O afeto que não se encerra | Digestivo Cultural

busca | avançada
53064 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Música: Fabiana Cozza se apresenta no Sesc Santo André com repertório que homenageia Dona Ivone Lara
>>> Nos 30 anos, Taanteatro faz reflexão com solos teatro-coreográficos
>>> ‘Salão Paulista de Arte Naïf’ será aberto neste sábado, dia 27, no Museu de Socorro
>>> Festival +DH: Debates, cinema e música para abordar os Direitos Humanos
>>> Iecine abre inscrições para a oficina Coprodução Internacional para Cinema
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> A história de Claudio Galeazzi
>>> Naval, Dixon e Ferriss sobre a Web3
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
Últimos Posts
>>> Desigualdades
>>> Novembro está no fim...
>>> Indizível
>>> Programador - Trabalho Remoto que Paga Bem
>>> Oficinas Culturais no Fly Maria, em Campinas
>>> A Lei de Murici
>>> Três apitos
>>> World Drag Show estará em Bragança Paulista
>>> Na dúvida com as palavras
>>> Fly Maria: espaço multicultural em Campinas
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Affirmative action
>>> Cozinhando com mamãe
>>> Conheça Carácolis (parte 1)
>>> A falta que Tom Wolfe fará
>>> Mob Flash
>>> A Geração Paissandu
>>> História de um papagaio de papel
>>> Saleté S.A.
>>> YouTube: a história (trailer)
>>> Gran Torino, de Clint Eastwood
Mais Recentes
>>> Operação Thermos Amazônia de Carlos Araujo pela Nordica (1990)
>>> O Pequeno Livro da Verdadeira Felicidade de Anselm Grun pela Loyola (2003)
>>> O Incêndio de Troia de Marion Zimmer Bradley pela Círculo do Livro
>>> Biblioteca Vida e Missão - Carta Pastoral do Colégio Episcopal de N/d pela Imprensa Metodista
>>> Mais Feliz Que Deus de Neale Donald Walsch pela Agir (2009)
>>> Escola de Equitação para Moças de Anton Di Sclafani pela Intrínseca (2014)
>>> A Salamandra de Morris West pela Record (1973)
>>> The Company of Ghosts de Berlie Doherty pela Andersen Press
>>> Tarot Hipocampo (sem Baralho) de Beatriz Vilela pela Hipocampo
>>> A Terra do Deus Dará de João Batista de Andrade pela Atual (1991)
>>> Indomada - Série House of Night - Livro 4 de P. C. Cast e Kristin Cast pela Novo Século (2010)
>>> As Regiões Selvagens do Mundo - Coleção Completa 18 Vol. de N/d pela Cidade Cultural (1984)
>>> A Profetisa de Barbara Wood pela Record
>>> Neuroanatomia Funcional de Angelo Machado pela Atheneu (1993)
>>> Legislação Previdenciária Centro de Estudos da Seguridade Social de Anfip / Centro de Estudos da Seguridade Social pela Anfip (1998)
>>> O Milagre de Nicholas Sparks pela Agir (2010)
>>> The Red Balloon de Eduardo Amos e outros pela Richmond (2005)
>>> Revista Playboy n133 Renée de Vielmond de Civita pela Abril (1986)
>>> Dulcina e o teatro de seu tempo de Sérgio Viotti pela Lacerda (2000)
>>> Meditações para reavivar a esperança 1 e 2 de Dom Irineu Roque Scherer pela Fazenda da Esperança
>>> A Morte de Ivan Ilitch de Leon Tolstói pela L&Pm Pocket (2013)
>>> Um deus na contamão de Costanzo pela Cidade Nova (2013)
>>> Terapia de Vidas Passadas - Uma viagem no tempo para desatar os nós do inconsciente de Célia Resende pela Nova Era (1999)
>>> Construindo um Mundo Onde Todos Ganhem de Hezeel Henderson pela Cultrix (2003)
>>> E o Sol Voltou a Brilhar de Petrucio pela Livree (1996)
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Imprensa

Quarta-feira, 18/12/2002
O afeto que não se encerra
Julio Daio Borges

+ de 3000 Acessos




Digestivo nº 112 >>> Não se sabe se por escolha própria ou se por descaso das editoras, o Paulo Francis que conhecemos morreu restrito à sua última fase. Aquela de "Manhattan Connection" e de "Diário da Corte", no "Estado de S. Paulo". Como alguém que se arrepende de uma fantasia ou de uma pose, o Paulo Francis esquerdista dos anos 60 e 70 foi devidamente sufocado. E com ele a maior parte dos seus livros. (Cabe à crítica dizer se também a "melhor parte".) Há controvérsias; principalmente aquelas em que insistem em dividi-lo em dois - sem nenhum ponto de contato, como se não fossem a mesma pessoa. Contudo, não se sabe se à revelia do último Paulo Francis, o autor dos romances ensaia seu retorno triunfal, graças à editora fundada pela viúva, Sonia Nolasco, e por Wagner Carelli, um amigo comum. O nome é "W11" e o projeto, ao que parece, um sonho acalentado pelo trio (os dois mais Francis). O currículo de Sonia dispensa comentários: além de passagens pelo "Globo", pela "Gazeta" e pelo "Estadão", foi correspondente do "Pasquim" (o original) em Paris, tendo também escrito romances (já programados pela W11). Carelli esbanja igualmente competência: foi colaborador de Mino Carta em "IstoÉ", "Senhor" e "Carta Capital", tendo recentemente fundado as revistas "Bravo!", "República", "Sabor" e, mais recentemente ainda, a inédita "Oi". Tanta experiência só poderia dar numa coisa: a W11 não vai sobreviver apenas de alta cultura, inteligência da melhor qualidade e biscoitos finos. Qual a solução então? Dividi-la em várias. Eis a explicação por trás dos selos. São quatro: Francis, para o filet mignon; Religare, para psicologia e religião; Novo Paradigma, para "desenvolvimento pessoal" (auto-ajuda?); e W11 (ele mesmo), para o público infanto-juvenil. Instalada numa casa discreta à rua Vupabassu, em Pinheiros, já merece todas as loas pelas caprichadas edições dos dois primeiros romances de Paulo Francis: "Cabeça de papel" e "Cabeça de Negro". O primeiro com orelha de Daniel Piza e o segundo com orelha de Diogo Mainardi. Ambos com partes do ensaio (definitivo, segundo Francis) de José Onofre. O espectro que prometia puxar o pé dos políticos em Brasília, volta a assombrar seus leitores com sua presença ofuscante, graças à W11.
>>> W11 Editores | Cabeça de Francis
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Centenário de Noel Rosa, por Francisco Bosco, na Rádio Batuta (Música)
02. Maria Bethânia em Amor Festa Devoção (Música)
03. Um enigma chamado Brasil, 29 intérpretes e um país (Artes)
04. Na Cabeça, de Marcos Sacramento, ao vivo (Música)
05. Genealogia da Moral, de Nietzsche (Literatura)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Falando Pelos Cotovelos
Lucia Pimentel Goes, Negreiros
Moderna
(2002)



O Baú do Medo Coletânea de Cordéis de Suspense e Terror
Zeca Pereira Org
Nordestina
(2019)



Literatura do Minarete
Monteiro Lobato
Brasiliense
(1959)



Tem Carta pra Mim?
Fanny Abramovich
Scipione
(1994)



Cultura - Ano I - N. 3
Ministério da Educação e Saúde
Não Informado
(1949)



Literatura Comentada - Mario de Andrade
João Luiz Lafetá
Nova Cultura
(1990)



Brasil Aspectos da Cultura Brasileira
1993
Empresa das Artes



Recetario Industrial: Fórmulas, Secretos, Recetas, Trabajos Lucrativos
G D Hiscox; a a Hopkins
Gustavo Gili
(1961)



O Evangelho Que nos Cura - Diálogos Sobre a Não-violência
Bernhard Haring e Valentino Sa
Paulinas
(1992)



Emoções Em Familia
Silvia Bruno Securato
Oficina do Livro
(2008)





busca | avançada
53064 visitas/dia
2,2 milhões/mês