resposta aos ouvidos cansados | Paula

busca | avançada
51839 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Cia Triptal celebra a obra de Jorge Andrade no centenário do autor
>>> Sesc Santana apresenta SCinestesia com a Companhia de Danças de Diadema
>>> “É Hora de Arte” realiza oficinas gratuitas de circo, grafite, teatro e dança
>>> MOSTRA DO MAB FAAP GANHA NOVAS OBRAS A PARTIR DE JUNHO
>>> Ibevar e Fia-Labfin.Provar realizam uma live sobre Oportunidades de Carreira no Mercado de Capitais
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
>>> A compra do Twitter por Elon Musk
>>> Epitáfio do que não partiu
>>> Efeitos periféricos da tempestade de areia do Sara
>>> Mamãe falhei
>>> Sobre a literatura de Evando Nascimento
>>> Velha amiga, ainda tão menina em minha cabeça...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
>>> Trader, investidor ou buy and hold?
>>> Slayer no Monsters of Rock (1998)
>>> Por que investir no Twitter (TWTR34)
Últimos Posts
>>> Parei de fumar
>>> Asas de Ícaro
>>> Auto estima
>>> Jazz: 10 músicas para começar
>>> THE END
>>> Somos todos venturosos
>>> Por que eu?
>>> Dizer, não é ser
>>> A Caixa de Brinquedos
>>> Nosferatu 100 anos e o infamiliar em nós*
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Mais espetáculo que arte
>>> teu filho, teu brilho
>>> O Medium e o retorno do conteúdo
>>> A Poli... - 10 anos (e algumas reflexões) depois
>>> Web-based Finance Application
>>> Pensando sozinho
>>> Aventuras pelo discurso de Foucault
>>> Chega de Escola
>>> Hipermediocridade
>>> A luta mais vã
Mais Recentes
>>> Perestroika: Novas Idéias para o Meu País e o Mundo de Mikhail Gorbachev pela Best Seller
>>> Professor e o Louco, o - Livro de Bolso de Simon Winchester; Flavia Villas Boas pela Companhia de Bolso (2009)
>>> Etica e Responsabilidade Social de Patricia Almeida e Varios Autores pela Saraiva (2002)
>>> O Carma da rerra no Brasil de Xico Graziano pela A girafa (2004)
>>> Policiamento Inteligente de Aderivaldo Martins Cardoso pela Mg (2011)
>>> A Bolsa Ou a Vida de Eric Tousaint pela Fundação Perseu Abramo (2012)
>>> Itaipu - Integrção em concreto ou uma pedra no caminho de Tão Gomes Pinto pela Amarilys (2009)
>>> Serviço Social e a Organizaçâo da Cultura de Marina Maciel Abreu pela Cortez (2011)
>>> Rasgando o Ingresso - Viver Bem sem Regras de Ligia Gueiros pela Companhia Nacional (2004)
>>> Prourgem - Ciclo 4, Módulo 3 de Antonio Carlos Lopes pela Artmed (2007)
>>> Poder Sobrenatural da Fe, O: a Maneira Mais Eficaz de Vencer de Edir Macedo pela Unipro (2007)
>>> Budapeste: Romance (portuguese Edition) de Chico Buarque pela Companhia das Letras (2004)
>>> Bisbilhotices - Segredos e Curiosidades das Celebridades de Amaury Jr pela Joboticaba (2005)
>>> Plano de Negócios - Estraéegia para Micro e Pequena Empresas de Luiz Arnaldo Biagio e Antonio Botocchio pela Manole (2012)
>>> Histórias do Rio Negro de Vera do Val pela Martins Fontes (2007)
>>> Seculo de um Liberal de Athayde pela Agir (2009)
>>> Destino de Ally Condie; Livia Almeida pela Suma de Letras Brasi (2011)
>>> The Complete Finance Companion de The Wharton School pela Pitman Publishing (1998)
>>> Pátria Amada de J. M. Simmel pela Círculo do Livro (1965)
>>> Memórias de um Sargento de Melícis de Manuel Antônio de Almeida pela Àtica (2014)
>>> Dicionário Houaiss Ilustrado de Vários Autores pela Moderna
>>> Contratos Internacionais de Luiz Olavo Baptista pela Lex Magister (2011)
>>> Monstramigas Quem é essa Monstrinha? de Gitty Daneshvari pela Salamandra
>>> Educação e Formação Profissional de Olgamir Francisco de Carvalho pela Piano (2003)
>>> O Livro dos Cocktails de L R Dauven e Jacques Morlaine pela Presença (1980)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 7/12/2005
Comentários
Leitores


resposta aos ouvidos cansados
Prezado Mário. Defendo, sim, a moçada. Dentro do meu trabalho junto a essa geração que está aí, aprendi a valorizar suas expressões, o modo como interpretam e dão retorno à cultura que lhes é imposta. Mas a arte não é reponsável pela geração de lendas e mitos como imagina. Ela apenas trafega por eles e através deles, faz leituras, usa-os como metáforas. O mito nasce dos valores sociais, de um desejo coletivo de idealização e sacramentação. Os adolescentes fazem muito isso, quando idolatram um cara como o Kurt Corbain, por exemplo. Outra: arte também é pode se imiscuir no celular, no outdoor, no grafite, no clip ou na web. Não separe,Mário: junte, agregue. A arte está mais próxima de vc do que pensa. Tem que ter olhos para ver, ouvidos para ouvir, mas não dá pra ver e ouvir sem pensar. Se pensar é o que cansa, tá faltando exercício. Beijo, Paula.

[Sobre "Arte para quem?"]

por Paula
7/12/2005 às
10h48 200.176.231.170
(+) Paula no Digestivo...
 
quando de ouvidos cansados
Paula, acho apenas que você defende demais a moçada, carente de lendas, de mitos, que certamente essas obras não transmitem. Mas o mundo é maravilhoso, e como dizia o Alberto Caeiro, não está aí para se pensar, mas para se olhar e estar de acordo. E ainda para ser criada, a obra de arte que justifique um celular, um outdoor, alguns portais da net. Tudo muito relativo, mas não o beijo de quem ontem se deliciava com clipes do mtv, sem o som, só as imagens... Experimente quando de ouvidos cansados. Beijo.

[Sobre "Arte para quem?"]

por Mário G. Montaut
6/12/2005 às
22h20 200.161.17.83
(+) Mário G. Montaut no Digestivo...
 
Sou membro do site do Raul
Magnífica a tua matéria Félix. Parabéns pelo bom gosto e pelo forma carinhosa que vc falou dos melhores cantores do Brasil. Sou membro do site do Raul e lá tenho um tópico sobre os calouros e já cataloguei 164 super talentos. Abraços, Salésio

[Sobre "Raul Gil e sua usina de cantores"]

por Braz Salésio de Souz
6/12/2005 às
21h41 200.234.57.53
(+) Braz Salésio de Souz no Digestivo...
 
Filosofia
Marcelo, acho que voce tem razão na maior parte das coisas que escreveu. Eu levei um ano inteiro pra entender Comte, e outro pra entender Nietzsche. Mas minha capacidade para assimilar todas aquelas dicas de fraude é limitada. Eu leio filosofia porque gosto, talvez seja um desvio de personalidade, sei lá. Claro que não conheço nem um terço daquele monte de programas, shows, peças, ou filósofos que voce citou. Muito menos autores, diretores e afins. Simplesmente gosto de filosofia. Achei meio precoceituoso voce colocar todos na mesma panela.
Todos merecem respeito.

[Sobre "Como parecer culto"]

por Jo
6/12/2005 às
03h20 201.11.176.14
(+) Jo no Digestivo...
 
Coincidência
Caraca! Acabei de falar algo que se parece com isso! Putz coincidência no Digestivo. Fiquei feliz. Então essa impressão não é só minha! Guilherme, pessoal, leiam A Boa e a Média em 2005, que acabei de postar. Abrazo

[Sobre "A redescoberta da(s) leitura(s)"]

por Ana Elisa Ribeiro
5/12/2005 às
22h39 201.19.59.100
(+) Ana Elisa Ribeiro no Digestivo...
 
Lucidez
Fabrício, seu texto é extremamente pertinente, lúcido e interessante. Às vezes, a glamourização da loucura e da insensatez é posta sob lentes distorcidas. Como se realmente fosse fascinante lidar com a loucura, com a depressão, entre outros males psíquicos. Sobra ignorância de quem nunca enfrentou tais problemas na realidade. Sua opinião, a meu ver, faz um bem e é ponto positivo às coisas boas e simples da vida. Parabéns!

[Sobre "Em defesa da normalidade"]

por Felipe Gurgel
5/12/2005 às
17h36 201.49.6.59
(+) Felipe Gurgel no Digestivo...
 
Ilustrando
A primeira vez que li "The Catcher in the Rye" foi para fazer um seminário de faculdade; portanto, foi uma obrigação, mas mesmo assim achei uma viagem entrar no mundo de Holden e até desenhá-lo na cópia que tinha em mãos. Para cada capítulo que me prendia, eu desenhava Holden no canto do parágrafo. Assim, dava asas à minha imaginação dentro do mundo daquele menino ávido por afirmação e entendimento.

[Sobre "O apanhador no campo de centeio"]

por Reynaldo
5/12/2005 às
13h26 201.27.222.33
(+) Reynaldo no Digestivo...
 
Normais
Não é curioso como alguns dos mais criativos, mais imaginativos artistas na história da literatura eram normais? Pessoas de carne e osso, com seus defeitos comuns, problemas comuns, alegrias comuns, relacionamentos comuns – romancistas como Dickens e Charlotte Bronte, poetas como Dante e Manuel Bandeira; e aqueles com verdadeiros problemas mentais viviam preocupados com suas crises – como Virginia Woolf. Ou seja: a loucura não é pressuposto de talento, e os artistas loucos são mais discretos (ou mais sérios) quanto a ela.

[Sobre "Em defesa da normalidade"]

por Claire
5/12/2005 às
05h54 200.164.182.155
(+) Claire no Digestivo...
 
a razão e sua ausência
É muito interessante ler um poema sobre a razão ou a sua ausência, principalmente porque em tempos tão confusos como os nossos a sensibilidade da autora nos leva pensar com serenidade sobre as coisas que nos rodeiam.

[Sobre "Suicídio da razão"]

por Ana Mónica Henriques
4/12/2005 às
12h08 200.150.31.150
(+) Ana Mónica Henriques no Digestivo...
 
Vai aqui a dica!
Apesar de estar um mês "atrasada" p/ postar comentários... Não pude deixar passar: toda essa discussão remete ao próprio conceito de amor. É preciso "ler" nosso conceito de "amor" situando-o dentro do contexto pós-moderno e capitalista... Há um livro chamado "A Arte de Amar" que, ao meu ver, monta um excelente mosaico sobre a questão. O autor é Erich Fromm.

[Sobre "E você, quer casar?"]

por Nivea Lazzarus
2/12/2005 às
22h22 200.165.196.172
(+) Nivea Lazzarus no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Anuário Brasileiro de Artes Plásticas Vol VII
Helder Fazilari
Roma



Biblioteca de Arte os Impressionistas - Lautrec
Luis Carta et Al (editores)
Três
(1973)



Abandono Sonetos Inéditos
Gioconda Labecca
São Paulo
(1986)



O Peixinho Azul e Outras Histórias
Roque Jacintho
Feb
(1990)



Minissaia Batom e Futebol
Sardenberg Leticia
Zit
(2011)



Aspectos Biológicos da Flora Brasileira
João Decker
Rotermund
(1936)



Os Cavaleiros de Cristo - Coleção Verdades Ocultas
Edgar Melo
Escala
(2015)



O Marido Perigoso
Jane Shapiro
Record
(2002)



Poemas Em Autoplágio
Wilson Caritta
Patuá
(2013)



La Nostra Lotta Dall Opposizione Verso Il Governo
Enrico Berlinguer
Riuniti
(1979)





busca | avançada
51839 visitas/dia
1,8 milhão/mês