O PT de ceroulas molhadas | Félix Maier

busca | avançada
66543 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Filó Machado encerra circulação do concerto 60 Anos de Música com apresentação no MIS
>>> Mundo Suassuna, no Sesc Bom Retiro, apresenta o universo da cultura popular na obra do autor paraiba
>>> Liberdade Só - A Sombra da Montanha é a Montanha”: A Reflexão de Marisa Nunes na ART LAB Gallery
>>> Evento beneficente celebra as memórias de pais e filhos com menu de Neka M. Barreto e Martin Casilli
>>> Tião Carvalho participa de Terreiros Nômades Encontro com a Comunidade que reúne escola, família e c
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Marcelo Mirisola e o açougue virtual do Tinder
>>> A pulsão Oblómov
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
Colunistas
Últimos Posts
>>> A melhor análise da Nucoin (2024)
>>> Dario Amodei da Anthropic no In Good Company
>>> A história do PyTorch
>>> Leif Ove Andsnes na casa de Mozart em Viena
>>> O passado e o futuro da inteligência artificial
>>> Marcio Appel no Stock Pickers (2024)
>>> Jensen Huang aos formandos do Caltech
>>> Jensen Huang, da Nvidia, na Computex
>>> André Barcinski no YouTube
>>> Inteligência Artificial Física
Últimos Posts
>>> Cortando despesas
>>> O mais longo dos dias, 80 anos do Dia D
>>> Paes Loureiro, poesia é quando a linguagem sonha
>>> O Cachorro e a maleta
>>> A ESTAGIÁRIA
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Eles – os artistas medíocres
>>> Meu beijo gay
>>> A história de Rogério Xavier e da SPX (2023)
>>> Waldstein por Andsnes
>>> Festival de Inverno Ouro Preto
>>> Para gostar de ler
>>> Dos livros que li
>>> O legado de Graciliano Ramos
>>> Mané, Mané
>>> Ele é o Rei
Mais Recentes
>>> Curso de Teologia dos Sacramentos de Ricardo Sada e Afonso Monroy pela Rei dos Livros (1991)
>>> Vidas Secas de Graciliano Ramos pela Record (1993)
>>> Lições De Confúcio Para A Carreira E Os Negócios de Enrique Benito pela Gente (2009)
>>> The Glass Menagerie de Tennessee Williams pela New Directions (1999)
>>> Desafio e Resposta de Alice Irene Hirschberg pela Cip (1976)
>>> O Fim Do Estado Nação de Kenichi Ohmae pela Campus (1999)
>>> Estatística para as Ciências Sociais de Wlademir Pereira / José Tiacci Kirsten / Walter a pela Saraiva (1980)
>>> Mosby Medical Encyclopedia, The Signet: Revised Edition de C. V. Mosby pela Signet (1996)
>>> Lideranca - 301 Dicas Para Construir Uma Carreira de Os Editores pela On Line (2024)
>>> Hebraeishes Und Arameisches Woerterbuch Zum Alten Testament de Georg Fohrer pela Gruyter (1989)
>>> Matemática Aplicada À Economia E Administração de L. Leithold pela Harbra (2024)
>>> Eletricidade Para A Engenharia de Délio Pereira Guerrini pela Manole (2003)
>>> Projeto de Usinas Hidrelétricas passo a passo de Geraldo Magela Pereira pela Oficina de Textos (2015)
>>> Oliver Twist de Charles Dickens pela J. M. Dent & Sons (1957)
>>> Fundamentos De Fisica: Mecanica - Vol.1 de David Halliday pela Ltc - Grupo Gen (2024)
>>> Oliver Twist de Charles Dickens pela Collins (1954)
>>> O ABC da Astrologia de Marco Natali pela Ediouro (1992)
>>> Tentativa De Mutação No Brasil (1988-2016) de Victor Hugo Veppo Burgardt pela Paco Editorial (2021)
>>> O Mistério do Deus-Homem de Jacques Leclercq pela Quadrante (1997)
>>> As Perspectivas da Psiquiatria de McHygh & Slavney pela Artes Médicas (1988)
>>> Lingua Absolvida (edicao De Bolso) de Elias Canetti pela Companhia De Bolso (2010)
>>> Fuel Cell de João Cabral pela Cassara (2012)
>>> Descrever o Visível de Marcius Freire; outro (orgs) pela Estação Liberdade (2009)
>>> Amor, Divino Amor - A Filosofia do Amor Divino de Shrila Bhaktivedanta Narayana Goswami Maharaja pela Braja (2013)
>>> Castical: Obras Italianas de Giordano Bruno pela Educs (2010)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 30/1/2002
Comentários
Leitores

O PT de ceroulas molhadas
O Sr. Clóvis, em Usina de Letras (www.usinadeletras.com.br), não sei por que raios que o partam, me cobrou uma posição frente ao assassinato do prefeito Celso Daniel, de Santo André. Também cobrou uma posição do Ternuma (www.ternuma.com.br) a respeito do assunto. Tanto o Ternuma quanto eu combatemos qualquer tipo de violência, não importa a ideologia que a acoberte. Assim, por que a inquisição, Sr. Clóvis? Por que eu - ou também o Ternuma - teríamos que obrigatoriamente nos pronunciar sobre algo que já ocorre há anos, ou seja, a violência institucionalizada em nosso País? Qual seria nossa autoridade em palpitar sobre o assunto? Mas, como em Usina de Letras (ou em Digestivo Cultural) se discute do cocô à bomba atômica - como diria Jô Soares - vamos ao assunto do p(a)uteiro Clóvis. Ora, caro Clóvis, no que toca a este pobre mortal, o que ocorreu no ABC paulista foi apenas mais uma morte estúpida de um ser humano. Em 2001, morreram 40.000 pessoas assassinadas no Brasil. A vida de um petista teria para você mais valor do que a vida do brasileiro comum? Nada se esclareceu a respeito da morte de Celso Daniel. Crime político? Tudo indica que não, pois havia altos interesses em jogo (o amigo do prefeito que o acompanhava na ocasião do seqüestro ficou rico em poucos anos), tráfico de influência, insinuações várias que já apareceram na imprensa - ou seja, foi apenas mais um crime de mafiosos que atuam impunemente há anos no Brasil. Outra coisa, caro Clóvis: quem anda de mãos dadas com terroristas do ETA, do IRA, das FARC - como ocorreu com o PT no I Fórum Social Mundial, em janeiro de 2001 - um dia será vítima desse mesmo terrorismo. Quando os terroristas que seqüestraram Abílio Diniz foram presos, o Senador do PT Eduardo Suplicy fez uma visita de cortesia aos "pobrezinhos". O então Secretário de Direitos Humanos, do Ministério da Justiça, José Gregori, não sossegou o facho enquanto todos os terroristas não fossem soltos (com as bênçãos de Dom Arns). A mesma bajulação da esquerda com terroristas ocorreu quando um ex-padre, relações-públicas das FARC, foi preso em Foz do Iguaçu. Integrantes do PT, CUT, MST, PC do B etc. exigiram a imediata liberação do crápula - no que foram prontamente atendidos pelo Sr. Gregori. Lula-laite, o eterno candidato do PT a Presidente do Brasil, volta e meia faz um passeio a Cuba, entre baforadas de havana e goles de mojito, para mais um ato subserviente de lambe-botas ao terrorista mais antigo no mundo. O que teria Lula-laite de tão importante para aprender com o longevo tirano? Pergunte ao PT, Sr. Clóvis, eles devem ter uma boa explicação que eu desconheço até o momento. Portanto, quem deve explicar a violência atual, mais do que eu, o Ternuma ou qualquer outro palpiteiro, é o próprio PT, além do Governo FHC (do Ministro Aloysio "Ronald Biggs" Ferreira). Já diz um ditado que "não se pescam trutas(*) de bragas enxutas". As vestais do PT, como você, Clóvis, hoje se espantam por estarem com as ceroulas molhadas. Vocês esquecem apenas que estão colhendo o que semearam nesses anos todos, como pode ser comprovado no artigo "PT colhe plantio", de Janer Cristaldo, publicado em Ternuma. No fundo, no fundo, Clóvis, você também é um pouco Bin Laden ;-) (PT - Partido dos Talibãs) (*) "Truta" é também o apelido de Olívio Dutra, segundo o testa-de-ferro Diógenes do Dinamite.

[Sobre "Digestivo nº 65"]

por Félix Maier
30/1/2002 às
16h35 200.198.194.146
(+) Félix Maier no Digestivo...
 
Se nem Chomsky, por que eu?
Alexandre, que tal largar o latim um pouco e estudar economia? A discussão ficará certamente muito menos pernóstica. Veja a importância de saber economia: Noam Chomsky em sua entrevista ao Milênio cometeu vários erros crassos que evidenciam sua total incapacidade de entender rudimentos de economia. Sendo ele um gênio da linguística, resta uma dúvida: ou economia é mesmo difícil ou ele não quer apreender, para não perder a postura radicalóide chic. Apreender economia é transpor uma porta do realismo lúgubre. Um abraço

[Sobre "Economistas"]

por José Maria
30/1/2002 às
12h55 143.106.37.196
(+) José Maria no Digestivo...
 
Cérebro e trabalho
Caro Alexandre, você não entende como alguém possa se interessar por economia como não entende como alguém possa ser astrônomo ou interessar-se por nanotecnologia. Economia é fascinante para quem ultrpassou um certo limiar de percepção de sua natureza sistêmica. Você por exemplo não gostaria de entender o porquê das pessoas na Argentina acharem que têm direito aos dólares que ela julga serem delas? Não é fascinante?

[Sobre "Economistas"]

por José Maria Silveira
30/1/2002 às
12h46 143.106.37.196
(+) José Maria Silveira no Digestivo...
 
Errare humanum est
A grafia indicada pelos melhores dicionários de latim é "quousque", tudo junto.

[Sobre "Economistas"]

por Rafael Azevedo
30/1/2002 às
11h29 200.231.68.68
(+) Rafael Azevedo no Digestivo...
 
Parabens


[Sobre "O início da TV foi parecido com o Napster"]

por Ricardo Garção
30/1/2002 às
09h54 194.210.15.250
(+) Ricardo Garção no Digestivo...
 
Pernosticismo
Quanto pernosticismo nesta querela latina!...

[Sobre "Economistas"]

por Paulo
30/1/2002 às
09h24 200.195.206.4
(+) Paulo no Digestivo...
 
Catilinária
"Quosque" ou "Quo usque" (que é a forma usada por Cícero, mas não a tradicionalmente citada) mas nunca "qousque", Celso. Mas eu sabia que você sabia. Você não esperava que eu fosse tão magnânimo que deixasse de mencionar a sua distação, esperava?

[Sobre "Economistas"]

por Alexandre S. Silva
29/1/2002 às
23h46 200.205.157.155
(+) Alexandre S. Silva no Digestivo...
 
Quo usque tandem II
"By the way: é "Quosque tandem", não "Qousque tandem", como tenho certeza que você sabe" na verdade gente... o correto é Quo usque tandem... como vocês podem ver, sei mesmo!

[Sobre "Economistas"]

por Celso
29/1/2002 às
19h03 200.158.20.234
(+) Celso no Digestivo...
 
Patientia
Por tão pouco, me chamar de Catilina, ó Celso? O xis da minha questão era que não consigo compreender como alguém pode dedicar uma vida (principalmente os que acreditam que só têm uma) à economia. Como também à cartolagem, à função de síndico, ou à coleção de latinhas de cerveja. Pode ser que vocês entendam, mas eu não. By the way: é "Quosque tandem", não "Qousque tandem", como tenho certeza que você sabe.

[Sobre "Economistas"]

por Alex
29/1/2002 às
16h10 200.205.157.155
(+) Alex no Digestivo...
 
ai que cheirinho!
é duro ler isto antes do almoço... mas realmente passa um ar saboroso dessa cidade modorrenta - talvez, conhecendo-a assim o negócio valha a pena... é a visão poética Agora, pagar 15 libras para comer churrasquinho grego é demais, não? tin

[Sobre "A Turquia em Stoke Newington"]

por tin
29/1/2002 às
12h42 200.183.84.74
(+) tin no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Top 10 Los Angeles
Vários Autores
Dk



Para a reconstrução do desenvolvimento no Brasil 300
José Celso Cardoso Jr.
Hucitec
(2011)



Introdução Crítica Sociológica
Margaret A. Coulson; David S. Ridell
Zahar
(1972)



Critica e Variedades
Machado de Assis
Globo



Face 2 Face
Gillie Cunningham
Cambridge
(2014)



O Imperador da Ursa Maior
Carlos Eduardo Novaes
Ática
(2014)



Crime e Catigo
Osamu Tezuka
Nem Pop



Princípios básicos do saneamento do meio
Anésio R. de Carvalho e Mariá V. C. de Oliveira
Senac
(2003)



Livro Literatura Brasileira A Formação do Leitor Literário
Teresa Colomer - Trad. Laura Sandroni
Global
(2003)



Penso, Logo Complico - Vol. 2
Juanico Di Salvo
Progressiva
(2013)





busca | avançada
66543 visitas/dia
2,1 milhões/mês