Contramão, de Henrique Schneider | Luis Eduardo Matta | Digestivo Cultural

busca | avançada
87759 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Projeto 8x Hilda reúne obra teatral de Hilda Hilst em ciclo de leituras online
>>> Afrofuturismo: Lideranças de de Angola, Cabo Verde e Moçambique debatem ecossistemas de inovação
>>> Ibraíma Dafonte Tavares desvenda preparação e revisão de texto
>>> O legado de Roberto Burle Marx é tema de encontro online
>>> Sala MAS/Metrô Tiradentes - Qual é a sua Cruz?
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
>>> Jogando com Cortázar
>>> Os defeitos meus
>>> Confissões pandêmicas
>>> Na translucidez à nossa frente
Colunistas
Últimos Posts
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
Últimos Posts
>>> Kate Dias vive Campesina em “Elise
>>> Editora Sinna lança “Ninha, a Bolachinha”
>>> “Elise”: Lara Oliver representa Bernardina
>>> Tonus cristal
>>> Meu avô
>>> Um instante no tempo
>>> Salvem à Família
>>> Jesus de Nazaré
>>> Um ato de amor para quem fica 2020 X 2021
>>> Os preparativos para a popular Festa de Réveillon
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Homenagem a Fred Leal, do podcast É Batata
>>> A melhor companhia para o Natal
>>> A proposta libertária
>>> Semana da Canção Brasileira
>>> Mashup Camp Day One
>>> Estranha coincidência
>>> Aula com Suassuna
>>> O pingente que deu certo
>>> Fidelio, primeira parte
>>> Um brasileiro no Uzbequistão (III)
Mais Recentes
>>> Contos tradicionais do Brasil (Literatura Popular) de Luís da Câmara Cascudo pela Global (2004)
>>> A verdadeira história de vida e morte de Raimundo Jacó - Missa do Vaqueiro de Pedro Bandeira pela Juazeiro do Norte
>>> A Escola da Anarquia (Pedagogia/Educação Anarquista) de Josefa Martín Luengo pela Achiamé (2007)
>>> Piaget, Vygotsky, Wallon: Teorias Psicogenéticas em Discussão de Yves de la Taille/Marta Kohl de Oliveira/Heloysa Dantas pela Summus (1992)
>>> Por uma outra Globalização: Do pensamento único à consciência universal de Milton Santos pela Record (2011)
>>> Educação Libertária: Textos de um Seminário (Pedagogia/Educação Anarquista) de José Maria Carvalho Ferreira (Org.) pela Achiamé (1996)
>>> Pensamento e Linguagem (Pedagogia/Educação) de Lev Vigotski pela Martins Fontes (2005)
>>> A formação social da mente (Pedagogia/Educação) de Lev Vigotski pela Martins Fontes (2007)
>>> Cultura Insubmissa (Estudos e reportagens) de Rosemberg Cariri/Oswald Barroso pela Nação Cariri (1982)
>>> Globalização, democracia e terrorismo de Eric Hobsbawn pela Cia. das Letras (2007)
>>> A Produção Cultural para a Criança de Regina Zilberman (Org.) pela Mercado Aberto (1982)
>>> Desenvolvimento e Educação da Criança - Aplicação de Piaget na sala de aula (Pedagogia/Educação) de David Elkind pela Zahar (1978)
>>> Pedagogia do Risco - Experiências anarquistas em Educação (Pedagogia/Educação) de Sílvio Gallo pela Papirus (1995)
>>> Recordando Paulo Freire: Experiências de Educação Libertadora na Escola (Pedagogia/Educação) de Maria Oly Pey (Org.) pela Achiamé (2007)
>>> O Anarquismo Hoje - Uma reflexão sobre as alternativas libertárias de Jorge E. Silva pela Achiamé (2007)
>>> História da Língua Portuguesa – II. Século XV e Meados do Século XVI de Dulce de Faria Paiva pela Ática (1988)
>>> Discurso sobre o Filho-da-Puta (Sociologia/Antropologia) de Alberto Pimenta pela Achiamé (1997)
>>> Propaganda Ideológica e Controle do Juízo Público de Noam Chomsky pela Achiamé (2003)
>>> A Pedagogia Libertária na História da Educação Brasileira (Pedagogia/Educação) de Neiva Beron Kassick/Clovis Nicanor Kassick pela Achiamé (2004)
>>> Vygotsky, quem diria?! Em minha sala de aula (Pedagogia/Educação) de Celso Antunes pela Vozes (2002)
>>> Educação: Projetos e valores (Pedagogia/Educação) de Nilson José Machado pela Escrituras (2021)
>>> Guia Prático do Português Correto – Volume 2 Morfologia de Cláudio Moreno pela L&PM Pocket (2003)
>>> Arte e Anarquismo de Pierre Ferrua/Michel Ragon/Gaetano Manfredonia/Dominique Berthet/C. Valenti pela Imaginário (2001)
>>> A propriedade é um roubo e outros escritos anarquistas (Filosofia) de Pierre-Joseph Proudhon pela L&pm (2008)
>>> Moderna Plus. Matemática Paiva 3 de Manoel Paiva pela Moderna Plus (2010)
>>> Moderna Plus. Matemática Paiva 2 de Manoel Paiva pela Moderna Plus (2010)
>>> Gramática do Texto – Texto da Gramática de Samira Yousseff Campedelli & Jésus Barbosa Souza pela Saraiva (2001)
>>> Moderna Plus. Matemática Paiva 1 de Manoel Paiva pela Moderna Plus (2010)
>>> Matemática volume único ensino médio de Gelson Iezzi, Osvaldo Dolce e David Degenszajn pela Atual (2011)
>>> As Ilhas da Corrente de Ernest Hemingway pela Nova Fronteira (1970)
>>> Aprender e Praticar Gramática – Edição Renovada de Mauro Ferreira pela Ftd (2007)
>>> Poesia Sobre Poesia - Com Dedicatória de Affonso Romano de Santanna pela Imago (1975)
>>> A Agonia do Grande Planeta Terra de Hal Lindsey e C. C. Carlson pela Mundo Cristão (1973)
>>> A Chave de Rebeca de Ken Follett pela Record (1980)
>>> The Golden Tarot de Liz Dean pela Cico Books (2008)
>>> O Universo Numa Casca De Noz de Stephen Hawking pela Mandarim (2002)
>>> Novíssima Gramática Ilustrada Sacconi de Luiz Antonio Sacconi pela Nova Geração (2008)
>>> O Que Fiz para Merecer Isto? a Incompreensível Justiça de Deus de Anselm Grün pela Vozes (2007)
>>> Gramática - Português Fundamental de Douglas Tufano pela Moderna (2001)
>>> Antonio Lizárraga - Quadrados em Quadrados de Maria José Spiteri pela Edusp (2004)
>>> E se? de Randall Munroe pela Companhia das letras (2014)
>>> A outra vida de Susanne Winnacker pela Novo Conceito (2013)
>>> Você está pronta para ficar rica? de Jean Chatzky pela Elsevier (1998)
>>> Você está pronta para ficar rica? de Jean Chatzky pela Elsevier (1998)
>>> Você está pronta para ficar rica? de Jean Chatzky pela Elsevier (1998)
>>> A garota que você deixou para trás de Jojo Moyes pela Intrínseca (2014)
>>> Uma longa jornada de Nicholas Sparks pela Arqueiro (2013)
>>> Pântano de Sangue de Pedro Bandeira pela Moderna (2009)
>>> Hellsing - Volume - 1 EAN: 9788545700319 de Kohta Hirano pela Jbc (2015)
>>> Tentação sem limites de Babi Glines pela Arqueiro (2014)
COLUNAS

Terça-feira, 26/2/2008
Contramão, de Henrique Schneider
Luis Eduardo Matta

+ de 9000 Acessos

Fiquei muitíssimo bem impressionado com a recém-concluída leitura de Contramão (Bertrand Brasil, 2007, 176 págs.), do escritor Henrique Schneider, um dos bons livros que me fizeram companhia neste verão. O romance, consistente e muito bem escrito, de narrativa ágil e um encaminhamento surpreendente, revela as angústias e desatinos de um homem comum, assaltado pela imprevisibilidade da vida, por meio de uma interessantíssima road story em verde-amarelo com sotaque gaúcho.

Contramão, embora não seja declaradamente um thriller, acaba funcionando como tal, já que, uma vez deflagrada a questão dramática logo nas primeiras páginas, o ritmo tenso e inquietante com o qual o narrador conduz a trama, captura de imediato a atenção do leitor que, a partir de então, torna-se refém dos destinos de Otávio Augusto Ribeiro de Souza, o protagonista. Otávio é um vaidoso e ambicioso executivo de 25 anos, que dirige a metalúrgica do tio e mantém uma relação estável, porém morna, com uma moça, Claudia, com quem pretende se casar em breve ― como, aliás, manda o código social do executivo bem posicionado. Tudo na sua vida parece encaminhado e nos seus devidos lugares, quando, numa manhã como outra qualquer, ao sair de carro do prédio onde mora, em Porto Alegre, em direção ao trabalho, Otávio, inadvertidamente, atropela duas crianças que atravessavam uma avenida. Ele apavora-se ao contemplar os dois corpos estendidos no asfalto e, antes que alguém venha acusá-lo de assassinato, resolve, impulsivamente, fugir.

É essa fuga, desesperada e beirando a paranóia, que permeia toda a história. Otávio está certo de que a polícia se encontra no seu encalço ― ainda que não possua nenhum indicativo concreto disso ― e, para escapar dela, embrenha-se pelas estradas do Rio Grande do Sul em direção à fronteira com o Uruguai, onde, acredita, estará a salvo. Neste percurso muitas coisas acontecem. Sempre procurando se antecipar aos seus supostos perseguidores e cada vez mais ciente de que é um foragido procurado por todo o estado, Otávio se transfigura totalmente, e transforma-se em alguém totalmente despido de moral e limites, capaz de qualquer ato em nome da liberdade; alguém, por sinal, muito diferente do executivo esquemático do começo do livro, cujo futuro dourado parecia garantido. A trama avança à medida que Otávio se aproxima do Uruguai e, em meio a lances audaciosos e até perversos, é possível refletir sobre os limites da moral humana. Até que ponto o indivíduo é capaz de conservar sua integridade e decência em situações extremas? Até que ponto conseguimos manter o equilíbrio emocional e não imergir em teorias conspiratórias que, muitas vezes, estão presentes unicamente na nossa imaginação? Mesmo o homem mais civilizado está imune a se deixar dominar pela própria barbárie?

O certo é que, a despeito da dramática mudança operada em Otávio, de suas atitudes abjetas e repulsivas e da loucura que o domina enquanto luta para chegar à fronteira, torcemos por ele o tempo todo, como se o nosso lado obscuro também emergisse no decorrer da leitura. Como se nós, leitores, estivéssemos, igualmente, fugindo de alguma coisa e nos debatendo de forma febril a fim de preservar a nossa liberdade.

Este não é o primeiro trabalho de Henrique Schneider, nascido em Novo Hamburgo, em 1963. Ele tem outras obras publicadas, como Pedro Bruxo, A segunda pessoa e o premiado O grito dos mudos, lançado originalmente em 1989, e reeditado em 2006. Após a boa experiência com Contramão, já adicionei O grito dos mudos à relação das minhas próximas leituras. Pelo que li na sinopse, o livro ― que narra o desespero de um homem de 47 anos ante a repentina perspectiva de ficar desempregado ― parece abordar uma questão similar à de Contramão: a de como a sensação de estabilidade pode ser ilusória diante dos imprevistos surgidos ao longo da nossa existência. Trata-se de um tema incômodo, pertinente e sempre atual, caro a todos nós, e nada melhor do que uma ficção inteligente para nos levar a pensar a respeito e a fazer, se possível, uma analogia com as nossas próprias vidas.

Leitura no interior do país
Na minha recente temporada anual de verão na chácara de Maricá, uma percepção que se insinuava havia tempos, não me saiu da cabeça e materializou-se de vez: a de como a expansão do mercado livreiro brasileiro poderia se dar pelas cidades menores, pelo vasto interior do país.

Explico: uma das alegações recorrentes que as pessoas fazem para justificar o fato de lerem pouco é a falta de tempo, em meio à correria do dia-a-dia. O trânsito, o ritmo acelerado da cidade grande que se incumbe de seqüestrar as horas livres, as demandas da vida moderna mais fortemente presentes nos grandes centros etc, tudo contribui para afastá-las dos livros. Ora, já que é assim, por que as editoras, então, não voltam suas atenções para o interior, onde a vida é mais lenta, as coisas não acontecem na mesma velocidade furiosa e as pessoas contam com mais tempo disponível em contraste com opções de lazer e cultura em número menor do que em metrópoles como, por exemplo, o Rio de Janeiro ou São Paulo?

Falando dessa forma, parece uma tarefa simples, mas não é. A começar pela dimensão territorial do Brasil, que torna qualquer iniciativa dessa natureza quase uma missão intergaláctica, sem contar os razoáveis investimentos que precisariam ser feitos, inclusive porque a população da maioria dos municípios brasileiros tem escassa ou nenhuma tradição em leitura. Ainda assim, talvez fosse o caso de alguns editores mais audaciosos considerarem a idéia e a levarem a cabo. Quem sabe, espalhando, a título de experiência, pequenos quiosques de livros em pontos tradicionais de algumas cidades pequenas e médias, tais como mercados, farmácias, terminais rodoviários e até botequins, numa espécie de projeto piloto, em vez de ficar cobrando a abertura de livrarias em todas elas para, somente então, ver o que acontece. O fato é que há leitores, sim, no interior e Maricá é um exemplo. Até poucos anos atrás, o município que conta, hoje, com cerca de cem mil habitantes (há vinte anos a população, se bem me recordo, não chegava sequer à metade disso), não possuía nenhuma livraria e hoje já conta com algumas. Não sei o número exato, mas visitei, neste verão, duas delas ― ambas com um acervo considerável, diversificado e atualizado. Seja como for, se queremos de fato difundir a leitura entre a população brasileira, uma hora ou outra o interior do país terá de ser descoberto. Este Brasil dito mais "profundo" que forneceu tanta inspiração para boa parte da melhor literatura nacional, pode ser, também, um campo fértil para o florescimento da leitura.

Para ir além






Luis Eduardo Matta
Rio de Janeiro, 26/2/2008


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Nem morta! de Ana Elisa Ribeiro


Mais Luis Eduardo Matta
Mais Acessadas de Luis Eduardo Matta em 2008
01. Amor e relacionamentos em tempos de transição - 20/6/2008
02. A evolução da nova democracia brasileira - 12/9/2008
03. A arte contemporânea refém da insensatez - 16/5/2008
04. Quais são os verdadeiros valores? - 29/1/2008
05. Contramão, de Henrique Schneider - 26/2/2008


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Participação do Estado na Atividade Econômica: Limites Jurídicos
Toshio Mukai
Revista dos Tribunais (sp)
(1979)
R$ 13,82



Rumo à Liberdade
Giselda Laporta Nicolelis
Moderna
(1989)
R$ 5,90



Polifonistas Portugueses Duarte Lobo Filipe de Magalhães Francisco ...
José Augusto Alegria
Bertrand
(1984)
R$ 20,00



Gimnasia En La Infancia
Miguel J. Pérez Carrillo
Hispano
(1978)
R$ 5,00



Fundamentos Teóricos e Filosóficos do Novo Direito Constitucional
Revista Direito Federal - Ano 20 - Número 67
Ajufe
(2001)
R$ 23,28



A Relação Médico Cliente em Ginecologia e Obstetrícia 2a. Edição
Maria Tereza Maldonado Paulo Canella
Roca
(1988)
R$ 18,00



Coaching para pais - Volume 2
Iara Mastine, Maurício Sita, lohaine Thomas
Literare Books International
(2019)
R$ 49,90



Sentidos, Potencialidades e Usos da (auto) Biografia
Paula Perin Vicentini, Paula Perin Vicentini
Cultura Academica
(2010)
R$ 24,00



A Mão e a Luva
Machado de Assis
Edições de Ouro
R$ 6,90



Its Not How Good You Are, Its How Good You Want to Be
Paul Arden
Phaidon Press
(2007)
R$ 12,00





busca | avançada
87759 visitas/dia
2,4 milhões/mês