Digestivo nº 177 | Julio Daio Borges | Digestivo Cultural

busca | avançada
57067 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
DIGESTIVOS

Quarta-feira, 2/6/2004
Digestivo nº 177
Julio Daio Borges

+ de 4300 Acessos




Literatura >>> O receio de fisgar alguém submerso
“O homem escreve como quem grita./ A mulher escreve baixo, em prece” – são versos do novo livro de Fabrício Carpinejar, esse poeta de gênio que, além de tudo, é um “gentleman”. (Se Nélson Rodrigues estivesse vivo o chamaria de “o mais inglês dos ingleses”, e talvez até Antonio Callado perdesse na comparação.) O fato é que, segundo Daniel Piza, um dos últimos críticos literários dessa nossa época, “Cinco Marias” (Bertrand Brasil) é o livro mais importante no gênero desde “Muitas Vozes” (José Olympio, 1999), de Ferreira Gullar. É uma passagem de cetro, visto que Gullar foi visitado por Oswald de Andrade na mocidade, um fã ilustre, e agora dá as mãos a Carpinejar, de pouco mais de 30 anos. “Cinco Marias” conta, em versos, a história de cinco mulheres que enlouquecem progressivamente, em torno da morte do patriarca e em torno de uma biblioteca. Registram seus pensamentos num diário em conjunto; diário este forjado por Carpinejar. “Depois que inventaram o inconsciente,/ a verdade fica sempre para depois”. “Experimento tantas roupas/ antes de sair porque/ meu corpo não me serve”. “Na infância, vive-se a medida natural./ Depois, o desequilíbrio./ Ou sobra ou falta amor”. Mãe e filhas, todas Marias, se misturam nesse universo de feminilidade, ao qual pouquíssimos homens têm acesso. Carpinejar, o escolhido, acredita que uma mulher contém em si todas as idades: a menina, a moça, a mãe, a avó. Proclamou sua filosofia sábia, na noite de lançamento, em plena Livraria Cultura. “Quando ficamos surdos/ escutamos tudo, menos o silêncio”. “Cinco Marias” é finalmente o “Poema de Sete Faces” de Fabrício Carpinejar. Se antes faltava alguma coisa, agora não falta nada. “Na maioridade, virei minoria./ Sacrifiquei a confiança das palavras”. [Comente esta Nota]
>>> Cinco Marias - Fabrício Carpinejar - 123 págs. - Bertrand Brasil
 



Música >>> Sinhazinha (Despertar)
Mônica Salmaso era uma voz densa e turva que entoava Dorival Caymmi ainda no século passado. Tinha ligações com as artes cênicas, e foi musa dos amantes do teatro, embora não tivesse uma presença de palco das mais cativantes (ao menos, para o público de sua música). Mas, abandonando a faceta “underground” e “cult”, Mônica Salmaso assinou com a Biscoito Fino e virou “mainstream”, como se diz. Não é ainda o “popular” de Regina Casé (que vaticinou o televisivo DJ Zé Pedro e o vaticínio pegou), mas a sua “Onde ir” está em toda parte. A composição, em realidade, é de Vanessa da Mata, mais uma “afilhada” de Nelson Motta, que também, sutilmente, está “em todas” (ainda em sua encarnação “cool”; vamos ver quanto dura...). Ocorre que Mônica Salmaso amadureceu como intérprete e deixou de ser mais um rosto bonito (ou nem tanto) na constelação de astros e estrelas da “Nova MPB”. Seu recente CD, “Iaiá”, é a maior prova. Salmaso está mais solta, menos soturna, e se arrisca com mais “ginga” em peças como “Menina, amanhã de manhã” (de Tom Zé e Perna). Não abandonou o tom dramático, em momentos como “Por toda a minha vida” (Tom e Vinicius), ainda que não acrescente muito mais ao que já apresentou em outras toadas tristes. Sua pose faceira, uma novidade como em “Cidade lagoa”, agora interessa mais. Além de cercá-la de bambas como Maurício Carrilho, Luciana Rabello, Teco Cardoso e Benjamin Taubkin, a Biscoito Fino deu um “banho de loja” em Mônica Salmaso – que está mais colorida e menos envolta em panos sérios e escuros. A flor, que antes era mais uma promessa, desabrochou. Continua achando que “É doce morrer no mar”, mas já foi aceita “Na aldeia”. [Comente esta Nota]
>>> Iaiá - Mônica Salmaso - BF | Somlivre.com
 



Gastronomia >>> A essência do sabor
Se na “Folha” há Josimar Mello, no “Estadão” e no “JT”, o todo-poderoso crítico de gastronomia é Saul Galvão. Além de exercer essa profissão de fé, que é a de avaliar para o bem e para o mal o nosso “grand monde” gastronômico, Galvão ainda dispara seus comentários pelo rádio, interagindo com outras mídias e lançando guias, como o de vinhos, que tem sua edição 2004 pela Códex. O diletantismo em torno da bebida apadrinhada por Baco, nos últimos tempos, cresceu muito. Subitamente, todo mundo entende de vinho: profere juízos; sorve o aroma; promove um festival de caras e bocas. Agora, se você quer pular essa fase, de puro impressionismo sem nenhum conhecimento sobre o assunto, uma das portas de entrada é o “Guia de Tintos & Brancos (e Rosados)”, de Saul Galvão. Nele, o crítico explica, por exemplo, porque a França está para o vinho assim como o Brasil está para o futebol e a Copa do Mundo. Conta como a Alemanha perdeu a hegemonia e a sua fama (que rivalizava com a da França), por causa de Liebfraumilch e quejandos. Diz, sem arroubos de patriotismo, porque nossos vinhos não vão nunca receber todas as estrelas (por uma questão de clima). E aposta, sem entreguismo ou bajulação, na produção norte-americana (pelo mesmo motivo). Como se vê, o “Guia” está dividido por países e ensina a não cair em contos-do-vigário como, antigamente, o nosso Almadén. O leitor vai aprender que existem denominações, como a de “origem controlada”, que – a partir do rótulo – já permitem uma escolha mais acertada. Vai aprender também que expressões como “cabernet sauvignon”, “merlot”, “chardonnay” e “sauvignon blanc”, presentes nas vinícolas de quase todo o mundo, são mais que nomes pomposos para se proferir fazendo bico, são qualidades de uvas, há muitos séculos cultivadas. E se paira alguma dúvida sobre a autoridade de Saul Galvão, basta lembrar que ele edita seu guia desde 1992. Ou seja: é muito anterior à atual “moda”, e está há anos-luz dos “súbitos” entendedores. [Comente esta Nota]
>>> Guia de Tintos & Brancos (e Rosados - Saul Galvão - 440 págs. - Códex
 
>>> EVENTOS QUE O DIGESTIVO RECOMENDA

>>> Palestras
* A infoeconomia - João Antonio Zuffo
(3ª f., 1º/6, 19h30, VL)
* TPM - Dr. Arnaldo Schizzi Cambiaghi
(Sáb., 5/6, 16hrs., VL)

>>> Noites de Autógrafos
* Origem dos nomes dos municípios paulistas - Enio Squeff e Helder Perri Ferreira (2ª f., 31/5, 18h30, CN)
* A Faca e o Mandarim - Sinval Medina
(3ª f., 1º/6, 19hrs., CN)
* Parques Nacionais: Brasil - Araquém Alcântara, Sérgio Simões e Reinaldo de Andrade (4ª f., 2/6, 18h30, CN)
* Por dentro da bolha - Paulo Veras
(5ª f., 3/6, 18h30, VL)

>>> Shows
* Música das Nações - Horácio Gouveia
(2ª f., 31/5, 20hrs., VL)
* Marching In: New Orleans II - Traditional Jazz Band
(6ª f., 4/6, 20hrs., VL)
* Espaço Aberto - Duo Viola e Violeta
(Dom., 6/6, 18hrs., VL)

* Livraria Cultura Shopping Villa-Lobos (VL): Av. Nações Unidas, nº 4777
** Livraria Cultura Conjunto Nacional (CN): Av. Paulista, nº 2073
*** a Livraria Cultura é parceira do Digestivo Cultural


>>> Circuito Erdinger & Kiss FM
Acontece nesta quarta-feira, dia 2/6, a partir das 21 hrs., no bar O Garimpo (Rua da Matriz, nº 136 - Embú - Tel.: 11 4704-6344), onde estará se apresentando a banda Kaleidoscope.

* a Erdinger é parceira do Digestivo Cultural
 
Julio Daio Borges
Editor

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




GUIA DE RESORTS: VERÃO 2011
EDITORA EUROPA
EUROPA
(2011)
R$ 7,90



BUENA GENTE 4
ENCINA ALONSO ARIJA E OUTROS
MACMILLAN
(2018)
R$ 89,00



FARMACOLOGIA CLÍNICA. ATRAVÉS DA ANÁLISE DEDUTIVA DO FÁRMACO
ANTONIO MARQUES
BARANY
(2016)
R$ 35,87



EN EL OJO DE LA TORMENTA: F. CASTRO, N. JRUSCHOV, J F KENNEDY Y
CARLOS LECHUGA
SI MAR (CUBA)
(1995)
R$ 43,28



UNIDADE - OS PRINCÍPIOS COMUNS A TODAS AS RELIGIÕES
JEFFREY MOSES
SEXTANTE
(2009)
R$ 10,00



O SEGREDO DOS AMULETOS O COMEÇO
SANDRA MARTINS MODESTO E OUTROS
DO AUTOR
(2009)
R$ 12,00



COMO VENCER OS DESAFIOS DA CONTRATAÇÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA
ANDREA SCHWARZ / JAQUES HABER
I. SOCIAL
(2009)
R$ 6,90



O CARA MAIS LOUCO DO MAD DON MARTIN SEGUE EM FRENTE
DON MARTIN
VECCHI
(1977)
R$ 50,00



A NOITE DA LIBERDADE
JOSÉ PEREIRA DE SOUZA
L. OREN
(1973)
R$ 5,00



GRAMÁTICA FUNDAMENTAL 4
DOUGLAS TUFANO
MODERNA
(2016)
R$ 127,00





busca | avançada
57067 visitas/dia
2,6 milhões/mês