Um olhar desafiador | Vicente Escudero | Digestivo Cultural

busca | avançada
71136 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Oficina de Objetos de Cena nas redes do Sesc 24 de Maio
>>> Lançamento: livro “A Cultura nos Livros Didáticos”, de Lara Marin
>>> Exposição coletiva 'Encorpadas - Grandes, largos, políticos: corpos gordos'
>>> Clássicos da Literatura Unesp ganha mais cinco títulos
>>> Bertolt Brecht inspira ÉPICO
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
>>> Jogando com Cortázar
>>> Os defeitos meus
>>> Confissões pandêmicas
>>> Na translucidez à nossa frente
>>> A Velhice
>>> Casa, poemas de Mário Alex Rosa
>>> Doutor Eugênio (1949-2020)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
Últimos Posts
>>> Tonus cristal
>>> Meu avô
>>> Um instante no tempo
>>> Salvem à Família
>>> Jesus de Nazaré
>>> Um ato de amor para quem fica 2020 X 2021
>>> Os preparativos para a popular Festa de Réveillon
>>> Clownstico de Antonio Ginco no YouTube
>>> A Ceia de Natal de Os Doidivanas
>>> Drag Queen Natasha Sahar interpreta Albertina
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Itinerário de leituras on-line
>>> Sobre caramujos e Omolu
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
>>> Comum como uma tela perfeita
>>> Revista Meio Digital
>>> Do jornalismo como performance
>>> A Nova Revista da Cultura
>>> Aos nossos olhos (e aos de Ernesto)
>>> A Teoria Hipodérmica da Mídia
>>> Os prédios mais feios de SP
Mais Recentes
>>> A Igreja de Jesus - Juniores de John D. Barnett pela Cristã Evangélica (2005)
>>> Dicionário Oxford Escolar Para Estudantes Brasileiros de Inglês de Oxford University pela Oxford (2009)
>>> Breve história de sete assassinatos de Marlon James pela Intrínseca (2017)
>>> Carmen Portinho - Coleção Perfis do Rio de Ana Luiz Nobre pela Relume Dumará (1999)
>>> Relações Humanas Interpessoais nas Convivências Grupais e Comunitárias de Silvino José Fritzen pela Vozes (1987)
>>> Perdas Necessárias de Judith Viorst pela Melhoramentos (1988)
>>> Acima de Qualquer Suspeita - Presumed Innocent de Scott Turow pela Record (1987)
>>> Para Gostar de Ler 27 - Histórias Sobre Ética de La Fontaine Machado de Assis e Outros pela Ática (2003)
>>> Dia dos Mortos de Marcelo Ferroni pela Globo (2004)
>>> Kota de Richar Forsithe pela Nova Cultural (1989)
>>> O que é Arte? A polemica visão do Autor de Guerra e Paz de Tolstoi pela Ediouro (2002)
>>> As Cinco Estações do Corpo de João Curvo e Walter Ms. Tuche pela Rocco (2001)
>>> Valsa Negra de Patrícia Melo pela Companhia das Letras (2003)
>>> Um Fio de Esperança de Nancy Guthrie pela Mundo Cristão (2008)
>>> Oblomov de Ivan Alexandrovitch Gotcharov pela Germinal (2001)
>>> O Apanhador no campo de centeio de Jorio Dauster; Antonio Rocha; Alvaro Alencar pela Do Autor (2012)
>>> Auto-sentimento de Norberto R. Keppe pela Proton (1977)
>>> A Nova Dieta Revolucionária do Dr. Atkins de Roberto Atkins pela Círculo do Livro (1972)
>>> Fé e Liberdade - O Pensamento Eco. da Escolástica de Alejandro A. Chafuen pela Lvm (2019)
>>> Serenidade e Paz pela Oração de Rafael Llano Cifuentes pela Do Autor (2002)
>>> Trilogia de Cinquenta tons de cinza. Vol.1 , Vol. 2 e Vol. 3 de E L James; E L James; Maria Carmelita Padua Dias pela Intrinseca (2012)
>>> Quando Tudo Não é o Bastante de Harold S. Kushner pela Nobel (1999)
>>> Febre de Enxofre de Bruno Ribeiro pela Penalux (2016)
>>> Grandes e novas Invenções de Não informado pela Knorr
>>> No Início - Contos de Adriana Griner pela Biblioteca Pública do Paraná (2014)
>>> Parâmetros Curriculares Nacionais - Vol 6 de Não informado pela Arte (1997)
>>> O Alquimista de Paulo Coelho pela Rocco (1988)
>>> Namoro blindado: O Seu Relacionamento à Prova De Coração Parido EAN: 9788578607654 de Renato & Cristiane Cardoso pela Thomas Nelson (2016)
>>> Navegar é preciso de Anaína Amado; Ledonias Franco Garcia pela Atual Didáticos (1989)
>>> Conte-me seus sonhos de Sidney Sheldon pela Record (2000)
>>> Memórias Póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis pela Globo/Klick (1997)
>>> O poder das afirmações positivas - Coleção Autoestima EAN: 9788575421680 de Louise Hay pela Sextante (2005)
>>> As Melhores Histórias de Princesas de Monica Rodrigues da Costa e Lidia Chaib Adaptação pela Publifolha (2000)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 24. Crônicas 3º Volume (1871 - 1878) de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 23. Crônicas 2º Volume (1864 - 1867) de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> A Viola Enluarada De Zequinha Piriri EAN: 9788526231771 de Rosana Rios pela Scipione (1997)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 22. Crônicas 1º Volume (1859 - 1863) de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 21. Contos Fluminenses II de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 20. Contos Fluminenses I de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 19. Teatro de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 18. Poesias de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 17. Relíquias Da Casa Velha 2º Volume de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 16. Relíquias Da Casa Velha 1º Volume de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 15. Páginas Recolhidas de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> O melhor de Hagar o horrível – vol. 3: 441 EAN: 9788525412195 de Dik Browne pela L&PM Pocket (2007)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 14. Várias Histórias de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Dicionário Ilustrado da Língua Portuguesa 7 volumes de Antenor Nascentes pela Bloch (1972)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 13. Histórias sem Datas de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 12. Papeis avulsos de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 11. Histórias Românticas de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
COLUNAS >>> Especial 10 anos sem Francis

Segunda-feira, 5/3/2007
Um olhar desafiador
Vicente Escudero

+ de 3400 Acessos

Entrava no estúdio, cumprimentava a equipe e caminhava até a pequena sala de gravação. Tirava do bolso do paletó um pequeno papel com algumas anotações, lia com atenção uma ou duas vezes e caminhava para a frente da câmera. O operador perguntava:

- O que vai ser hoje, Francis?
- Cobertura das prévias dos democratas.
- Certo! Avise-me quando estiver pronto.
Empurrava o nó da gravata para cima levemente, apontava para os telespectadores os óculos com lentes grossas, após guardar as anotações.

- Pronto.
- Ok, Francis. Gravando...

E libertava a voz grave de crooner:

- Sumertiiiiime...

Assim conheci Paulo Francis. Entre o jantar e o descanso noturno ele entrava com toda sua fleuma na tela da televisão para comentar aquilo que acreditava ser relevante. O aparelho ficava pequeno com tamanha verborragia cheia de idéias e seus trinta segundos acabavam sendo mais úteis e agradáveis do que todo o resto da programação.

Jornalista, crítico e romancista, Francis viveu as próprias idéias e experiências como nenhum outro intelectual brasileiro do século que acabou de passar. Pertenceu a uma classe de jornalistas preocupada com a sofisticação do conteúdo, ao invés de seguir a tendência, hoje quase consolidada, de pasteurização das informações transmitidas pela imprensa, especialmente a cultural.

Foi um personagem controverso e contundente neste cenário. Começou como ator em uma companhia de teatro amador, passando a atuar como diretor e depois crítico. Feroz em seus comentários, dotado de um vasto conhecimento geral e sobre o tablado, seguiu por diversas vezes a linha da ironia socrática e também do crítico americano Saul Bellow, modernizando a linguagem adotada pelos críticos nacionais da época. Afastou os eufemismos para transmitir sua opinião de forma direta e clara, algumas vezes exagerando, partindo até para ataques pessoais, como no infame caso da crítica à atriz Tônia Carrero.

Sua crítica teatral foi engajada. Daí para comentarista político foi um pulo. Passou ainda pelo saudoso O Pasquim e alcançou o reconhecimento do público comum na sua coluna Diário da Corte, inicialmente publicada no jornal Folha de S. Paulo e depois em O Estado de S. Paulo.

Os dois romances que escreveu não foram bem recebidos pela crítica literária do final da década de 70, início de 80. Cabeça de papel (1977) e Cabeça de negro (1979) foram críticas ferozes à sociedade brasileira. Sua linguagem coloquial, recheada de citações e passagens vulgares não foi compreendida como um retrato fiel da elite que comandava o país antes do golpe militar. Os cânones preferiram tratar sua técnica como uma diminuição das idéias apresentadas, mesmo com as idéias do primeiro romance alcançando a condição de profecias realizadas. O segundo romance, Cabeça de negro, continuação do primeiro e contando ainda com o alter ego Hugo Mann, foi mais thriller do que crítica, mas teve o mesmo destino: razoável sucesso de público, ocasionado mais pelo reconhecimento de Francis angariado na mídia do que pela recepção da crítica especializada.

As duas novelas contidas em Filhas do segundo sexo (1982) marcaram o fracasso de sua tentativa de sobreviver apenas como escritor, deixando de lado o jornalismo. Francis manteve-se em pé e encarou corajosamente o trabalho na televisão, mesmo sendo contrário à massificação cultural, crescente na época. Suas participações no Manhattan Connection, transmitido na televisão a cabo, e nos jornais da Rede Globo o tornaram inesquecível.

As idéias de Francis me fascinavam. A maior parte do conteúdo que transmitia era atraente e, com a dose de sarcasmo implacável, passava a ser irresistível. Eu poderia aprender algo de duas formas, nos meados de 1990: sentando na cadeira da escola e assistindo a maioria das aulas enfadonhas ou pescando no jornal indicações de livros, teatro e cinema. A segunda opção venceu. Francis venceu. O autodidata pronto para questionar tudo e todos em qualquer ocasião.

Não conheci Francis pessoalmente, mas pela câmera de Bob Wolfenson pude vê-lo em suas duas formas preferidas: como contestador, em um olhar perfurante que se multiplicava pelas lentes grossas dos óculos, arrumados vagarosamente como se estivesse aguardando para transformar em pó, com seus argumentos, quem estivesse do outro lado da câmera e como Rei da Corte, pronto para criticar o marxismo abandonado e cantarolar uma canção qualquer. Diversas vezes imaginei ele repetindo Herzog, de Saul Bellow:

- Estou bem, se estou sem juízo.

Não tem significado. Foi dicionário, contendo "cada palavra com léguas de explicações e usagens" sem expressar "eruditismo hermético". Chacoalhou a inércia.

Fecham-se as cortinas.

Ecoam suas idéias.


Vicente Escudero
Campinas, 5/3/2007


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Tecnologias e borboletas de Ana Elisa Ribeiro
02. O Jagunço degolado de Wellington Machado
03. Dando nome aos progres de Celso A. Uequed Pitol
04. O começo do fim da hegemonia 'de esquerda' de Julio Daio Borges
05. O momento do cinema latino-americano de Humberto Pereira da Silva


Mais Vicente Escudero
Mais Acessadas de Vicente Escudero em 2007
01. Ascensorista para o arranha-céu da literatura - 13/7/2007
02. Blogs, livros e blooks - 31/5/2007
03. O senhor do YouTube - 24/4/2007
04. A imprensa dos ruivos que usam aparelho - 23/8/2007
05. Um olhar desafiador - 5/3/2007


Mais Especial 10 anos sem Francis
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ÉROS A GUERRA PELO TRONO
RALPH WILLIANS
NOVO SÉCULO
(2014)
R$ 10,00



QUEM MANDA EM MIM SOU EU
FANNY ABRAMOVICH
ATUAL
(1989)
R$ 10,00



POLÍTICA CIENTÍFICA - 2698
HEITOR G. DE SOUZA/ DARCY F. DE AMEIDA/ CARLOS ...
PERSPECTIVA
(1972)
R$ 10,00



MANUAL COMPACTO DE FÍSICA - TEORIA E PRÁTICA
ALESSANDRA BOSQUILLA E MÁRCIO PELEGRINI
RIDEEL
(2003)
R$ 10,00



LA CHATTE - 8572
COLETTE
LE LIVRE DE POCHE
(2004)
R$ 10,00



FENG SHUI PRÁTICO E RÁPIDO
HELEN SPALTER; ROSANE STREICHER
MADRAS
(1998)
R$ 10,00



O FILÓSOFO + O IMPERADOR - 9535
ANNABEL LYON
LEYA
(2010)
R$ 10,00



EROS E PSIQUE A ALMA APAIXONADA
CARLOS ALBERTO DE CARVALHO
AO LIVRO TÉCNICO
(2002)
R$ 10,00



PRANTO POR IGNACIO SÁNCHES MEJÍAS - EDIÇÃO BILINGUE (POESIA ESPANHOLA)
FEDERICO GARCÍA LORCA
FLUMEN
(2016)
R$ 10,00



A INFORMAÇÃO NO RÁDIO. OS GRUPOS DE PODER E DETERMINAÇÃO DOS CONTEÚDOS
GISELA SWWTLANA ORTRIWANO
SUMMUS EDITORIAL
(1985)
R$ 10,00





busca | avançada
71136 visitas/dia
2,4 milhões/mês