Palácio dos sabores 1/5 | Elisa Andrade Buzzo | Digestivo Cultural

busca | avançada
63898 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Yassir Chediak no Sesc Carmo
>>> O CIEE lança a página Minha história com o CIEE
>>> Abertura da 9ª Semana Senac de Leitura reúne rapper Rashid e escritora Esmeralda Ortiz
>>> FILME 'CAMÉLIAS' NO SARAU NA QUEBRADA EM SANTO ANDRÉ
>>> Inscrições | 3ª edição do Festival Vórtice
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
>>> Sim, Thomas Bernhard
Colunistas
Últimos Posts
>>> Glenn Greenwald sobre a censura no Brasil de hoje
>>> Fernando Schüler sobre o crime de opinião
>>> Folha:'Censura promovida por Moraes tem de acabar'
>>> Pondé sobre o crime de opinião no Brasil de hoje
>>> Uma nova forma de Macarthismo?
>>> Metallica homenageando Elton John
>>> Fernando Schüler sobre a liberdade de expressão
>>> Confissões de uma jovem leitora
>>> Ray Kurzweil sobre a singularidade (2024)
>>> O robô da Figure e da OpenAI
Últimos Posts
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
>>> Guerra. Estupidez e desvario.
>>> Calourada
>>> Apagão
>>> Napoleão, de Ridley de Scott: nem todo poder basta
>>> Sem noção
>>> Ícaro e Satã
>>> Ser ou parecer
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Cenas de abril
>>> Por que 1984 não foi como 1984
>>> A dicotomia do pop erudito português
>>> Coisas nossas
>>> Caso Richthofen: uma história de amor
>>> Apresentação autobiográfica muito solene
>>> Nem Aos Domingos
>>> Aprender poesia
>>> São Luiz do Paraitinga
>>> A Barsa versus o Google
Mais Recentes
>>> Dicionário De Espanhol-português de Porto pela French & European Pubns (2015)
>>> Os Fantasmas Da São Paulo Antiga de Miguel Milano pela Unesp (2012)
>>> Direito Civil Brasileiro 3 de Carlos Roberto Gonçalves pela Saraiva (2011)
>>> Um Grito de Socorro de Alcides Goulart pela Jovem (2014)
>>> Medicina de urgência de Elisa Mieko Suemitsu Higa pela Manole (2008)
>>> Expedição aos Martírios 15 edição de Francisco Marins pela Melhoramentos (1978)
>>> Todo Mundo Tem Uma História Para Compartilhar de Karen Worcman pela Museu da Pessoa (2014)
>>> Os Restos Mortais( com encartes 1994 das obras Ática ) de Fernando Sabino pela Ática (1994)
>>> Ana Cecília Carvalho; Robinson Damasceno dos Reis de O Ourives Sapador do Polo Norte: como fazer pesquisas e anotar informações pela Formato (1995)
>>> Livro Seu Zezinho - A Estrela Eterna de Sumaré de Claúdia Sabadini pela Cult (2016)
>>> Livro Alma Gêmea - Você está pronta para ser encontrada? de Rosana Braga pela Escala (2001)
>>> O Mistério da Fábrica de Livros 23 edição. de Pedro Bandeira pela Hamburg (2024)
>>> Panelinha: Receitas Que Funcionam de Rita Lobo pela Senac São Paulo (2012)
>>> A Crítica Da Razão Indolente. Contra O Desperdício Da Experiência de Boaventura De Sousa Santos pela Cortez (2011)
>>> Educação E Crise Do Trabalho: Perspectivas De Final De Século (coleção Estudos Culturais Em Educação) de Gaudêncio Frigotto (org) pela Vozes (2002)
>>> Era Dos Extremos - The Age Of Extremes de Eric Hobsbawm pela Companhia Das Letras (2003)
>>> A Volta dos Pardais do Sobradinho 3 edição. de Herberto Sales pela Melhoramentos (1990)
>>> O Mistério do Esqueleto - coleção veredas 13 edição. de Renata Pallottini pela Moderna (1992)
>>> Livro Na Vida Dez, Na Escola Zero de Terezinha. Carraher pela Cortez (1994)
>>> Livro Voce Verdadeiramente Nasceu De Novo Da Agua E Do Espirito? de Paul C. Jong pela Hephzibá (2002)
>>> Livro Luz no lar de Francisco Cândido Xavier por Diverso Espíritos pela Feb (1968)
>>> Livro As Perspectivas Construtivista e Histórico-cultural na Educação Escola de Tania Stoltz pela Ibpex (2008)
>>> Livro El Desarrollo Del Capitalismo En America Latina. Ensayo De Interpretacion Historica (spanish Edition) de Agustin Cueva pela Siglo Xxi (2002)
>>> O Fantástico Homem do Metrô 8 edição. - coleção veredas de Stella Carr pela Moderna (1993)
>>> Missão Ninok: se tem medo do futuro não abra o livro de Bernardino Monteiro pela Artenova (1980)
COLUNAS

Quinta-feira, 1/10/2009
Palácio dos sabores 1/5
Elisa Andrade Buzzo
+ de 4100 Acessos

Um pequeno restaurante onde nos sentimos bem, decoração charmosa e tortas salgadas e doces de cair pra trás. Para comer no local ou levar pra casa. Os proprietários são muito simpáticos, recomendo! (...) tudo é artesanal, claro! (Opinião sobre o restaurante francês Palais de Saveurs)

Ele faz um esforço monumental e, sem uma gota de suor, mantendo a superfíce brilhante de seu minúsculo corpo flexível de ginasta, ergue o macarron [biscoito à base de amêndoas], vence seu peso e, descendo rapidamente em espiral pela perna da estante, foge por um buraco na parede, empunhando seu troféu flamejante. Latas e mais latas estão alinhadas nas prateleiras iluminadas como decoração de um palco sofisticado. Talvez seja o avermelhado das paredes e do carpete combinado com o metal reluzente, ou o inverno que inspirava a necessidade vital em todos animais de entrar nos recintos acalorados, competir e estocar comida para os dias em que as raízes morrerem. Mais on s'amuse, quand même! [De todo modo, nos divertimos!] Acaso a vitrinista não reparou que, fazendo uma decoração com pequenos biscoitos açucarados só poderia atiçar uma clientela ladrona e gourmant, quase invisível, que age em plena noite?

Daquela vitrine na rua Huguerie, ou arena improvisada, o camundongo parecia fazer parte de um reality show ― espetáculo disponível a diminuta plateia. Estamos em Bordeaux, cidade mundialmente conhecida por seus vinhos e a nona maior da França. Apesar disso, ela ainda é tão provinciana que encontramos nossa costureira no supermercado, amigos e conhecidos passeando ou de passagem pelo centro. E mesmo nos escondemos de jovens usando um sobretudo preto de bolinhas brancas igual ao nosso, trombamos com os mendigos de sempre, sedentos na catedral Saint-André ou na rua Vital-Carles. Se em sua origem de cidade galo-romana, Burdigala, Bordeaux ― ex-cidade medieval e clássica e atual patrimônio da humanidade ― é tão afeita à ruas estreitas que nem a modernidade das largas avenidas pôde conter, sorte nossa, pois se pode cortar caminho, fugir das companhias indesejadas. No entanto, optar por estas ruas escuras de paralelepípedos pode ser fatal na caçada que continua sendo a vida.

Enquanto o pequeno roedor degusta sua sobremesa na loja especializada em chás, me interessa contar um pouco dos costumes e o aprendizado que terei naquele jantar e em outras noites. "Você deseja um chá, uma infusão?", sempre oferecia aos clientes a dona do restaurante onde comia regularmente, o Palais de Saveurs. Minha vontade era contar o segredo: a procedência dos "ótimos chás da loja aqui ao lado", mas tamanha indelicadeza seria um atentado à finesse, ou então, pelo contrário, quem sabe não haveria estranheza em saber que há visitantes noturnos nos estabelecimentos franceses. Agora percebo, na lucidez que só a distância traz, que Coralie tinha as feições próximas a de animal da família dos roedores. Estava ali a resposta, na loja de chás e sua insistência em oferecê-los, polidamente, é claro; talvez pensando no orçamento doméstico naquele momento em que a crise assolava o país e especialistas começavam a escrever livros prevendo nosso insustentável modo de vida. Não, havia um recheio de indefinição em tudo ― o aluguel do espaço era caro, embora não estivesse nas ruas mais chiques da cidade, e o casal só conseguia se sustentar porque nas férias de julho Gilles Boulet cozinhava exclusivamente para uma rica família.

Um camundongo, quando ajeita os óculos franzindo o nariz, sempre alerta, em seu risinho permanente de dentes pequeninos, e no jeito speedy de falar atropeladamente, andar rapidamente equilibrando pratos ou travessas, como essa com uma torta, "um quilo de maçã, sem açúcar algum", medalha amarelada de casca reluzente que ela ostenta na vitrine da boa alimentação. Nestas horas começam a se desprender alguns fios de cabelo do laçarote que dá acabamento ao seu coque, ficando levemente desgrenhado. Coralie veste com a maior ingenuidade uma calça de couro justa, ou um shorts xadrez vermelho e preto, "é a última moda", diz à senhora aparentemente pouco escandalizada que compra pedaços de torta.

Se há algo que chama a atenção dos franceses são vitrines, as quais observam sem cerimônia alguma. Até mesmo alguns salões de cabeleireiro têm as suas, que mudam diversas vezes por ano. Não importa se as grades estão abaixadas nos finais de semana ― quando grande parte do comércio permanence fechada ―, dificultando a visão. Perscrutar o conteúdo de uma loja através dos buracos estimula os sentidos, e nos força a voltar num outro dia para enfim verificar seus objetos. Se a loja é nova nas redondezas, tanto melhor! Você verá pessoas olhando a vitrine de cima a baixo, medindo seu potencial como uma mulher tripudia outra com o olhar. Tamanho é o desejo de transparência, que é possível permanecer na vitrine dos restaurantes ― um tipo de varanda envidraçada na calçada ― enquanto se observa, não sem um sentimento de superioridade e, principalmente, é possível ser observado. Pode-se tratar de butiques, lojas de antiguidades, imobiliárias (já que os anúncios de venda e aluguel ficam dispostos para fora) ou vitrines de comida, a paixão nacional, como a que Coralie pousa a torta de maçã. E, assim, reparando na estupidez dos transeuntes ― que não podem se ver enquanto observam pelo vidro, a não ser pelo seu reflexo ou hálito nebuloso ―, não deixei de verificar a minha própria, ao vê-los babando, medindo as potencialidades de sabor dos doces e tortas do Palais de Saveurs; e me recordar da primeira vez em que mergulhei meu rosto em sua vitrine.


Elisa Andrade Buzzo
São Paulo, 1/10/2009

Mais Elisa Andrade Buzzo
Mais Acessadas de Elisa Andrade Buzzo em 2009
01. Inútil, o filme e a moda que ninguém vê - 22/1/2009
02. USP: 75 anos de histórias várias - 12/2/2009
03. A Mulher Invisível ou a literatura como salvação - 20/8/2009
04. A profundidade aparente do concreto - 30/4/2009
05. Polly - 28/5/2009


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Worterbuch Franzosisch Deutsch
Vários Autores
Neuer Honos Verlag



O Que é Política 345
Wolfgang Leo Maar
Brasiliense
(1982)



Bombaim: Cidade Máxima
Suketu Mehta
Companhia das Letras
(2011)



Livro Gibis Wolverine um Demônio Contra os X-men Volume 85 Daken: Wolverine Sombrio
Marvel
Panini Comics
(2011)



O Máscara De Ferro
Alexandre Dumas
Melhoramentos



Senhor dos Anéis mulheres na obra de J.R.R. Tolkien
Rosana Rios
Devir
(2005)



Pluralidade Sindical e Democracia
Rodolfo Pamplona
Ltr
(1997)



Nicarágua Revolução Em Família
Shirley Christian
Record
(1985)



A Cura da Alma
Wagner Fiengo
Era Branca
(2020)



Administração Universitária
Amélia Silveira; Nelson Colossi; Claudia Gonçalves
Insular
(1998)





busca | avançada
63898 visitas/dia
2,0 milhão/mês