The Spooky Art | Digestivo Cultural

busca | avançada
64869 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Conto HAYEK, de Maurício Limeira, é selecionado em coletânea da Editora Persona
>>> Os Três Mosqueteiros - Um por Todos e Todos por Um
>>> Sesc 24 de Maio recebe o projeto Parlavratório - Conversas sobre escrita na arte
>>> Cia Caravana Tapioca faz 10 anos e comemora com programação gratuita
>>> Eugênio Lima dirige Cia O GRITO em novas intervenções urbanas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
>>> A história de Chieko Aoki
>>> Uma história do Fogo de Chão
>>> BDRs, um guia
>>> Iggor Cavalera por André Barcinski
>>> Dave Brubeck Quartet 1964
Últimos Posts
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
>>> Indistinto
>>> Mais fácil? Talvez
>>> Riacho da cacimba
>>> Mimético
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Uma vida bem sucedida?
>>> A morte da Capricho
>>> Quem é (e o que faz) Julio Daio Borges
>>> Bienal do Livro Bahia
>>> A primeira hq de aventura
>>> Como Passar Um Ano Sem Facebook
>>> Mulheres de cérebro leve
>>> O curioso caso de Alberto Mussa
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> Digestivo Cultural: 10 anos de autenticidade
Mais Recentes
>>> Os Mistérios da Rosa-cruz de Christopher Mcintosh pela Ibrasa (1987)
>>> Las Glandulas Nuestros Guardianes Invisibles de M. W. Kapp pela Amorc (1958)
>>> Experiências Práticas de Ocultismo para Principiantes de J. H. Brennan pela Ediouro (1986)
>>> As Doutrinas Secretas de Jesus de H. Spencer Lewis pela Amorc (1988)
>>> Amigos Secretos de Anamaria Machado pela Ática (2021)
>>> A Vós Confio de Charles Vega Parucker pela Amorc (1990)
>>> O Segredo das Centúrias de Nostradamus pela Três (1973)
>>> Para Passar em Concursos Jurídicos - Questões Objetivas com Gabarito de Elpídio Donizetti pela Lumem Juris (2009)
>>> Dicionário espanhol + Bônus: vocabulário prático de viagem de Melhoramentos pela Melbooks (2007)
>>> Memorias De Um Sargento De Milicias de Manuel Antônio de Almeida pela Ática (2010)
>>> Turma da Mônica Jovem: Escolha Profissional de Maurício de souza pela Melhoramentos (2012)
>>> Xógum Volume 1 e 2 de James Clavell pela Círculo do Livro
>>> Viva à Sua Própria Maneira de Osho pela Academia
>>> Virtudes - Excelência Em Qualidade na Vida de Paulo Gilberto P. Costa pela Aliança
>>> Vida sem Meu Filho Querido de Vitor Henrique pela Vitor Henrique
>>> Vida Nossa Vida de Francisco Cândido Xavier pela Geem
>>> Vida Depois da Vida de Dr. Raymond e Moody Jr pela Circulo do Livro
>>> Vícios do Produto e do Serviço por Qualidade, Quantidade e Insegurança de Paulo Jorge Scartezzini Guimarães pela Revista dos Tribunais
>>> Viagem na Irrealidade Cotidiana de Umberto Eco pela Nova Fronteira
>>> Uma Só Vez na Vida de Danielle Steel pela Record (1982)
>>> Uma Família Feliz de Durval Ciamponi pela Feesp
>>> Um Roqueiro no Além de Nelson Moraes pela Speedart
>>> Um Relato para a História - Brasil: Nunca Mais de Prefácio de D. Paulo Evaristo pela Vozes
>>> Um Longo Amor de Pearl S Buck pela Circulo do Livro
>>> Um Estranho no Espelho de Sidney Sheldon pela Circulo do Livro
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Imprensa

Quarta-feira, 2/4/2003
The Spooky Art
Julio Daio Borges

+ de 2100 Acessos




Digestivo nº 127 >>> Embora tenha sido escrito no dia 27 de fevereiro e publicado no "The New York Review of Books" de 27 de março, o ensaio de Norman Mailer sobre a guerra do Iraque é o que há de mais pertinente para se ler sobre o assunto. Soa mais ou menos óbvio que as melhores análises sobre o conflito, que envolve a política doméstica dos Estados Unidos, saiam de penas que acompanham o dia-a-dia de democratas e republicanos - assim como os melhores perfis de Lula só podem sair da cabeça de gente que conhece os meandros da política que se faz no Brasil. Além disso, o sujeito precisa traçar paralelos com outras guerras e outros conflitos semelhantes, dentro e fora da América do Norte. Por último, é necessário saber escrever. Reunir essas três qualidades, hoje, numa única pessoa é quase impossível. Aqui, para começar, os jornalistas estão dominados pela ideologia de seu partido: cada um vai contar a história "do seu jeito". Depois, poucos viveram, por exemplo, o Vietnã - sendo cronologicamente incapazes de comparações fundamentais entre, digamos, Donald Rumsfeld e Robert S. McNamara. Para terminar, escrever, de verdade, muito poucos sabem. Então Norman Mailer - 80 anos, jornalista ativo, escritor entre os maiores dos Estados Unidos - dá um banho em cadernos inteiros que a imprensa brasileira diariamente regurgita sobre a guerra. Mailer intitula seu ensaio "Only in America", algo como: "Só [mesmo] nos Estados Unidos". A seguir, parte de uma reconstituição do fenômeno George W. Bush que remonta ao governo Bill Clinton, atravessa o escândalo Monica Lewinksi e se consolida com a derrota de Al Gore numa eleição e numa apuração macarrônicas. Refresca a nossa memória sobre a figura biônica do ditador Saddam Hussein, estabelece a comparação básica com Osama bin Laden e termina concordando que a briga, mais que por terrorismo, é por petróleo. Mas não absolve a Europa de todas as suas culpas, nem inocenta a China ou a Rússia (seu passeio pela guerra fria é igualmente notável). Engata, contudo, um raciocínio que é dinamite pura: Bush, os republicanos e os neoconservadores de última hora, no fundo, querem é "salvar o mundo". Reverter a liberação sexual, o lixo atômico produzido pela mídia, a força ameaçadora das "minorias" reinantes. Mais do que o discurso, é a luta do "bem" contra o "mal" - e a mensagem do império nunca esteve tão clara: "Se nós não desviarmos o mundo do caos e do mau caminho, quem o fará?". Esse é Norman Mailer, emulando George W. Bush. Deleite puro. A imprensa brasileira deveria urgentemente traduzi-lo, e elevar a discussão a um patamar mais adequado.
>>> Only in America
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. A Piauí tergiversando sobre o fim dos jornais (Imprensa)
02. São Paulo, que dá nome à nossa cidade (Além do Mais)
03. Juno, de Diablo Cody (Cinema)
04. A pintura, textos essenciais, volume 9 (Artes)
05. Aqui você encontra? (Internet)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Conversas Com Joao Carlos Martins
David Dubal
Green Forest do Brasil
(1999)



Repenser La Gestion de nos Sociétés
Pierre Calame ( Coord.)
Charles Léopold Mayer
(2003)



Quem Controla Quem? Pais Ou Filhos
Lawrence Balter
Saraiva
(1990)



Rumor da Casa
Telma Scherer
7 Letras
(2008)



A Prática Profissional do Assistente Social - Vol. 1 - 1ª Edição
Myrian Veras Baptista & Odária Battini (orgs)
Veras
(2009)



Quimica na Abordagem do Cotidiano Volume 1 Modernaplus
Tito/canto
Modernaplus
(2010)



Discurso Sobre o Método
René Descartes
Hemus
(1978)



Para Sempre Alice
Lisa Genova
Harpercollins
(2015)



Instrumentação Em Cirurgia da Coluna Vertebral
Jürgen Harms e Giuseppe Tabasso
Dilivro
(2001)



O Pensamento Vivo de Chaplin
José Geraldo Simões
Martin Claret
(1984)





busca | avançada
64869 visitas/dia
2,2 milhões/mês