Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - I | Cassionei Niches Petry | Digestivo Cultural

busca | avançada
73958 visitas/dia
2,5 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Projeto Camerata Filarmônica Brasileira apresenta concerto comemorativo no dia 15 de maio em Indaiat
>>> Ação Urgente Contra a Fome - SescSP
>>> 3ª Mostra de Teatro de Heliópolis recebe inscrições até 31 de maio
>>> Minute Media anuncia lançamento da plataforma The Players’ Tribune no Brasil
>>> Leonardo Brant ministra curso gratuito de documentários
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
>>> Cem encontros ilustrados de Dirce Waltrick
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Acentuado
>>> Mãe, na luz dos olhos teus
>>> PoloAC retoma temporada de Os Doidivanas
>>> Em um tempo, sem tempo
>>> Eu, tu e eles
>>> Mãos que colhem
>>> Cia. ODU conclui apresentações de Geração#
>>> Geração#: reapresentação será neste sábado, 24
>>> Geração# terá estreia no feriado de 21 de abril
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Irredentismo
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> O assassinato de Herzog na arte
>>> Hitler, de Ian Kershaw, pela Companhia das Letras
>>> Livrarias em tempos modernos
>>> O que é a memética?
>>> O dinossauro de Augusto Monterroso
>>> Sobre o Jabá
>>> Você viveria sua vida de novo?
>>> Suicídio, parte 2
Mais Recentes
>>> Viagens de Gulliver de Jonathan Swift e Cláudia Lopes pela Scipione (1970)
>>> Líderes e Lealdade - as Leis da Lealdade de Dag Heward-mills pela Central Gospel (2011)
>>> Revista Manchete , Nº 1 , 907 - Novembro de 1988 de Varios pela Bloch (1988)
>>> A Droga da Obediência de Pedro Bandeira pela Moderna (1984)
>>> Álbum de família de Mercedes Teixeira João pela Gente (1993)
>>> O Amor Verídico de Tânia Leite Motta pela Própria (1999)
>>> Martelo: uma salada literária de Selma Horta pela Própria (1999)
>>> O Alquimista de Paulo Coelho pela Rocco (1990)
>>> Milagres e Aparições de Nossa Senhora de Bridget Curran pela Fundamento (2010)
>>> Bible Time Bible readong era de Sociedade Bíblica do Brasil pela Sociedade Bíblica do Brasil (2000)
>>> El puñal magico de Vários Autores pela Ediciones en lenguas extranjeras beijing (1980)
>>> Epitaph of a small winner de Machado de Assis pela Bard (1979)
>>> The Peter Principles de Dr. Laurene J. Peter e Raymond Hull pela William Morrow and Company (1969)
>>> Mistery behind the wall de Gertrude Chandler Warner pela Scholastic inc (1991)
>>> Trotz allem ein Stuck Himmel de Max Ronner pela Gotthelf Verlag (1979)
>>> There is a tide de Agatha Christie pela Dell (1970)
>>> Cantora Revelação de Roberto Belli pela BrasiLeitura (2015)
>>> He - A Chave do Entendimento da Psicologia masculina de Robert A, Johnson pela Mercuryo (1987)
>>> She - A Chave do Entendimento da Psicologia Feminina de Robert A. Johnson pela Mercuryo (1987)
>>> Samuel Hazzan e José Nicolau Pompeo de Matemática Financeira pela Saraiva (2007)
>>> Jogos para a Estimulação das Múltiplas Inteligências de Celso Antunes pela Vozes (1998)
>>> Ao ponto da tristeza de Aaron Appelfeld pela Kinnet, Zmora-Bitan, Dvir (2012)
>>> Conhecer & Aprender - Sabedoria dos Limites e Desafios de Pedro Demo pela Artmed (2021)
>>> Stiletto de Harold Robbins pela Record (1980)
>>> Tudo Pela Vida de Danielle Steel pela Record (2003)
COLUNAS

Quarta-feira, 26/8/2020
Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - I
Cassionei Niches Petry

+ de 3100 Acessos

Prêmio Nobel para um santa-cruzense

Outubro de 2001. O mundo ainda está abalado com os atentados de 11 de setembro. No mundo das Letras, vive-se a expectativa do Prêmio Nobel de Literatura. Eis que é anunciado o vencedor e é um brasileiro: Lúcio Braun Graumann. O escritor, gaúcho de Santa Cruz do Sul, Rio Grande do Sul, antes praticamente desconhecido do grande público, torna-se celebridade nacional com toda a mídia em seu encalço. Porém, ele resolve se esconder e autoriza que apenas um jornalista realize uma entrevista exclusiva com ele para um jornal de São Paulo. Esse jornalista é Mauro Portela, de quem Graumann foi chefe na redação do Correio do Povo, de Porto Alegra, e que teria escrito um romance que foi supostamente (já que é a afirmação do narrador da história, o próprio Portela) plagiado pelo “nobelizado”.

Em “O grau Graumann”, publicado em 2002, o escritor pernambucano Fernando Monteiro repete uma das características dos seus livros anteriores, que é misturar fatos ficcionais com pessoas da vida real. Aparecem na trama, por exemplo, a jornalista Lilian Wite Fibe (“a apresentadora, perua emproada, de boca dura”) noticiando o prêmio no Jornal da Globo; o editor Roberto Feith, disposto a comprar por qualquer preço os direitos de publicação do laureado; os escritores Ariano Suassuna, Hilda Hilst, Nélson de Oliveira e o teatrólogo Zé Celso Martinez dando depoimentos sobre o autor, e muitas outras personalidades do país expressando suas indispensáveis opiniões.

Além disso, têm lugar na narrativa um texto do início do século XX, de um dos nossos primeiros críticos, José Veríssimo, sobre Machado de Assis, publicado no caderno Mais!, da Folha de São Paulo, junto com um suposto conto inédito do Bruxo do Cosme Velho; um ficção do próprio Mauro Portela; e um original inédito de Graumann, “As montanhas da lua”. Segundo Fabrício Carpinejar (que também aparece no livro), Fernando Monteiro trabalha com os limites entre o falso e o verdadeiro. Em “A múmia do rosto dourado do Rio de Janeiro”, por exemplo, há a história fictícia de um homem real. Em “O grau Graumann”, esses limites são imprecisos, o que nos faz lembrar dos contos de Jorge Luís Borges. Por isso não ficamos sabendo se Graumann teria plagiado mesmo o romance de Mauro Portela ou seria pura inveja do narrador.

“O grau Graumann” é o quarto romance de Fernando Monteiro, elogiado pela crítica por livros como “Aspades, Ets etc.” e “A cabeça no fundo do entulho”, e seria o primeiro livro de uma trilogia sobre Lúcio Graumann, que ficou incompleta. O segundo volume é “As confissões de Lúcio”. O terceiro, Monteiro optou por não publicar.


Cassionei Niches Petry
Santa Cruz do Sul, 26/8/2020


Quem leu este, também leu esse(s):
01. À guisa de uma apresentação de Rafael Lima


Mais Cassionei Niches Petry
Mais Acessadas de Cassionei Niches Petry em 2020
01. Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - I - 26/8/2020
02. Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II - 7/10/2020
03. As luzes se apagam - 13/5/2020
04. Jogando com Cortázar - 23/12/2020
05. Notas confessionais de um angustiado (Final) - 15/1/2020


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A Estrutura do Tesão. Melissa
Claudia Riecken
Universidade Quantum
(2012)



Beleza para a Vida Inteira
Cristiana Arcangeli
Senac
(2002)



Comigos de Mim
Rachel Gutiérrez
Massao Ohno
(1995)



A Morte da Justiça do Trabalho
Sylvia Romano
Minelli
(2002)



Mistura de Palavras
Silvia Cristina de Oliveira
Do Autor
(1989)



O Benefício da Dilatação de Prazo para a Fazenda Pública
Revista de Processo, Nº 1 - Ano 1
Revista dos Tribunais
(1976)



Por uma Política de Ciência e Tecnologia Em Saúde no Brasil
Marília Bernardes Marques (org.)
Fund Oswaldo Cruz
(1998)



Direito Constitucional 2ª Edição
Gustavo Barchet
Impetus (niterói Rj)
(2004)



Gente Que Você Não Deveria Conhecer !!!!
Fátima Deitos
ícone
(2007)



Dune Guerre a Lautre: 1914-1945
J P Brunet e M. Launay
Hachete Universite
(1974)





busca | avançada
73958 visitas/dia
2,5 milhões/mês