Palácio dos sabores 1/5 | Elisa Andrade Buzzo | Digestivo Cultural

busca | avançada
50039 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 1/10/2009
Palácio dos sabores 1/5
Elisa Andrade Buzzo

+ de 2800 Acessos

Um pequeno restaurante onde nos sentimos bem, decoração charmosa e tortas salgadas e doces de cair pra trás. Para comer no local ou levar pra casa. Os proprietários são muito simpáticos, recomendo! (...) tudo é artesanal, claro! (Opinião sobre o restaurante francês Palais de Saveurs)

Ele faz um esforço monumental e, sem uma gota de suor, mantendo a superfíce brilhante de seu minúsculo corpo flexível de ginasta, ergue o macarron [biscoito à base de amêndoas], vence seu peso e, descendo rapidamente em espiral pela perna da estante, foge por um buraco na parede, empunhando seu troféu flamejante. Latas e mais latas estão alinhadas nas prateleiras iluminadas como decoração de um palco sofisticado. Talvez seja o avermelhado das paredes e do carpete combinado com o metal reluzente, ou o inverno que inspirava a necessidade vital em todos animais de entrar nos recintos acalorados, competir e estocar comida para os dias em que as raízes morrerem. Mais on s'amuse, quand même! [De todo modo, nos divertimos!] Acaso a vitrinista não reparou que, fazendo uma decoração com pequenos biscoitos açucarados só poderia atiçar uma clientela ladrona e gourmant, quase invisível, que age em plena noite?

Daquela vitrine na rua Huguerie, ou arena improvisada, o camundongo parecia fazer parte de um reality show ― espetáculo disponível a diminuta plateia. Estamos em Bordeaux, cidade mundialmente conhecida por seus vinhos e a nona maior da França. Apesar disso, ela ainda é tão provinciana que encontramos nossa costureira no supermercado, amigos e conhecidos passeando ou de passagem pelo centro. E mesmo nos escondemos de jovens usando um sobretudo preto de bolinhas brancas igual ao nosso, trombamos com os mendigos de sempre, sedentos na catedral Saint-André ou na rua Vital-Carles. Se em sua origem de cidade galo-romana, Burdigala, Bordeaux ― ex-cidade medieval e clássica e atual patrimônio da humanidade ― é tão afeita à ruas estreitas que nem a modernidade das largas avenidas pôde conter, sorte nossa, pois se pode cortar caminho, fugir das companhias indesejadas. No entanto, optar por estas ruas escuras de paralelepípedos pode ser fatal na caçada que continua sendo a vida.

Enquanto o pequeno roedor degusta sua sobremesa na loja especializada em chás, me interessa contar um pouco dos costumes e o aprendizado que terei naquele jantar e em outras noites. "Você deseja um chá, uma infusão?", sempre oferecia aos clientes a dona do restaurante onde comia regularmente, o Palais de Saveurs. Minha vontade era contar o segredo: a procedência dos "ótimos chás da loja aqui ao lado", mas tamanha indelicadeza seria um atentado à finesse, ou então, pelo contrário, quem sabe não haveria estranheza em saber que há visitantes noturnos nos estabelecimentos franceses. Agora percebo, na lucidez que só a distância traz, que Coralie tinha as feições próximas a de animal da família dos roedores. Estava ali a resposta, na loja de chás e sua insistência em oferecê-los, polidamente, é claro; talvez pensando no orçamento doméstico naquele momento em que a crise assolava o país e especialistas começavam a escrever livros prevendo nosso insustentável modo de vida. Não, havia um recheio de indefinição em tudo ― o aluguel do espaço era caro, embora não estivesse nas ruas mais chiques da cidade, e o casal só conseguia se sustentar porque nas férias de julho Gilles Boulet cozinhava exclusivamente para uma rica família.

Um camundongo, quando ajeita os óculos franzindo o nariz, sempre alerta, em seu risinho permanente de dentes pequeninos, e no jeito speedy de falar atropeladamente, andar rapidamente equilibrando pratos ou travessas, como essa com uma torta, "um quilo de maçã, sem açúcar algum", medalha amarelada de casca reluzente que ela ostenta na vitrine da boa alimentação. Nestas horas começam a se desprender alguns fios de cabelo do laçarote que dá acabamento ao seu coque, ficando levemente desgrenhado. Coralie veste com a maior ingenuidade uma calça de couro justa, ou um shorts xadrez vermelho e preto, "é a última moda", diz à senhora aparentemente pouco escandalizada que compra pedaços de torta.

Se há algo que chama a atenção dos franceses são vitrines, as quais observam sem cerimônia alguma. Até mesmo alguns salões de cabeleireiro têm as suas, que mudam diversas vezes por ano. Não importa se as grades estão abaixadas nos finais de semana ― quando grande parte do comércio permanence fechada ―, dificultando a visão. Perscrutar o conteúdo de uma loja através dos buracos estimula os sentidos, e nos força a voltar num outro dia para enfim verificar seus objetos. Se a loja é nova nas redondezas, tanto melhor! Você verá pessoas olhando a vitrine de cima a baixo, medindo seu potencial como uma mulher tripudia outra com o olhar. Tamanho é o desejo de transparência, que é possível permanecer na vitrine dos restaurantes ― um tipo de varanda envidraçada na calçada ― enquanto se observa, não sem um sentimento de superioridade e, principalmente, é possível ser observado. Pode-se tratar de butiques, lojas de antiguidades, imobiliárias (já que os anúncios de venda e aluguel ficam dispostos para fora) ou vitrines de comida, a paixão nacional, como a que Coralie pousa a torta de maçã. E, assim, reparando na estupidez dos transeuntes ― que não podem se ver enquanto observam pelo vidro, a não ser pelo seu reflexo ou hálito nebuloso ―, não deixei de verificar a minha própria, ao vê-los babando, medindo as potencialidades de sabor dos doces e tortas do Palais de Saveurs; e me recordar da primeira vez em que mergulhei meu rosto em sua vitrine.


Elisa Andrade Buzzo
São Paulo, 1/10/2009


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Paris branca de neve de Renato Alessandro dos Santos
02. Apontamentos de inverno de Elisa Andrade Buzzo
03. Essas moças de mil bocas de Elisa Andrade Buzzo
04. Transformação de Lúcifer, obra de Egas Francisco de Jardel Dias Cavalcanti
05. Terna e assustadora realidade de Elisa Andrade Buzzo


Mais Elisa Andrade Buzzo
Mais Acessadas de Elisa Andrade Buzzo em 2009
01. Inútil, o filme e a moda que ninguém vê - 22/1/2009
02. USP: 75 anos de histórias várias - 12/2/2009
03. A Mulher Invisível ou a literatura como salvação - 20/8/2009
04. Polly - 28/5/2009
05. A profundidade aparente do concreto - 30/4/2009


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




TARDE DEMAIS PARA CHORAR... CEDO DEMAIS PARA MORRER
EDITH PENDLETON
CIRCULO DO LIVRO
R$ 4,70



JORNADA NAS ESTRELAS - OS GUARDIÃES DA PAZ
GENE DEWEESE
ALEPH
(1993)
R$ 20,00



A MEMÓRIA DA TERRA - 43 POEMAS
ANTONIO OZÓRIO LEME DE BARROS
TIKINET
(2012)
R$ 29,75
+ frete grátis



HACIA UNA VIDA PLENA DE SENTIDO
MENAJEM MENEL SCHNEERSON
LEOGRAF & COMPAÑÍA
(1995)
R$ 15,00



PINÓQUIO - CONTOS MÁGICOS - CAPA 3D
DISNEY
MELBOOKS
(2012)
R$ 26,00



THE KING'S TWO BODIES - A STUDY IN MEDIAEVAL POLITICAL THEOLOGY
ERNST H. KANTOROWICZ
PRINCETON PAPERBAKS
(1997)
R$ 19,90



OS LUSÍADAS
CAMÕES
NOVA CULTURAL
R$ 10,00



ELITE DA TROPA
LUIZ EDUARDO SOARES - ANDRÉ BATISTA - RODRIGO
OBJETIVA
(2006)
R$ 10,00



CAÇA SUBMARINA
CLAUDIO GUARDABASSI / WALDIR NACCARATO
MAR AZUL
(1996)
R$ 25,00



INTRODUÇÃO AO TAROT E CABALA
SAMAEL AUN WEOR
AEF
(2015)
R$ 15,00





busca | avançada
50039 visitas/dia
1,2 milhão/mês