Trilogia Evil Dead | Nemo Nox | Digestivo Cultural

busca | avançada
70777 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Clube do Conto Apresenta: Criaturas, de Carol Bensimon
>>> Vancouver Animation School apresenta webinário gratuito de animação
>>> Núcleo Menos1 Invisível evoca novas formas de habitar o mundo em “Poemas Atlânticos”
>>> Cia O Grito faz intervenção urbana com peças sonoras no Brás
>>> Simbad, o Navegante está na mostra online de teatro de Jacareí
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Ao pai do meu amigo
>>> Paulo Mendes da Rocha (1929-2021)
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
Colunistas
Últimos Posts
>>> Blue Origin's First Human Flight
>>> As últimas do impeachment
>>> Uma Prévia de Get Back
>>> A São Paulo do 'Não Pode'
>>> Humberto Werneck por Pedro Herz
>>> Raquel Cozer por Pedro Herz
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
>>> Fernando Cirne sobre o e-commerce no pós-pandemia
Últimos Posts
>>> Renda Extra - Invenção de Vigaristas ou Resultado
>>> Triste, cruel e real
>>> Urgências
>>> Ao meu neto 1 ano: Samuel "Seu Nome é Deus"
>>> Rogai por nós
>>> Na cacimba do riacho
>>> Quando vem a chuva
>>> O tempo e o vento
>>> “Conselheiro do Sertão” no fim de semana
>>> 1000 Vezes MasterChef e Nenhuma Mestres do Sabor
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Como o Google funciona
>>> A boa literatura brasileira
>>> Sebo de Livros do Seu Odilon
>>> História da leitura (III): a imprensa de Gutenberg
>>> Talk Show
>>> Para ler o Pato Donald
>>> Isto é um experimento
>>> Em quem a Tropicália vai votar
>>> Toscanini e o Hino da República
>>> Vida virtual, vida real
Mais Recentes
>>> City of Bones de Michael Connelly pela Vision (2003)
>>> The Last Coyote de Michael Connelly pela Grand Central (2007)
>>> The Terminal Man de Michael Crichton pela Harper Usa (2009)
>>> Angels Flight de Michael Connelly pela Grand Central (2000)
>>> Micro de Michael Crichton pela Harper Usa (2011)
>>> Sapphique de Catherine Fisher pela Children's book (2012)
>>> Danny the Champion of the World de Roald Dahl pela Puffin Books (2007)
>>> O Brasil Ainda Se Pensa - 50 Anos de Formação da Literatura Brasileira de Ana Laura dos Reis Correa pela Horizonte (2012)
>>> The Search de John Battelle pela Portfolio
>>> Curso de Desenho e Pintura - Acrílico, Pastel e Guache de Vários Autores pela Globo (1985)
>>> I Am Legend de Richard Matheson pela Tor Books (2007)
>>> Música Eletrônica: uma Introdução Ilustrada Ed. 2 de Eloy F. Fritsch pela Ufrgs (2013)
>>> Curso de Desenho e Pintura - Desenho à Lápis de Vários Autores pela Globo (1985)
>>> Curso de Desenho e Pintura - Desenho a Tinta e Carvão de Vários Autores pela Globo (1985)
>>> Curso de Desenho e Pintura - Pintura à Óleo III de Vários Autores pela Globo (1985)
>>> Curso de Desenho e Pintura - Pintura à Óleo 1 de Vários Autores pela Globo (1985)
>>> História Geral das Civilizações - V O Século XVIII Vol. 1 de R. Mousnier e E. Labrousse pela Difusão Europeia do Livro (1970)
>>> História Geral das Civilizações - I O Oriente e a Grécia Vol. 1 de A. Aymard e J. Auboyer pela Difusão Europeia do Livro (1970)
>>> História Geral das Civilizações - VII A Época Contemporânea Vol. 2 de Maurice Crouzet pela Difusão Europeia do Livro (1970)
>>> História Geral das Civilizações - I O Oriente e a Grécia Vol. 1 de A. Aymard e J. Auboyer pela Difusão Europeia do Livro (1979)
>>> Curso de Desenho e Pintura - Aquarela III de Vários Autores pela Globo (1985)
>>> História Geral das Civilizações - VI O Século XIX Vol. 2 de Robert Schnerb pela Difusão Europeia do Livro (1975)
>>> Curso de Desenho e Pintura - Aquarela II de Vários Autores pela Globo (1985)
>>> História Geral das Civilizações - II Roma e seu Império Vol. 3 de A. Aymard e J. Auboyer pela Difusão Europeia do Livro (1979)
>>> Crime and Punishment de Fyodor Dostoevsky pela Second Edition (2012)
COLUNAS

Terça-feira, 13/5/2003
Trilogia Evil Dead
Nemo Nox

+ de 7000 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Sam Raimi é hoje cineasta celebrado, com sucessos de crítica como A Simple Plan (Um Plano Simples) e sucessos de público como Spider-Man. Mas sua carreira começou com filmes modestíssimos, que se tornaram cultuados e superestimados. É a trilogia Evil Dead, citada muitas vezes mas raramente avaliada criticamente.

O primeiro filme da série, The Evil Dead (EUA, 1981), conta a história de cinco amigos (dois rapazes e três garotas) que vão passar o fim-de-semana numa cabana na floresta. Lá encontram um livro antigo e uma gravação com a tradução de inscrições aparentemente indecifráveis. Inadvertidamente, eles ouvem a fita e despertam demônios que vão se apossando dos seus corpos, um a um.

Mas, apesar do tema, não se trata de um filme de horror. Pelo contrário, a violência exagerada lembra os desenhos animados de Tex Avery e a encenação infantilizada sofre forte influência de The Three Stooges (Os Três Patetas).

Pouca coisa acontece além de uma longa seqüência de pessoas sendo possuídas por demônios, transformando-se em criaturas nojentas e em seguida sendo mutiladas e desmembradas pelo herói Ashley, interpretado de forma extremamente caricata por Bruce Campbell, amigo de infância de Sam Raimi. No final, ele é o único sobrevivente, mas como convém ao gênero, há uma última cena que deixa em aberto seu destino: teria sido também vítima dos demônios ou foi somente um movimento de câmara mais ousado para terminar o filme com algum impacto visual?

Evil Dead II: Dead by Dawn (EUA, 1987) é uma das continuações mais estranhas da história do cinema, por dois motivos. Primeiro, em vez de dar continuidade à história, simplesmente o filme reconta a mesma trama com variações mínimas. Segundo, desmente basicamente tudo o que foi contado no episódio anterior.

Numa rápida introdução, ficamos sabendo como Ashley, novamente interpretado por Bruce Campbell, foi parar naquela cabana. Mas agora em vez dos cinco amigos temos somente um casal, e vários detalhes importantes são revisados, como a forma que o livro dos mortos é encontrado e os demônios invocados, ou o momento em que descobrimos que a ponte foi destruída e os personagens estão isolados na cabana maldita.

Sozinho por alguns momentos, Ashley protagoniza várias cenas que poderiam ter saído diretamente de desenhos animados, especialmente quando sua mão é possuída por um demônio (e posteriormente amputada pelo próprio Ash).

Como o roteiro pouco mais é que uma sucessão de vítimas para serem esquaterjadas, logo temos a visita de mais quatro personagens (a filha do dono da cabana, seu noivo, um guia e sua namorada) e a descoberta de um quinto (a mãe enterrada no porão, que ressurge ao ser também possuída pelas criaturas do além).

Segue-se muito sangue, muita gosma, e muita violência cartunesca, com destaque para o olho demoníaco que sai voando de uma cabeça possuída para entrar diretamente na boca da mocinha que grita. Assim como no episódio anterior, este também termina com a história em aberto, com Ashley sendo transportado através de um túnel mágico até a Idade Média, onde tem que combater demônios novamente.

Quando Sam Raimi parecia finalmente ter deixado para trás os tempos de Evil Dead (que não deveria render mais que um curta-metragem mas que ele transformou em dois longas), e apesar de já contar com um filme interessante no currículo, Darkman, ele voltou à série com Army of Darkness: Evil Dead 3 (EUA, 1993).

Mais uma vez reconta o que aconteceu nos filmes anteriores, e mais uma vez a história é desmentida e modificada sem pudores, desde de detalhes sem importância (como a namorada de Ash, interpretada por Betsy Baker no primeiro filme, por Denise Bixler no segundo e por Bridget Fonda no terceiro) a acontecimentos fundamentais (em Dead by Dawn, Ash chega na Idade Média matando demônios e é logo celebrado como salvador, em Army of Darkness ele não encontra demônio algum e é capturado como inimigo).

Desta vez, a ação não se passa na cabana da floresta, mas em castelos e florestas do passado, onde Ashley vai combater os mesmos demônios invocados pelo mesmo livro mágico. O tom de comédia também é o mesmo, agora com mais citações a outros filmes. Temos a frase de The Day the Earth Stood Still (Klaatu barada nikto), o moinho e o monstro reconstruído de Frankenstein, os liliputianos de Gulliver's Travels, a criatura de duas cabeças de The Thing with Two Heads, os esqueletos animados de The 7th Voyage of Sinbad, e mais uma vez as palhaçadas de The Three Stooges.

Esse terceiro episódio ao menos oferece uma história que vai além da matança em série numa cabana isolada. O roteiro, porém, é ainda primário, e todo o interesse se centra novamente nos efeitos especiais, que, apesar de melhorarem a cada filme e serem muitas vezes engenhosos, freqüentemente revelam a falta de recursos mostrando os fios que movem os objetos e outras imperfeições.

Vista em conjunto, a trilogia Evil Dead é uma obra formalmente claudicante e narrativamente rarefeita. Pode servir como exemplo de filmes onde os realizadores se divertem mais na produção que os espectadores na exibição, mas não como modelo a ser seguido por quem quer contar uma boa história nas telas.

Nota do Editor
Texto gentilmente cedido pelo autor. Nemo Nox é editor do blog Por um Punhado de Pixels e do site Burburinho, onde este texto foi originalmente publicado.


Nemo Nox
Washington, 13/5/2003


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Um Lugar para Fugir Antes de Morrer de Adriane Pasa
02. Um alucinante encontro com Lula de Elisa Andrade Buzzo
03. Alice e a História do Cinema de Marcelo Spalding
04. Os desajustados de Elisa Andrade Buzzo
05. Kindle, iPad ou Android? de Vicente Escudero


Mais Nemo Nox
Mais Acessadas de Nemo Nox em 2003
01. The Matrix Reloaded - 20/5/2003
02. René Magritte - 7/5/2003
03. Jonny Quest - 15/1/2003
04. Jogos de escritores - 3/3/2003
05. Trilogia Evil Dead - 13/5/2003


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
13/12/2003
21h13min
Desde que o vi o 1º Evil Dead, me encantei, não pelos efeitos, mas pela história e pelas idéias do autor, o 1º e o 2º são realmente clássicos do Terror. Neles, há o que realmente se quer em um filme de terror, há sangue, mortes, cenas de angústia e medo. Realmente nota 10!!!
[Leia outros Comentários de Márcio Marchesini]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A Celebração na Vida Cristã
Claude Duchesneau
Paulinas
(1977)



Coleções do Brasil - Museu de Arte Assis Chateaubriand Pb
Marcus Lontra Costa ( Curadoria )
Ccbb
(2001)



Máxima Mínimas e Outros Textos: um Caminho para Alguns
Suffit Kitab Akenat
Landy
(2003)



Vozes do Chicão
Váios
0000
(2013)



Negócios de Familia
Vincent Patrick
Klick
(1997)



O Caçador de Pipas
Khaled Housseini
Nova Fronteira
(2003)



Como Amar um Libriano - 1ª Edição
Mary English
Pensamento
(2014)



Cadernos de Anotações I - Contos do Alquimista
Paulo Coelho
Caras
(1999)



Minha Ginástica Sexual
Maria Lúcia Rezende
Art
(1993)



Laser B1+ Student S Book Updated For the Revised Fce Com Cd
Steve Taylore- Knowles
Macmillan
(2008)





busca | avançada
70777 visitas/dia
2,4 milhões/mês