Christiane F., 13 anos, drogada, prostituída... | Gabriela Vargas | Digestivo Cultural

busca | avançada
34554 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Banco Inter É uma BOLHA???
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
>>> Nubank na Hotmart
>>> O recente choque do petróleo
>>> Armínio comenta Paulo Guedes
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> As pedras de Estevão Azevedo
>>> Da Poesia Na Música de Vivaldi
>>> Festa na floresta
>>> A crítica musical
>>> 26 de Julho #digestivo10anos
>>> Por que escrevo
>>> História dos Estados Unidos
>>> Meu Telefunken
>>> Uma Receita de Bolo de Mel
>>> O apanhador no campo de centeio
Mais Recentes
>>> Corpo de delito de Patricia Cornwell pela Paralela (2000)
>>> A Arte da guerra de Sun Tzu pela Pé da letra (2016)
>>> O fio do bisturi de Tess Gerritsen pela Harper Collins (2016)
>>> A garota dinamarquesa de Davdid Ebershoff pela Fabrica 231 (2000)
>>> Uma auto biografia de Rita Lee pela Globo livros (2016)
>>> Songbook Caetano Veloso Volume 2 de Almir Chediak pela Lumiar
>>> A Sentinela de Lya Luft pela Record (2005)
>>> O teorema Katherine de John Green pela Intriseca (2006)
>>> Louco por viver de Roberto Shiyashiki pela Gente (2015)
>>> A ilha dos dissidentes de Barbara Morais pela Gutemberg (2013)
>>> Sentido e intertextualidade de Emanuel Cardoso Silva pela Unimarco (1997)
>>> Mistérios do Coração de Roberto Shinyashiki pela Gente (1990)
>>> Interrelacionamento das Ciências da Linguagem de Monica Rector Toledo Silva pela Edições Gernasa (1974)
>>> Sociologia e Desenvolvimento de Costa Pinto pela Civilização Brasileira (1963)
>>> O Coronel Chabert e Um Caso Tenebroso de Honoré de Balzac pela Otto Pierre Editores (1978)
>>> O golpe de 68 no Peru: Do caudilhismo ao nacionalismo? de Major Victor Villanueva pela Civilização Brasileira (1969)
>>> Recordações da casa dos mortos de Fiodor Dostoiévski pela Nova Alexandria (2006)
>>> Elric de Melniboné: a traição ao imperador de Michael Moorcock pela Generale (2015)
>>> O Príncipe de Nicolau Maquiavel pela Vozes de Bolso (2018)
>>> Deuses Americanos de Neil Gaiman pela Conrad (2002)
>>> Deus é inocente – a imprensa, não de Carlos Dorneles pela Globo (2003)
>>> Memórias do subsolo de Fiodor Dostoiévski pela 34 (2000)
>>> Songbook - Tom Jobim, Volume 3 de Almir Chediak pela Lumiar (1990)
>>> Comunicação e contra-hegemonia de Eduardo Granja Coutinho (org.) pela EdUFRJ (2008)
>>> Caetano Veloso Songbook V. 1 de Almir Chediak pela Lumiar
>>> Origami a Milenar Arte das Dobraduras de Carlos Genova pela Escrituras (2004)
>>> O vampiro Lestat de Anne Rice pela Rocco (1999)
>>> Nova enciclopédia ilustrada Folha volume 2 de Folha de São Paulo pela Publifolha (1996)
>>> Esperança para a família de Willie e Elaine Oliver pela Cpb (2018)
>>> Leituras do presente de Valdir Prigol pela Argos (2007)
>>> Insight de Daniel C. Luz pela Dvs (2001)
>>> Política e relações internacionais de Marcus Faro de Castro pela UnB (2005)
>>> Harry Potter e a Pedra Filosofal de J. K. Rowling pela Rocco (2000)
>>> Infinite Jest de David Foster Wallace pela Back Bay Books (1996)
>>> Nine Dragons de Michael Connelly pela Hieronymus (2009)
>>> The Innocent de Taylor Stevens pela Crown Publishers (2011)
>>> The Watchman de Robert Crais pela Simon & Schuster (2007)
>>> The Watchman de Robert Crais pela Simon & Schuster (2007)
>>> Filosofia Para Crianças e Adolescentes de Maria Luiza Silveira Teles pela Vozes (2008)
>>> O Caminho da Perfeição de A. C. Bhaktivedanta Swami pela The Bhaktivedanta (2012)
>>> O Caminho da Perfeição de A. C. Bhaktivedanta Swami pela The Bhaktivedanta (2012)
>>> Vida de São Francisco de Assis de Tomás de Celano pela Vozes (2018)
>>> Apóstolo Paulo de Sarah Ruden pela Benvirá (2013)
>>> Apóstolo Paulo de Sarah Ruden pela Benvirá (2013)
>>> Astrologia e Fatalismo Magnetismo e Hipnose de Ferni Genevè pela Fase (1983)
>>> Práticas da leitura de Roger Chartier (org.) pela Estação Liberdade (2001)
>>> Universo em Desencanto A Verdadeira Origem da Humanidade Vol 1 de Não Informada pela Mundo Racional
>>> Matemática Financeira de Roberto Zentgraf pela Ztg (2002)
>>> Como Negociar Qualquer Coisa Com Qualquer Pessoa Em Qualquer Lugar do Mundo de Frank L. Acuff pela Senac (1998)
>>> Morte e Vida Severinas: das Ressurreições e Conservações ... Ed. Ltda. de Nelci Tinem e Luizamorim: Organização pela Impre. Univ. J. Pessoa (2012)
COLUNAS

Quinta-feira, 30/8/2007
Christiane F., 13 anos, drogada, prostituída...
Gabriela Vargas

+ de 15800 Acessos
+ 6 Comentário(s)

São muitos os livros que marcam época, mas poucos prevalecem com o enredo atual em um tempo em que tudo é descartável, do celular aos amores. E isso se torna mais surpreendente ainda quando se trata de um livro que, mesmo tendo sido lançado na década de 80, continua a ser polêmico em pleno século XXI, como Eu, Christiane F., 13 anos, drogada, prostituída... (Bertrand Brasil, 2003, 320 págs.), o que acaba por provar que o modo de vestir pode mudar, as tendências podem ser outras, a música e o jeito de falar também, porém sempre existirão dilemas universais, independentemente da época em que vivamos.

Esse livro nasceu a partir de uma declaração dada pela então jovem Christine F. de 15 anos, em 1978, num tribunal em Berlim, quando respondia a uma acusação por uso de drogas. Kai Hermann e Horst Rieck, que assistiram ao depoimento, escreveram o livro a partir do depoimento de Christiane e de pessoas que se ocuparam dela durante o período em que se passa a história, nos permitindo ter diversas perspectivas sobre os fatos ocorridos.

O livro é uma narração sobre a vida de Christiane da infância até os quinze anos, sua mudança de um vilarejo de poucos habitantes para a grande Berlim, o começo do envolvimento com as drogas leves até a dependência física por drogas pesadas, principalmente a heroína, e sua total decadência.

Desta forma, o livro acabou se tornando muito mais do que um relato verídico sobre o mundo das drogas, pois mostra como isso vem a acontecer, os problemas da própria sociedade que levam um jovem a trilhar por esse e outros caminhos, como a prostituição, a delinqüência, a mentira, o suicídio. No prefácio, Horst-Eberhard Richter nos introduz muito bem a isso, dizendo:

"Na realidade, Christiane e centenas de milhares de crianças e adolescentes só se afastaram do nosso mundo por decepção, porque os adultos não lhes souberam dar a imagem de uma comunidade humana em que eles tivessem seu lugar, à qual eles gostariam de se integrar e na qual encontrassem compreensão, segurança e calor."

No caso de Christiane isso ocorreu, principalmente, por causa da liberdade exarcebada que sua mãe lhe deu, tornando-se permissiva nos momentos em que mais precisava ser firme, como se essa atitude fosse o pagamento de uma dívida por não ter tido tal liberdade na adolescência. Além, é claro, da violência com que o pai tratava a família durante a infância de Christiane, que além de física, era moral, negando que tinha esposa e filhas na frente dos amigos.

Em certos momentos, surgia em mim um sentimento de pena daquela mãe que sempre quis proporcionar o melhor para a sua filha, mas que, por não dar a atenção que a filha precisava num momento tão importante de transição, acabou por perdê-la para o mundo das drogas e se tornou impotente perante essa situação.

Porém, engana-se quem pensa que o livro trata apenas sobre as drogas, e talvez seja por isso que ele tenha feito tanto sucesso, pois, além desse problema, existia uma adolescente como outra qualquer, que tinha sonhos, medos, namorados, primeira vez...

"Minha conversa preferida era imaginar o que faríamos, Detlef e eu, se tivéssemos bastante dinheiro. Compraríamos uma casa grande, um carrão, móveis, tudo de muita classe. Sonhávamos com um monte de coisas, menos com a heroína."

Observamos, ao longo da narrativa, esses e outros dilemas de uma menina que estava a descobrir o mundo, a crueldade das pessoas, a competição, uma menina que resolveu criar o seu próprio mundo para não viver nesse, uma menina sensível demais, crítica demais e que acabou por se perder no mundo das drogas. No começo, esse mundo parecia mais interessante por proporcionar viagens que lhe faziam esquecer da realidade, mas aos poucos só lhe trouxe mais problemas, tristeza e insegurança, logo a deixando desamparada e sozinha nas suas próprias frustrações.

"O que quer dizer essa de 'proteção do meio ambiente'? Para começar, é ensinar as pessoas a viverem juntas. É isso que deveríamos aprender nessa escola, a se interessar uns pelos outros, em vez de cada um querer ser mais do que o outro, ser mais forte do que o cara ao lado e passar o tempo todo fazendo malandragens para ter uma nota melhor."

Talvez por ter somente dezesseis anos, eu possa dizer que esses sentimentos são comuns em nós, jovens, de uma hora para outra arrancados de nossas bolhas de cristal onde tudo é perfeitamente lindo e verdadeiro e jogados num mundo em que o individualismo impera soberano e onde não importam os métodos para se conseguir o desejado, desde que se consiga.

Eu, Christiane F., 13 anos, drogada, prostituída... obviamente entrará na minha lista de favoritos, pois consegue ser um livro que fala sobre adolescentes sem ser restrito aos adolescentes. É um livro para todos, para os que já foram adolescentes, para os que têm medos, angústias, inseguranças, para aqueles que são dependentes químicos, alcoólatras, que têm algum tipo de problema ou simplesmente para qualquer pessoa que queira sentir. Um livro demasiadamente humano.

Para ir além






Gabriela Vargas
Porto Alegre, 30/8/2007


Mais Gabriela Vargas
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
10/9/2007
16h43min
[Leia outros Comentários de Marcelo Spalding]
18/9/2007
2. Tabu
12h21min
Resenha objetiva, clara e reveladora sobre um assunto polêmico, quase um tabu na nossa sociedade que tem que aprender a lidar de forma mais aberta e educativa com esta mazela.
[Leia outros Comentários de Paulo Almeida]
19/9/2007
11h40min
Parabéns, Gabi. Texto lindo e intenso. Realmente está nascendo uma grande escritora.
[Leia outros Comentários de Jeanne]
1/10/2007
08h12min
Sua bela e envolvente resenha me fez recordar de forma comovente a leitura desse maravilhoso e enfático trabalho. Parabéns!
[Leia outros Comentários de Regina Ribeiro]
18/8/2008
17h21min
Texto muito intessante e conciso. Meus parabéns pela iniciativa. Este livro deveria ser lido nas escolas por aqueles que nesse período de transição precisam tanto de um norte e de um lugar seguro para se sentirem amados e importantes!
[Leia outros Comentários de Laiza Oliveira]
25/10/2008
01h54min
Não tive oportunidade de ver o filme, mas creio que o livro seja melhor, até porque pode ter mais detalhes interessantes. O livro me "aprisionou" quando comecei a ler... É daquele tipo que, quando se começa, não se quer parar - aliás, justamente o que aconteceu com Christiane, Babsi, Detlef e tantos outros, mas com as drogas... Na minha concepção o livro é MUUUITOOO bom, eu recomendo!!! (P.S.: acho que acabei me viciando pelo livro... hehehehe)
[Leia outros Comentários de Deisi Flesch]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




K KKK
VASSILIS VASSILIKOS
ENSAIO
(1995)
R$ 20,00



A HISTORY OF MODERN FRANCE FRANCE OF THE REPUBLICS 1871-1962
ALFRED COBBAN (VOLUME 3)
PENGUIN BOOKS
(1990)
R$ 19,28



NA SEMEADURA
EDGARD ARMOND
ALIANÇA
(1977)
R$ 9,90



MÚSICA CAIPIRA
JOSÉ HAMILTON RIBEIRO
REALEJO
(2015)
R$ 73,40



A BÍBLIA ANTIGO E NOVO TESTAMENTO COLEÇÃO COMPLETA 8 VOLUMES
VÁRIOS AUTORES
ABRIL
(1964)
R$ 699,00



MENSAGENS PARA MEDITAR - II
ANTONIO MARIA FAILDE
ÔNIX
(2008)
R$ 12,00



A EMPRESA FLEXÍVEL
ALVIN TOFFLES
RECORD
(1985)
R$ 7,00



QUEM SE DEBATE É AFOGADO
RICARDO REDISCH
MASSAO OHNO
(1980)
R$ 10,00



ANISTIA INTERNACIONAL UMA PORTA PARA O FUTURO
RODOLFO KONDER
PONTES
(1988)
R$ 8,00



A VERDADE SOBRE A TRAGÉDIA DOS ROMANOV
MARC FERRO
RECORD
(2017)
R$ 30,00





busca | avançada
34554 visitas/dia
1,1 milhão/mês