Ping, a rede social da Apple | Digestivo Cultural

busca | avançada
48334 visitas/dia
1,6 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Residência Artística FAAP São Paulo realiza Open Studio neste sábado
>>> CONHEÇA OS VENCEDORES DO PRÊMIO IMPACTOS POSITIVOS 2022
>>> Espetáculo 'Figural', direçãod e Antonio Nóbrega | Sesc Bom Retiro
>>> Escritas de SI(DA) - o HIV/Aids na literatura brasileira
>>> Com Rincon Sapiência, Samanta Luz prepara quiche vegana no Sabor & Luz
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Home sweet... O retorno, de Dulce Maria Cardoso
>>> Menos que um, novo romance de Patrícia Melo
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> O segredo para não brigar por política
>>> Endereços antigos, enganos atuais
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
>>> Jô Soares (1938-2022)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lula de óculos ou Lula sem óculos?
>>> Uma história do Elo7
>>> Um convite a Xavier Zubiri
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
Últimos Posts
>>> Nosotros
>>> Berço de lembranças
>>> Não sou eterno, meus atos são
>>> Meu orgulho, brava gente
>>> Sem chance
>>> Imcomparável
>>> Saudade indomável
>>> Às avessas
>>> Amigo do tempo
>>> Desapega, só um pouquinho.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Discurso de William Faulkner
>>> Road Warrior
>>> O crime da torta de morango
>>> PT saudações
>>> Oscar Wilde, dândi imortal
>>> 30 de Novembro #digestivo10anos
>>> Uma história do Jazz
>>> Quando morre uma paixão
>>> Debate Democrata na CNN
>>> Blogo, logo existo
Mais Recentes
>>> Bhagavad Gita de Krishna pela Martin Claret (2005)
>>> Cyrano de Bergerac (capa dura) de Edmond Rostand pela Nova Cultural (2002)
>>> A arte de amar de Ovídio pela L&PM Pocket (2010)
>>> A Única Coisa de Gary Keller; Jay Papasan pela Novo Século (2014)
>>> Prestígio e Personalidade de Lewis Victor pela Ediouro
>>> Maze Runner: Ordem de Extermínio de James Dashner pela V&R (2013)
>>> A Semente da Vitória de Nuno Cobra pela Senac (2002)
>>> Maze Runner: A Cura Mortal de James Dashner pela V&R (2012)
>>> Maze Runner: Prova de Fogo de James Dashner pela V&R (2011)
>>> Perto do Coração Selvagem de Clarice Lispector pela Folha de S.Paulo (2017)
>>> Maze Runner: Correr ou Morrer de James Dashner pela V&R (2010)
>>> O Livro dos 5 Anéis de Miyamoto Musashi pela Madras (2005)
>>> A Resposta do Mar de Rubens Paulo Gonçalves pela Alegro (2000)
>>> Como Planejar Sua Vida! de Dernizo Pagnoncelli pela Publit (2014)
>>> Fantasmas de Antonio Carlos Neves pela Saraiva (2006)
>>> Mal-Entendido em Moscou de Simone de Beauvoir pela Folha de S.Paulo (2017)
>>> 40 Dias de Amor - Princípios de Relacionamento de Jesus de Tom Holladay pela Vida (2017)
>>> A Caçadora de Bruxos - Magia. Traição. Sacrifício. de Virginia Boecker pela Record (2016)
>>> Noite de Érico Veríssimo pela Círculo do Livro (1986)
>>> Maldosas - Pretty Little Liars de Sara Shepard pela Rocco (2010)
>>> Exercícios de Matemática - Revisão do Ensino Fundamental - Volume 1 de Álvaro Zimmermann Aranha; Manoel Benedito Rodrigues pela Policarpo (1994)
>>> Anjos Caidos e as Origens do Mal de Elizabethe Prophet pela Nova Era (2002)
>>> Ozônio: Aliado e Inimigo de Vera Lucia Duarte de Novais pela Scipione (2006)
>>> A Ultima Carta de Amor de Jojo Moyes pela Intrínseca (2016)
>>> O Novo Mapa do Mundo de Demétrio Magnoli pela Moderna (1993)
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Internet

Quinta-feira, 30/9/2010
Ping, a rede social da Apple
Julio Daio Borges

+ de 5000 Acessos
+ 1 Comentário(s)




Digestivo nº 471 >>> Até o sucesso do Facebook, a história das redes sociais era uma história de prejuízos incalculáveis. As redes sociais bateram sempre recordes em número de páginas navegadas (pageviews), mas eram ineficientes para a veiculação de anúncios. Os usuários simplesmente não clicavam. Logo, não havia um "Google das redes sociais". Mesmo o Orkut, aqui no Brasil, era um portento, em termos de audiência, mas assustadoramente dispendiosa, como rede social — até por conta dos eternos processos judiciais (pedofilia etc.). O Facebook não só mudou essa história, com seus produtos virtuais, e jogos no estilo FarmVille, como se tornou o endereço mais acessado da internet. Mais acessado que o outrora todo-poderoso Google... Steve Jobs, o mago da computação na Apple, deve ter feito um raciocínio parecido. Como Bill Gates, Jobs nunca quis entrar na internet para perder dinheiro. Como já tinha a iTunes Store, a maior base de compradores de música da internet pós-pirataria, lhe pareceu lógico criar uma rede social a partir daí. Vale lembrar que o MySpace, a maior aposta de Rupert Mudoch na internet, começou originalmente como uma rede social "musical". Do mesmo modo, a Last.fm — a "última FM" —, teve o seu momento. A estratégia se juntaria ao movimento da Apple no sentido de se tornar uma "rede proprietária", para além da Web — alicerçada em dispositivos móveis como o iPhone e o iPad. Depois da apresentação oficial em setembro, no famoso estilo "Jobs", o mercado de internet tremeu, e imaginou que a Apple dominaria as redes sociais também. Ocorre que Steve Jobs ainda é um empresário old school, quase do velho mainstream: à medida que vai ficando poderoso, vai revelando sua ambição de controle — tanto quanto... Bill Gates? Jason Calacanis, que vem provocando Mark Zuckerberg, ironizou, em sua newsletter, dizendo que o Facebook tem os e-mails das pessoas, enquanto que a rede social Ping, da Apple, tem os seus cartões de crédito... Mas Dave Winer, num segundo momento, acertou mais em dizer que Jobs não está preparado — ainda — para a Web. A rede social Ping foi construída para incentivar o consumo de faixas, jogos e vídeos na iTunes Store. Não é uma ferramenta de publicação e sequer permite grande interação entre os participantes. Vale lembrar, ainda, que a Apple "pediu uma ajuda" ao Facebook, a fim de aproximar, "na Ping", as pessoas que já estavam conectadas na rede de Zuckerberg — mas a "parceria" durou só algumas horas, pois logo o Facebook acusou a Apple de tentar acessar dados sensíveis... E, conforme vai se desenvolvendo, a rede Ping sutilmente revela uma disposição de trabalhar em favor das velhas gravadoras (como a Last.fm hoje?). Nos anos 80, Steve Jobs lutou, contra a IBM, a batalha do computador pessoal. Depois, nos 90, lutou a batalha do software, contra a Microsoft. Nos anos 2000, reergueu a Apple, e, nos 2010, parece estar vencendo a batalha dos dispositivos móveis. Sua estratégia atual parece querer sobrepor a Web e reabilitar o velho mainstream falido. Será que vai conseguir? Será que a Web permite?
>>> Ping, a rede social da Apple
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Surf Hype, o maior blogueiro de São Paulo (Internet)
02. O Blog da Livraria Cultura (Internet)
03. Le Poème, de Petrit Spahija e Yves Lepide (Gastronomia)
04. Los Hermanos na Fundição Progresso (Música)
05. Chorões e seresteiros (Música)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
30/9/2010
09h19min
Como o próprio Karl Marx visualizou o mundo não está parado à sombra de um modelo, mas em plena evolução. Só que Marx falava na maquinaria, que absorveria inclusive a mão de obra; ainda não havia a expressão robótica, automação ou informática. E tudo isto é dialético, temos que acompanhar a evolução e ficar mais tempo livre para beber, comer e amar, como previu Lesing, e tão bem escrito por Paul Lafarg, no seu "Direito à preguiça".
[Leia outros Comentários de Manoel Messias Perei]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Roland Barthes por Roland Barthes
Roland Barthes
estação liberdade
(2003)



Bumba-meu-boi
Fernando Vilela e Stela Barbieri
Wmf Martins Fontes
(2014)



Os Músicos de Bremen
Wilhelm Karl Grimm
Martins Fontes - Selo Martins
(2000)



A força da vida
James Van Praagh
sextante
(2001)



Em busca da Fraternidade
Mario leal Bacelar
Mandarino



Sucupira - Ame-a Ou Deixe-a
Dias Gomes
Civilização Brasileira
(1983)



A Linguagem Falada Culta na Cidade de São Paulo V. 1:elocuçoes Formais
Ataliba Teixeira de Castilho, Dino Preti-org
Taq
(1986)



Viagem Mística Como Alcançar a Elevação Espiritual
Sylvia Browne
prumo
(2009)



Triple - Pocketbook
Ken Follett
Signet Book
(1980)



Deus é justo
Grigore Valeriu
idéia e ação
(2009)





busca | avançada
48334 visitas/dia
1,6 milhão/mês