Vive la differénce! | Adriana

busca | avançada
65177 visitas/dia
1,9 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Luiz Ruffato lança novo livro e estreia em nova editora
>>> Live commerce terá show exclusivo ao vivo para festejar o Dia Nacional do Samba
>>> Um Recital para Ariano - com Antônio Nóbrega
>>> Coletiva de Arte Naïf | Galeria Jacques Ardies
>>> Cia O Grito evoca os fantasmas do teatro em nova peça
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
Últimos Posts
>>> Entre outros
>>> Entre o corpo e a alma, o tempo
>>> O tempo é imbatível
>>> Consciência
>>> A cor da tarja é de livre escolha
>>> Desigualdades
>>> Novembro está no fim...
>>> Indizível
>>> Programador - Trabalho Remoto que Paga Bem
>>> Oficinas Culturais no Fly Maria, em Campinas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Brasil pode ser um país de leitores?
>>> Claudio Galeazzi sobre a crise
>>> Millôr no IMS Paulista
>>> Can Google Stay Google?
>>> Breve Apresentação
>>> Star Wars
>>> As novas estantes virtuais
>>> Minha história com Philip Roth
>>> O momento do cinema latino-americano
>>> Jovens blogueiros, envelheçam
Mais Recentes
>>> Por Metodi Della Scienza Dal Rinascimento Ad Oggi de Carlo Felice Manara pela Vita Pensiero (1975)
>>> La Teoria de La Historia de Karl Marx una Defensa de Gerald A. Cohen pela Pablo Iglesias (1986)
>>> Crime na Catedral de Thomas Stearns Eliot pela Delta (1966)
>>> Infância e Modernidade - Ensaios de Filosofia e Educação (lacrado) de Martha Dangelo pela Ideias e Letras (2013)
>>> The Marine Power Plant de Lawrence B. Chapman pela Macgrawhill (1942)
>>> Science et Antiscience de Jean Lois Monneron pela Le Centurion (1981)
>>> O Brasil Francês (lacrado) de Andrea Daher pela Civilização Brasileira (2007)
>>> Ver esta Imagen Storia Dellastronomia da Talete a Keplero de John Louisdreyer pela Feltrinelli (1977)
>>> O Mundo Em Que Vivemos - História da Civilização Mundial (lacrado) de Max Savelle pela Villa Rica (1990)
>>> Cadernos de Direito da Cidade - Série II (lacrado) de Vania Aieta pela Lumen Juris (2014)
>>> Natureza e Política Em Nietzsche de Tadeu Rodrigues pela Livre Expressão (2010)
>>> Prazer, Sofrimento, Indiferença na Educação de J. P. Pourtois, Nicolo Mosconi pela Loyola (2007)
>>> Alguém Come Centopeias Gigantes? de Fabio Massari pela Ideal (2015)
>>> O Bicho Urucutum (lacrado) de Pedro Nava pela Ateliê Editorial (2003)
>>> La Conscience Expliquee de Daniel C. Dennett pela Odile Jacob (1993)
>>> Cartas a um Jovem Psicanalista de Marialzira Perestrello Tt8 pela Imago (1998)
>>> Connaissance et Intérêt de Jürgen Habermas pela Gallimard (1976)
>>> Imposto Sobre a Renda (lacrado) de Fernando Daniel de Moura Fonseca pela Fórum (2019)
>>> Malícias e Delícias (lacrado) de Tara Sivec pela Valentina (2015)
>>> Introduction Geometrique L Etude de La Relativite de Henri Marais pela Gauthier Villars (1923)
>>> O Brasileiro - a Formação da Identidade Nacional e a Questão Racial de Iara Andrade Senra pela Paco (2012)
>>> Hegels Philophy of Religion de Bernard M. Reardon pela John Hick (1977)
>>> Comentários à Nova Lei Antidrogas - Manual Prático de Jorge Vicente Silva pela Juruá (2006)
>>> Condicao Feminina e Formas de Violencia Mulheres Pobres 1890 1920 de Rachel Soihet pela Forense (1989)
>>> Idênticos de Scott Turow pela Record (2014)
COMENTÁRIOS

Sexta-feira, 27/9/2002
Comentários
Leitores


Vive la differénce!
Concordo com seu comentário, Simone. Acho que agora que as relações tradicionais foram "sacudidas", há espaço para a construção de novas formas de relacionamento entre homens e mulheres. Devbemos exigir os mesmos direitos civis, mas também devemos respeitar as diferenças entre os sexos. Afinal, essa é a parte boa do negócio!

[Sobre "Menos Guerra, Mais Sexo"]

por Adriana
27/9/2002 às
16h35 200.151.217.162
(+) Adriana no Digestivo...
 
Parabéns
Eduardo, parabéns pela ótima comparação. Um dos poucos textos que li que consegue retratar bem o senso de proporçõe merecida a cada festa.

[Sobre "Hoje a festa é nossa"]

por Gustavo Peres
27/9/2002 às
15h32 200.203.181.34
(+) Gustavo Peres no Digestivo...
 
Velhinha Sensata X Homem Sério
Olá, grande Alexandre Um "Por quê?" onipresente, a cryptonita contra os monstros! Bela alegoria! Sabemos que o número de velhinhas sensatas é bem inferior ao de Homens Sérios. O ideal seria criar, em laboratório, um "Por quê" altamente contagioso e espalhá-lo por aí, principalmente nas portas das universidades. Que tal?

[Sobre "Maldita Ciência"]

por Rogério Prado
27/9/2002 às
14h17 200.217.219.4
(+) Rogério Prado no Digestivo...
 
gostei do seu artigo
Adriana, gostei do seu artigo, mas é preciso ressaltar que tudo começou quando lá atrás foi negado o direito do voto a mulher. Praticamente eramos excluidas de tudo, a penas serviamos para parí. Quando lutamos por igualdade e justiça queremos ser respeitadas e termos o direito de ir e vir sem ser apontada na rua. Não é atoa que somos maioria no mercado de trabalho cerca de 60% das mulhres estão trabalhando, bem mais que o homem. A questão não é roubar o espaçó masculino é simplesmente o fato de sermos maioria e termos capacidade para exercer qualquer profissão, inclusive mecânica. Acredito que essa mudança no universo feminino foi fundamental para o homem, pois eles agora não precisam ser tão somente responsáveis, pois eles tem do lado parceiras inteligêntes e decididas que podem perfeitamente dividir tudo até as tarefas domésticas, isso não é maravilhoso? assim nós mulheres não ficamos tão sobrecarregadas de tantos afazeres e deveres. Sobre a mulher ter deixado de lado os galanteios isso não é verdade, talvez isso seja atribuido para os dois lados. Uma ou o homem deixou de ser cavalheiro ou o romantismo deixou de exestir de ambas as partes. Hoje em dia tudo é muito mais pratico e direto," nada é mais como era antigamente" já dizia a música de Renato Russo. Vivemos uma realidade muito confusa pela luta de igualdade e respeito. Não somente por mulheres e homens mais também por pais e filhos, patrão e empregado, professor e aluno, gay e sociedade, enfim vivemos com repletas e inumeras diferenças todos os dias. Beijos

[Sobre "Menos Guerra, Mais Sexo"]

por Simone Rodrigues
27/9/2002 às
10h48 200.197.181.226
(+) Simone Rodrigues no Digestivo...
 
Voto: ireito ou obrigação?
Artigo de primeiríssima, como são os do autor! Humor fino, criatividade e malícia na dosagem certa. Acho que a sra. Vanessa Rosa não entendeu a ironia de que estaremos, quem votar, apenas escolhendo quem vai chupar o nosso sangue (impostos, taxas, etc.) pelos próximos quatro anos. Ela não vai exercer 'legitimamente seu direito ao voto' já que entre nós o voto é obrigatório. Ela vai exercer uma obrigação sem a qual a burocracia estatal vai atazanar a sua vida. Nas últimas eleições para Prefeito não votei por que houve um atrazo de vôo e chegeui quando as urnas já estavam desligadas, quase falei fechadas! Pois bem, a multa é irrisória, o pior é ter que dar explicações e receber lições de moral de uma funcionária 'pública', que deveria sentir-se minha empregada pois sou eu quem paga seu salário, mas que me tratou como um pária e relapso, me dando explicações sobre a importância do voto! Em países realmente democrático o voto é facultativo e estou certo de que se aqui fosse, a abstenção seria enorme. Mesmo sendo obrigatório não duvido que seja bem grande. Mas o eleito poderá dizer, de boca cheia, que foi eleito com tantos milhões de votos. Se não fosse aquela senhora do TRE, que desta vez a estrangularia, eu não iria lá. Como irei, anularei!

[Sobre "Quatro vampiros na TV"]

por Heitor De Paola
26/9/2002 às
18h29 200.255.208.167
(+) Heitor De Paola no Digestivo...
 
Orgulho de ser FFLCH-USP
Caro eduardo, é melhor escolher o silêncio quando não se tem nada a dizer.

[Sobre "Hoje a festa é nossa"]

por Paulo
26/9/2002 às
16h59 200.216.23.67
(+) Paulo no Digestivo...
 
Não tem nada a VER
O cara, até concordo um pouco contigo, na verdade ainda vivemos num mundo comparável a idade média, veja os problemas com USA/Iraque, atentados, violência urbana, enfim um caos e um monte de macacos usando gravatas fingindo fazer negócios, acho que este episódio na GV seria normal num contexto de um mundo mais evolúido, todos seres humanos tem vontade de fazer sexo e o fazem também para reprodução.Veja por exemplo o ato de fazer cocô, vulgo "cagar", porque achamos engraçado? Somente porque toda sociedade acha engraçado, na verdade se formos pensar bem é apenas o ato de eliminar a comida que não serve mais para o corpo, mas num cointexto de sociedade primnitiva, é obceno e engraçado, assim como sexo.

[Sobre "Hoje a festa é nossa"]

por Larry
26/9/2002 às
14h16 200.205.95.10
(+) Larry no Digestivo...
 
sua comparação
Que esse pessoal fotografado foi prejudicado é fato; mas procurar isentar a GV do caso e ainda por cima atacar a FFLCH dizendo que lá sim acontecem festas doentias é burro demais. Aliás, sua comparação entre as duas faculdades, a GV uma "Escola em que se ensina a trabalhar no mundo como ele é" e a FFLCH uma "Faculdade em que certos alunos pretendem trabalhar para transformar o mundo em como eles querem que ele seja", demonstra uma prepotência e falta de informação notável. Antes de querer ser escritor ou seja lá o que for, é melhor livrar-se desses preconceitos e parar de escrever generalizações ou hipocrisias do tipo "só fui conferi-las (as fotos), por questões profissionais".

[Sobre "Hoje a festa é nossa"]

por Villela
26/9/2002 às
13h08 200.176.241.173
(+) Villela no Digestivo...
 
entendo a polêmica
Eduardo, Bom texto... embora eu não tenha ido à festa (particularmente eu não gosto dessas bobagens), entendo a polêmica criada, e como disse um colega, foi uma ação de crianças. Crianças no pior sentido da palavra - são pessoas total e completamente isentas de massa cinzenta que bateram as fotos, e como aluno da própria faculdade, acho um mínimo de bom senso a expulsão do indivíduo imediatamente - embora ninguém "saiba" quem ele seja. Há mais coisa no assunto, mas muito deve ser descartado por ser mera especulação. Outra coisa que venho a perceber é o claro ódio que certas pessoas possuem da FGV. Ela é sim a melhor da AL, e quem acha que "nós" somos prepotentes é por que possui ou inveja ou não conhece a faculdade (eu acredito que sejam os 2) - pelo menos os professores aqui não entram em greve uma vez por mês, e assim não somos prejudicados por essas tolices. Pena que a formação de alguns seja melhor que a de outros por esses motivos.

[Sobre "Hoje a festa é nossa"]

por Francisco
26/9/2002 às
12h01 200.153.112.50
(+) Francisco no Digestivo...
 
Carpeaux
Nada mais justo que este erudito e simpático texto sobre o austro-brasileiro Carpeaux. A idade traz problemas, mas freqüentemente é sinônimo de privilégios. Um destes é o ter acompanhado 'ao vivo' as maravilhosas crônicas do Carpeaux no Correio da Manhã, sem dúvida um marco que dificilmente será ultrapassado no jornalismo brasileiro. Ótimo, também, o comentário de Martim Vasques.O Olavo está fazendo um trabalho digno dos caçadores de tesouros do fundo do mar que só trará benefícios a quantos se interessam por verdadeira cultura.

[Sobre "O melhor presente que a Áustria nos deu"]

por Heitor De Paola
26/9/2002 às
08h01 200.255.208.209
(+) Heitor De Paola no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Os Novos Moradores
Francisco Azevedo
Record
(2017)



Le Vocabulaire de Saint Augustin
Christian Nadeau
Ellipses
(2001)



Eine Urwaldgöttin Darf Nicht Weinen
Konsalik
Erstausgabe
(1973)



O Que é Português Brasileiro Coleção Primeiros Passos 164
Hildo H. do Couto
Brasiliense
(1994)



Persuasão na Publicidade: 33 Técnicas Psicológicas de Convencer
Marc Andrew
Gg
(2016)



O Aprendiz
Egidio Trambaiolli Neto
Ftd
(1999)



Equador
Miguel Sousa Tavares
Nova Fronteira
(2003)



Pollyanna - Coleção o Tesouro dos Clássicos
Eleanor Porter
Ática
(2007)



Uns papéis que voam
Flavio José Cardozo
Ftd
(2003)



Mistérios Desconhecidos - Seitas Secretas
Vários Autores
Time-life Books
(1989)





busca | avançada
65177 visitas/dia
1,9 milhão/mês