Um bom começo | Rennata Airoldi | Digestivo Cultural

busca | avançada
45185 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Terça-feira, 18/12/2001
Um bom começo
Rennata Airoldi

+ de 1700 Acessos
+ 2 Comentário(s)

O teatro é uma arte inacessível ao grande público? Seria uma arte elitista? Pode-se dizer que, de certa forma, alguns espetáculos estão bem fora da possibilidade financeira da maioria da população. É só comparar o valor de um salário mínimo a um ingresso de cinqüenta reais ou, às vezes, muito mais que isso. Fica difícil imaginar que uma família de cinco pessoas possa ir ao teatro duas vezes por mês. Pior, fica impossível atingir um grande público e exigir a sua presença nos espetáculos.

Pensando nisso, sempre me perguntei porque não termos, na cidade de São Paulo, companhias estáveis de Teatro, mantidas e subsidiadas pela Secretaria de Cultura com auxílio de outros órgãos que se propusessem a investir em cultura. Assim, os grupos poderiam desenvolver sua pesquisa, os profissionais teriam um salário fixo (coisa rara na profissão) e, ao mesmo tempo, a população teria um acesso à cultura de melhor qualidade, gratuitamente.

Este ano porém, fomos surpreendidos pelo que chamo de "um bom começo". Com um raciocínio e a preocupação próximos ao que eu e muitos profissionais tínhamos em mente, a Secretaria Municipal da Cultura, junto à Cooperativa Paulista de Teatro, criaram o projeto “Formação de Público”. O Projeto visa levar o cidadão de encontro a arte, tornando-a acessível a todos. O curador desta iniciativa é o glorioso Gianni Ratto. Homem de arte que já trabalhou em vários meios: arquitetura, cinema, dança, artes plásticas e teatro.

Foram escolhidos quatro textos de autores brasileiros, quatro diretores e selecionados quatro elencos. Com tudo isso, têm-se mais de oitenta profissionais empregados no mercado! São atores, técnicos e diretores. Nesta primeira fase do projeto, os espetáculos eram os seguintes: “Caiu o Ministério”, de França Júnior, com direção de Ariela Goldman; “Geração Trianon”, de Anamaria Nunes, com direção de Marco Antônio Brás; “Pedro Mico”, de Antônio Callado, com direção de Débora Dubois; e “Nossa vida em família”, de Oduvaldo Viana Filho (o Vianinha), com direção de William Pereira.

As peças ficaram em cartaz no Teatro João Caetano até o dia 16 de dezembro. Com entrada franca: sábados e domingos para a comunidade em geral; e, durante a semana, para estudantes da rede pública. Assim, muitas pessoas, que nunca estiveram num teatro, puderam viver uma nova experiência.

O mais importante de tudo isso, é mostrar que o teatro é para todos! Não precisa pertencer a determinada classe social para freqüentar um teatro. Com este projeto, muitas pessoas perderam o medo de estar nessa “casa” onde todos são bem vindos independente de cor, raça ou origem.

Para os profissionais é, sem dúvida, uma satisfação apresentar espetáculos de qualidade sem qualquer restrição de público. Não há uma preocupação com a bilheteria, por exemplo, pois não é dela que vem o “ganha pão”. Há, sim, a grande preocupação de ensinar e compartilhar toda a experiência cênica com cada um que se sente em uma das cadeiras do teatro. É uma grande oportunidade de falar para todos.

Claro que ainda há falhas no projeto. Ao término de uma das sessões em que estive presente, houve uma pequena conversa com os atores. Um dos espectadores perguntou: “Se o projeto se chama 'Formação de Público', onde está o público?”. É, infelizmente, havia menos de meia casa na ocasião. Talvez não se tenha divulgado o projeto à altura do que ele poderia e deveria proporcionar.

Entretanto, aos poucos, gota a gota, as sementes hão de ser regadas e crescerão. É a partir de iniciativas como essa que poderemos ter cidadãos mais bem informados e culturalmente mais desenvolvidos no futuro. O que não se pode é abandonar o barco logo nas primeiras dificuldades. O público precisa criar um vínculo com o projeto para que ele cresça. E para isso é ecessário persistência. Afinal, é o famoso “boca-a-boca” que faz a melhor propaganda.

Espero, sim, que esse projeto continue por muito tempo, e que sirva de exemplo para que outros órgãos tenham a mesma iniciativa. Nós artistas queremos levar nossa arte a todos! Compartilhar idéias e experiências sem sermos obrigados a “elitizar” nossa arte em função do aluguel do teatro, da falta de patrocínio, dos salários a serem pagos, dos equipamentos a serem alugados, etc. Tomara que isso seja mesmo "um bom começo"!


Rennata Airoldi
São Paulo, 18/12/2001


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Nova Gramática do Poder de Marilia Mota Silva
02. Guilherme Carvalhal de Guilherme Carvalhal
03. Meu Caro Amigo de Carina Destempero
04. As iluminações musicais de Rodrigo Garcia Lopes de Jardel Dias Cavalcanti
05. Garanto que você não vai gostar de Carina Destempero


Mais Rennata Airoldi
Mais Acessadas de Rennata Airoldi
01. Breve Apresentação - 21/1/1977
02. Cartas que mudaram a História! - 10/4/2002
03. Temporada de Gripe - 17/11/2003
04. Do primeiro dia ao dia D - 13/3/2002
05. Enfim: Mário Bortolotto! - 25/9/2002


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
19/12/2001
14h40min
Considero extremamente pertinente os elogios à iniciativa pioneira da Secretaria de Cultura de São Paulo. Como foi bem colocado no texto, é um projeto que tem tudo para dar certo e compartilho as expectativas de que na continuação do projeto, uma maior divulgação - quem sabe a Secretaria consiga patrocínio para isso - leve a salas cheias de um público para o qual o teatro ainda é pouco conhecido. Comentários como os de "Um bom começo", são também uma forma de divulgar o projeto.
[Leia outros Comentários de Lucia P. da Silva]
20/12/2001
08h19min
É isso aí, com boa divulgação, pode-se chegar à casa cheia. A mídia só trabalha para um único patrão, o dinheiro; por isso, talvez, esse projeto não tenha tido a divulgação que merecia. Mas, quem sabe, com a ajuda do público, a máquina tenha que se submeter! Isso já aconteceu outras vezes, vide início de algumas bandas por aí. Eu espero que essa iniciativa se estenda também à outras artes, como a poesia, relegada ao esquecimento da imprensa, das editoras e do público em geral. Tiro meu chapéeu para a Prefeitura de Porto Alegre, com suas iniciativas literárias "Poesia no Ônibus" e "Histórias do Trabalho", da qual tive o prazer de participar. Sem receber nada, mas já é, também, um bom começo.
[Leia outros Comentários de Sonia Pereira]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ARTE E NOVAS ESPECIALIDADES: RELAÇÕES CONTEMPORÂNEAS
EDUARDO DE JESUS ORGANIZAÇÃO
F10
(2011)
R$ 18,00



EMAGREÇA DE VERDADE
CLAUDETE TROIANO
COMPANHIANACIONAL
(2005)
R$ 4,05



O GARANHAO
HAROLD ROBBINS
CIRCULO DO LIVRO
R$ 6,00



AMPHIBIO - CONTOS
CARLOS BIASOLI
OUTROS
(2015)
R$ 10,00



COLECCIÓN LABOR MINERALOGÍA 9717
PROF DR R BRAUNS
LABOR
(1927)
R$ 19,00



ESPAÑOL ACTUAL
MARÍA DEL CARMEN ALADRÉN
SAGRA LUZZATTO
(1995)
R$ 14,00



LAMPIÃO/A BEATA MARIA DO EGITO - RACHEL DE QUEIROZ (TEATRO BRASILEIRO)
RACHEL DE QUEIROZ
SICILIANO
(1995)
R$ 13,00



NOVOS ESTUDOS CEBRAP 76
VARIOS
EDIÇÕES CEBRAP
(2006)
R$ 11,90



COLEÇÃO BEM-ESTAR - PLANTAS MEDICINAIS - REMÉDIOS NATURAIS E SEUS BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE
FABIÁN CASSAN E OUTROS
SOL 90
(2006)
R$ 10,00



AS ESTRELAS CANTAM - Nº 2
NATSUKI TAKAYA
PANINI / PLANET MANGA
(2010)
R$ 7,90





busca | avançada
45185 visitas/dia
1,2 milhão/mês