Um teatro que foge do óbvio | Guilherme Conte | Digestivo Cultural

busca | avançada
41334 visitas/dia
1,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Manual para revisores novatos
>>> A Copa, o Mundo, é das mulheres
Colunistas
Últimos Posts
>>> 100 nomes da edição no Brasil
>>> Eu ganhei tanta coisa perdendo
>>> Toda forma de amor
>>> Harvard: o que não se aprende
>>> Pedro Cardoso em #Provocações
>>> Homenagem a Paulo Francis
>>> Arte, cultura e democracia
>>> Mirage, um livro gratuito
>>> Lançamento de livro
>>> Jornada Escrita por Mulheres
Últimos Posts
>>> João Gilberto: o mito
>>> Alma em flor
>>> A mão & a luva
>>> Pesos & Contra-pesos
>>> Grito primal II
>>> Calcanhar de Aquiles
>>> O encanto literário da poesia
>>> Expressão básica II
>>> Expressão básica
>>> Minha terra, a natureza viva.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A mulher madura
>>> Regras da Morte
>>> Simone de Beauvoir: da velhice e da morte
>>> Sabemos pensar o diferente?
>>> El sueño de la razón
>>> Machado de Assis dos folhetins ao Orkut
>>> Super Campeões, trocas culturais de Brasil e Japão
>>> Daumier, um caricaturista contra o poder
>>> Daumier, um caricaturista contra o poder
>>> Curtas e Grossas
Mais Recentes
>>> Fale-me de amor de Michel Quoist pela Paulus (1988)
>>> Maravilhas do Mundo de Elvira de Oliveira pela Klick (2001)
>>> A História Crítica da Nação Brasileira de Renato Mocellin pela Do Brasil (1987)
>>> Direito Municipal na Constituição de Petrônio Braz pela Led (2001)
>>> Direitos Reais de Cristiano Chaves de Farias e Nelson Rosenvald pela Lumen Juris (2006)
>>> Linguagem de Sinais de Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados pela Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados (1992)
>>> Curva de rio de Juarez de Oliveira pela Caminhos da Literatura (1987)
>>> O Anjo da Morte de Ricardo Reis de Jose Sarmago pela Caminho (1984)
>>> O livro da música de Keith Spence pela Zahar (1981)
>>> Os Abutres de Taylor Caldwell pela Record
>>> Água Viva: Uma Gênese do Desenvolvimento de Eloi Fernández y Fernández pela Nova Fronteira/ RJ. (2003)
>>> A Casa Grande de Taylos Caldwell pela Record
>>> Legislação ambiental de José Geraldo Brito Filomeno. Organização pela Imprensa Oficial do Estado SP (2000)
>>> A Mulher Secreta de Victoria Holt pela Círculo do Livro
>>> Execução civil e cumprimento de sentença. Vol. 3 de Sérgio Shimura & Gilberto Gomes Bruschi pela Método (2009)
>>> Direito Processual do Trabalho de Wagner D. Giglio pela Saraiva (2005)
>>> Comentários à Constituição Brasileira de 1988. Vol. 1. Arts. 1 ao 43 de Manoel Gonçalves Ferreira Filho pela Saraiva (1990)
>>> Resumo de Direito Penal (Parte Geral) C oleção Resumos 5 de Maximilianus Cláudio Américo Fuhrer et alii pela Malheiros (2004)
>>> À Margem da lagoa Prateada 5 de Laura Ingalls Wilder pela Record (1967)
>>> Resumo de Direito Comercial (Empresarial) Coleção Resumos 1 de Maximilianus Cláudio Américo Fuhrer pela Malheiros (2005)
>>> Blue Bloods - Vampiros em Manhattan de Melissa De La Cruz pela Moderna (2010)
>>> Responsabilidade civil e sua interpretação jurisprudencial de Rui Stoco pela Revista dos Tribunais (1994)
>>> A Menina que Roubava Livros de Markus Zusak pela Íntriseca (2013)
>>> O anjo do Adeus de Ignacio de Loyola Brandão pela Global (1995)
>>> Iniciação ao Direito do Trabalho de Amauri Mascaro Nascimento pela LTr (2005)
>>> O verde Violentou o Muro de Ignacio de Loyola Brandão pela Global (1984)
>>> o Dia em Que Comeram o Ministro de Fausto Wolff pela Codecri/ RJ. (1982)
>>> o Dia em Que Comeram o Ministro de Fausto Wolff pela Codecri/ RJ. (1984)
>>> Nancy Maria Mendes de Apesar do Tempo... pela Scriptum/ Belo Horiznte
>>> Recados da Lua - Amor e Romantismo de Helena Jobim pela Record/ RJ. (2001)
>>> Inovação -A Arte de Steve Jobs de Carmine Gallo pela Lua de Papel (2010)
>>> Machado de Assis de Augusto Meyer pela Globo/ Porto Alegre (1935)
>>> Os Putos de Altino Total pela Livr. Sá daCosta/ Lisboa (1980)
>>> Vinte E Quatro Horas na Vida de uma Mulher e outras Novelas de Stefan Zweig pela Record/ RJ. (1999)
>>> Empresas de ComércioInternacional: Organização e Operacionalidade de Dalton Daemon pela Edit. da FURBE (1993)
>>> Princípios e procedimentos notariais de Odelmir Bilhalva Teixeira pela Russell (2009)
>>> Elogio da Loucura de Erasmo de Roterdam pela Ediouro/ RJ.
>>> Os Possessos 2 Volumes de Dostoiewsky pela Livraria Progredior Porto
>>> Em Busca da Arca de Noé de Dave Balsiger Charles E. Sellier Jr pela Record (1976)
>>> Noite de Erico Verissimo pela Globo (1954)
>>> O Discípulo de Paulo Bourget pela Irmãos Pongetti (1944)
>>> O mito da neutralidade científica de Hilton japiassu pela Imago (1975)
>>> Curso de direito civil brasileiro 7 volume responsabilidade civil de Maria helena diniz pela Saraiva (2001)
>>> Patrícia Bins de Janela do Sonho pela Nova Fronteira/ RJ. (1986)
>>> Introdução ao estudo do direito de Tercio sampaio ferraz jr pela Atlas (1994)
>>> Themen 2- Lehrwerk Für Deustsch als Fremdsprache - Kursbuch de Hartmut Auderstrabe/ Heikop Bock/ Helmut Müller pela Max Huber/ EPU (1993)
>>> Organon da arte de curar de Samuel hahnemann pela Ihfl (1995)
>>> Noite na taverna de Alvares de azevedo pela Klick
>>> Mini) Reforma Tributária: Reflexões Sobre a Lei N. 10. 637/2002 (... de Fábio Junqueira de Carvalho (...) Coord. pela Mandamentos (2003)
>>> Vademecum do direito de família e sucessões de Márcia Cristina Ananias Neves pela Jurídica brasileira (2006)
COLUNAS

Quarta-feira, 1/2/2006
Um teatro que foge do óbvio
Guilherme Conte

+ de 2300 Acessos

Num cenário marcado pela repetição de fórmulas já consagradas - com honrosas exceções, mas também com ótimas montagens dentro desses parâmetros -, é de se louvar iniciativas bem sucedidas na busca de novas formas de se fazer teatro. É o caso de Suíte 1, da Companhia Brasileira de Teatro, de Curitiba.

A peça segue em cartaz até o dia 19 de fevereiro no Instituto Cultural Capobianco, que começa a despontar como uma casa com um belo crivo de seleção de espetáculos. A direção é de Marcio Abreu (que passou por aqui recentemente com Luís Melo e sua Daqui a duzentos anos). É a estréia nos palcos brasileiros de um texto do festejado (pelos lados de lá) dramaturgo francês Philippe Minyana, dono de um belo texto, rápido e ácido, intrinsecamente ligado ao cotidiano.

O elenco, apurado, possui um alto nível técnico. É formado por Chiris Gomes, Giovana Soar (que também assina a tradução), Nadja Naira (responsável, no palco, pela iluminação) e Thais Tedesco. Além destes, duas atuações se destacam pela força e pelo evidente domínio da cena: Ranieri Gonzalez e Christiane de Macedo. A força de conjunto do grupo é notável.

Um dos grandes charmes da peça está na forma em como a história é contada. Por meio de situações numeradas denominadas de "Conversa" e "Refeição", um homem e cinco mulheres conversam tentando reconstruir a memória de um episódio que se mostra traumático. Nada é dito de forma clara e definitiva. Ao contrário, as sugestões se sobrepõem, formando um mosaico que aos poucos revela relativa coerência.

"O interessante está justamente no fato de que a história só ganha sentido, só pode ser contada da forma em que foi escrita", afirma Marcio. Essa dialética é o que garante a força e a própria possibilidade narrativa. "A forma e o enredo são igualmente importantes", completa Giovana. É nesse ponto que reside a grande sacada de Minyana. Um exercício minucioso, artesanalmente construído.

Outro ponto fundamental na dramaturgia de Minyana, e particularmente em Suíte 1, é a questão da musicalidade presente no texto - diga-se de passagem, uma das questões que inquietam alguns dos grandes dramaturgos contemporâneos. Mais do que as próprias palavras, o que interessa é a forma como elas são ditas, os sons que elas carregam. Minyana já falou longamente sobre isso: "O teatro é, para mim, palavras que rolam, que fazem barulho".

Assim, esta musicalidade esteve em foco desde o início da concepção da montagem. "O desafio estava em como concretizar uma expressão efetiva", conta Marcio. "Aí residia a grande preocupação: o trabalho de construir o sentido a partir da execução da sonoridade."

Um aspecto extremamente interessante da montagem é o fato de tudo, absolutamente tudo ser feito às claras, no palco. A água do café é fervida ali mesmo, as caixas de comida chinesa saem de uma pequena geladeira, a música sai de um mini system. A própria iluminação é controlada por Nadja no palco.

Ideologia? Longos discursos prontos sobre filosofia do teatro? Não. Marcio e sua companhia não perdem tempo em discussões inócuas sobre rótulos e fórmulas. "Nós optamos por uma encenação absolutamente às claras, honesta, mas sem ter com isso a pretensão de se filiar ao naturalismo ou a qualquer escola ou movimento", afirma Marcio. "Trabalhamos com a realidade." Simples assim.

O tempo nas cenas também é um elemento muito caro à montagem. Do ritmo frenético da "Conversa 1" às longas pausas de "Refeição 4", é ele quem rege as conversas, os tons, as pequenas nuances das personagens. "Esse ajuste foi muito difícil", conta Nadja. A velocidade do texto - e ele próprio, quase abstrato, profundamente pontual - também "complicou" o trabalho dos atores. "Não havia deixas, as frases eram muito parecidas. Quase iguais, mas com diferenças mínimas", continua. Nós só conseguimos realmente dar corpo à peça quando passamos a encarar o texto como música", diz Christiane.

Os diálogos aparentemente banais, simples, mostram-se gradativamente reveladores. As questões aparecem aos poucos, e sua força cresce junto com a tensão das personagens. "Quando li o texto pela primeira vez, terminei em prantos", conta Marcio. "Ele nos toca com questões profundas, que falam a todos, a partir da perda da memória. O que buscamos? O que deixamos para trás? O que é realmente importante?"

É bom notar que uma peça aparentemente hermética, difícil, tem conseguido boa receptividade por onde passa. Em se pensando o texto, é esta verdade presente nele que o aproxima de todos nós. "As pessoas se identificam ora com uma personagem, ora com uma situação, ora com uma frase", diz Marcio. O público busca este terreno, o do comum. A experiência resulta de como ele ressoa em cada um dos espectadores.

Dito isso tudo, é quase inacreditável saber que a montagem foi levada ao palco após quatro semanas de ensaio. "Fomos do pânico ao prazer absoluto", conta Christiane. "Foi muito difícil, era uma dramaturgia a que não estávamos acostumados", diz Ranieri. "Mas também muito prazeroso, divertido."

Suíte 1 encaixa-se, na trajetória da Companhia, na esteira de espetáculos como Volta ao dia... e O empresário. O grupo foi criado em Curitiba no ano de 1999 com o objetivo de buscar novas formas de se fazer teatro, pensando o próprio teatro em cada espetáculo. "A idéia que nos move é pensar que relação ainda é possível entre os artistas e o público", diz Marcio. "Queremos novos caminhos, trazer problemas. Fazer um espetáculo, para nós, nunca é trazer algo resolvido. Não há descanso." Que bom.

Para ir além
Suíte 1 - Instituto Cultural Capobianco - R. Álvaro de Carvalho, 97 - Centro - (11) 3237-1187 - Sexta e sábado, 21h; domingo, 20h - R$ 30,00 - Até 19/02.


Guilherme Conte
São Paulo, 1/2/2006


Mais Guilherme Conte
Mais Acessadas de Guilherme Conte em 2006
01. Sua majestade, o ator - 18/1/2006
02. Um Brecht é um Brecht - 5/4/2006
03. 13º Porto Alegre em Cena - 15/9/2006
04. A essência da expressão dramática - 26/4/2006
05. Strindberg e o inferno de todos nós - 29/9/2006


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A ACEITAÇÃO IRÔNICA DO SAGRADO
MARCOS PAULO NOGUEIRA DA SILVA
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 349,00



CARTAS PERSAS
MONTESQUIEU
WMF MARTINS FONTES
(2009)
R$ 35,00



HISTÓRIAS E FRASES DE EFEITO (PARA APRESENTAÇÃO EM PÚBLICO) - 9660
ACÁCIO MORAES GARCIA (AUTOGRAFADO)
DO AUTOR
(2010)
R$ 10,00



PEQUENOS CONTOS DE ENREDO INDETERMINADO
ALBERTO MOGHARABI
SEFER
(2001)
R$ 5,00



SOB AS SOMBRAS DAS PALMEIRAS IMPERIAIS
JOSÉ MORAES DOS SANTOS NETO
PONTES
(2008)
R$ 46,00



THE STORY OF JUDAISM
BERNARD J. BAMBERGER
SCHOCKEN
(1967)
R$ 75,00
+ frete grátis



LINGUAGEM, INCLUSÃO E DIVERSIDADE
JUNOT CORNELIO MATOS, LUIZ C SOUZA E OUTROS
CALIBAN
(2009)
R$ 13,82



CHE UMA BIOGRAFIA
KIM YONG HWE
CONRAD
(2006)
R$ 25,00
+ frete grátis



O ALQUIMISTA
PAULO COELHO
ROCCO
(1990)
R$ 39,90
+ frete grátis



DIÁRIO DE UM ZUMBI DO MINECRAFT PARCEIROS E RIVAIS
HEROBRINE BOOKS
SEXTANTE
(2016)
R$ 12,00





busca | avançada
41334 visitas/dia
1,0 milhão/mês
Cannot connect to POP3 server