Palácio dos sabores 1/5 | Elisa Andrade Buzzo | Digestivo Cultural

busca | avançada
60885 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Chamada Vale recebe cadastro de cerca de 3 mil projetos
>>> Lançamento do Mini Doc Tempo dell'Anima
>>> Cinema in Concert com João Carlos Martins une o cinema à música sinfônica em espetáculo audiovisual
>>> Editora Unesp lança 20 livros para download gratuito
>>> Bruno Zolotar ensina como fortalecer a marca e ampliar vendas no mundo editorial
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
>>> Zuza Homem de Mello (1933-2020)
>>> Eddie Van Halen (1955-2020)
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Vandalizar e destituir uma imagem de estátua
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
>>> Meu malvado favorito
>>> A pintura do caos, de Kate Manhães
>>> Nem morta!
>>> O pai tá on: um ano de paternidade
Colunistas
Últimos Posts
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
>>> Van Halen no Rock 'n' Roll Hall of Fame
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
>>> Sebo de Livros do Seu Odilon
Últimos Posts
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
>>> Perplexo!
>>> Orgulho da minha terra
>>> Assim ainda caminha a humanidade
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> O elogio da narrativa
>>> Acordo Internetês Ortográfico
>>> Take me higher
>>> Sartre e a idade da razão
>>> Qual o destino da música instrumental brasileira?
>>> Antes da filosofia
>>> Por um jornalismo mais crítico
>>> Oígame, compay
>>> Frank Miller vem aí, o bicho vai pegar
Mais Recentes
>>> Virtude Indecente de Nora Roberts pela Bertrand Brasil (2009)
>>> O suspiro da maria mole de Carlos alberto panella mota pela Navegar
>>> Long Live Vinyl 37 April 2020 de The Britpop pela Anthem Publishing (2020)
>>> A direção de Deus para o homem de Watchman nee pela Classicos (2017)
>>> Contos novos de Mario de andrade pela Itatiaia
>>> Os cinco minutos de deus de Alfonso milagro pela Am
>>> As piadas de playboy de Abril pela Abril
>>> Proteção na insegurança de Bob mumford pela Impacto publicações (2017)
>>> Encontro interno de Trigueirinho pela Pensamento
>>> A natureza animica da criança de Caroline von heydebrand pela Aprs
>>> O grande abalo de Harold Walker pela Impacto publicações (2016)
>>> Complexo de portnoy de Philip roth pela Eec
>>> Vogue Magazine US September 2020 de Hope pela Condé Nast (2020)
>>> Imagens do alem de Heigorina cunha pela Ide
>>> A melhor coisa do mundo de Henry Drummond pela Impacto publicações (2017)
>>> Uncut Magazine 281 October 2020 de The Rolling Stones pela Bandlab (2020)
>>> Os Intelectuais E A Organização Da Cultura de Antonio Gramsci pela Civilização brasileira (1968)
>>> Mojo Magazine 323 October 2020 de The Beatles: Rubber Soul pela Mojo (2020)
>>> O Banquete de Muriel Spark pela Rocco (1994)
>>> A Revolta de Atlas (Box com 3 volumes) de Ayn Rand pela Arqueiro (2017)
>>> A igreja que Deus deseja de Jorge himitian pela Impacto publicações (2020)
>>> Ministério ao senhor de Christopher walker pela Impacto publicações (2011)
>>> Guia visual--nova york de Folha de sao paulo pela Folha de sao paulo
>>> Igreja e Israel no Novo Testamento de Keith Mathison e Dan Juster pela Impacto publicações (2017)
>>> Os pensadores xx--principios de uma ciencia nova--acerca da natureza comum das naçoes de Gambattista vico pela Abril
>>> Preparando-nos para o preparador de Harold Walker pela Impacto publicações (2015)
>>> Paternidade de Deus de PE. Douglas pinheiro e Pedro arruda pela Impacto publicações (2019)
>>> Recreaçao--trabalho serio e divertido. de Luis gustavo c. rodrigues /joao luiz martins pela Cone
>>> Cleopatra de Christian-georges schwentzel pela Lpm
>>> O braço forte do senhor de Harold Walker pela Impacto publicações (2014)
>>> Gone, Baby, Gone de Dennis Lehane pela Companhia das Letras (2005)
>>> O bicho,meu deus,era um homem de Varios pela Edusf
>>> Nossa esperança V. 2 de John Piper pela Impacto publicações (1986)
>>> Trajetoria literaria de bragança paulista de Ases pela Ases
>>> Os Viajantes da Lua de Flávia Assaife pela Multifoco (2011)
>>> Nossa esperança de John Piper pela Impacto publicações (1986)
>>> Nossa esperança de John Piper pela Impacto publicações (1986)
>>> Para onde Deus está levando a Igreja? de Reggie kelly pela Impacto publicações (2010)
>>> Novo testamento--esperança--nvi. de Vida nova pela Vida nova
>>> Para onde Deus está levando a Igreja? de Reggie kelly pela Impacto publicações (2010)
>>> Os miseráveis - 2 vols. -Coleção a Obra Prima de Victor Hugo pela Martin Claret (2007)
>>> Para onde Deus está levando a Igreja? de Reggie kelly pela Impacto publicações (2010)
>>> Para onde Deus está levando a Igreja? de Reggie kelly pela Impacto publicações (2010)
>>> Perseguidos de Luiz Alfredo Garcia-Roza pela Companhia das Letras (2003)
>>> Para onde Deus está levando a Igreja? de Reggie kelly pela Impacto publicações (2010)
>>> Iniciaçao a eucaristia de Paulinas pela Paulinas
>>> Para onde Deus está levando a Igreja? de Reggie kelly pela Impacto publicações (2010)
>>> Amigos do Mestre de Pedro Arruda pela Impacto publicações (2018)
>>> Amigos do Mestre de Pedro Arruda pela Impacto publicações (2018)
>>> Amigos do Mestre de Pedro Arruda pela Impacto publicações (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 1/10/2009
Palácio dos sabores 1/5
Elisa Andrade Buzzo

+ de 2900 Acessos

Um pequeno restaurante onde nos sentimos bem, decoração charmosa e tortas salgadas e doces de cair pra trás. Para comer no local ou levar pra casa. Os proprietários são muito simpáticos, recomendo! (...) tudo é artesanal, claro! (Opinião sobre o restaurante francês Palais de Saveurs)

Ele faz um esforço monumental e, sem uma gota de suor, mantendo a superfíce brilhante de seu minúsculo corpo flexível de ginasta, ergue o macarron [biscoito à base de amêndoas], vence seu peso e, descendo rapidamente em espiral pela perna da estante, foge por um buraco na parede, empunhando seu troféu flamejante. Latas e mais latas estão alinhadas nas prateleiras iluminadas como decoração de um palco sofisticado. Talvez seja o avermelhado das paredes e do carpete combinado com o metal reluzente, ou o inverno que inspirava a necessidade vital em todos animais de entrar nos recintos acalorados, competir e estocar comida para os dias em que as raízes morrerem. Mais on s'amuse, quand même! [De todo modo, nos divertimos!] Acaso a vitrinista não reparou que, fazendo uma decoração com pequenos biscoitos açucarados só poderia atiçar uma clientela ladrona e gourmant, quase invisível, que age em plena noite?

Daquela vitrine na rua Huguerie, ou arena improvisada, o camundongo parecia fazer parte de um reality show ― espetáculo disponível a diminuta plateia. Estamos em Bordeaux, cidade mundialmente conhecida por seus vinhos e a nona maior da França. Apesar disso, ela ainda é tão provinciana que encontramos nossa costureira no supermercado, amigos e conhecidos passeando ou de passagem pelo centro. E mesmo nos escondemos de jovens usando um sobretudo preto de bolinhas brancas igual ao nosso, trombamos com os mendigos de sempre, sedentos na catedral Saint-André ou na rua Vital-Carles. Se em sua origem de cidade galo-romana, Burdigala, Bordeaux ― ex-cidade medieval e clássica e atual patrimônio da humanidade ― é tão afeita à ruas estreitas que nem a modernidade das largas avenidas pôde conter, sorte nossa, pois se pode cortar caminho, fugir das companhias indesejadas. No entanto, optar por estas ruas escuras de paralelepípedos pode ser fatal na caçada que continua sendo a vida.

Enquanto o pequeno roedor degusta sua sobremesa na loja especializada em chás, me interessa contar um pouco dos costumes e o aprendizado que terei naquele jantar e em outras noites. "Você deseja um chá, uma infusão?", sempre oferecia aos clientes a dona do restaurante onde comia regularmente, o Palais de Saveurs. Minha vontade era contar o segredo: a procedência dos "ótimos chás da loja aqui ao lado", mas tamanha indelicadeza seria um atentado à finesse, ou então, pelo contrário, quem sabe não haveria estranheza em saber que há visitantes noturnos nos estabelecimentos franceses. Agora percebo, na lucidez que só a distância traz, que Coralie tinha as feições próximas a de animal da família dos roedores. Estava ali a resposta, na loja de chás e sua insistência em oferecê-los, polidamente, é claro; talvez pensando no orçamento doméstico naquele momento em que a crise assolava o país e especialistas começavam a escrever livros prevendo nosso insustentável modo de vida. Não, havia um recheio de indefinição em tudo ― o aluguel do espaço era caro, embora não estivesse nas ruas mais chiques da cidade, e o casal só conseguia se sustentar porque nas férias de julho Gilles Boulet cozinhava exclusivamente para uma rica família.

Um camundongo, quando ajeita os óculos franzindo o nariz, sempre alerta, em seu risinho permanente de dentes pequeninos, e no jeito speedy de falar atropeladamente, andar rapidamente equilibrando pratos ou travessas, como essa com uma torta, "um quilo de maçã, sem açúcar algum", medalha amarelada de casca reluzente que ela ostenta na vitrine da boa alimentação. Nestas horas começam a se desprender alguns fios de cabelo do laçarote que dá acabamento ao seu coque, ficando levemente desgrenhado. Coralie veste com a maior ingenuidade uma calça de couro justa, ou um shorts xadrez vermelho e preto, "é a última moda", diz à senhora aparentemente pouco escandalizada que compra pedaços de torta.

Se há algo que chama a atenção dos franceses são vitrines, as quais observam sem cerimônia alguma. Até mesmo alguns salões de cabeleireiro têm as suas, que mudam diversas vezes por ano. Não importa se as grades estão abaixadas nos finais de semana ― quando grande parte do comércio permanence fechada ―, dificultando a visão. Perscrutar o conteúdo de uma loja através dos buracos estimula os sentidos, e nos força a voltar num outro dia para enfim verificar seus objetos. Se a loja é nova nas redondezas, tanto melhor! Você verá pessoas olhando a vitrine de cima a baixo, medindo seu potencial como uma mulher tripudia outra com o olhar. Tamanho é o desejo de transparência, que é possível permanecer na vitrine dos restaurantes ― um tipo de varanda envidraçada na calçada ― enquanto se observa, não sem um sentimento de superioridade e, principalmente, é possível ser observado. Pode-se tratar de butiques, lojas de antiguidades, imobiliárias (já que os anúncios de venda e aluguel ficam dispostos para fora) ou vitrines de comida, a paixão nacional, como a que Coralie pousa a torta de maçã. E, assim, reparando na estupidez dos transeuntes ― que não podem se ver enquanto observam pelo vidro, a não ser pelo seu reflexo ou hálito nebuloso ―, não deixei de verificar a minha própria, ao vê-los babando, medindo as potencialidades de sabor dos doces e tortas do Palais de Saveurs; e me recordar da primeira vez em que mergulhei meu rosto em sua vitrine.


Elisa Andrade Buzzo
São Paulo, 1/10/2009


Quem leu este, também leu esse(s):
01. 40 com corpinho de 39 de Ana Elisa Ribeiro
02. Pelo meio de Os Sertões de Carla Ceres
03. O que em mim sente está lembrando de Ana Elisa Ribeiro
04. Todo mundo é bonito de Ana Elisa Ribeiro
05. É possível conquistar alguém pela escrita? de Ana Elisa Ribeiro


Mais Elisa Andrade Buzzo
Mais Acessadas de Elisa Andrade Buzzo em 2009
01. Inútil, o filme e a moda que ninguém vê - 22/1/2009
02. USP: 75 anos de histórias várias - 12/2/2009
03. A Mulher Invisível ou a literatura como salvação - 20/8/2009
04. A profundidade aparente do concreto - 30/4/2009
05. Polly - 28/5/2009


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




JOÃO DO RIO UMA ANTOLOGIA
LUÍS MARTINS
SABIÁ
(1971)
R$ 14,96



PRAGMÁTICA DA COMUNICAÇÃO HUMANA
PAUL WATZLAWICK
CULTRIX
(1967)
R$ 50,00



INFORMATICA CORPORATIVA
FABIO CAMARA
VISUAL BOOKS
(2001)
R$ 9,87



DROGAS: A HISTÓRIA DO PROIBICIONISMO
HENRIQUE CARNEIRO
AUTONOMIA LITERÁRIA
(2018)
R$ 45,00



UMA INTRODUÇÃO Á FILOSOFIA BUDISTA
STEPHEN J LAUMAKIS
MADRAS
(2010)
R$ 66,36



MUSEU VAN GOGH AMSTERDÃ N 12 GRANDES MUSEUS DO MUNDO
PAOLA RAPELLI
FOLHA DE S. PAULO
(2009)
R$ 13,99



TEXTOS SELECIONADOS
HELVETIA EDIÇÕES
HELVETIA
(2016)
R$ 28,18



O SAMBA DO IRAJÁ: E DE OUTROS SUBURBIOS - 1ª EDIÇÃO
COSME ELIAS
PALLAS
(2006)
R$ 45,00



OLHOS ESPERTOS -POEMAS PARA CRIANÇAS - 7171
MARIA DA GRAÇA ALMEIDA
TEXTONOVO
(2009)
R$ 11,00



JAY-Z O REI DA AMÉRICA
MARK BEAUMONT
MADRAS
(2013)
R$ 68,09





busca | avançada
60885 visitas/dia
2,1 milhões/mês