A melhor revista do mundo | Eduardo Carvalho | Digestivo Cultural

busca | avançada
74378 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Zé Guilherme recebe o pianista Matheus Ferreira na série EntreMeios
>>> Chamada Vale recebe cadastro de cerca de 3 mil projetos
>>> Lançamento do Mini Doc Tempo dell'Anima
>>> Cinema in Concert com João Carlos Martins une o cinema à música sinfônica em espetáculo audiovisual
>>> Editora Unesp lança 20 livros para download gratuito
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
>>> Zuza Homem de Mello (1933-2020)
>>> Eddie Van Halen (1955-2020)
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Vandalizar e destituir uma imagem de estátua
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
>>> Meu malvado favorito
>>> A pintura do caos, de Kate Manhães
>>> Nem morta!
Colunistas
Últimos Posts
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
>>> Van Halen no Rock 'n' Roll Hall of Fame
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
Últimos Posts
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
>>> Perplexo!
>>> Orgulho da minha terra
>>> Assim ainda caminha a humanidade
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Filmes de saiote
>>> Aerosmith no Morumbi
>>> E aí...
>>> Goodbye, virtual. Hello, new.
>>> Alguém ainda acredita em Deus?
>>> Mirage, um livro gratuito
>>> As Cem Melhores Crônicas Brasileiras
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> A soberba de Beauvoir
>>> Somos todos consumidores
Mais Recentes
>>> Construindo uma Vida de Roberto Justus pela Larousse (2007)
>>> Espaço de G. Carmo pela Ibrasa (1984)
>>> Senha: "Coragem ! " de John Castle pela Flamboyant (1965)
>>> Don Quixote Americano de Richard Powell pela Nova Fronteira (2003)
>>> As Duas Vidas de Audrey Rose de Frank de Fellita pela Circulo do Livro (1975)
>>> O Duelo de Roger Pla pela Brasileira (1951)
>>> Freud e o Desejo de Marie Cariou pela Imago (1978)
>>> O Ponto da Virada de Malcolm Gladwell pela Sextante (2009)
>>> Passeando Pela Vida Lições de Filosofia de Lúcio Packter pela Garapuvu (1999)
>>> A vulnerabilidade do ser de Claudia Andujar pela Cosac Naif (2005)
>>> A Relação ao Outro em Husserl e Levinas de Marcelo Luiz Pelizzoli pela Edipucrs (1994)
>>> O Pensamento Vivo de Teilhard de Chardin de José Luiz Archanjo pela Martin Claret (1988)
>>> Revista Brasileira de Filosofia – Volume XLVI – Fascículo 190 de Vários Autores pela Instituto Brasileira de Filosofia (1998)
>>> Grandes Tendências na Filosofia do Século XX e Sua Influência no Brasil de Urbano Zilles pela Educs (1987)
>>> Descartes – Os Pensadores de Rene Descartes pela Abril Cultural (1983)
>>> O mistério da estrela cadente de Vários Autores pela Ftd (1996)
>>> Lydia e Eu de Dimia Fargon pela Literis (2010)
>>> Na saga dos anos 60 de Carlos Olavo da Cunha Pereira pela Geração (2013)
>>> O paraíso dos desafortunados de Amanda Hernández Marques pela Chiado (2013)
>>> Madamme C 05 de Vinícius Ulrich pela Rocco (2000)
>>> Bodas de Pedra de Kissyan Castro pela Chiado (2013)
>>> Apague o cigarro da sua vida de Dra. Cammille pela Alaúde (2006)
>>> Transição Revolucionária de David Carneiro pela Atena
>>> Quem sou eu? Como o Evangelho Completo devolve a verdadeira identidade de Willy Torresin de Oliveira pela Victory (2017)
>>> Comunidade - A busca por segurança no mundo atual de Zygmunt Bauman pela Jorge Zahar (2003)
>>> Modernidade Líquida de Zygmunt Bauman pela Jorge Zahar (2001)
>>> Mundos do Trabalho - Novos Estudos Sobre História Operária 3ªed. de Eric J. Hobsbawm pela Paz e Terra (2000)
>>> Sangue suor & lágrimas - A Evolução do Trabalho de Richard Donkin pela M. Books (2003)
>>> Ideologia e Cultura Moderna 6ªed. de John B. Thompson pela Vozes (2002)
>>> Os Anormais - Curso no Collége de France (1974-1975) de Michel Foucault pela Martins Fontes (2002)
>>> Psworld--35--28--16--5--24. de Digerati pela Digerati
>>> Super gamepower--26--46--38--32--43--51. de Nova cultural pela Nova cultural
>>> Triangulo de Ken follett pela Abril cultural
>>> Nintendo world--35--tres vezes tony hawk! de Conrad pela Conrad (2001)
>>> Nintendo world--49. de Conrad pela Conrad (2002)
>>> Nintendo world--34--cobertura completa da e3--jogamos o gamecube! de Conrad pela Conrad (2001)
>>> Nintendo world--45--resident evil de Conrad pela Conrad (2002)
>>> Nintendo world--38--mario kart--super circuit de Conrad pela Conrad (2001)
>>> Curar como jesus curou de Barbara leahy shiemon/dennis linn/mathew linn pela Loyola
>>> Jovem,o caminho se faz caminhando de Dunga pela Cançao nova (2005)
>>> Nintendo world--37--nasceu de Conrad pela Conrad (2001)
>>> Nintendo world--27--o mundo nao e o bastante para james bons de Conrad pela Conrad (2000)
>>> Nintendo world--76--prince of persia de Conrad pela Conrad (2004)
>>> Nintendo world--40--harry potter de Conrad pela Conrad (2001)
>>> Nintendo world--29--2001--espetacular de Conrad pela Conrad
>>> Nintendo world--193--the legend of zelda--tri force heroes de Conrad pela Conrad
>>> Nintendo--52--invasao metroid. de Conrad pela Conrad
>>> Nintendo world--6--nos temos a força! de Conrad pela Conrad
>>> Maria Antonieta de Obras Completas de Stefan Zweig pela Guanabara (1951)
>>> As Três Paixões de Obras Completas de Stefan Zweig pela Guanabara (1950)
COLUNAS

Sexta-feira, 8/10/2004
A melhor revista do mundo
Eduardo Carvalho

+ de 11000 Acessos

É uma discussão longa, mas deliciosa, na qual me peguei dia desses: qual é, afinal, a "melhor revista do mundo". Em inglês, digo. The Economist, The New Yorker, The New Republic, The Observer, The Guardian, The Atlantic Monthly? A lista das candidatas não acaba, mas vamos lá: são todas muito diferentes, e é difícil - impossível mesmo - escolher apenas uma.

Das supracitadas, por exemplo - e na minha opinião, lógico -, a Economist é a mais completa; é a que inclui mais assuntos e lugares, de artes visuais a finanças corporativas, da Nova Zelândia ao Panamá. Tentei me afastar, por seis meses, de sua leitura, mas me senti desorientado no mundo - e retomei minha assinatura, imediatamente. A The New Yorker, à qual já dediquei uma coluna, tem artigos longos e incisivos, sobre assuntos culturais e políticos, e ao mesmo tempo é a mais engraçada, divertida - e talvez também seja a revista, digamos assim, mais sofisticada do mundo, pelo seu senso de humor e pelo gabarito de seus colaboradores.

A The New Republic é impossível de encontrar no Brasil, e praticamente não sai dos Estados Unidos, porque orbita em torno de Washington. Uma pena: é o que há de melhor para política interna - e externa também, portanto - americana. Seus editores escrevem encantadoramente bem, e são muitíssimo bem informados. O Guardian e a Observer, ingleses, li menos, mas são periódicos acessórios, mais opinativos - num estilo bonito e contundente, que não existe no Brasil. Já a The Atlantic Monthly reúne em seus quadros jornalistas e colaboradores do mais alto nível, e mensalmente publica reportagens profundas, esclarecedoras, de assuntos complexos, como relações internacionais.

Onde encontrá-las? A The New Republic, como disse, você não vai encontrar nunca, no Brasil. A Economist está presente em boas bancas, e as outras em meia dúzia de grades jornaleiros e livrarias. Porque, afinal, vivemos em outro mundo - onde a nova técnica para cirurgia plástica é o assunto mais relevante da semana.

Roda morta

Eu chamei atenção, em De outra viagem pelo Brasil, para o crescimento do agronegócio brasileiro, que está acontecendo numa velocidade alucinante. Sugeri que esse movimento seja documentado e, em seguida, veiculado nos grandes centros urbanos do Brasil, como São Paulo - que está, em geral, alheia a essa onda. A revista Veja bem que tentou, há duas semanas, mas ainda não foi desta vez: a foto da capa, de uma lavoura de plantio direto, é emblemática, mas o texto é ralo, com poucas novidades.

Quem vai trazer informações novas para São Paulo, daqui a um mês, é a equipe do Rally da Pecuária, que está visitando os pontos mais importantes de criação de gado no Brasil, de Barretos a Gurupi. É esse tipo de iniciativa, que combina a pesquisa acadêmica com a observação em campo, buscando resultados práticos, que falta no Brasil. Estamos aguardando o resultado.

E, enquanto isso, no Roda Viva do dia 23 de setembro, Bolívar Lamounier, cientista político, comentava sobre o preconceito brasileiro contra a riqueza produzida no campo. É que convencionou-se aceitar, por aqui, que o enriquecimento do industrial é legítimo - e normalmente é mesmo -, enquanto o fazendeiro enriquece explorando trabalho e terra dos outros. Foi um alívio ver Lamounier lembrando os primos do meu avô, que importaram sozinhos as primeiras cabeças de gado Nelore da Índia. O esforço monumental, que exigiu viagens longas e negociações internacionais complexas, em pouco anos transformou a qualidade do rebanho brasileiro. Empreendedores assim não podem ser confundidos com seus inimigos, os sinhozinhos de lugares abandonados - que já são uma espécie em extinção.

Já o Roda Viva do dia 4 de outubro, onde se pretendeu reunir vereadores, deputados e senadores para uma conversa sobre política, foi arrepiante. Despreparados e desarticulados, ninguém demonstrou nem um pingo de educação: todos se interrompiam, gritavam. Nenhum assunto se desenvolveu logicamente. A todo momento, alguém anunciava que o outro estava mentindo. Ora, um dos dois, o mentiroso ou o acusador, estava - e pode? É permitido que se façam acusações assim, tão facilmente, chamando indiretamente os telespectadores de imbecis? No Brasil, pelo jeito, é.

Curiosidades: os políticos de médio-escalão do PSDB têm todos a mesma cara, os petistas ainda não aprenderam a usar ternos e as mulheres, de todos os partidos, precisam escolher um cabeleireiro menos cafona. Por trás de cada um deles - das barbas, das perucas e dos laquês -, porém, parece que há sempre o traço e a disposição de uma jabuti anêmica - mesmo que, de vez em quando, a tartaruga esteja irritada.


Eduardo Carvalho
São Paulo, 8/10/2004


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Vocês, que não os verei mais de Elisa Andrade Buzzo
02. A literatura de Marcelo Mirisola não tem cura de Jardel Dias Cavalcanti
03. Um 'Réquiem' para a Memória de Felipe Leal
04. Corpo é matéria, corpo é sociedade, corpo é ideia de Duanne Ribeiro
05. Hebreus e monstros, parte II de Guilherme Pontes Coelho


Mais Eduardo Carvalho
Mais Acessadas de Eduardo Carvalho em 2004
01. A melhor revista do mundo - 8/10/2004
02. De uma volta ao Brasil - 23/7/2004
03. Como mudar a sua vida - 21/5/2004
04. O chinês do yakissoba - 5/3/2004
05. Por que não estudo Literatura - 24/9/2004


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




LE SALAIRE DE LA PEUR - 1771
GEORGES ARNAUD
JULLIARD
(1950)
R$ 12,00



A MEDIADORA - CREPÚSCULO
MEG CABOT
GALERA
(2010)
R$ 21,00



O ÚLTIMO MINUTO NA VIDA DE S. - 7843
MIGUEL REAL
QN III
(2007)
R$ 30,00



DOSSIER B... COMME BARBOUZES
PATRICE CHAIROFF
ALAIN MOREAU (PARIS)
(1975)
R$ 19,28



O DIREITO PASSADO A LIMPO
SÉRGIO SANTOS RODRIGUES
PERGAMUM
(2012)
R$ 6,90



CUCA 2000 - SUPER ENCICLOPÉDIA DE NUTRIÇÃO SAÚDE E BELEZA
NÃO CONSTA
NOVO BRASIL
(1986)
R$ 5,00



UMBANDA OMOLOCÔ - LITURGIA RITO E CONVERGÊNCIA NA VISÃO DE UM ADEPTO
CAIO DE OMULU
ÍCONE
(2002)
R$ 119,95



O COLECIONADOR DE CREPÚSCULOS - AUTOGRAFADO
ANNA MARIA CASCUDO BARRETO
DO AUTOR
(2003)
R$ 23,00



COMO ME LIVRAR DE MATTHEW
JANE FALLON
RECORD
(2008)
R$ 5,90



MENSAGEM DE VITÓRIA + CDS
R R SOARES
GRAÇA EDITORIAL
(2013)
R$ 70,00





busca | avançada
74378 visitas/dia
2,1 milhões/mês