Insatisfação | Ana Elisa Ribeiro | Digestivo Cultural

busca | avançada
57876 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Projeto Nascentes Criativas promove ações culturais gratuitas no interior de Minas
>>> Pekka Pylkkänen (FIN) - Brazil Tour 2024
>>> Domingo, 19, 17h, tem 'Canta Teresa' - Roda Cultural com os rappers Ramonzin e Emitê OG
>>> HOJE E AMANHÃ - JÁ ESTAMOS BEM - IMPROVISO DE DANÇA ABORDA ADOECIMENTO HUMANO E PLANETÁRIO
>>> Selvageria synth pop no Pantera Clube
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
>>> Sim, Thomas Bernhard
Colunistas
Últimos Posts
>>> Comfortably Numb por Jéssica di Falchi
>>> Scott Galloway e as Previsões para 2024
>>> O novo GPT-4o
>>> Scott Galloway sobre o futuro dos jovens (2024)
>>> Fernando Ulrich e O Economista Sincero (2024)
>>> The Piper's Call de David Gilmour (2024)
>>> Glenn Greenwald sobre a censura no Brasil de hoje
>>> Fernando Schüler sobre o crime de opinião
>>> Folha:'Censura promovida por Moraes tem de acabar'
>>> Pondé sobre o crime de opinião no Brasil de hoje
Últimos Posts
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
>>> Guerra. Estupidez e desvario.
>>> Calourada
>>> Apagão
>>> Napoleão, de Ridley de Scott: nem todo poder basta
>>> Sem noção
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 40
>>> Assim rasteja a humanidade
>>> Mário Faustino
>>> A dança das imagens de Murilo
>>> Desligando o Cartoon Network
>>> Leia de ouvido
>>> Cinema Independente (5.1)
>>> Pondé sobre o crime de opinião no Brasil de hoje
>>> Walter Burkert (1931-2015)
>>> Os quadrinhos e o castelo do Graal
Mais Recentes
>>> Mal-entendido Em Moscou de Simone de Beauvoir pela Record (2016)
>>> Leonardo da Vinci - A Alma de Um Gênio de Marislei Espíndula Brasileiro pela Lúmen (2004)
>>> O Corsário e a Rosa de Sveva Casati Modignani pela Círculo do Livro (1995)
>>> Como Era Verde o Meu Vale de Richard Llewellyn pela Círculo do Livro (1985)
>>> O Ultimo Templário de Raymond Khoury pela Ediouro (2006)
>>> O Tempo e o Vento - Volume 2 - O Retrato de Érico Veríssimo pela Círculo do Livro (1986)
>>> A Grande Cozinha - Saladas de Vários Autores pela Abril Coleções (2007)
>>> Hotel de Arthur Hailey pela Nova Fronteira (1966)
>>> O Tigre Branco de Aravind Adiga pela Agir (2015)
>>> Negociação: Fortalecendo o Processo de Eugenio do Carvalhal pela Vision (2004)
>>> Comunidade e Sociedade no Brasil de Florestan Fernandes pela Companhia Nacional (1974)
>>> O Vendedor de Sonhos - O Chamado de Augusto Cury pela Academia (2008)
>>> Indulgência de Francisco Cândido Xavier pela Ide (1989)
>>> Liga da Justiça : A Guerra do Demônio Parte 1 e 2 de Alan Grant pela Mythos (2003)
>>> O Fiel da Balança de Taylor Caldwell pela Globo
>>> Júlia Especial vol. 10: O caso do detetive Baxter de Giancarlo Berardi pela Mythos (2023)
>>> Vida e Sexo de Francisco Cândido Xavier pela Feb (1970)
>>> Júlia Especial vol. 09: O caso do ônibus fantasma de Giancarlo Berardi pela Mythos (2023)
>>> Júlia Especial vol. 07: O caso dos grafites apagados de Giancarlo Berardi pela Mythos (2023)
>>> O Sexo No Casamento de Regina Navarro Lins; Flávio Braga pela Best Seller (2006)
>>> Júlia Especial vol. 06: O caso da Rua Magnólia de Giancarlo Berardi pela Mythos (2023)
>>> Batman - Guardião de Hollywood - Ed. Especial de DC Comics pela Mythos (2002)
>>> A Vida em Família de Rodolfo Calligaris pela Ide (1980)
>>> Dinho e Suas Finanças de David F. Hastings pela Fgv (2015)
>>> Hoje é Dia de Maria - Coletânea de Fotos da 1ª e 2ª Jornadas de Luis Alberto de Abreu, Luiz Fernando Carvalho pela Globo (2006)
COLUNAS

Quarta-feira, 10/12/2003
Insatisfação
Ana Elisa Ribeiro
+ de 6100 Acessos

Às vezes eu me pergunto o que deve ser "estar satisfeito". Talvez eu tenha lembranças vagas dessa sensação. Talvez esteja confundindo com alguma coisa similar. O fato é que estar "satisfeito" se parece, às vezes, com algo insuficiente. Alguém que não está bem o suficiente para estar feliz ou coisa do tipo. Então, está satisfeito. Mas, ao contrário, diz-se que alguém está satisfeito quando terminou de comer e não deseja repetir. Mas também diz-se que essa é a palavra mais elegante para quem quer dizer que está "cheio". Então penso: estou cheia. Coisa de quem está cansado, não agüenta mais. Estar satisfeito lembra alguém que ostente certo sorrisinho permanente. Algo de acomodação. E tenho pensado que se vive melhor nas crises. Mas é que às vezes dá uma tremenda saudade de estar satisfeito. Algo que descanse, que faça esquecer das turbulências. Fazer alguém ficar satisfeito implica encurralá-lo numa cortina de fumaça cremosa. Vida mansa, pacata, alheia. Ficar satisfeito parece coisa para lá de efêmera. Ou eu vivo numa crise quase química. Ou eu vivo, de fato, o que me acontece. E qualquer coisa que eu saiba, que eu veja, que eu pense, pode ser o que me acontece.

Ficar satisfeito com salário é uma coisa quase da alçada do impossível. Qualquer tanto que seja dá vontade de mais. E qualquer qualificação a mais dá vontade de subir mais alto. Acabar de escrever um livro é, de fato, impossível. Não conheço autor satisfeito. O livro fica pronto porque a editora tem prazos, impõe prazos, marca datas. E o autor tem que parar de escrever um dia. Tem que se dar por... satisfeito. E quando o livro chega, o autor o toma nas mãos, lê e pensa: que merda. Ficar satisfeito com o Brasil é algo altamente complexo. O amor por esta terra é da esfera do mistério. Mas é um amor grande. Algo que mistura insatisfação com esperança, e certa dificuldade freudiana.

Ficar satisfeito com a vida costuma dar escaras. E ficar insatisfeito... produz lesões por esforço repetitivo. Fico observando os cachaceiros do bairro e penso: como pode? Como trabalha? Como paga o aluguel? E depois me contam que ele não paga o aluguel. Passa a vida no bar, correndo do dono do apartamento em que é inquilino. Eis o segredo: ser um insatisfeito bêbado.

Psiquiatria barata
Os hipertímicos são pessoas muito inteligentes, ativas e costumam alcançar sucesso profissional. No entanto, a hipertimia é uma categoria psiquiátrica. As pessoas classificadas assim, quando surtam, são capazes de terror. E de suicídio.

Trabalho numa sala bege sem janelas. Isso me oprime como o quê. Às vezes há o som do computador, mas o Kazaa sugou de volta a música do Flávio Venturini que me fazia chorar. Então não sinto mais qualquer emoção nesta sala, nesta tarde. E isso me deixa emocionada como o diabo. Finjo que estou sentada numa mesa com meus amigos virtuais. E não estou. Nem sempre finjo bem.

É um ritual: todos os dias faço tudo sempre igual. O capuccino da manhã, os olhos inchados, a fome de carne de porco, a voz da empregada, o "vai com deus" de mãe, o kadron do carro, o calor, as avenidas e o viaduto da floresta. Vejo os mesmos prédios e os mesmos meninos que brincam com fogo no sinal, como Ximite. E entro num estacionamento grande que pago todo mês. A moça simpática me dá um papel e a cancela se abre pra mim. Coloco o carro sempre no segundo andar, numa vaga que já me conhece. Trava, alarme, som. E a moça da cancela já conhece o repertório que toca no meu carro: hoje era sarah vaughan.

Hipertímica, cansada, enjoada, estressada, ferrada. Hoje me deu uma vontade insuportável de entrar numa cena de filme. Acelerei o carro pra ouvir o ruído bonito do motor e quis atravessar a cancela, quebrá-la como nos filmes. Arrancar tudo e ver a madeira ir pelos ares. Não sei o que me faltou ou sobrou que não fiz o que me pedia o desejo. Entrei civilizada, boa moça, sem escarcéu.

Mas preciso dum escarcéu ainda hoje. Uma escalada no prédio mais alto, na serra do curral, pular do acaiaca pra ver os bombeiros com as mãos na cintura. Os passantes tapando meu sol com a peneira. Eu voadora, como quem diz: se liga.

Trabalhar numa sala bege sem janelas e esperar as cancelas se abrirem para passar não é vida. Vida é aquela moça com problemas psiquiátricos que descobriu que ficava muito melhor se tomasse um engradado de cerveja por dia. E ficou.

Conto
e se. se eu saísse na playboy, pediria pra vir me ver um fotógrafo desses bem ruivos. sempre achei que os ruivos chamam a atenção. eles, sim, me lembram velas. e esse meu fotógrafo ruivo poderia me dirigir como um cineasta, pra fazer do comum alguma cena antológica. pediria a ele que me deixasse de pé, pra parecer mais agressiva. os ombros adiantados, a anca evoluída, as pernas tesas, o olhar proponente. mas se ele me pedisse pra ficar de quatro, obedeceria sem timidez. imagine que ele veria coisas que eu mesma nunca vi direito. mas seria ele um ruivo, e mereceria. pediria a ele uma foto de perfil, à moda dos presidiários. que ficasse à beira de mim pra que eu lhe mostrasse meu bico de modelo sexy. fotografia de menina ladeada por almofadas. pufes embaixo da anca de metro e um centímetro. as pernas abertas pra mostrar os abismos. os cabelos soltos, pretos, sem tintas, escorrendo pelas espáduas, à maneira daquelas três ou quatro índias que se aproximaram das naus portuguesas. talvez o fotógrafo ruivo exclame "das vergonhas saradinhas", e nem tão aparadinhas assim. ontem eu lia sobre hirsutismo num livro de ginecologia ambulatorial. e acho que sou 1 ou 2 na escala de Ferriman & Galleway.


Ana Elisa Ribeiro
Belo Horizonte, 10/12/2003

Mais Ana Elisa Ribeiro
Mais Acessadas de Ana Elisa Ribeiro em 2003
01. Descobertas responsáveis - 18/12/2003
02. Saudade... - 19/11/2003
03. E cá já moiro por vós - 13/10/2003
04. O que é um livro? - 5/11/2003
05. Insatisfação - 10/12/2003


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Livro de Bolso Literatura Brasileira 111 Ais
Dalton Trevisan
L&pm Pocket
(2000)



Esta é uma História de Amor
Jessica Thompson
Novo Conceito
(2014)



Livro Religião Maçonaria Do Outro Lado da Luz
William Schnoebelen
Luz e Vida
(1997)



O governo Kubitschek
Maria Victoria de Mesquita Benevides
Paz e Terra
(1976)



De Repente
Barbara Delinsky
Bertrand Brasil
(2003)



A Conquista da Felicidade
Bertrand Russell
Nova Fronteira
(2015)



Steam Lifeboats
Nicholas Leach
Foxglove
(2023)



O Melhor do Cortella
Mario Sergio Cortella
Planeta
(2018)



Paulo e Estêvão Para Jovens Leitores
Adeilson Salles
Feb
(2012)



Afrodite - Romance de Costumes Antigos
Pierre Louys
Ediouro
(1991)





busca | avançada
57876 visitas/dia
2,4 milhões/mês