O problema é com o assédio, não com os homens | Adriana Baggio | Digestivo Cultural

busca | avançada
22305 visitas/dia
957 mil/mês
Mais Recentes
>>> A Cor
>>> Ana Medeiros e Hiroshi Nishiyama levam o butoh segundo Yoshito Ohno para São Paulo
>>> As Irmãs Siamesas estreia com direção do francês Sébastien Brottet-Michel
>>> Universidade do Livro promove oficina de edição de tradução literária
>>> Conexão Berlim-Brasília chega em sua reta final
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Cidades do Algarve
>>> Gosta de escrever? Como não leu este livro ainda?
>>> Assum Preto, Me Responde?
>>> Os olhos de Ingrid Bergman
>>> Não quero ser Capitu
>>> Desdizer: a poética de Antonio Carlos Secchin
>>> Pra que mentir? Vadico, Noel e o samba
>>> De quantos modos um menino queima?
>>> Entrevista com a tradutora Denise Bottmann
>>> O Brasil que eu quero
Colunistas
Últimos Posts
>>> Eleições 2018 - Afif na JP
>>> Lançamentos em BH
>>> Lançamento paulistano do Álbum
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 2
>>> Ana Elisa Ribeiro lança Álbum
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
>>> Conceição Evaristo em BH
>>> Regina Dalcastagné em BH
>>> Leitores e cibercultura
>>> Sarau Libertário em BH
Últimos Posts
>>> O conservadorismo e a refrega de símbolos
>>> Ingmar Bergman, cada um tem o seu
>>> Em defesa do preconceito, de Theodore Dalrymple
>>> BRASIL, UM CORPO SEM ALMA E ACÉFALO
>>> Meus encontros com Luiz Melodia
>>> Evasivas admiráveis, de Theodore Dalrymple
>>> O testemunho nos caminhos de Israel
>>> UM OLHAR SOBRE A FILOSOFIA (PARTE FINAL)
>>> Os livros sem nome
>>> O mundo era mais aberto, mãe...
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A quem interessa uma sociedade alienada?
>>> Filipe II da Espanha: homem e rei
>>> Filipe II da Espanha: homem e rei
>>> Público, massa e multidão
>>> Os olhos de Ingrid Bergman
>>> Tchekhov, o cirurgião da alma
>>> Blogueiros vs. Jornalistas? ROTFLOL (-:>
>>> Internet em 2005
>>> Conceitos musicais: blues, fusion, jazz, soul, R&B
>>> Amizade (1)
Mais Recentes
>>> Como se fosse dinheiro de Ruth Rocha pela FTD (2004)
>>> Bidu Caminhos de Eduardo Damasceno - Luis Felipe Garrocho pela Mauricio de Sousa (2014)
>>> Ali Babá e os Quarenta Ladrões de Tradução de Maria Aparecida dos Santos pela Visor (2002)
>>> Ali Babá e os Quarenta Ladrões de Tradução de Maria Aparecida dos Santos pela Visor (2002)
>>> Convivendo com o pecado: na sociedade colonial paulista (1719-1822) de Eliana Maria Rea Goldschmidt pela Annablume (1998)
>>> De Carta em Carta de Ana Maria Machado pela Salamandra (2010)
>>> A Colcha de Retalhos de Conceil Corrêa da Silva - Nye Ribeiro Silva pela Brasil (2009)
>>> Gente, Bicho, Planta: O mundo me encanta de Ana Maria Machado pela Global (2012)
>>> O Sanduíche da Maricota de Avelino Guedes pela Moderna (2013)
>>> Um Homem, um Menino e um Burro de Jennifer Burrows pela Girassol (2012)
>>> Bat Pat - O tesouro do cemitério de Roberto Pavanello pela Fundamento (2009)
>>> Viagem ao Centro da Terra de Julio Verne - Walcyr Carrasco pela FTD (2007)
>>> Com a Ponta dos dedos e os olhos do coração de Leila Rentroia Jannone pela Brasil (2009)
>>> O Gênio do Crime de João Carlos Marinho pela Global (2017)
>>> Minimanual Compacto de Gramática da língua portuguesa: teoria e prática de Maria Cecília Garcia pela Rideel (2000)
>>> Um amor grande demais de Yolanda Reyes pela FTD (1999)
>>> Laís, a Fofinha de Walcyr Carrasco pela Ática (2014)
>>> Zac Power - Codigo Vermelho de De H. I. Larry pela Fundamento (2010)
>>> Zac Power - Alto Risco de De H. I. Larry pela Fundamento (2009)
>>> Zac Power - Treinamento Radical de De H. I. Larry pela Fundamento (2010)
>>> Encontro Desencontro & Reencontros de Maria Helena Matarazzo pela Gente (1996)
>>> História do Brasil de Eduardo Bueno pela Zero Hora
>>> Os Irmãos Leme de Paulo Setúbal pela Nacional (1983)
>>> Enciclopédia do Charadista - Vol. 2 de Sylvio Alves pela Livraria Tupã
>>> Zac Power - Viagem `A Lua de De H. I. Larry pela Fundamento (2011)
>>> Zac Power - Aguas Profundas de De H. I. Larry pela Fundamento (2008)
>>> Zac Power - Invasão Noturna de De H. I. Larry pela Fundamento (2008)
>>> Zac Power - Aventura no espaço de De H. I. Larry pela Fundamento (2009)
>>> Zac Power - O Golpe Fatal de Zac de De H. I. Larry pela Fundamento (2011)
>>> Zac Power - O Ataque de Tubarão de Zac de De H. I. Larry pela Fundamento (2010)
>>> Zac Power - Sucesso de Cinema de De H. I. Larry pela Fundamento (2009)
>>> O peregrino e a historia de a peregrina de John bunyan pela Literatura monte siao (2012)
>>> A Vida Inquieta e Gloriosa de Victor Hugo de Jaime Brasil pela Portugália (1965)
>>> A Vida Inquieta e Gloriosa de Victor Hugo de Jaime Brasil pela Portugália (1965)
>>> L'isola Misteriosa de Giulio Verne pela Sonzogno (1912)
>>> Macário - Noite na taverna de Álvares de Azevedo pela Globo (2006)
>>> Novos poemas para rezar de Michel quoist pela Edições Paulista (1995)
>>> Ame dormante de Jean e de coulomb pela Librairie bleriot (1918)
>>> Caderneta de campo de Lélis Espartel / João Lüderitz pela Globo (1979)
>>> A Bruxinha Domitila e o robô super - tudo de Edson Gabriel Garcia pela Brasil (2014)
>>> O Conde de Monte Cristo de Alexandre Dumas - Heloisa Prieto pela FTD (2014)
>>> As injustiças de Clio de Clóvis Moura pela Oficina de Livros (1990)
>>> As Aventuras de Simão e Bartolomeu - uma viagem especial de Cesar Cavezagna pela Globo (2008)
>>> Dissertação Sobre o Direito de Caçoar + Carta a Salvador do Couto de Filippe Alberto Patroni Martins Maciel Parente pela Loyola (1992)
>>> Deixei o Pum escapar de Blandina Franco e José Carlos Lollo pela Schwarcz S.A (2013)
>>> Nietzsche em Turim de Lesley Chamberlain pela Difel (2000)
>>> Tampinha Tira Os Óculos de Mariana Caltabiano pela Scipione (2004)
>>> Quem me Dera de Ana Maria Machado pela Ática (2014)
>>> O Brasil passado a sujo. Contos de Aldir Blanc pela Geração (1993)
>>> Viva Zen de Monja Coen pela Publifolha (2018)
COLUNAS

Segunda-feira, 16/9/2013
O problema é com o assédio, não com os homens
Adriana Baggio

+ de 2300 Acessos

Muita gente não entende quando se reclama do assédio nas ruas, ou street harassment. Alguns homens dizem: "Agora não dá nem pra elogiar mais!". Há uma grande diferença entre o elogio e o assédio. O elogio é para fazer O OUTRO se sentir bem. O assédio é para fazer O ASSEDIADOR sentir-se bem, a partir do sentir-se mal do outro. E entre esses dois polos, existem palavras, gestos e atitudes que estão mais relacionados com um, mais relacionados com outro. Enfim, é cultural.

Não poucos autores, da psicologia à semiótica, falam de uma violência que é da ordem do olhar, ou das palavras. Não chega a ser um soco, um tapa, uma contusão que vai deixar marcas roxas e membros quebrados, mas é uma agressão que fere na alma. Dói mais ou dói menos? Acho que não existe medida pra isso. O importante é saber que UM se satisfaz com a dor, ou o constrangimento, ou o sofrimento, ou a humilhação do OUTRO.

Boa parte desse tipo de assédio está fundada nos aspectos da sexualidade e do poder. Alguns olhares e palavras querem dizer "olha só o que eu poderia fazer com você agora". E esse "o que", no assédio, obviamente, nunca é algo que a outra pessoa quer. É um tomar à força, um invadir, um desrespeitar o direito que cada um tem de dizer sim ou não, INDEPENDENTEMENTE do que estiver vestindo/falando/bebendo etc.

A "justificativa" para o assédio, então, parte de elementos da aparência de alguém que, para o assediador (e para a sociedade, evidentemente, porque ele não vai tirar a ideia do nada), significam que a pessoa assediada "merece", "está pedindo". Pode ser a roupa, pode ser a forma do corpo ou pode ser, simplesmente, aquilo que "indica" o gênero feminino. Mas se tal tipo de assédio é algo típico de uma sociedade machista e patriarcal, não se pode dizer que, nesse sistema, TODA a vítima é mulher e TODO algoz é homem. Homens também são afetados pelo "machismo", assim como também existem mulheres "machistas".

Escrevi sobre isso no meu blog pessoal depois de três cenas vivenciadas em uma mesma semana, na Itália, no final da temporada de cinco meses que passei naquele país. Era junho, quase verão.

Cena 1: cruzamento movimentado em Milão. Cidade grande, cosmopolita. Calor dos infernos. Sinal fechado para pedestres e também para os veículos de uma das pistas da rua próxima.

Entre tantas pessoas que esperam para atravessar, uma mulher usando shorts e camiseta. Tudo muito "decente", se é pra a gente usar esse tipo de critério. Na rua, um grupo de oficiais da polícia municipal em motocicletas. Um deles, o da frente, olha acintosamente para a moça, medindo-a de alto a baixo. Seu olhar não é de admiração. É de desafio. É de afronta. É sexualmente agressivo.

Ela não olha para ele (não viu? Fingiu que não viu?). Ele não tira os olhos dela. Para ele, não basta admirar uma mulher bonita (digamos que fosse esse o objetivo...). Ele só estaria satisfeito se ela visse como ele olha para ela, tudo o que o olhar dele diz que poderia estar fazendo com ela ali na rua, ela querendo ou não.

Acho que isso me fez refletir sobre uma das diferenças entre o elogiar e o assediar: ele QUERIA que ela SOUBESSE.

Cena 2: tabacaria em Bologna. Cidade menor, mas que ainda assim se pretende cosmopolita, habitada por gente de todas as partes do mundo. Calor dos infernos.

Uma mulher entra no pequeno comércio para comprar um passe de ônibus e dois envelopes. Ela veste uma saia longa, uma regata e uma écharpe (tudo muito "decente"). Duas outras mulheres atendem no balcão: uma bem jovem e outra mais velha. A cliente dá bom dia e a mulher mais moça responde, olhando para o traje da cliente e dizendo com bastante ironia: "ma che calorosa a signora...".

Cena 3: ainda Bologna. Sábado à noite. Calor dos infernos. Uma mulher usa saia um pouco acima do joelho e camiseta preta com um decote discreto (tudo muito "decente"). Ela caminha por três quilômetros até o ponto de encontro com sua amiga. Passa por diversos homens, alguns estrangeiros. Nenhum fala diretamente com ela, ou dela, ou ao menos não em um idioma que ela possa entender.

Chegando na parte nobre da cidade, ao cruzar com um grupo de homens e mulheres italianos, bem vestidos, que saem de um café, ela ouve perfeitamente uma voz feminina se elevar para dizer dela, pelas costas, sempre com ironia: "ma che caldo!".

Não sou a mulher assediada do cruzamento em Milão (sou testemunha), mas sou a mulher que foi assediada duas vezes em Bologna. Assediada por outras mulheres, que não aprovaram as roupas que eu vestia, e que fizeram questão que eu soubesse disso sugerindo que eu estava mostrando demais o corpo.

Nesse ponto, tanto o policial asqueroso de Milão como as irônicas cidadãs italianas tiveram o mesmo objetivo: fazer com que outras pessoas se sentissem mal, para o próprio prazer ou para aliviar algum recalque/frustração com o qual não conseguem lidar.

E devo confessar: no meu caso, elas conseguiram.



Adriana Baggio
Curitiba, 16/9/2013


Quem leu este, também leu esse(s):
01. De tinta e fio é feito o homem de Elisa Andrade Buzzo


Mais Adriana Baggio
Mais Acessadas de Adriana Baggio
01. Apresentação - 31/5/1974
02. Maria Antonieta, a última rainha da França - 16/9/2004
03. Dicas para você aparecer no Google - 9/3/2006
04. Ser bom é ótimo, mas ser mau é muito melhor* - 24/4/2003
05. E você, já disse 'não' hoje? - 19/10/2011


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




MINHAS MULHERES E MEUS HOMENS
MARIO PRATA
OBJETIVA
(1999)
R$ 5,99



CINQUENTA TONS DE CINZA
E. L. JAMES
INTRÍNSECA
(2012)
R$ 18,99



SUPER-HOMEM: METRÓPOLIS - BASEADO NO FILME DE FRITZ LANG
R. J. M. LOFFICIER / ROY THOMAS / TED
BRAINSTORE
(2002)
R$ 19,90



A RELAÇÃO MULHER & HOMEM - UMA HISTÓRIA DOS SEUS ENCONTROS E DIFERENÇAS.
LUIZ CUSCHINIR
CAMPUS
(2016)
R$ 18,00



LIMITES DO SOFRIMENTO
SILAS MALAFAIA
CENTRAL GOSPEL
(2010)
R$ 10,00



ARREPENDIMENTO PARA COM DEUS
GERALD FLURRY
IDU
(2009)
R$ 8,50



O IDE É COM VOCÊ!
NORMAN LEWIS
LEITOR CRISTÃO
(1967)
R$ 45,00



INGLÊS - CADERNO 5
VÁRIOS AUTORES
ÉTICO
R$ 10,00



ALQUIMIA DO AZUL - 533 ALDRAVIAS
GABRIEL BICALHO
ALDRAVA LETRAS / ARTES
(2013)
R$ 20,00



DICIONÁRIO HISTÓRICO BIOGRÁFICO BRASILEIRO PÓS 1930 VOL. 3
ALZIRA ALVES DE ABREU / OUTROS
FGV
(2001)
R$ 50,00





busca | avançada
22305 visitas/dia
957 mil/mês