do disco não funcionam tão bem. "Mal Intento", de Jorge Dexler é uma música agradável, mas não passa disso; seu arranjo por horas esbarra numa sonoridade fusion. "Minha Alma (a paz que eu não quero)", d'O Rappa, não ficou ruim, mas perde em impacto e soa desnecessária pelo desgaste da música - que é excelente, mas de tanto tocar já passou do ponto.

"Sobre Todas as Coisas", de Edu Lobo e Chico Buarque - retirada do fantástico O Grande Circo Místico - aparece em pungente versão, que evidencia a evolução da cantora, que deveria arriscar cantar mais músicas dessa complexidade. "Sem Aviso", de Francisco Bosco, poderia ser confundida com mais uma do Marcelo Camelo, pelo seu tema e clima. É interessante, mas cansa um pouco, pelo excesso de "canções singelas", citadas anteriormente. Pelo mesmo motivo, cansa uma canção do próprio Camelo, "Despedida". "Feliz", de Dudu Falcão, faz jus ao nome e realmente parece uma "versão 2" de "Só de Você", musica de Rita Lee que Maria Rita cantava em seus shows antes de gravar seu primeiro disco.

No quesito samba, há a boa "Recado", mais uma de Rodrigo Maranhão, mas que peca pela falta de swing. Há também uma música pouco comentada, mas um dos destaques do disco, "Conta Outra" de Edu Tedeschi, em duas versões: ao vivo e em estúdio, esta para ser baixada na Internet. Nesta versão, há uma desconstrução do samba, com um resultado bastante interessante. A versão incluída no disco é ao vivo, um samba de estruturas simples, mas bastante maroto e que, sem mostrar grandes novidades musicais, mostra o quanto de swing tem Maria Rita, o quanto ela pode se divertir cantando, algo que não aparece tanto na maioria das canções do CD. Em seguida há uma música escondida, quase uma vinheta de despedida: "Mantra", de Rodrigo Maranhão e Pedro Luís, bela canção - mais uma das "singelas".

Segundo, mesmo tendo algumas restrições, é um bom disco, que - apesar de cansar às vezes - mostra boas canções e uma cantora em evolução. O que fica evidente é que falta alguém que dê um rumo para os arranjos; a direção escolhida pela cantora parece não ser a ideal. Mas fica a impressão que se existem equívocos, são resultado de uma artista ainda em busca de personalidade e que procura fazer o que sente, o que a emociona, que se importa com a música e ponto final.


Rafael Fernandes
São Paulo, 1/11/2005


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Claudio Willer e a poesia em transe de Renato Alessandro dos Santos
02. Dilúvio, de Gerald Thomas de Jardel Dias Cavalcanti
03. Paul Ricoeur e a leitura de Celso A. Uequed Pitol
04. Os Doze Trabalhos de Mónika. 12. Rumo ao Planalto de Heloisa Pait
05. Os Doze Trabalhos de Mónika. 8.Heroes of the World de Heloisa Pait


Mais Rafael Fernandes
Mais Acessadas de Rafael Fernandes
01. 10 vídeos musicais no YouTube - 23/8/2006
02. High School Musical e os tweens - 9/1/2008
03. Quem ainda compra música? - 2/8/2006
04. 10 músicas: Michael Jackson - 22/7/2009
05. Os piores músicos da década - 22/9/2010


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
1/11/2005
13h21min
eu gostaria de um texto desse autor, abordando funk carioca!!! parabéns pelo texto.. e sucesso ao colunista e a todo site.
[Leia outros Comentários de Guilherme Gonçalves]
24/11/2005
12h35min
Até que enfim li uma crítica séria sobre o novo trabalho da cantora Maria Rita. Concordo que a cantora está num processo de evolução. O disco realmente peca em alguns aspectos mas não invalida ou nem por isso se trata de um trabalho ruim... Parabéns ao Rafael pelos argumentos e comentários dado a cada canção do disco... Um abraço!
[Leia outros Comentários de Luciana ]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O DESAFIO DE NOSSO TEMPO ( CHANGE AND HABIT)
ARNOLD J. TOYNBEE
ZAHAR
(1968)
R$ 13,00



O CONTEXTO - ROMANCE
LEONARDO SCIASCIA
CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA
(1979)
R$ 8,99



MUITO ALÉM DO VÔO
MARA LUQUET E RUY MARRA
LETRAS E LUCROS
(2015)
R$ 14,00



DIANTE DO ESPELHO
RICKY MEDEIROS
VIDA E CONSCIENCIA
(2018)
R$ 20,00



A CELESTINA - FERNANDO DE ROJAS (TEATRO ESPANHOL)
FERNANDO DE ROJAS
COORDENADA BRASÍLIA
R$ 8,00



5 PUZZLES ANIMAIS SELVAGENS E SUAS CRIAS
VÁRIOS
IMPALA
(2006)
R$ 24,90



SENHORA CALIBAN
RACHEL INGALLS
ART
(1987)
R$ 8,00



SAMANTHA SWEET, EXECUTIVA DOLAR
SOPHIE KINSELLA
RECORD
(2007)
R$ 24,00



CIÊNCIA E DESENVOLVIMENTO
J. LEITE LOPES
EDIÇÕES TEMPO BRASILEIRO
(1964)
R$ 8,00



CONEXÕES COM A HISTÓRIA: VOLUME ÚNICO
ALEXANDRE ALVES E LETÍCIA FAGUNDES DE OLIVEIRA
MODERNA PLUS
(2010)
R$ 89,00





busca | avançada
26396 visitas/dia
708 mil/mês