Utopia | Juliano Maesano | Digestivo Cultural

busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Banco Inter É uma BOLHA???
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
>>> Nubank na Hotmart
>>> O recente choque do petróleo
>>> Armínio comenta Paulo Guedes
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O apanhador no campo de centeio
>>> Curriculum vitae
>>> O Salão e a Selva
>>> Ed Catmull por Jason Calacanis
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> A massa e os especialistas juntos no mesmo patamar
>>> Entrevista com Jacques Fux, escritor e acadêmico
>>> Nuno Ramos, poesia... pois é
>>> Literatura e interatividade: os ciberpoemas
Mais Recentes
>>> Amor de Perdição / Eurico, o Presbítero de Camilo Castelo Branco / Alexandre Herculano pela Círculo do livro (1978)
>>> Carajás de Paulo Pinheiro pela Casa Publicadora Brasileira (2007)
>>> Menopausa de Diversos pela Nova Cultural (2003)
>>> Guia de Dietas de Diversos pela Nova Cultural (2001)
>>> Seguros: Uma Questão Atual de Coordenado pela EPM/ IBDS pela Max Limonard (2001)
>>> O Significado dos Sonhos de Diversos pela Nova Cultural (2002)
>>> A Dieta do Tipo Sanguíneo - A B O AB de Peter J. D'Adamo pela Campus (2005)
>>> Cem Noites - Tapuias de Ofélia e Narbal Fontes pela Ática (1982)
>>> Direito do Trabalho ao Alcance de Todos de José Alberto Couto Maciel pela Ltr (1980)
>>> Manon Lescaut de Abade Prévost pela Ediouro (1980)
>>> A Reta e a Curva: Reflexões Sobre o Nosso Tempo de Riccardo Campa (com) O. Niemeyer (...) pela Max Limonard (1986)
>>> Introdução às Dificuldades de Aprendizagem de Vítor da Fonseca pela Artes Médicas (1995)
>>> Dos Crimes Contra a Propriedade Intelectual: Violação... de Eduardo S. Pimenta/ Autografado pela Revista dos Tribunais (1994)
>>> O Cortiço de Aluísio Azevedo pela Ática (1988)
>>> A Voz do Mestre de Kahlil Gibran pela Círculo do livro (1973)
>>> O Jovem e seus Assuntos de David Wilkerson pela Betânia (1979)
>>> Emília no País da Gramática de Monteiro Lobato pela Brasiliense (1978)
>>> The Art Direction Handbook for Film de Michael Rizzo pela Focal Press (2005)
>>> A Escrava Isaura de Bernardo Guimarães pela Melhoramentos (1963)
>>> O Grande Conflito de Ellen G. White pela Casa Publicadora Brasileira (1983)
>>> Filosofia do Espírito de Jerome A. Shaffer pela Zahar (1980)
>>> Muito Além das Estrelas de Álvaro Cardoso Gomes pela Moderna (1997)
>>> A Grande Esperança de Ellen G. White pela Casa Publicadora Brasileira (2011)
>>> É Fácil Jogar Xadrez de Cássio de Luna Freire pela Ediouro (1972)
>>> O Espião que saiu do Frio de John Le Carré pela Abril cultural (1980)
>>> A Primeira Reportagem de Sylvio Pereira pela Ática (1988)
>>> Distúrbios Psicossomáticos da Criança de Haim Grunspun pela Atheneu
>>> Aprenda Xadrez com Garry Kasparov de G. Kasparov pela Ediouro (2003)
>>> Poemas para Viver de P. C. Vasconcelos Jr. pela Salesiana Dom Bosco (1982)
>>> A Casa dos Bronzes de Ellery Queen pela Círculo do livro (1976)
>>> Warcraft Roleplaying Game de Christopher Aylott e outros pela Blizzard / Arthaus / wizards (2004)
>>> A Dama do Lago de Raymond Chandler pela Abril cultural (1984)
>>> ABC do Vôo Seguro de Manoel J. C. de Albquerque Filho pela O Popular (1981)
>>> A Relíquia de Eça de Queirós pela Klick (1999)
>>> Manual Completo de Aberturas de Xadrez de Fred Reinfeld pela Ibrasa (1991)
>>> Para Sempre - Os Imortais - volume 1 de Alyson Noel pela Intrínseca (2009)
>>> A Máscara de Dimítrios de Eric Ambler pela Abril cultural (1984)
>>> Rômulo e Júlia - Os Caras-Pintadas de Rogério Andrade Barbosa pela Ftd (1993)
>>> O Nariz do Vladimir de José Arrabal pela Ftd (1989)
>>> Perigosa e Fascinante de Merline Lovelace pela Nova Cultural (2002)
>>> Brincar de Viver de Maggie Shayne pela Nova Cultural (2001)
>>> O Grande Conquistador de Rita Sofia Mohler pela Escala (1978)
>>> Comédias para se Ler na Escola de Luis Fernando Veríssimo pela Objetiva (2001)
>>> As 21 Irrefutáveis Leis da Liderança de John C. Maxwell pela Agir (2007)
>>> Dungeon master guide de Jonathan Tweet / Skip Williams pela Core Rulebook II (2000)
>>> Disfunção Cerebral Mínima de Antonio Branco Lefévre - Beatriz Helena Lefevre pela Sarvier (1983)
>>> Viagem Fantástica II - Rumo ao Cérebro de Isaac Asimov pela Best Seller (1987)
>>> Tpm Número 57 Maio 2009 de Caetano Veloso pela Trip (2009)
>>> Incorporações Imobiliárias de J. Nascimento Franco/ Nisske Gondo pela Revista dos Tribunais (1984)
>>> Cavalo-Marinho no Céu de Edmund Cooper pela Hemus
COLUNAS

Quinta-feira, 7/3/2002
Utopia
Juliano Maesano

+ de 4100 Acessos
+ 3 Comentário(s)


Já aviso logo que essa coluna não trata da banda que um dia virou Mamonas Assassinas, nem sobre nenhum livro filosófico europeu. A palavra Utopia nesse caso se refere a um fantástico jogo via internet. Talvez o melhor de todos... pelo menos está dentre os melhores.

O mundo de Utopia traz um jogo de estratégia passado numa era "meio" medieval. Uma mistura de Idade Média com RPGs e o mundo de J.R.R. Tolkien, pois traz diversas referências às obras do escritor e seus semelhantes. O objetivo parece ser o de sobreviver. Você é o soberano de uma província e interage com o mundo a seu redor. Dependendo de seu sucesso, você pode se tornar um cavaleiro, um lorde, conde ou barão, dentre outros títulos honorários...

As províncias juntas formam um reino, que é governado por um rei, o soberano mais votado por todas as províncias do seu reino, no caso. Para sobreviver no mundo de Utopia, você pode usar de várias artimanhas, começando por criar seu personagem e escolher suas características. Cada raça tem seus prós e contras: pode ser humano, elfo, anão, orc ou até um tal de avian, que para mim deve ser algo semelhante a um pterodáctilo ou um ser alado qualquer. Não sei direito pois nunca escolhi ser um, sempre me decido pelos humanos mesmos. Depois você escolhe o seu nome, o nome da sua província e a sua personalidade. As mais comuns são mercador, guerreiro, místico e ladrão. Cada uma também tem suas qualidades e defeitos...

Depois de toda essa diversão, você começa a jogar um jogo que dura muitos meses. Vai crescendo, adquirindo acres e acres de terra... seja por meio de exploração ou de conquistas em guerras contra reinos vizinhos. Para tal você precisa montar seus exércitos e cuidar do seu povo, construir casas, fazendas, estábulos e diversos tipos de edificações, onde cada uma também lhe auxilia com suas qualidades.

Caso não seja um guerreiro, pode usar de magia ou "gatunagem" para cuidar de sua província, lançando feitiços contra seus inimigos ou roubando grãos e moedas de ouro dos outros. O que importa é que a diversão não tem fim. Quando a grana acaba e não há o que fazer, é só desconectar e voltar mais tarde, quando os impostos da sua população encherão novamente os cofres. Lembre-se, cada hora de tempo real é aproximadamente um dia no Utopia.

Ainda nunca fui rei. Mas o monarca tem o direito de fazer acordos de paz, declarar guerra contra outros reinos e tomar muitas outras decisões, como iniciar a criação de um dragão, que poderá combater seus inimigos e ser de grande valia nas batalhas.

O mundo de Utopia é por demais complexo, só participando para compreender e conhecer suas sutilezas. Levei duas eras para me interar mais ou menos bem, e ser um dos líderes do meu reino, onde protejo todos com minha espada. Pela falta de magos, peço aos parceiros para lançar feitiços de proteção... pela falta de bons ladrões, peço aos vizinhos para assassinar os soldados inimigos na calada da noite... tudo para abrir os portões do inimigo para a passagem do meu exército, que hoje cresce como nunca.

Para quem tem algum interesse, prometo que vale a pena entrar nessa comunidade imensa de participantes... alguns casuais que participam uma vez por semana, outros tão viciados que "entram" umas três vezes por dia... pois o medo de uma retaliação pode sim, ser imenso... e você aprende que nunca é tão grande quanto pensa, e nunca tão imbatível quanto aparenta.... e ver seus acres de casas, fazendas e bancos serem surrupiados enquanto você estava dando duro no escritório é um sentimento indescritível.

Direitos Humanos

Logo após a maravilhosa ação cinematográfica da polícia de São Paulo contra o tal ônibus do PCC, já podemos ver alguns trouxas dos "direitos humanos" querendo abrir as suas bocas. Quando que vão ficar espertos? Pelo menos nota-se que alguns dos babacas estão mais quietinhos, como o próprio Suplicy e um ou outro trouxa de plantão. Também, depois de ser chifrado e ver dois amigos políticos do PT assassinados, esse tipo de babaca está entendendo a atual situação do povo acuado.

Assumo que fiquei extasiado com a notícia de que um garoto de 16 anos pode ser o assassino do prefeito Celso Daniel. Seja isso verdade ou só um "pega-trouxa" para a justiça, o que importa é que os pulhas dos "direitos humanos" têm aí mais um caso a reconsiderar. Será que essas pobres crianças não sabem o que fazem e merecem continuar soltas nas ruas? Pobres crianças, mas tudo bem, elas serão encaminhadas à Vara da Infância e serão educadas e socializadas...

Queria poder ver a cara do babaca-mór do PT, o tal baixinho-careca-Inspetor-Willoughby Greenhalgh...hahaha, e agora?


Juliano Maesano
São Paulo, 7/3/2002


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Vinicius de Julio Daio Borges
02. Uma livrada na cara de Guilherme Carvalhal
03. Elon Musk de Julio Daio Borges
04. Sobre os Finais de Franco Fanti
05. Presenças de Paula Ignacio


Mais Juliano Maesano
Mais Acessadas de Juliano Maesano em 2002
01. Trem Fantasma - 11/4/2002
02. Figurinhas - 25/4/2002
03. Utopia - 7/3/2002
04. Oscar 2002 - 21/3/2002
05. Civilizado? - 2/5/2002


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
6/3/2002
02h10min
Valeu, Juliano, esse jogo é mesmo animal. Mas os viciados (já fui um) não entram apenas três vezes por dia... entram de hora em hora... Abraço, Fabio.
[Leia outros Comentários de Fabio]
3/5/2002
02h00min
Boa Juliano, excelente artigo! O Utopia é mesmo muito bom. Alias é tão bom e viciante que eu e uns amigos inauguramos uma aliança brasileira, se alguem quiser participar, por favor nos visite em http://www.avidgamers.com/brasil ! Valeu
[Leia outros Comentários de Vinicius]
10/6/2002
16h19min
Ótima matéria sobre o jogo Utopia... é um jogo realmente interessante, principalmente por se tratar da era medieval... Agora tenho uma critica ao seu último texto... os pulhas dos "direitos humanos"... você sabe, por que foi criado os Direitos Humanos? Por mais errados que estejam os bandidos do PCC, violência, sempre irá gerar violência... matar os bandidos, resolveu algo? Pensamos nas famílias dos que sofreram pela ação dos bandido, agora pense pela vida ordinária que eles tiveram, para chegar a tal ponto... a que tipo de violência sofreram para se rebelarem negativamente... isto não é desculpa, mas não estamos acima deles, para julga-los e condena-los a morte... Não sou dos Direitos Humanos, mas defendo a vida incondicionalmente... e no caso deles, poderia ser criado presidiária agrícola... Atenciosamente, Anderson Soares
[Leia outros Comentários de Anderson Soares]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




PROSPECÇÃO DE JAZIDAS LÍTICAS EM ARQUEOLOGIA: PROPOSTA METODOLÓGICA
ULISSES CYRINO PENHA
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 321,00



ASSISTENTES VIRTUAIS INTELIGENTES E CHATBOTS
LEÔNCIO TEIXEIRA CRUZ, ANTONIO JUAREZ ALENCAR, EBER ASSIS SCHMITZ
BRASPORT
R$ 80,00



O EVANGELHO SEGUNDO O FILHO
NORMAN MAILER
RECORD
(1998)
R$ 13,39



ATUALIDADES VESTIBULAR GUIA DO ESTUDANTE
GUIA DO ESTUDANTE - VÁRIOS AUTORES
ABRIL
(2009)
R$ 5,00



A QUESTÃO AMBIENTAL E AS CIÊNCIAS SOCIAIS
IDÉIAS ANO 8 (2) DE 2001
UNICAMP (CAMPINAS SP)
(2001)
R$ 26,82



MÁRIO DE ANDRADE - LITERATURA COMENTADA
JOÃO LUIZ LAFETA
NOVA CULTURAL
(1990)
R$ 5,00



CADERNO DE APOIO ESTATÍSTICA APLICADA À GESTÃO
CRISTINA VILHENA DE MENDONÇA J. CALDEIRA
UNIVERSIDADE ABERTA
(1997)
R$ 73,64



GUIA COMPLETO DO FUNCION DE UMA EMPRESA : MICRO MÉDIA E GRANDE 7239
ROGR BARKI JOSY ALZOGARAY
VOZES
(1985)
R$ 11,00



SEM TEMPO PARA CHORAR
MARILUSA MOREIRA VASCONCELLOS
RADHU
R$ 28,00



RAIO X DO LIVRO ESPIRITA
EURÍPEDES KUHL
ALIANÇA
(2003)
R$ 5,00





busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês