O lado negro da internet | Vicente Tardin | Digestivo Cultural

busca | avançada
92061 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Pauta: E-books de Suspense Grátis na Pandemia!
>>> Hugo França integra a mostra norte-americana “At The Noyes House”
>>> Sesc 24 de Maio apresenta programação de mágica para toda família
>>> Videoaulas On Demand abordam as relações do Homem com a natureza e a imagem
>>> Irene Ravache & Alma Despejada na programação online do Instituto Usiminas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A pintura do caos, de Kate Manhães
>>> Nem morta!
>>> O pai tá on: um ano de paternidade
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - I
>>> Contentamento descontente: Niketche e poligamia
>>> Cinemateca, Cinemateca Brasileira nossa
>>> A desgraça de ser escritor
>>> Um nu “escandaloso” de Eduardo Sívori
>>> Um grande romance para leitores de... poesia
>>> Filmes de guerra, de outro jeito
Colunistas
Últimos Posts
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
>>> Sebo de Livros do Seu Odilon
>>> Sucharita Kodali no Fórum 2020
>>> Leitura e livros em pauta
>>> Soul Bossa Nova
>>> Andreessen Horowitz e o futuro dos Marketplaces
>>> Clair de lune, de Debussy, por Lang Lang
>>> Reid Hoffman sobre Marketplaces
>>> Frederico Trajano sobre a retomada
>>> Stock Pickers ao vivo na Expert 2020
Últimos Posts
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
>>> Deu branco
>>> Entre o corpo e a alma
>>> Amuleto
>>> Caracóis me mordam
>>> Nome borrado
>>> De Corpo e alma
>>> Lamentável lamento
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Zastrozzi
>>> Direita, Esquerda ― Volver!
>>> Como os jornais vão se salvar
>>> É Julio mesmo, sem acento
>>> Concisão e sensibilidade
>>> Blog do Reinaldo Azevedo
>>> Alerta aos que vão chegar
>>> Cultura e Patrocínio
>>> Deus, um delírio, de Richard Dawkins
>>> O delfim, de José Cardoso Pires
Mais Recentes
>>> O Dízimo e o Sábado não são Cristãos de Fernando César Roelis Padilha pela Xxxxxxxxxxxx (1995)
>>> Socorro, Temos Filhos! de Dr. Bruce Narramore pela Mundo Cristão (1992)
>>> Fale a verdade consigo mesmo de Willian Backus Marie Chapian pela Betânia (1989)
>>> Como controlar as Tensões no Camento de Bill e Vonette Bright pela Candeia (1990)
>>> Satanás está vivo e Ativo no planeta terra de Hal Lindsey pela Mundo Cristão (1981)
>>> Venha O Teu Reino de David W. Dyer pela Ministério Grão de trigo (1985)
>>> Eu, um Servo? Você está Brincando! de Charles Swindoll pela Betânia (1983)
>>> Que Há Por Trás Da Nova Ordem Mundial? de E. G. White pela Vida Plena (1995)
>>> Cerco de Jericó a caminho da vitoria de Pe. Alberto Gambarini pela Ágape (2005)
>>> Comunicação a Chave para o Seu Camento de H. Norman Wright pela Mundo Cristão (1983)
>>> Princípios de Interpretação da Bíblia de Walter A. Henrichsen pela Mundo Cristão (1983)
>>> Apocalipse versículo por versículo de Severino Pedro da Silva pela Cpad (1985)
>>> Boas Esposas de Louisa May Alcott pela Principis (2020)
>>> O que o Ato Conjugal significa para o Homem de Tim e Beverly LaHaye pela Betânia (2020)
>>> Crime e Castigo de Fiódor Dostoiévski pela Principis (2020)
>>> Satanismo de Daniel e Isabela Mastral pela Xxxxxxxxxxxx (2001)
>>> Um Espírito Demoníaco de Morris Cerulo pela Imprensa da Fé (1998)
>>> Assassins Creed de Christie Golden pela Galera (2020)
>>> O dia em que o Presidente Desapareceu de Bill Cliton e James Patterson pela Record (2018)
>>> O dia em que o Presidente Desapareceu de Bill Cliton e James Patterson pela Record (2018)
>>> A Canção do Sangue de Anthony Ryan pela Leya (2014)
>>> Memórias de um Suicida (Obra Mediúnica) de Yvonne do Amaral Pereira pela Federação Espírita Brasileira (2003)
>>> Mundo Como Vontade e Como Representação - I Tomo de Arthur Schopenhauer pela Unesp (2005)
>>> As 100 Melhores Histórias Eróticas da Literatura Universal de Flávio Moreira da Costa pela Ediouro (2020)
>>> As 100 Melhores Histórias Eróticas da Literatura Universal de Flávio Moreira da Costa pela Ediouro (2020)
>>> Mahatma Gandhi - Politik und Gewaltlosigkeit de Otto Wolff pela Musterschimidt-Verlag (1963)
>>> Marionetes Populares de Yvonne Jean pela Din (1955)
>>> As Bacanas = Plauto de Newton Belleza pela Emebê (1977)
>>> Trinta Toques de Rogério Viana pela Engenho da Letra (1999)
>>> O Teatro de Cervantes de José Carlos Lisboa pela Os Cadernos de Cultura (1952)
>>> O Teatro de Oraci Gemba de José Plínio pela Do autor (1994)
>>> Teatro Moderno = O Anúncio feito a Maria de Paul Claudel pela Agir (1968)
>>> O Palco dos Outros de Sérgio Brito pela Rocco (1993)
>>> Importe-se o Bastante para Confrontar de David Augsburger pela Cristã Unida (1996)
>>> Mais de Nogueira Salton pela Do autor (2009)
>>> Minha Mente, Meu Mundo de Walter Barcelos pela Didier (2001)
>>> Marketing Pessoal do Personal Trainer. Estratégias Práticas Para o Sucesso - 5D de Cauê Vazquez la Scala Teixeira pela Phorte (2013)
>>> Fortaleza digital - 5D de Dan Brown pela Arqueiro (2015)
>>> Arquivologia e Ciência da Informação - 5D de Maria Odila Kahl Fonseca pela Fgv (2008)
>>> Aristofanes Las Nubes Lisistrata Dinero de Elsa García Novo pela Alianza Editorial (1987)
>>> Fisiologia do exercício - 8C de Marília dos Santos Andrade pela Manole (2016)
>>> Musculação Funcional. Ampliando os Limites da Prescrição Tradicional - 8C de Cauê Vazquez la Scala Teixeira pela Phorte (2016)
>>> Personal Trainer. Uma Abordagem Prática do Treinamento Personalizado - 8C de Fabiano Pinheiro Peres pela Phorte (2013)
>>> Temas Fundamentais De Criminalistica - 3D de Jose Lopez Zarzuela pela Sagra luzzatto (1995)
>>> As sete leis espirituais do sucesso - 3D de Deepak Chopra pela Best Seller (2009)
>>> A Escolha - 3D de Nicholas Sparks pela Novo Conceito (2015)
>>> Ser Elegante É… - 3D de Candace Simpson-Giles pela Sextante (2014)
>>> Seu Sexto Sentido. Ativando Seu - 3D de Belleruth Naparstek pela Rocco (1999)
>>> História geral das Civilizações Volume 1 - O oriente e a Grécia Antiga de Maurice Crouzet pela Bertrand Brasil (1993)
>>> O Diário de Anne Frank de Ane Frank pela Pé da Letra (2019)
COLUNAS

Quarta-feira, 18/12/2002
O lado negro da internet
Vicente Tardin

+ de 4100 Acessos
+ 2 Comentário(s)

Nosso pequeno mundo se sacudiu um pouco com uma reportagem publicada na revista Isto É Dinheiro. Segundo a matéria, a Catho, empresa que atua na área de recursos humanos, colocação profissional e mantém um site com currículos e ofertas de emprego, fez uso de práticas discutíveis. Uma deles seria a apropriação de conteúdo de sites concorrentes.

A empresa teria desenvolvido sistemas que "catavam" (trocadilho irresistível) automaticamente e aos milhares os currículos de outros sites concorrentes e os colocavam no seu. Concorrentes que perceberam o movimento e se sentiram lesados entraram na Justiça, que por sua vez autorizou a entrada de oficiais nas instalações da Catho. Ao copiarem o conteúdo de alguns HDs, constataram vestígios neste sentido.

A Catho, pelo menos inicialmente, não negou os fatos e seu presidente disse à reportagem que agia amparado pela lei. O webmaster citado na matéria, de apenas 21 anos, rebateu as críticas dos colegas em listas de discussão que freqüenta, mas não negou as ações, apenas pediu que sobre este assunto fossem conversar com o presidente da empresa. Bom, leiam a matéria, vale a pena. Agora os advogados das partes vão se entender.

Do ponto de vista jurídico, o caso é interessantíssimo. Um especialista com quem conversamos ficou excitado com tantos pontos novos que podem servir de luz para casos futuros.

Não entendo nada de Direito. Não sei se a Catho será considerada culpada ou se vai sair sem arranhões dessa. Mas entendo um pouco do que é manter um site e ver seu conteúdo rotineiramente chupado. Se você que está lendo também mantém um site, sabe muito bem do que estou falando.

Todo mundo tem mil histórias para contar, algumas horripilantes. Sistemas inteiros copiados. Layouts, logotipos, matérias. Além do Webinsider, sou bem próximo de outros dois sites. Os três têm sido copiados o tempo todo. Um é o Clickjobs, cujas ofertas de empregos e currículos volta e meia aparecem em outros sites, sem que as empresas ou candidatos autorizem.

Mais copiado ainda é o CliqueMusic, até mesmo dentro de portais grandes. As biografias dos artistas que foram desenvolvidas pelos jornalistas de CliqueMusic (com esforço, conhecimento e investimento) estão reproduzidas amplamente, mesmo em sites grandes, que alteram algumas palavras, incluem adjetivos e pronto. Uma vez a equipe de CliqueMusic percebeu que determinado site de música mantido por um portal copiava as notícias com freqüência religiosa, apenas disfarçando um pouco na redação. Um dia, por engano, CliqueMusic errou sem querer o nome do autor de um livro sobre um compositor nordestino (corrigido horas depois, a partir do alerta de um leitor). O que aconteceu? O site chupão mencionou o mesmo livro e colocou lá o nome errado do autor, que nunca existiu.

É muito chato ver isso e ter que escrever cartas educadas pedindo que parem de copiar. Geralmente elas resolvem, pois o autor do copy-paste fica receoso de um processo. Se o seu site é copiado assim, recomendo que reclame sempre e não deixe para depois.

As matérias do Webinsider também são copiadas aos quilos e reproduzidas em outros sites. Outro dia um site sobre tecnologia ostentava na sua home uns oito ou dez artigos copiados do Webinsider, sem mencionar a fonte e sem que os autores soubessem. Ora, se os caras dizem lá que vendem banners e que estão procurando patrocinadores, isso é uma coisa feia.

Algumas vezes argumentam que os artigos pertencem aos autores, ignorando todo o trabalho de edição, pauta, e copydesk desenvolvido pelo site original. E nem os autores são consultados.

Outras vezes os chupões dizem que a informação que está na internet é livre e pode ser copiada. Para confundir as coisas, citam conceitos de copyleft e livre circulação da informação. Somos a favor do copyleft, do software livre e de tudo o mais. Mas não se trata de nada disso aqui. Uma coisa é fazer circular a informação e para isso existem os links.

Ora, comente o texto que gostou e aponte um link para ele, pronto. Mas não é esse o ponto - o que querem é copiar a informação para dentro de seu site e tentar obter vantagens comercias com ela. Isso é roubo.

Imagine um programa de rádio, um debate esportivo, digamos. Já pensou se outra estação grava o programa e o reproduz em outra cidade, sem permissão, como se fosse seu? Isso não existe.

Um dia foi até engraçado. Um site de moda surgiu com o layout do Webinsider igualzinho, apenas com novas cores. Reclamamos educadamente, o responsável negou, ofendido e agressivo. Mas ao se clicar em determinada matéria, bem na home, abria a coluna do Daniel Chalfon. Uau!

Acredito que a exposição de praticas predatórias vai fazer muito bem ao ambiente de internet. Se você é designer e a direção da empresa em que trabalha pedir que copie igualzinho o design de determinado site, você se sentiria à vontade? Se você é redator e copia textos de outros sites dando aquela resumida básica deschavada, está à vontade com isso? E se você é webmaster e o presidente de sua empresa pedisse que desenvolva um sistema de propósitos pouco éticos, você faria? Talvez não valha a pena.

Se você quiser contar algum exemplo interessante no gênero, faça o favor. Gostaria de saber - pode me enviar que receberei com prazer. Talvez o desenlace do caso apontado pela revista Isto É Dinheiro ajude a mudar certas práticas. É mais do que hora.

Nota do Editor
Vicente Tardin é editor do Webinsider, onde este texto foi originalmente publicado. (Manteve-se a formatação original.)


Vicente Tardin
Rio de Janeiro, 18/12/2002


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Cinema futuro: projeções de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Vicente Tardin
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
24/12/2002
08h37min
Não competiria ao webmaster criar mecanismos de defesa(ou controle) das informações do site? Legalmente ou não, a Internet é pública. Expor essas informações na Internet é sujeitá-las ao livre arbítrio de hackers, webmasters, e quem mais souber usá-las. Se a moral e as leis resolvessem tudo...
[Leia outros Comentários de Hellls]
6/3/2003
09h18min
Há gente sem escrúpulos em todas as áreas. Na internet, em particular, argumentos falaciosos sobre "liberdade de informação" são um estímulo para que gente incompetente se sinta à vontade para roubar os pageviews alheios. Só há uma coisa certa: isso é feio, muito feio...
[Leia outros Comentários de Ricardo Saldanha]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




FISICA VOAZ BOX COMPLETO
ANTONIO MAXIMO BEATRIZ ALVARENGA
SCIPIONE
(2012)
R$ 39,90



HISTÓRIA ORAL: COMO FAZER, COMO PENSAR
JOSÉ CARLOS S. B. MEIHY E FABÍOLA HOLANDA
CONTEXTO
(2007)
R$ 30,00



TEORIA DO ORDENAMENTO JURÍDICO
NORBERTO BOBBIO
UNB
(1999)
R$ 26,00



OS TRABALHADORES DO MAR (LITERATURA FRANCESA)
VICTOR HUGO
NOVA CULTURAL
(2002)
R$ 30,00



ANIMAIS PRÉ- HISTÓRICOS - SÉRIE PRISMA
BARRY COX
MELHORAMENTOS
(1975)
R$ 6,90



AETHER
EMBLA RHODES
FUNALFA
(2007)
R$ 12,00



HISTÓRIAS DE HOMENS CASADOS
MARCELO BIRMAJER
PLANETA
(2006)
R$ 28,00



INTRODUCTION TO INSTRUMENTATION IN SPEECH AND HEARING
EDWARD CUDAHY (CAPA DURA)
WILLIAMS & WILKINS
(1988)
R$ 48,28



SEXUALIDADE DIVINA DESCOBRINDO A ALEGRIA DO TANTRA
MAHASATVAA MA E ANANDA SARITA/ PH. D.
MADRAS
(2012)
R$ 74,11



BENTO QUE BENTO É O FRADE
ANA MARIA MACHADO
SALAMANDRA
(2006)
R$ 21,00





busca | avançada
92061 visitas/dia
2,2 milhões/mês