A maçã de Isaac Newton | Gian Danton | Digestivo Cultural

busca | avançada
23155 visitas/dia
708 mil/mês
Mais Recentes
>>> Dois solos compõem a Terça Aberta no Kasulo
>>> Mídia em Foco debate as novas perspectivas do mercado da música
>>> "A PALAVRA FORA DO LUGAR: ESCRITORES REFUGIADOS E EM RISCO no CCBB RJ
>>> Escritora Regina Zappa fala sobre maio de 1968 no Sem Censura
>>> Roberta Sá e Gilberto Gil lançam single
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A Fera na Selva, filme de Paulo Betti
>>> Raio-X do imperialismo
>>> Cães, a fúria da pintura de Egas Francisco
>>> O Vendedor de Passados
>>> A confissão de Lúcio: as noites cariocas de Rangel
>>> Primavera para iniciantes
>>> Nobel, novo romance de Jacques Fux
>>> De Middangeard à Terra Média
>>> Dos sentidos secretos de cada coisa
>>> O pai da menina morta, romance de Tiago Ferro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lançamentos em BH
>>> Lançamento paulistano do Álbum
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 2
>>> Ana Elisa Ribeiro lança Álbum
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
>>> Conceição Evaristo em BH
>>> Regina Dalcastagné em BH
>>> Leitores e cibercultura
>>> Sarau Libertário em BH
>>> Psiu Poético em BH esta semana
Últimos Posts
>>> Entre a esperança e a fé
>>> Tom Wolfe
>>> Terra e sonhos
>>> Que comece o espetáculo!
>>> A alforja de minha mãe
>>> Filosofia no colégio
>>> ZERO ABSOLUTO
>>> Go é um jogo mais simples do que imaginávamos
>>> Wild Wild Country
>>> Um velho adolescente
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Diálogos no Escuro
>>> As cartas de Dostoiévski
>>> Sobre caramujos e Omolu
>>> Três filmes sobre juventude no novo século
>>> A idolatria do século XXI
>>> Poesia e Guerra: mundo sitiado (parte II)
>>> Vida ou arte em Zuzu Angel
>>> Mainardi e o jornal do futuro
>>> O lilás da avenida sou eu
>>> O Anvil e o amor à música
Mais Recentes
>>> Asterix na Córsega
>>> Lutando pela Vida
>>> Sociedade -O Espelho partido
>>> Tu és Isso (Tat Tvam Asi)
>>> Orfandades
>>> Muitas Vozes - Autobiografia de Uma Médium
>>> Como Fazer Uma Monografia
>>> Love, Rosie
>>> A Dieta do Yin e do Yang - Para Gordos, Magros e Instáveis
>>> Olhos Azuis, Coração Vermelho
>>> Marcas da Vida
>>> Corações de Pedra
>>> Corações de Pedra
>>> Por uma Semente de Paz
>>> Voz e Fala da Criança (No lar e na Escola)
>>> Com a Pré-Escola nas Mãos - Uma alternativa curricular para a educação
>>> Novo Mundo - Cartas de Viagens e Descobertas - A Visão do Paraíso
>>> Ouvidos Dourados - A arte de ouvir as histórias
>>> Enigma na Televisão
>>> Tokyo Summer of Dead (O verão dos mortos-vivos)
>>> Curação a arte de bem cuidar-se
>>> Abaixo a Lição de Casa!
>>> O Matrimônio e o Amor
>>> Aventura no Império do Sol
>>> Manu - A Menina que Sabia Ouvir
>>> A Fonte da Juventude
>>> Nó Cego - Inferno e Paraíso numa Fábrica de Loucos
>>> As Portas da Percepção/ Céu e Inferno
>>> Edward Schillebeeckx - Coleção Teólogos do Século XX
>>> Tratado de Psicologia Revolucionária
>>> Novo Endereço
>>> Lei das S.A.
>>> Grimble
>>> A Senda da Iniciação
>>> Por Acaso
>>> Matthew Lipman e a Filosofia Para Crianças. Três Polemicas
>>> Esperanto: O Novo Latim Da Igreja e do Ecumenismo
>>> Dicionário Judaico de Lendas e Tradições
>>> Amar de Novo
>>> Ética e Marketing Social - Editora Futura 2002
>>> Ética e Marketing Social - Editora Futura 2002
>>> Ética e Marketing Social - Editora Futura 2002
>>> Ética e Marketing Social - Editora Futura 2002
>>> Ética e Marketing Social - Editora Futura 2002
>>> Negocie, Influencie e Convença
>>> Gestão de Negócios uma Abordagem Brasileira
>>> Tudo o Que Aprendi Sobre o Mundo dos Negócios
>>> A Empresa Ágil
>>> Tudo Sobre Cheques
>>> Créditos Problemáticos e Inadimplência
COLUNAS

Sexta-feira, 16/8/2002
A maçã de Isaac Newton
Gian Danton

+ de 29800 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Quando Isaac Newton completou 12 anos, a mãe, sem saber o que fazer com aquele filho esquisitão, que não se adequava ao trabalho da fazenda, mandou-o para a cidade e para a escola. No povoado, Newton ficou na casa de um boticário, Sr. Clark.

O pequeno Newton não se interessava muito pelos estudos, que consistiam, basicamente, em aprender gramática latina. Além disso era o alvo predileto do enteado do Sr. Clark. Uma vez em que este lhe chutou a barriga, Newton decidiu ir à forra. Deu uma grande surra no rapaz e esfregou seu nariz num muro. E tomou uma decisão: a partir daí seria o melhor da turma em latim. E não só isso. Seria também o melhor em tudo o que pudesse.

Não há dúvidas de que ele conseguiu. Assim que se formou em Cambridge, em 1665 e 1666, ele fez algumas das maiores descobertas de todos os tempos e elaborou a teoria que serviria de paradigma para a ciência durante séculos e só seria suplantada pela teoria da relatividade. Em dois anos ele elaborou o teorema do binômio, as tangentes, a lei da gravidade, o cálculo diferencial, as cores e o cálculo integral.

É justamente a história desse gênio que o livro "Isaac Newton e sua maçã" conta. Escrito de forma muito divertida por Kjartan Poskitt e ilustrado por Philiph Reeve, o volume faz qualquer um se interessar pelas descobertas de Newton, mesmo quem nunca teve muito interesse por física ou matemática (como é o caso deste Colunista).

Com a ajuda de histórias em quadrinhos, ilustrações e muitas metáforas, Poskitt e Reeve fazem com que conceitos complicadíssimos como, o cálculo diferencial, pareçam coisa de criança.

Para não chatear o leitor, os autores entremeiam as explicações científicas de fatos históricos e curiosidades sobre a vida de Newton. Entre elas o fato de que Newton simplesmente não divulgava suas idéias. O livro reproduz um diário imaginário de Newton em que ele teria escrito, em julho de 1965: "Acabei de inventar a técnica matemática mais útil do mundo, mas não vou contar para NINGUÉM!".

Esse era o velho Newton que, além dessa tinha outras excentricidades, como espetar o olho ou ficar horas olhando para o céu na tentativa de descobrir como se formavam as cores (ele quase ficou cego, mas descobriu que as cores não eram um junção de preto e branco, como acreditavam os antigos).

Para explicar o que é aceleração constante, o livro sugere que o jovem leitor faça uma experiência hilária (sempre com a supervisão dos pais, claro). Para fazer a experiência são necessários um avião grande, com uma porta imensa, um elefante com velocímetro, um cronômetro, um binóculo e esfregão e baldes enormes.

Quando estiver a milhares de metros acima do solo, jogue o elefante do avião, ligue o cronômetro e observe pelo binóculo. Você irá constatar que a velocidade aumentará 10 metros a cada segundo. Duas coisas afetam a aceleração constante. Uma delas é o ar, que, devido ao atrito, diminui a velocidade do elefante, especialmente se ele abrir as orelhas. A outra coisa é o chão... bem, é aí que você vai precisar do esfregão e do balde...

Há quem acredite que se deva divulgar ciência da maneira mais séria possível. Para essas pessoas, contar detalhes curiosos da vida de Newton seria um verdadeiro sacrilégio.

Nada mais falso. Ao contar pequenos detalhes interessantes da vida de um cientista, o autor mostra ao público que cientistas também são humanos e que a ciência não está separada de nossa vida. Pelo contrário, tudo à nossa volta se relaciona, de alguma maneira com descobertas e teorias científicas.

A importância do livro de Poskitt está justamente aí, em mostrar que a ciência pode ser um tema divertido e interessante.

Agora, se você ainda está se perguntando o que uma maçã tem a ver com tudo isso, é bom ler o livro rapidinho.

Para ir além



ISAAC NEWTON E SUA MAÇÃ, de Kjartan Poskitt e Philip Reeve.
Editora: Companhia das Letras

Post Scriptum
Estou lançando, pela editora Virtual Books, o livro Introdução à Cibernética. O volume pode ser baixado gratuitamente e conta um pouco da história de como surgiu a cibernética, além de explicar seus conceitos básicos, como ruído, retroação, entropia e sinergia. Em tempos de internet, é sempre importante relembrar as idéias de autores que abriram caminho para o surgimento dos computadores.


Gian Danton
Macapá, 16/8/2002


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Uma suposta I.C. de Elisa Andrade Buzzo
02. Piada pronta de Luís Fernando Amâncio
03. Claudio Willer e a poesia em transe de Renato Alessandro dos Santos
04. Dilúvio, de Gerald Thomas de Jardel Dias Cavalcanti
05. Como se me fumasse: Mirisola e a literatura do mal de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Gian Danton
Mais Acessadas de Gian Danton em 2002
01. A Teoria Hipodérmica da Mídia - 19/7/2002
02. A teoria do caos - 22/11/2002
03. A maçã de Isaac Newton - 16/8/2002
04. Público, massa e multidão - 30/8/2002
05. Os 100 maiores cientistas - 29/11/2002


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
18/8/2002
19h17min
Parabéns Gian, belissimo comentário é bom saber que pessoas que leêm mais que a grande maioria dos brasileiros estejam incentivando a leitura. Que continues com essa forma contagiante de expor seus saberes literários.
[Leia outros Comentários de Vinicius Brown]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




REFLEXIONES DEL ACTOR - LOUIS JOUVET
LOUIS JOUVET
EDITORIAL PSIQUE
(1956)
R$ 45,00



TURMA DA MÔNICA JOVEM - Nº 80
MAURÍCIO DE SOUSA
PANINI
(2015)
R$ 3,00



ASSASSINATO NO CAMPO DE GOLFE
AGATHA CHRISTIE
CÍRCULO DO LIVRO
(1985)
R$ 8,08



ALÔ, CHICS!
GLÓRIA KALIL
EDIOURO
(2007)
R$ 11,90



ALMANAQUE DO SAMBA
ANDRÉ DINIZ
ZAHAR
(2006)
R$ 29,90



NA PRAIA
IAN MCEWAN
COMPANHIA DAS LETRAS
(2018)
R$ 20,00



THE HARPERCOLLINS CONCISE ATLAS OF THE BIBLE
JAMES B. PRITCHARD
HARPERONE
(2000)
R$ 90,00



MINHAS HISTORIAS DOS OUTROS
ZUENIR VENTURA
PLANETA
(2005)
R$ 7,00



BARBARA
JULIO CESAR MONTEIRO MARTINS
CODECRI (PASQUIM)
(1979)
R$ 7,50



VIDAS DE ESTADISTAS AMERICANOS - 1º VOLUME - 2ª EDIÇÃO
HENRY THOMAS; DANA LEE THOMAS
GLOBO
(1957)
R$ 10,00





busca | avançada
23155 visitas/dia
708 mil/mês