Divagações | Maurício Dias | Digestivo Cultural

busca | avançada
39219 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Terça-feira, 24/6/2003
Divagações
Maurício Dias

+ de 5000 Acessos

Neste mês de junho fui testemunha de uma confusão de identidades na internet. Alguém que escreve num site de jornalismo não era quem eu achava que era.

Ocorreu-me que também eu estou passível de ser confundido com homônimos. Mauricio Dias é um nome comum, há um artista plástico e "videomaker" com este nome, e um ex-editor do Jornal do Brasil, que se não me engano hoje faz documentários.

Como em geral escrevo sobre cinema e pintura, é bem possível ser confundido com estes dois. O MD artista trabalha em parceria com Walter Riedweg. O jornalista era colega de Fritz Utzeri. Riedweg e Utzeri sim, são nomes inconfundíveis por estas bandas. Mauricio Dias é um nome muito vira-lata.

Talvez eu devesse adotar um dos meus outros sobrenomes. Um deles é Souza. Desde pequeno ouço que sou o criador da Mônica e do Cebolinha. O Souza do original é Sousa, com "s". Mas ia ser confuso do mesmo jeito.

Talvez um pseudônimo? Gosto daqueles dos reis de antigamente. Pedro, o Grande; Ivan, o Terrível; Dom Manuel, o Venturoso (embora este possa sugerir problemas de gases). Dona Maria, a Louca, é bem pouco lisonjeiro. De todos o meu preferido é Pedro, o Gotoso - sim, por que ele sofria de gota.

Em Ipanema, sempre que admirava as meninas de biquíni, acabava emitindo o gracejo "Gotosa" - e este é o tipo de coisa que só se faz em companhia de amigos, que graça tem fazer um comentário cafajeste se ninguém vai ouvir?

Mas isso é uma digressão, o assunto era a busca de uma alcunha inconfundível. Mauricio, o Gênio? Talvez soe um pouco arrogante.

Imagino como seria se ainda se mantivesse esta tradição de apelidos entre os mandatários do séc. XX e contemporâneos: Jânio, o Bêbado; Marco Maciel, o Magro. Ia ter muito político com apelidos impublicáveis. Fulano, o Filho da P...

E os internacionais? Princípe Charles, o Feio; Menem, o Milongueiro; Fidel, o Barba; Clinton, o do Charuto.

Lula, de certa forma recuperou este tipo de apelido. No início era Luis Inácio da Silva, o Lula. Mas virou Luis Inácio "Lula" da Silva, e perdeu o impacto.

Quanta bobagem... Já decidi, não vou usar apelido: a partir de agora assino Mauricio O. Dias. Mais ou menos como Samuel L. Jackson.

Olympia, de Otto Friedrich
Encontrei num sebo e devorei rapidamente o ótimo Olympia de Otto Friedrich. Fundamental para quem se interessa pelos pintores impressionistas, o livro está esgotado nas livrarias. Bem que a editora, a Companhia das Letras, poderia relançá-lo.

Este é um problema com os livros aqui: depois de uns anos não são relançados e torna-se dificílimo achá-los. Nos Estados Unidos encontra-se quase tudo - inclusive o Olympia - na amazon.com, a preços acessíveis.

O legal no livro é que ele contextualiza bem a época, fala do governo de Napoleão III, da reestruturação de Paris - através da destruição dos cortiços e a criação de alguns parques hoje célebres - e da Guerra Franco-Prussiana. E é claro, fala muito de Manet, suas obras-primas e sua recusa em se unir totalmente aos impressionistas.

O autor, Otto Friedrich, é um historiador americano, que trabalhou durante anos como correspondente estrangeiro para a Star and Stripes, revista oficial do Exército dos EUA. Este currículo garante ao mesmo tempo uma pesquisa acurada e uma agilidade de texto saborosa. Otto é também o autor de "A Cidade Das Redes - Hollywood nos anos 40" (também da Companhia das Letras).

É o melhor livro que já li sobre a indústria de cinema - não é um livro de críticas. Para escrevê-lo, Otto leu cerca de quinhentos livros sobre Hollywood. Valeu a pena, porque ele criou um painel grandioso, onde se fala do cinema como arma de propaganda na guerra, a ação da máfia nos sindicatos, Mcarthismo, e muito mais. E vemos expostas as fraquezas humanas daquelas pessoas que por gerações têm manipulado os sonhos de todo o mundo.

Dica internética
Para terminar uma dica internética. Gustav Klimt foi o gênio austríaco da pintura e da art deco na transição dos séculos XIX/XX, sua obra mais famosa é "O Beijo".

Para quem aprecia a beleza, recomendo entrar no site expo-klimt.com e clicar nas imagens que tem lá.


Maurício Dias
Rio de Janeiro, 24/6/2003


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Os Doze Trabalhos de Mónika. 6. Nas Asas da Panair de Heloisa Pait
02. Lançamento de Viktor Frankl de Celso A. Uequed Pitol
03. Omissão de Ricardo de Mattos
04. O bom e velho formato site de Fabio Gomes
05. A Dama Dourada, de Anne-Marie O'Connor de Ricardo de Mattos


Mais Maurício Dias
Mais Acessadas de Maurício Dias em 2003
01. A obra-prima de Raymond Chandler - 21/1/2003
02. Picasso e Matisse: documentos - 10/6/2003
03. Uma teoria equivocada - 14/10/2003
04. Quentin Tarantino: violência e humor - 29/7/2003
05. Por onde anda a MPB atualmente? - 20/5/2003


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




FISIOTERAPIA NEUROLÓGICA
DARCY ANN UMPHRED
MANOLE
(1994)
R$ 50,00



IGREJA NO BRASIL - DIRETÓRIO LITÚRGICO - 1996
CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL
CNBB
(1996)
R$ 7,00



NOVELA DAS SETE: 1986, O ANO QUE DEVERIA DAR CERTO
LINDINOR SÁ LARANGEIRAS
LITTERIS
(1986)
R$ 26,28



WHERED YOU GO, BERNADETTE: A NOVEL
MARIA SEMPLE
LITTLE BROWN AND COMPANY
(2012)
R$ 30,00



A IGREJA DOS TEMPOS CLÁSSICOS (I)
DANIEL ROPS
QUADRANTE
(2000)
R$ 75,00



ENGAGE LEVEL 2 STUDENT BOOK AND WORKBOOK
ALICIA ARTUSI; GREGORY J. MANIN
OXFORD DO BRASIL
(2011)
R$ 20,00



POR UM NASCIMENTO CONSCIENTE
HAROLDO E FLÁVIA DE FARIA CASTRO
GROUND
(1977)
R$ 10,00



ATLÂNTIDA O OITAVO CONTINENTE
CHARLES BERLITZ
CIRCULO DO LIVRO
R$ 16,80



CORAGEM. O PRAZER DE VIVER PERIGOSAMENTE
OSHO
CULTRIX
(1999)
R$ 20,00



EDUCAÇÃO - UM NOVO OLHAR
ROSANA ANDRÉIA
FOCO
(2019)
R$ 40,00





busca | avançada
39219 visitas/dia
1,2 milhão/mês