Pequenos grandes negócios poéticos | Ana Elisa Ribeiro | Digestivo Cultural

busca | avançada
50801 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Sexta-feira, 11/11/2011
Pequenos grandes negócios poéticos
Ana Elisa Ribeiro

+ de 3000 Acessos

O título desta coluna parece um contrassenso e meio. Aqui, o sentido de "pequeno" não é o antônimo de "grande" e os "negócios poéticos" são possíveis, mesmo sendo poéticos. O estranhamento ocorre porque é comum ouvir, a torto e a direito, que poesia não vende, não é mesmo? E como, então, pode ser negócio? Mas é. Um negócio importante, insumo para a cultura e para a perpetuação dos currículos escolares futuríssimos. Quem sabe um dia um poeta vivo, destes que se apresentam nos colóquios e festas, anjos "gauches" ou que vivem nas (das) sombras, possa adentrar o cânone, esta espécie de cemitério da palavra.

Meu despudor para este título é resultado da experiência de assistir a ao menos uma dezena de lançamentos de livros de poesia & prosa só neste meu quarteirão, no ano corrente. Também é fato que aceitei a alguns convites de participação em festivais e parlatórios para ler (e ouvir) poesia. Nitidamente poesia. Com autores espalhados por todos os cantos e gente para assistir. Plateia, ao mesmo modo do rock ou do pop. Plateia grande, com gente a bater palminhas no final da leitura. Não tinha cerveja nem churrasco. Havia gente & poesia. O que mais pede a cidade, por entre suas colunas de concreto?

Há alguns anos, uma poeta mineira decidiu-se, depois de muito debater-se, por morar em São Paulo, a capital. Luciana Tonelli frequentou a poesia mineira desde sempre, com os pés fincados na poesia contemporânea toda. E eis que, com a lei de incentivo paulista, ela lança um livro de poesia sobre a experiência de viver na/a pauliceia (desvairada?). Ainda não vou falar do livro dela (esta será outra coluna), mas preciso mencionar que já atinei ali, em abril ou maio, que viria enxurrada.

Vários outros autores, com presença significativa de mulheres que poetam, se seguiram, com seus livros belíssimos e carregados de sentido, à maneira de Pound (como li na graduação). Bruno Brum foi um dos lançadores de bombas poéticas virais. Seu Mastodontes na sala de espera, também realizado com a ajudinha básica de lei de incentivo à cultura (em Minas, desta vez), sai ao ar livre como uma fera faminta. Já passou pelo crivo de um monte de gente afeta a estas artes poéticas e já, depois de solto, andou angariando elogios de outros poetas de mão pesada.

Em novembro ainda, sob a indecisão climática da capital mineira, a poetíssima Ana Martins Marques lança Da arte das armadilhas, pela almejada (por muitos, mas nem todos) Companhia das Letras. Mineiríssima, para falar, olhar e se vestir, Ana MM vem de uma discreta e bem-sucedida carreira poética, estudada e dedicada. O livro anterior, A vida submarina (Scriptum), foi elogiado e já tinha lá seus prêmios. A autora ganhou duas vezes um grande prêmio nacional, em sequência, e mui merecidamente. Daí que tenha sido garimpada por uma grande editora, mui merecidamente também.

O que quero destacar, no entanto, e que diz respeito diretamente aos pequenos grandes negócios em literatura, é que boa, muito boa mesmo, parte dos livros que estão aqui, nesta pilha, diante de mim, foi lançada por pequenas editoras. Pequenas, às vezes desconhecidas, muita vez discretas e mal-distribuídas. Pequenas e importantíssimas editoras, que têm o papel (e sempre o tiveram) de renovar o sistema que, vez ou outra, parece parado e repetitivo (há alguns anos diríamos que o disco está arranhado). Mas não está. Nunca está. É que emergir é complicado.

Em Minas Gerais, que é onde estou localizada, consigo enxergar uma guerrilha muito viral e cheia de efeitos na cena literária. Pequenas e atrevidas editoras, agora, me fazem lembrar os inícios do século XXI, quando, com a ajuda da internet, outras pequenas editoras lançaram poetas e contistas que agora são visíveis. A Ciência do Acidente (de Joca Terron) e a Livros do Mal (de Daniel Galera) (entre outras e outros) fizeram o papel fundamental de entrar na cena. Atualmente, as mineiras Crisálida e Scriptum, a turma dos Jovens Escribas (em Natal, RN) e outras tantas editoras de atitude (e de pouco capital) se incumbem de olhar, sentir e lançar os poetas que logo (ou não) chegarão aos catálogos das bienais e festas do futuro.

Autores que pagam suas edições (agora belíssimas e nada precárias), autores que são seus próprios designers, diagramadores e revisores, autores que entram nos editais de incentivo (a despeito da burocracia e da complicação), autores que são poetas&empresários, são eles que movimentam, junto com as pequenas editoras (que às vezes sequer são pessoa jurídica), e forçam a roda da literatura (no caso, a brasileira). São eles que respingam este quadro estático (com todo o respeito aos que já conquistaram seus postos e cadeiras). São as pequenas editoras que têm coragem, audácia, luz. As grandes editoras têm poder e olheiros, quando são espertas. As pequenas editoras vivem no chão, a tecer tapetes junto com os poetas, contistas e romancistas, onde eles vivem e fazem conluios. São elas que empurram a fila, até que a existência evidente de poetaços vivíssimos cutuca, belisca e incomoda as grandes editoras e seus contratos de direito do autor.

É lindo ver a Ana Martins Marques na Companhia das Letras, uma das grandes editoras mais respeitadas do país. Uma grande editora de literatura, frise-se. E é lindo ver que a Ana Martins Marques é cria da Scriptum, aquela pequena editora-livraria ali na Savassi, em Belo Horizonte; e que Bruno Brum e outros tantos são cria da Crisálida, aquela pequena editora-livraria ali no edifício Maletta, no centrão da capital mineira; e que essas coisas se fazem com paixão pela palavra, um editor atrevido, bastante talento, um bom computador e um pouco de dinheiro.


Ana Elisa Ribeiro
Belo Horizonte, 11/11/2011


Quem leu este, também leu esse(s):
01. ajoelhou? tem que rezar de Fabio Danesi Rossi


Mais Ana Elisa Ribeiro

colunista_mais_acessadas_query=SELECT colunistas.iniciais, colunas.ano, colunas.acessos, colunas.codigo, colunas.titulo, colunas.dia, colunas.mes FROM chamadas, colunas, colunistas WHERE colunas.codigo = chamadas.coluna AND colunas.colunista = colunistas.codigo AND colunistas.iniciais = 'AER' AND colunas.ano = 2011 ORDER BY colunas.acessos DESC LIMIT 10 Mais Acessadas de Ana Elisa Ribeiro em 2011
01. É possível conquistar alguém pela escrita? - 21/1/2011
02. Meus livros, meus tablets e eu - 15/4/2011
03. Você viveria sua vida de novo? - 18/2/2011
04. Bibliotecas públicas, escolares e particulares - 20/5/2011
05. Pressione desfazer para viver - 17/6/2011


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




REVISTA NOVA ACRÓPOLE N. 61 OS PERIGOS DO SÉCULO XXI OS SONHOS MENS...
DIVERSOS AUTORES
NOVA ACRÓPOLE PORTUGAL
(1995)
R$ 9,06



DESENVOLVIMENTO PESSOAL E PROFISSIONAL
VÁRIOS AUTORES
PEARSON EDUCATION
(2009)
R$ 5,00



PETITE FLORE CONTENANT LES PLANTES LES PLUS COMMUNES
GASTON BONNIER
GÉNÉRALE DE LENSEIGNEMENT
R$ 41,46



E AGORA, MÃE? - COL. VEREDAS - 1ª ED.
ISABEL VIEIRA
MODERNA
(1991)
R$ 7,00



THE MURDER BOOK
JONATHAN KELLERMAN
BALLANTINE BOOKS
(2002)
R$ 20,00



TRAZENDO O PODER DO CLIENTE PARA DENTRO DA SUA EMPRESA
KARL ALBRECHT
PIONEIRA
(1993)
R$ 5,00



RESUMO DE DIREITO ADMINISTRATIVO VOL 7 - COL. RESUMO DOS MAXIMILIANOS
MAXIMILIANUS CLÁUDIO AMÉRICO FÜHRER
MALHEIROS
(2014)
R$ 30,00



A MULHER QUE ESCREVEU A BÍBLIA
MOACYR SCLIAR
FOLHA DE SÃO PAULO
(2012)
R$ 14,00



A GENÉTICA
EZRA MA
ÁRVORE DA VIDA
(2017)
R$ 17,00



PROGRAMAS DE SAÚDE SEGUNDO GRAU
JOSÉ LUIZ VASCONCELLOS E FERNANDO GEWANDSZNAJDER
ATICA
(1986)
R$ 6,90





busca | avançada
50801 visitas/dia
2,6 milhões/mês