Eu. | Evandro Ferreira | Digestivo Cultural

busca | avançada
57697 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS >>> Especial Apresentações

Quarta-feira, 10/9/1975
Eu.
Evandro Ferreira

+ de 5900 Acessos

Comecei a ler por acaso. Está certo que nunca fui daqueles jovens impacientes, que alugam "A moreninha" na locadora só pra não ter que ler o livro que o professor mandou. Só não conseguia começar a ler. Depois que começava, quase não parava até terminar o livro. E depois, para o próximo livro, tudo de novo.

Então sou assim. Difícil começar a fazer as coisas, mas depois que começo, não paro mais. É mais ou menos como aquela lei do atrito, na física. Você vai empurrar uma geladeira e ela não sai do lugar, pesadíssima. Mas depois que ela começa a se mover, fica muito mais fácil mantê-la assim. Eu sou a geladeira. Quem empurra? Bem, ultimamente tem sido minha namorada. Mas já foi minha mãe, berrando em meu ouvido, com a "Veja" na mão: "você precisa ler, meu filho, ficar informado". E o mundo dá tantas voltas que hoje eu digo: "mãe, larga essa 'Veja' e vai ler algo que preste"!

Mas essa coisa de ler só começou bem tarde, depois de eu fazer vestibular pra Computação e de cursar dois anos de arquitetura. Depois, larguei tudo e fiquei à toa, dançando "Street Beat" com um grupo de dança, acredite se quiser! Então veio um maluco (sempre seu melhor amigo é um maluco), que leu o Inferno de Dante aos 13 anos, e me deu "O perfume", de Patrick Süskind. Pirei com aquele sujeito que largou tudo e foi pra caverna, viveu isolado por não sei quanto tempo e desenvolveu uma sensibilidade inacreditável para discernir aromas. Fui embora de Brasília, minha terra natal. Não foi por causa desse episódio que fui, mas sabe que escrevendo agora essas linhas começo a perceber que talvez tenha sido?

De qualquer maneira, fui pra BH em direção a meu amor, minha namorada-esposa-embora-não-de-papel-passado. Cursei publicidade e quis ser designer gráfico porque gostava de fazer o layout das pranchas dos projetos de arquitetura. Adoro design gráfico, mas aí entra minha segunda característica básica: não gosto de ficar por conta do trabalho. Tudo bem, ninguém gosta. Mas eu simplesmente não suporto o desperdício de sair de casa às 9 da manhã e voltar às 9 da noite, sendo que eu poderia produzir o mesmo em 6 horas, se ficasse em casa. Mas são essas as regras do jogo publicitário. Então eu virei juiz do jogo. Ou seja, hoje escrevo sobre publicitários chatos, ao invés de ser um deles. Pena que o juiz não ganha dinheiro como os jogadores. Pensei também em ser free-lancer, mas não suportaria os clientes. Design gráfico é como tentar vender um quadro de Rembrandt a um contador de repartição pública. Você acaba conseguindo vender, mas por um décimo do preço (estou sendo otimista, no caso de Rembrandt) e pelos motivos errados - e depois de muito stress.

Nesse meio tempo dei de cara com os artigos de um sujeito chamado Olavo de Carvalho. Alguns leitores vão dizer: "estava demorando ele falar isso". A esses não tenho nada a declarar, mas vou continuar declarando!

Então descobri por que até então eu preferia ler literatura. Gostava das aulas de semiótica e sociologia, mas às vezes sentia algo de enfadonho naqueles textos, algo de alienante, como se não tivessem muito a ver com o mundo real. Atribuía isso à minha dificuldade de começar a fazer as coisas, como disse no início. Mas depois percebi que eu não estava errado, realmente existia uma realidade paralela naqueles textos. Então comecei minhas excursões pela biblioteca e descobri que os melhores livros tinham suas fichas em branco. Ninguém os retirava, nenhum professor os indicava.

Então o Olavo serviu para isso. Depois de lê-lo eu não me senti mais envergonhado de pensar como Hamlet: "há algo de podre no reino da Dinamarca". E pensar como Hamlet é estar sozinho, ou quase. E o que acontece nesse país é que as pessoas pensam o oposto. Acham que pensar como Hamlet é possível sem as consequências que advém de tal posição. O que temos nas universidades hoje são milhares e milhares de pessoas que, juntas, afirmam que há algo de podre no reino da Dinamarca e acham que sabem o que é (e dão tantos nomes a isso que esse simples fato já demonstra que estão erradas). E eu digo com certeza: se tivessem descoberto a verdadeira podridão, não estariam acompanhadas de tanta gente em sua descoberta, pois as descobertas são, por definição, solititárias.

Resumindo. Existem livros ruins e livros bons. E os ruins não são só os de auto-ajuda, mas também aqueles que eu outrora achava que eram bons - como "O capital", por exemplo. Em segundo lugar, isso não é uma questão de ideologia, mas de verdade e mentira.

Alguém deve estar perguntando: "mas você não está falando de você". Bem, eu hoje sou isso. Sou essa busca por um conhecimento que preste, geralmente em outras línguas por motivos óbvios. Como tenho 26 anos, a busca está só começando!

E sou também meu amor pela garota que eu tenho, pelas repolhudas (minhas duas cadelinhas fofas e peludas!) e pelas comidas deliciosas, como a japonesa e a baiana. Também sou "Matrix", "Senhor dos Anéis" e "Guerra nas Estrelas", mas nunca pelos motivos mais óbvios. Se me perguntarem se "Guerra nas Estrelas" tem conteúdo, vou dizer "sim, se você se der ao trabalho de procurar". E se me disserem que por isso eu não posso gostar de David Lynch e Luís Buñuel, também não tenho nada a declarar.

E esse texto já está tão longo que nem parece apresentação. É por causa dessa minha terceira característica básica: gostar de me abrir e falar o que penso! Então às vezes parece mal humor, mas acredite, estou sempre rindo de tudo, como todo bom brasileiro!


Evandro Ferreira
Belo Horizonte, 10/9/1975


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Vespeiro silencioso: "Mayombe", de Pepetela de Renato Alessandro dos Santos
02. A vida dos pardais e outros esquisitos pássaros de Elisa Andrade Buzzo
03. On the Road, 60 anos de Luís Fernando Amâncio
04. Amy Winehouse: uma pintura de Jardel Dias Cavalcanti
05. Meu querido aeroporto #sqn de Ana Elisa Ribeiro


Mais Evandro Ferreira
Mais Acessadas de Evandro Ferreira
01. Apesar da democracia - 24/9/2002
02. Pensando sozinho - 27/8/2002
03. Eu. - 10/9/1975
04. Babação do popular - 13/8/2002
05. O pensamento biônico - 23/7/2002


Mais Especial Apresentações
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




IDADE BIOLÓGICA
ELIANA GUIMARÃES E MARIA LUCIA DOS SANTOS
SENAC
(2003)
R$ 7,19



UM PIANO PARA CAVALOS ALTOS
SANDRO WILLIAM JUNQUEIRA
LEYA
(2012)
R$ 10,00



GINÁSTICA MODERNA SEM APARELHOS
ILONA PEULER
FORUM
(1973)
R$ 10,00



APRENDIZAGEM BASEADA EM PROJETOS
VÁRIOS AUTORES
PENSO
(2008)
R$ 70,00



MODELO DE PERFEIÇÃO
KATHERINE GARBERA
HARLEQUIN
(2011)
R$ 7,80



COMENTÁRIOS AOS DIÁLOGOS INICIÁTICOS
MARTA
LORENZ
(1998)
R$ 10,00



ELEMENTOS DO ESTILO TIPOGRÁFICO - VERSÃO 3. 0
ROBERT BRINGHURST
COSAC & NAIFY
(2005)
R$ 55,00



COMO VIVER MAIS E MELHOR SÓ PARA HOMENS
CRISTINA ARCANGELI
COMPANHIA NACIONAL
(2007)
R$ 18,00



O BEST SELLER
OLIVIA GOLDSMITH
RECORD
(1998)
R$ 23,20
+ frete grátis



A PURPOSE FOR MY STRENGTH, 15 INTERMEDIATE
MILTON M. AZEVEDO
FTD
(1994)
R$ 10,00





busca | avançada
57697 visitas/dia
1,4 milhão/mês