Primavera dos Livros do Rio 2005 | Cassiano Viana | Digestivo Cultural

busca | avançada
107 mil/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> “Sempre mais que um” tem apresentações no Teatro Alfredo Mesquita
>>> Projeto Memória leva legado de Lélia Gonzalez a 7 capitais
>>> '1798 - Revolta dos Búzios' chega ao cinemas
>>> IV Cinefestival International de Ecoperformance divulga sua programação
>>> O Shopping Praça da Moça debuta com show exclusivo da Família Lima
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
>>> Sim, Thomas Bernhard
Colunistas
Últimos Posts
>>> Comfortably Numb por Jéssica di Falchi
>>> Scott Galloway e as Previsões para 2024
>>> O novo GPT-4o
>>> Scott Galloway sobre o futuro dos jovens (2024)
>>> Fernando Ulrich e O Economista Sincero (2024)
>>> The Piper's Call de David Gilmour (2024)
>>> Glenn Greenwald sobre a censura no Brasil de hoje
>>> Fernando Schüler sobre o crime de opinião
>>> Folha:'Censura promovida por Moraes tem de acabar'
>>> Pondé sobre o crime de opinião no Brasil de hoje
Últimos Posts
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
>>> Guerra. Estupidez e desvario.
>>> Calourada
>>> Apagão
>>> Napoleão, de Ridley de Scott: nem todo poder basta
>>> Sem noção
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A Poética do Extravio, Júlio Castañon Guimarães
>>> Armazém de secos e molhados
>>> Uma nova aurora para os filmes
>>> Jornal da Cultura - 17/11/2014
>>> Páginas e mais páginas da vida
>>> No final do telejornal tinha um poeta...
>>> No final do telejornal tinha um poeta...
>>> Máfia do Dendê
>>> CaKo Machini
>>> Alberto Dines sobre a Copa
Mais Recentes
>>> Circuitos Elétricos - Sexta Ed. de James W. Nilsson; Susan A. Riedel pela Pearson Education Do Brasil (2003)
>>> Inteligência Emocional Na Gestão De Resultados de Lee Gardenswartz; Jorge Cherbosque; Anita Rowe pela Laselva (2012)
>>> Os Rolling Stones No Brasil: Do Descobrimento A Conquista, 1968-1999 de Nelio Rodrigues pela Ampersand (2000)
>>> Nosso Lar de Pelo Espirito Andre Luiz, Francisco Candido Xavier pela Feb (2007)
>>> Sinatra de Richard Harvers pela Dorling Kindersley (2004)
>>> O Brasil Em Sobressalto de Oscar Pilagallo pela Publifolha (2002)
>>> O Exercito Brasileiro E A Amazonia - The Brazilian Army And The Amazon de Exército Brasileiro pela Brasilia: Exercito Brasileiro (2024)
>>> Livro Cidadania E Competitividade: Desafios Educacionais Do Terceiro Milênio de Guiomar Namo De Mello pela Cortez (2000)
>>> Historia das Relações Internacionais do Brasil de Raul Mendes Silva / Clóvis Brigagão pela Cebri (2024)
>>> Agulhas Negras de Ac& m pela Ac&m (1993)
>>> As Aventuras De Sherlock Holmes de Arthur Conan Doyle pela Principis (2019)
>>> Dicionário de Espiritualidade de Edições Paulinas pela Edições Paulinas (1989)
>>> Livro Você Globalizado: Dez Estratégias Para Atuar Como Um Executivo Global de Susan Bloch pela Rai (2011)
>>> Riquezas da Mensagem Cristã de D. Cirilo Folch Gomes pela Lumen Christi (1981)
>>> Sistema De Ensino Positivo, 7º Ano - Língua Inglesa Vol. 1,2,3 e 4 de Kenedy Rufino pela Cia. Bras. de Educação e Sistemas de Ensino (2023)
>>> diarios y Memorias de la Guerra del Pacifico Primer Tomo de Arturo Costa de la Torre pela Pacena (1980)
>>> As Aventuras De Pinóquio de Carlo Collodi pela Martin Claret (2002)
>>> The Warren Court And American Politics de Lucas A. Powe Jr. pela Belknap Press: An Imprint Of Harvard University Press (2002)
>>> Livro Professor de 1º Grau : Identidade em Jogo - Magistério Formação e Trabalho Pedagógico de Ezequiel Theodoro da Silva pela Paparius (1995)
>>> Santos de Cada Dia III de José Leite pela Braga
>>> Brasis, Brasil, Brasília de Gilberto Freyre pela Livros do Brasil
>>> Simbiose e Ambiguidade de José Bleger pela Francisco Alves (1985)
>>> Gossip Girl : Nunca Mais ! - Vol. 8 de Cecily Von Ziegesar pela Galera Record (2007)
>>> Crime e castigo vol 1 e vol. 2 de Dostoievski pela Abril (1979)
>>> A Casa Da Praia (pocket) de Beth Reekles pela Astral Cultural (2019)
COLUNAS

Quinta-feira, 29/9/2005
Primavera dos Livros do Rio 2005
Cassiano Viana
+ de 6000 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Terminou nesse domingo (25), aqui no Rio, a quinta edição da Primavera dos Livros, feira anual promovida pela Liga Brasileira de Editores (Libre).

A Primavera não é um evento concorrido, cheio de marra e celebridade como a Flip, por exemplo. Os leitores estão ali pelos descontos; os jornalistas pelas "barbadas"; os autores pelo contato com os donos das editoras; os editores, por um espaço maior do que aqueles reservados nas Bienais de megastands.

Na quinta-feira, a Cristina Warth fez um retrospecto do evento, falando em consolidação. Angel Bojadsen (agora ex-presidente da Libre) foi direto e disse que o grande desafio pra qualquer editora é colocar livros nas livrarias (não é tão óbvio assim, leia os próximos parágrafos), informando que, em São Paulo (a Primavera terá sua versão paulista durante os dias 20 e 23 de outubro na OCA - Ibirapuera), será realizada uma assembléia geral da Liga, onde serão consolidadas propostas que indiquem qual o futuro desse segmento do mercado editorial no futuro.

Já Galeno Amorim, coordenador do programa Fome de Livro, do Viva Leitura e da Política Nacional da Leitura e de Bibliotecas Públicas, disse que as ações isoladas em todo país apontam a necessidade de construir uma política nacional do livro e da leitura. Para o representante do Ministério da Cultura é a pequena editora que garante a diversidade, pluralismo e riqueza editorial. Ele mesmo, em outros tempos, um pequeno editor (logo, um conhecedor das dificuldades dessa fatia do mercado editorial no país), anunciou um plano Pró-leitura que contemplará os próximos cinco anos e a perspectiva de 40, 45 milhões de reais em recursos anuais para viabilizar políticas públicas para o setor.

Tudo isso será anunciado, pelo que entendi, agora em dezembro, junto com uma agenda macro-política e a criação da tal Câmara Setorial do Livro, da qual a Libre já é um dos nomes e assentos garantidos. Essa, uma boa notícia.

Daí veio o melhor.

Os professores Fábio Sá Earp e George Kornis, economistas do Grupo de Pesquisas em Economia do Entretenimento da UFRJ, apresentaram os resultados do trabalho realizado sob encomendada pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social).

A partir de dados comparativos, tanto do Brasil como do Brasil em relação a outros países, eles mostraram que existe sim uma crise (a venda das editoras foi reduzida praticamente à metade, entre 1995 e 2003), mesmo levando em consideração o tal crescimento de 5% da economia e a tão declarada hype literária.

Algumas das causas dessa crise: 1) preço do livro (segundo eles, um livro deveria custar ao menos 1/3 do que custa hoje); 2) queda do poder aquisitivo/renda bruta de quem compra livro com freqüência; 3) Problemas de distribuição. Fora isso, o governo comprando menos a preços menores, pirataria, uso da Internet etc.

Alguém ainda veio me dizer: "a culpa da crise não é das editoras e sim dos poucos leitores".

Se esse mesmo alguém tivesse participado do debate saberia do efeito "Tostines" (ilógico e injustificável) que um dos pesquisadores identificou: segundo as editoras "o livro é caro porque vende pouco. E vende pouco porque é caro". Mané justificativa. É caro porque é caro, e as editoras (pequenas editoras) ainda não sabem administrar seus negócios de forma empreendedora e corporativa, de uma forma que gerem lucro, sem prejudicar o leitor e as vendas.

Os pesquisadores deram exemplos da similar da Libre na França, sempre deixando claro: é preciso aprender, organizar, profissionalizar o setor e abolir a idéia romântica de que a indústria do livro se resume a antologias, romances, livros de contos, poesias, manuais de estilo. Talvez por isso o nariz torcido da maioria. O professor Fábio deu a dica dos livros científicos de pesquisadores brasileiros, que poderiam ser mais baratos e poderiam render traduções para outras línguas. Outro dado: juntos, publicações religiosas e obras técnicas ainda perfazem a maior parte das vendas. Dentro do item "obras gerais", todo o resto: auto-ajuda e ficção.

Rolou um debate, sim. Debate caloroso, com descontentamento e muita gente desconfortável. Afinal, aquele seria dia de festa, certo? O que não deixa de ser produtivo: babar ovo é uma merda (desculpem). E quem baba dono de editora é autor, escritor fazendo lobby, implorando "pelamordedeus me publique!".

Pena que - até agora não encontrei - em nenhum jornal, site, blog, qualquer repercussão para esse debate, que vai além do que eles chamam, na pesquisa, de starsystem.

Parece que o melhor debate ainda é aquele que tem como objetivo confirmar o valor ou não de certos grupos de autores (sempre em detrimento a outros), ou aquele, que repercute a "multiplicação de novos escritores". Picuinhas literárias. Guerrinha de ego. Coisa de mulherzinha.

Alguém escreverá: sempre foi assim.

E eu, mentalmente, fico aqui pensando: é verdade: e é justamente por essas e outras que vivemos essa bosta que é até hoje.

No mais, na mesa sobre D.Quixote para Jovens, que contou com a presença de alunos de várias escolas daqui do Rio, Marina Colasanti foi só delicadeza em suas respostas. Já o Gullar parecia que falava para uma platéia de adultos. "Não: essa sua pergunta já foi respondida e não há nenhuma referência a Quixote em minha obra". Alguém deveria avisá-lo do quão prejudicial uma resposta como essa pode ser nessas horas; João Ubaldo por ele próprio: disse que não fazia mais palestras. Agora só respondia perguntas. Logo, faltou microfone; Borges e literatura fantástica: destaque para o Bráulio Tavares. O melhor (e provavelmente o mais esperado) lançamento foi o do livro de poemas do Chico César. Desculpe: não tenho saco pra isso de palestra sobre "blog é literatura?". (Esse tema realmente ainda rende algum debate?)

A oficina (palestra) sobre encadernação deveria ser melhor divulgada. Alguns (se não todos) debates deveriam ser registrados, sistematizados e disponibilizados ao público, no site do evento ou numa publicação.

É preciso que a Primavera dos Livros tenha vida longa porque é uma resposta de um grupo de editoras ao monopólio das maiores, dos grandes grupos, que, aparentemente, gastam muito repetindo um catálogo de vendas garantidas. O trabalho das pequenas, por sua vez, é garimpar títulos, novidades, apostar, abrir espaço. Não é à toa que essas maiores andam criando selos de "novos" e edições pocket. Eventos como a Primavera dos Livros e instituições como a Libre causam desconforto. Fico imensamente feliz que seja assim.


Cassiano Viana
Rio de Janeiro, 29/9/2005

Quem leu este, também leu esse(s):
01. Pílulas blogueiras de cinema de Marcelo Miranda


Mais Cassiano Viana
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
5/10/2005
22h38min
Estamos super orgulhosos de vc! muitos beijos...
[Leia outros Comentários de Ludmilla Viana]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Livro Economia Internacional Teoria e Política
Paul R Krugman; Maurice Obstfeld
Makron Books
(1999)



Nunquam
Lawrence Durrell
Expressão e cultura
(1971)



Divina Flor 409
Marcos Santarrita
Global
(2000)



Livro de Bolso Saúde Como Cuidar da Sua Coluna? Coleção Questões Fundamentais da Saúde
Patrícia Horta Andrade e Ângelo Robert Gonçalves
Paulus
(2004)



Guia Visual: Folha De São Paulo: Europa
Vários Autores
Publifolha
(2011)



Livro de Bolso Religião O Grande Conflito
Ellen G. White
Casa
(1995)



Livro Ciência Política Os Intelectuais e o Poder Dívidas e Opções dos Homens de Cultura na Sociedade Contemporânea (Biblioteca Básica)
Norberto Bobbio
Unesp
(1997)



Livro Turismo Nova York Guia da Cidade
Lonely Planet
Globo
(2011)



Criatividade - Progresso e Potencial
Calvin W. Taylor
Ibrasa
(1964)



Os Segredos da Negociação
Juliet Nierenberg
Publifolha
(2003)





busca | avançada
107 mil/dia
2,4 milhões/mês